close
Vômito

Gastroenterite canina: veterinária explica as características, sintomas e tratamento da doença

Atualizado · 10 de janeiro de 2022 · 11h52

Publicado · 26/08/2021 · 16h00

Cachorro vomitando e com diarreia são sintomas da gastroenterite canina, doença que afeta o sistema digestivo
Cachorro vomitando e com diarreia são sintomas da gastroenterite canina, doença que afeta o sistema digestivo

Um cachorro vomitando e com diarreia pode ser sintoma de muitas doenças que afetam a saúde do cão: a gastroenterite em cachorro é uma delas. Essa patologia acomete todo o trato digestivo inferior do animal e pode ser causada por diversos fatores, como vírus, bactérias ou até mesmo intoxicação. Essa é uma doença que causa no cachorro vômito, diarreia, falta de apetite e apatia. No entanto, quando detectada cedo, ela pode ser tratada facilmente. Em alguns casos, pode até mesmo ser prevenida. Por isso, é importante ficar atento ao cachorro com diarreia e vomitando. Para entender mais sobre a gastroenterite canina, o Patas da Casa conversou com a médica veterinária Gabriela Tosin, especializada em nutrição de animais de companhia. Vem ver o que ela nos contou!

Quais são os tipos de gastroenterite em cachorro?

A gastroenterite em cachorro é uma doença que pode se apresentar de diversas maneiras no animal. Vômito e diarreia em cachorro são as principais características da patologia e, normalmente, acontecem juntas. Porém, em alguns casos de gastroenterite, cachorro pode apresentar apenas um dos sintomas de maneira isolada. No geral, existem dois tipos de gastroenterite em cães: aguda (que surge de repente e geralmente desaparece sozinha) ou crônica (que pode durar de semanas a anos e vai se agravando até receber o tratamento).

Entenda como a gastroenterite canina se desenvolve no corpo do cachorro

Dentre as doenças que afetam o sistema digestivo do cachorro, a gastroenterite canina acomete o trato digestivo inferior. Ela causa uma inflamação nos órgãos da região, como estômago e intestinos. A gastroenterite em cães dificulta a absorção adequada dos alimentos, resultando nos sintomas clássicos de diarreia e vômito em cachorro. A origem da gastroenterite em cães é variada, já que qualquer coisa que altere o aparelho digestivo pode levar ao quadro. “As causas podem ser por vírus, bactérias, parasitoses e dietas ou alimentos inadequados”, explica Gabriela. Dentre as causas da gastroenterite canina mais comuns estão:

  • Infecção bacteriana
  • Infecção parasitária
  • Intoxicação
  • Ingestão de alimentos estragados ou crus
  • Obstrução intestinal

Gastroenterite em cachorro: vômito, diarreia, falta de apetite e fezes com sangue são alguns sintomas

Os sintomas da gastroenterite em cachorro não demoram a aparecer no animal depois de infectado ou intoxicado: “Apatia, vômito, diarreias (com ou sem sangue, com ou sem pus) dores abdominais, desidratação e quadro febril em alguns tipos”, conta Gabriela. Além do cachorro com diarreia e vômito, o animal também pode ficar mais abatido e com falta de apetite, além de desidratado, como consequência da diarreia em cachorro. Na gastroenterite canina, as fezes costumam ser moles, com aspecto úmido e coloração escura. Em alguns casos, é possível encontrar sangue nas fezes. O cachorro com diarreia e vomitando frequentemente precisa de tratamento rápido para evitar desidratação. Os sintomas mais comuns da gastroenterite em cães são:

  • Vômito
  • Diarreia
  • Apatia
  • Falta de apetite
  • Desidratação

O que é a gastroenterite hemorrágica em cães e quais os riscos?

