Gato

Pulga em gato: 6 sinais visíveis de que seu pet está infectado

Publicado - 19 Setembro 2023 - 12h44

Atualizado - 11 Abril 2024 - 14h35

A famosa e temida pulga em gato é uma ameaça silenciosa e capaz de incomodar bastante. Esses pequenos parasitas, que se alimentam do sangue de mamíferos, como cachorros e gatos, têm um ciclo de vida um pouco complexo. Dividido em quatro fases (ovo, larva, pupa e adulto), a maior parte da vida da pulga ocorre longe do hospedeiro, escondido em locais como o gramado ou tapetes, e apenas quando se torna adulto, na última fase do seu ciclo de vida, é que ele começa a procurar um hospedeiro para se alimentar de sangue. Mas como saber se seu pet está sofrendo com uma infestação? Para te ajudar a identificar esses parasitas indesejáveis, o Patas da Casa vai te mostrar 6 sinais que indicam um gato com pulga.

1) Gato com pulga apresenta coceira intensa no corpo

Alguns bichanos têm alergia à saliva das pulgas que entra em contato com a pele na hora da picada. A reação alérgica  é chamada de dermatite alérgica à picada de pulgas (DAPP),  responsável por provocar a agoniante coceira em gatos, formar crostas na pele com aspecto escamoso e também causar dores no animal.  Além da coceira, é muito comum se deparar com gato se lambendo muito quando está com algum parasita no corpo.  Os locais prediletos para as picadas das pulgas normalmente são a base do rabo de gato, cabeça, pescoço e barriga.

2) As mordidas das pulgas causam feridas na pele do gato

Como as pulgas se alimentam do sangue do gato, é possível identificar no corpo dele pequenos pontinhos vermelhos provocados pela mordida do parasita. A coceira intensa causada pela alergia em gato pode causar pequenas feridas na pele do animal, que podem inflamar e criar crostas. Para aliviar o incômodo sentido pelo animal, você pode utilizar alguns remédios caseiros para pulga em gatos, como o vinagre de maçã. O vinagre em si não mata as pulgas, apenas ajuda a eliminar os parasitas do corpo do pet. Ou seja, se você quer saber como tirar pulga de gato, invista no vinagre e em outras misturinhas caseiras, mas saiba que esse método não acaba completamente com a infestação no ambiente. 

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

3) As pulgas deixam rastros de fezes na pelagem do gato 

Um sinal muito característico de que o gato está com pulga é a presença de pequenos pontinhos pretos no pelagem do animal, chamados de sujeira de pulga, que são visíveis a olho nu e apresentam uma coloração escura. Esses pontinhos são, na verdade, as fezes da pulga produzidas após a picada e eliminadas na pele do animal. Normalmente, as fêmeas produzem mais sujeira de pulga, e como elas conseguem colocar cerca de 2 mil ovos por dia, infestam rapidamente o bichano. As fezes de pulga também podem ser encontradas no ambiente, como na roupa ou no sofá, além do corpo do animal.

mulher aplicando produto no pescoço do gato

4) Infestação de pulga em gatos provoca queda de pelos

A queda de pelos em gatos pode estar relacionada a problemas de saúde, como o estresse e a ansiedade, mas também pode ser algo natural, como a troca de pelo de acordo com a estação do ano. Porém, como dito anteriormente, as pulgas podem causar irritação na pele do animal devido a reação alérgica, o que em alguns casos provoca a queda de pelos em partes do corpo do bichano. Diferente da queda de pelo de gato que ocorre naturalmente durante as estações de transição (primavera e outono), o gato com pulga apresenta queda de pelos irregulares, que deixam pequenas áreas esburacadas pelo corpo e também pelos quebradiços. 

5) Gato com pulga pode desenvolver anemia

Quando o animal não é tratado corretamente ou em casos graves de infestação de pulgas, em que os parasitas se alimentam em grandes quantidades do sangue do hospedeiro, é possível que ele desenvolva a micoplasmose felina, um tipo de anemia provocada especialmente pela presença de parasitas no corpo do pet, como carrapato e pulgas. A grave doença apresenta sinais sutis e progressivos, como falta de apetite, perda de peso, mucosas pálidas e icterícia. Gatos filhotes e gatos idosos são mais suscetíveis a desenvolverem o tipo de anemia, pois o sistema imunológico desses animais é mais frágil - além disso, os filhotinhos possuem menor quantidade de sangue no corpo devido ao tamanho menor. Por isso, é fundamental saber como tirar pulga de gato filhote. Algumas dicas:

  • Se atente ao rótulo dos remédios para pulgas e escolha opções indicadas para filhotes. Normalmente, esses produtos podem ser usados a partir dos segundo mês de vida do animal. 
  • Tenha muita atenção aos remédios caseiros indicados para tratar pulgas! Alguns produtos, como a citronela, podem piorar ainda mais a coceira dos gatinhos. A maneira mais segura de eliminar as pulgas em gato filhote é seguindo a orientação de um médico veterinário

6) Gato com pulga fica mais irritado e estressado 

Não é muito difícil imaginar um gato estressado devido a presença de pulga no corpo, afinal, as picadas dos parasitas causam bastante coceira e desconforto. Então pode ser que eles sofram com alterações no temperamento e fiquem mais agitados e inquietos devido ao desconforto provocado por esses inconvenientes. Para afastar  o incômodo, além de dar início ao tratamento para eliminar pulgas do corpo do gatinho, o tutor pode investir em brinquedos interativos para gatos para ajudá-lo a se distrair e esquecer da coceira. 

