O Labrador é um dos cachorros mais dóceis e amigáveis que você vai encontrar por aí. Não é à toa que ele faz parte da lista de raças mais populares do mundo. Inteligente e focado, ele também é uma ótima opção para o trabalho de cão-guia e outras funções. Conviver com um cachorro Labrador preto, marrom ou bege sem se apaixonar é praticamente impossível. Esse é um cãozinho com incontáveis qualidades que todo mundo procura em um amigo de quatro patas.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não tenho pets
Tenho cão
Tenho gato
Tenho cão e gato
Autorizo receber comunicações e publicidade da NESTLÉ®.

Por isso, nós reunimos no mesmo lugar tudo sobre Labrador que você precisa saber. Características, personalidade, cuidados e ter uma noção de quanto custa um Labrador faz toda a diferença. Conheça mais sobre essa incrível raça de cachorro aqui!

Raio-x do cachorro Labrador

  • Origem: Canadá
  • Grupo: Retrievers, cães de levantamento de caça e cães d'água
  • Pelagem: curto e denso
  • Cores: preto, marrom e bege
  • Personalidade: dócil, amigável, inteligente e obediente
  • Altura: 55 a 62 cm
  • Peso: 25 a 36 kg
  • Expectativa de vida: 10 a 12 anos

Qual é a origem do Labrador?

De origem canadense, o cachorro Labrador surgiu na Ilha de Terra Nova, localizada na costa leste do Canadá. A raça não é muito antiga, ao contrário do que muitos podem pensar. Ela começou a ser criada por volta do século XIX e era bastante utilizada como cão de pesca. Isso, por si só, já explica a afinidade que esses cãezinhos têm com ambientes aquáticos. O Labrador Retriever (como é chamado oficialmente) é uma das raças de cachorro que mais gostam de brincar na água.

Por volta de 1830, os ingleses se apaixonaram por esse dog e exportaram exemplares para a Inglaterra. Por sorte, foi isso que acabou salvando a raça Labrador, que quase foi extinta da Terra Nova na década de 1880 por causa de impostos sobre pets. O The Kennel Club oficializou os Labradores em 1903; e o American Kennel Club em 1917.

Tipos de cachorro Retriever: o que esses cães têm em comum?

grupo Retriever inclui várias raças que se assemelham, principalmente por causa do porte físico: são todos cachorros grandes e majestosos. O Labrador é um deles, assim como o Golden Retriever. Eles são os mais "populares" da categoria, mas também é possível encontrar cães como o Curly Coated Retriever, Flat-coated Retriever e o Chesapeake Bay Retriever. Alguns desses doguinhos podem ser facilmente confundidos com um(a) Labrador(a). Por isso, é bom ter atenção para não confundir as características de cada raça.

Labrador preto, chocolate e amarelo: veja as principais características físicas da raça

As características do Labrador são únicas. Em questão de cores, não existe Labrador branco. É comum que o cachorro amarelo seja o mais popular, mas você também pode encontrar um animal dessa raça com a pelagem preta ou marrom. O Labrador preto é o único que não apresenta variações na tonalidade dos pelos; já o amarelo pode ir do mais claro até o avermelhado e o Labrador chocolate pode ser claro ou escuro. A pelagem da raça é bem curta, mas densa, exigindo uma atenção maior com os pelos (em especial durante os períodos de troca).

E quanto ao tamanho? Labrador é porte médio ou grande? Se você já esbarrou com um desses na rua, deve ter reparado que esse é um cão maior do que muitos outros, então faz parte do grupo de raças de cachorro grande. O Labrador adulto pode medir de 55 cm a 62 cm e pesar de 25 a 36 kg. Então, se você está em busca de um Labrador pequeno ou médio, é bom não criar muita expectativa.

Saiba mais sobre o Labradoodle e misturas de Labrador com outras raças

Para quem se pergunta se é possível misturar raças de cachorro, Labrador é uma das preferidas para os cruzamentos “inusitados”. O Labradoodle, que é o cruzamento de um(a) Labrador(a) com um Poodle, é um cachorro híbrido muito querido pelos doglovers e que pode surpreender muitas famílias com o “melhor dos dois mundos” (no caso, das duas raças). Outra mistura peculiar é a de um(a) Labrador(a) com um Husky Siberiano, resultando no famoso Labsky.

Além deles, os cães da raça também podem cruzar com um cão sem raça definida (conhecidos também como vira-latas) e gerar filhotinhos super fofos. Nesses casos, o cruzamento vira uma caixinha de surpresas, já que não dá para saber quais dogs fazem parte da genética do vira-lata.

Fotos de Labrador

Labrador: valor sempre é imensurável para o tutorAdulto ou filhote, Labrador preto ama brincar na águaLabrador Retriever: preço pode variar de canil para canilPreço: Labrador fica, em média, na faixa de R$ 2.500O Labrador é apegado ao dono e não deve passar muito tempo sozinhoO Labrador preto filhote só pode sair de casa depois das vacinas finalizadasQuando filhote, Labrador é uma fofuraComo cuidar de Labrador filhote? Cão da raça é companheiro e dócilQuanto custa um cachorro Labrador pode variar de acordo com as características do petO cachorro da raça Labrador não é um cão de guardaLabrador: quanto custa? Pesquise sempre sobre o canilO Labrador tem a brincadeira como atividade preferida durante toda a vidaO cachorro Labrador precisa de atenção especial com as orelhasLabrador Retriever: preço depende do canil escolhidoQuanto custa um Labrador Retriever? Valor sentimental é sempre maiorO Labrador é um dos cachorros mais carinhosos que existemO Labrador marrom pode ser claro ou escuroO Labrador preto é o único sem variações de coresLabrador Retriever: expectativa de vida pode chegar a 12 anosCachorro Labrador filhote pode ter três cores diferentes

 

Labrador Retriever: personalidade do cachorro é o que há de mais apaixonante sobre ele

 

  • Convivência:

Quem não conhece a raça pode até se perguntar se o Labrador é perigoso, mas basta alguns minutos de convivência para perceber que essa é uma das raças de cachorro mais carinhosas que existe. Com ele, não tem tempo ruim e qualquer humano que lhe der um pouquinho mais de atenção já vira um amigo. Para o Labrador Retriever, família é super importante e, justamente por isso, essa raça de cachorro é perfeita para acompanhar tanto famílias grandes quanto quem mora sozinho.

E como deve ser o dia a dia com um Labrador? Personalidade encanta qualquer um: esse é um cão dócil, gentil, carinhoso, amigável e completamente apaixonado pelo dono. Não existem dúvidas de que ele vai estar ao seu lado em todos os momentos, desde a hora da brincadeira (uma de suas preferidas) até quando você quiser descansar.

  • Socialização:

Mesmo que o cachorro da raça Labrador não tenha dificuldades na hora de lidar com estranhos, o ideal é que ele conviva desde cedo com diferentes pessoas e animais. O processo de socialização ajuda o animal a se acostumar e reagir de forma positiva em qualquer situação social. No entanto, vale destacar que esse é um cão que precisa de companhia, então evite deixá-lo sozinho por muito tempo. A partir da socialização, o cachorro Labrador filhote crescerá sabendo controlar seus impulsos vibrantes com outros animais e crianças pequenas.

  • Adestramento

Unindo a vontade que o Labrador tem de agradar com a inteligência e obediência que é natural da raça, o processo de adestramento de cães é bem simples. Ele vai fazer de tudo para mostrar que aprendeu os comandos, se esforçando para repetir os movimentos sempre que puder. A lealdade do Labrador Retriever também aparece nesse momento, já que ele só obedece porque ama o tutor.

Mantenha sempre o treinamento com estímulos positivos, mesmo que o seu cãozinho seja um pouco mais agitado que o normal e tenha dificuldades para manter o foco: a paciência é sempre essencial para o ensinar o comportamento ideal a qualquer raça de cachorro.

Como é o treinamento de um Labrador para cão-guia?

Quando a raça de Labrador vai ser utilizada para serviço, tanto como cão-guia quanto para cães farejadores ou outros tipos de trabalho, o treinamento deve ser diferente do adestramento tradicional. Eles começam a ser ensinados por adestradores profissionais desde os primeiros meses de vida e depois passam por uma triagem de personalidade e temperamento para saber se são ou não compatíveis com o serviço.

No caso de um cão-guia Labrador, características comportamentais contam muito, pois o trabalho exige paciência e o cachorro não pode ser muito agitado nem agressivo, por exemplo. As principais qualidades que se buscam nesse serviço são força, inteligência e adaptabilidade. Além disso, quanto mais amável e manso o cão for, melhor será.