Como acabar com a pulga em gatos e no ambiente

Agora que você já sabe como esses parasitas podem incomodar os bichanos, é hora de descobrir  como eliminar pulgas de gatos e também do ambiente em que ele vive. Essa tarefa pode ser um pouco desafiadora, uma vez que para eliminar totalmente esses parasitas, são necessárias diferentes abordagens que podem não ser bem recebidas pelos bichanos. No entanto, para garantir o bem estar dos felinos e livrá-los desse mal, confira 5 formas de como acabar com pulgas em gatos

gato com pulga tomando banho
  1. Banho em gato: de fato, dar banho em gato não é uma tarefa muito recomendada por veterinários, mas em casos de infestação de pulgas, esse é um cuidado necessário para eliminar o parasita. Você vai precisar comprar um shampoo para gatos antipulgas e deixar agir por alguns minutos na pele do animal durante o banho. Depois de enxaguá-lo, você pode utilizar uma escova para gatos específica para retirar pulgas, elas possuem cerdas bem coladas de metal que vão ajudar a eliminar os parasitas mortos após o banho.
  2. Comprimido antipulgas para gatos: é o método considerado mais eficaz na missão de acabar com pulgas em gatos, porém, pode ser um dos mais complicados de ser feito, pois os gatinhos não costumam aceitar remédios facilmente. Para dar comprimido para gato, é possível utilizar um aplicador que vai facilitar muito a vida do tutor. 
  3. Remédios caseiros: existem alguns remédios caseiros simples que são um quebra galho para retirar pulgas dos gatos e podem ser um complemento no tratamento,  como o vinagre de maçã, óleos essenciais de lavanda e citronela, e spray de limão. Porém, antes de aplicar qualquer produto, é preciso que o pet passe por uma consulta com um veterinário, pois essas receitinhas não são recomendadas para todo gatinho.
  4. Pipeta contra pulga: mais barato que os comprimidos antipulgas, as pipetas são uma ótima maneira de acabar com a pulga no gato, e deve ser aplicada no pescoço do gatinho. Após a aplicação,  o conteúdo é absorvido pela pele e entra em contato com o sangue do animal. Ao picar o gato, o parasita morre ao ingerir o remédio. 
  5. Spray para pulgas: super prático, o spray para pulga funciona basicamente como uma a pipeta, porém, o período de duração do remédio no organismo do gatinho tende a ser menor. 

Para uma eliminação eficaz dos parasitas, é necessário também acabar com as pulgas no ambiente. Como eles não gostam muito de ambientes ácidos, o tutor pode preparar um spray de limão misturado com água para borrifar no quintal e no ambiente em que o gatinho costuma ficar. Você deve cortar um pedaço de limão, colocá-lo em um litro de água, ferver e deixar o conteúdo descansando por, no mínimo, 12 horas antes de utilizar. Para manter a saúde do bichano e prevenir a contaminação de parasitas, a coleira antipulgas para gatos é muito recomendada.
 

Gato

Gato que frequentava Universidade se forma e recebe título de "Doutor em Litter-ature"

Histórias de bichinhos de estimação frequentando a universidade sempre ganham um lugar especial no nosso coração. Foi o que acontece...

Adote um animal

Esses são os gatos mais caros do mundo - e filhote de um deles pode custar mais de R$600 mil

Os gatos de origem genética rara e aparência exótica conquistam cada vez mais o coração dos gateiros. Além de encantadores na aparên...

Gato

Areia para gato que não deixa cheiro: tutora de 10 gatos indica o melhor tipo e dá dicas de como limpar

Para tutores de muitos gatinhos, a escolha de uma areia para gato que não deixa cheiro por toda a casa é crucial para manter o ...

Gato

Esse vegetal inofensivo é capaz de provocar uma reação perturbadora no seu gato

Julgar os sentimentos e medos de um gato é injusto e não é nada legal. Enquanto os humanos sentem medo de coisas consideradas “bobas...

Cachorro

Nutrição ou ansiedade? O cachorro comendo cocô pode ter causas que passam despercebidas na rotina

Ver um cachorro comendo cocô é uma situação bem desagradável e que pode deixar muitos tutores confusos. Tem quem pense que isso acon...

Comportamento

Cachorro e gato deixam as desavenças de lado e se unem para missão que parecia impossível

Existe uma crença de que cachorro e gato são inimigos naturais. Ao longo dos anos, a relação entre as duas espécies foi retratada na...

Cachorro

Com quantos anos você descobriu que é possível descobrir a idade de cachorro pelos dentes?

Em casos de adoção animal, em que a maioria dos cães são resgatados da rua, é inevitável surgir a curiosidade de qual é a idade do p...

Adote um animal

As 7 raças de cachorro mais engraçadas que existem - o último da lista chama atenção por um detalhe curioso

Cada raça de cachorro tem características físicas únicas e muito particulares. São esses traços que muitas vezes nos ajudam a difere...

Ver todas