Labrador também pode executar outras funções de trabalho

Além do tradicional trabalho como cão-guia, os cães da raça também podem trabalhar com várias outras tarefas. Eles são ótimos cães de resgate, por exemplo, e muitas vezes atuam até como cão salva-vidas. Como eles têm bastante afinidade com a água, isso ajuda bastante no trabalho. Além disso, o cachorro Labrador também pode atuar como cão-terapeuta (principalmente na terapia assistida por animais, ou T.A.A.) e farejador.

7 curiosidades sobre o cachorro Labrador

1) A raça é muito conhecida por gostar de nadar e adorar água.

2) Antigamente, a raça de Labrador ajudava os pescadores a puxar redes de pesca em algumas regiões do mundo.

3) Atualmente, esse é um cachorro muito usado como cão-guia ou cachorro farejador.

4) O significado do “Retriever” do Labrador nada mais é do que uma classificação dada a algumas raças de cães.

5) Outro cachorro que faz parte desse grupo é o Golden Retriever, uma raça bem parecida com o Labrador. Eles comumente são confundidos.

6) Para quem gosta de filmes de cachorro, o Labrador faz várias participações especiais. “Marley e Eu”, “A Incrível Jornada” e “O Cachorro que Salvou o Natal”.

7) Em 1997, o presidente Bill Clinton ganhou um Labrador marrom filhote chamado Buddy. Ele foi o primeiro da raça a morar na Casa Branca.

 

Labrador: cachorro tem várias qualidades

Labrador: cachorro tem várias qualidades

 

 

Labrador filhote: como cuidar e o que esperar do cãozinho?

 

O cachorro Labrador filhote é o desejo de muita gente. Não importa se é um filhote de Labrador preto, bege ou marrom: esses dogs fazem sucesso com todo mundo. A raça normalmente tem ninhadas de seis a oito filhotes e a recomendação é que eles só sejam separados da mãe com cerca de 8 semanas de vida, quando o comportamento animal já está mais equilibrado e ele já passou pela fase de amamentação.

Os cuidados com o Labrador de 2 meses devem começar a ser feitos antes mesmo da chegada do pet. Enriquecer o ambiente com brinquedo para cachorro e acessórios é muito importante para adaptação do filhote Labrador à casa nova. O comportamento desse cãozinho até os três anos de idade costuma ser muito energético. Caso o pet não tenha um gasto de energia adequado, é possível que ele tente se distrair mordendo móveis ou destruindo coisas da casa. Por isso, as atividades agitadas nessa fase são um dos maiores segredos sobre como cuidar de um Labrador filhote.

 

@thelifewithlabs Wait fur his reaction ???? #labrador #puppy #fyp #cute ♬ original sound - LifeWithLabradors

Labrador: raça de cachorro precisa gastar muita energia

Ao contrário de outras raças mais reservadas, como o Chow Chow, a agressividade não costuma ser um problema do cão Labrador Retriever. Na verdade, o que pode fazer com que o cachorro da raça se coloque em situações difíceis é o instinto brincalhão estimulado pela grande quantidade de energia. Se estivermos falando de um Labrador filhote, então… pular os passeios e exercícios físicos é, basicamente, um tiro no pé.

Quando falamos do Labrador, cachorro precisa estar em constante movimento — e, como já dissemos antes, a raça ama esportes aquáticos! Corridas, caminhadas e brincadeiras de alta intensidade são perfeitas para que ele não fique entediado em casa e acabe descontando em móveis ou outros objetos. Se você morar em apartamento, aumente a quantidade de idas à rua por dia: o Labrador é criado de forma mais confortável em locais grandes e com espaço para se movimentar.

Tudo sobre Labrador e os principais cuidados com a raça

  • Alimentação: a dieta do cachorro da raça deve ser composta por uma ração de qualidade e adequada para o porte e idade do animal de estimação.

  • Banhos: para planejar a rotina de banhos da raça, o mais recomendado é conversar com o médico veterinário do cachorro. Raça Labrador geralmente precisa de banhos a cada 2 meses, mas pode variar.

  • Escovação de pelos: o Labrador solta muito pelo, portanto essa raça precisa de escovação frequente. O ideal é escová-lo diariamente ou uma vez a cada dois dias para manter a pelagem bonita e saudável.

  • Orelhas: por terem as orelhas caídas e abafadas, a otite canina pode surgir. Fique atento e limpe o ouvido do cãozinho com frequência para evitar o acúmulo de cera. Use um produto adequado para pets.

  • Dentes: é bom escovar os dentes do cachorro de duas a três vezes por semana. Isso evita o acúmulo de placa bacteriana e formação de tártaro.

  • Unhas: acostume o cachorro Labrador filhote a aparar as unhas desde cedo. O cuidado é recomendado, no mínimo, uma vez por mês, sempre evitando deixar as garras compridas, pois pode machucar.

 

O Labrador precisa de alguns cuidados especiais

O Labrador precisa de alguns cuidados especiais

 

 

O que você precisa saber sobre a saúde do cachorro Labrador?

 

O Labrador é um animal de grande porte. Por isso, as displasias de quadril, joelhos e cotovelos são bastante comuns na raça. Uma das formas mais simples de evitar esses problemas é manter a alimentação do pet balanceada e saudável, além de estar com a rotina de exercícios sempre em dia. Isso também ajuda a evitar a obesidade canina, que pode acometer cães da raça.

Um ponto importante é que como os Labradores gostam muito de brincar na água, é importante secá-los muito bem depois dos mergulhos para evitar o desenvolvimento de dermatites e alergias em cachorro. A falta de melanina do Labrador bege — principalmente os que têm olhos e focinhos muito claros — também pode facilitar o desenvolvimento de câncer de pele: fique atento com a quantidade de tempo em que o seu amigo fica exposto ao sol.

Também é necessário manter um acompanhamento médico com o seu cãozinho, seja para diagnosticar precocemente certas doenças ou para saber se está tudo certo. Também não esqueça de manter o calendário de vacinação sempre atualizado, assim como os vermífugos e remédios antiparasitários.

Quanto tempo vive um Labrador?

Muitas pessoas se perguntam quantos anos vive um Labrador. A resposta vai depender dos cuidados que cada animal recebe e das condições de saúde do pet. Se for bem tratado, saudável e tiver os estímulos necessários durante toda a vida, o cachorrinho pode viver longos anos ao lado da família! No Labrador Retriever, expectativa de vida vai de 10 a 12 anos, proporcionando muita alegria para todos.

Labrador: preço do filhote não é dos mais caros

Você sabe quanto custa um Labrador? Buscando em um canil de cachorro de confiança, você consegue encontrar um filhote por valores entre R$ 1.000 e R$ 5.000, mas a maioria fica na faixa de R$2.500. Os fatores que mais interferem no preço final são o sexo do cachorro, cor dos pelos e linhagem genética. As fêmeas Labradoras sempre são mais caras do que os machos, assim como cães descendentes de campeões.

Antes de fechar o negócio, porém, se certifique de que os criadores escolhidos por você cuidam bem dos pais e filhotes. Afinal, quando se trata de um Labrador, preço muito abaixo da média é motivo para desconfiança. Outra dica é pedir para ver não apenas fotos de cachorro Labrador, mas do lugar onde eles vivem. A reprodução irresponsável é muito comum em raças como essa: não financie esse tipo de prática!

Perguntas e respostas sobre o Labrador

Quais as vantagens de ter um Labrador?

Com uma personalidade encantadora, o Labrador é um amigo perfeito para muitas famílias. Esse cachorro é extremamente leal, inteligente, simpático e ama agradar os donos. Ele sempre estará ao seu lado, é ótimo com crianças e também se dá bem com diferentes pessoas e animais.

Qual a diferença entre Labrador e Vira-lata?

Os cães da raça têm uma única cor. Se for tiver uma mescla ou qualquer pequena mancha no peito ou patas, provavelmente é um vira-lata. Além disso, o porte do Labrador sempre é grande, então cães menores são outro ponto de atenção.

Quantas vezes o Labrador tem que comer por dia?

Cuidar da alimentação dos cachorros é muito importante para manter a saúde deles em dia. A quantidade de ração varia de acordo com a faixa etária do animal: filhotes até 3 meses precisam se alimentar de quatro a cinco vezes por dia, entre 3 e 6 meses de duas a três vezes por dia e a partir dos 6 meses duas vezes por dia.

Qual cor de Labrador é mais caro?

O Labrador marrom é considerada a cor mais rara - e, portanto, mais cara - da raça. Vale lembrar que em questão de preço, este cachorro costuma custar de R$ 1.000 a R$ 5.000, podendo chegar a R$ 6.000 em alguns casos.

Redação: Ariel Cristina Borges e Juliana Melo

Edição: Luana Lopes

Publicada originalmente em: 03/01/2020

Atualizada em: 30/05/2023