A gastroenterite hemorrágica em cães é o nome que se dá quando existe a presença de sangue nas fezes. Isso acontece quando a inflamação atinge a mucosa dos órgãos de forma mais agressiva, causando sangramento na região. “É um tipo mais grave de gastroenterite. Geralmente tem um agente causador viral e pode ocorrer risco de morte”, explica a especialista. As causas da gastroenterite hemorrágica em cães podem ser as mesmas da gastroenterite canina sem sangramento. Porém, a mais comum é a causada pelo vírus da parvovirose. Esse é um dos tipos mais graves da doença, por conta de sua rápida evolução e alta taxa de letalidade. O cachorro com vômito e diarreia nesses casos apresenta fezes misturadas com sangue vermelho brilhante e aspecto mais gelatinoso. Essa doença acomete principalmente os filhotes de cachorro não vacinados. Portanto, ao ver um filhote com diarreia e vômito e notar a presença de sangue nas fezes é fundamental levar ao veterinário imediatamente.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    A gastroenterite canina causada pelo parvovírus é mais comum em filhotes de cachorro não vacinados
    A gastroenterite canina causada pelo parvovírus é mais comum em filhotes de cachorro não vacinados

    Mais Lidas

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    A alimentação do cachorro interfere no quadro de gastroenterite canina?

    Uma das causas da gastroenterite canina é a ingestão de alimentos contaminados. Comidas cruas ou em mau estado de conservação nunca devem ser oferecidas ao pet. Além disso, a gastroenterite em cães prejudica todo o trato intestinal do cão e, por isso, uma alimentação balanceada é fundamental para evitar o aparecimento ou agravamento da doença. Se o seu pet já tiver propensão a adquirir problemas gastrointestinais, o cuidado deve ser ainda maior.

    Para um cachorro vomitando e com diarreia, é importante evitar oferecer comida nas próximas 24 horas. Depois disso, a alimentação precisa ser bem regular para não forçar o estômago do animal. O mais indicado são alimentos com pouca gordura e mais fibras. “Geralmente, como nutricionista, eu indico dietas com baixo resíduo e mais digestíveis, mais baixa em gorduras e fibras e que seja fracionada 3 ou mais vezes ao dia”, orienta Gabriela. Para os animais com gastroenterite canina, os alimentos com mais líquido na composição também costumam ser ótimas opções, já que são mais leves e ajudam no combate à desidratação causada pelo vômito e diarreia em cachorro. Mas lembre-se de não realizar trocas bruscas na alimentação. Sempre ofereça aos poucos para que o impacto não seja grande e acabe prejudicando ainda mais seu estômago. 

    Como são feitos o diagnóstico e tratamento da gastroenterite canina?

    Como a gastroenterite em cachorro tem um leque variado de causas, muitas vezes é difícil encontrar o diagnóstico exato. Em alguns casos, ela nem consegue ser determinada. Quando vemos o cachorro com vômito e diarreia, além de outros sintomas da gastroenterite canina, a ida ao veterinário se torna essencial. Para confirmar o diagnóstico de gastroenterite em cachorro, o profissional leva em conta o histórico do animal, sinais clínicos, vacinação e vermifugação, além de exames.

    O tratamento e o tipo de diagnóstico da gastroenterite em cães vai depender do que originou a doença. “Em diarreias por parasitas, conseguimos identificar através de exames de fezes. O uso de vermífugos e tratamento de suporte aos sintomas apresentados tendem a ser os escolhidos. Já quando é por agentes infecciosos, vemos através da história clínica, hemograma, exames específicos de fezes e exclusão de outras causas. O tratamento é o de suporte com reposição eletrolítica, medicamentos para vômito caso apresente e para o agente em questão”, esclarece Gabriela. “Se for por alterações dietéticas, com a própria histórica clínica já conseguimos diagnosticar e ajustar conforme o necessário. Em todos os casos, indico uso de probióticos para reposição da microbiota afetada”, conclui. 

    Na gastroenterite em cães causada por vírus, bactérias ou intoxicação, o tratamento é suficiente para que fique curado. Quando a causa é inflamatória, é necessário acompanhamento veterinário pelo resto da vida. Por isso, administrar remédio para cachorro com diarreia e vômito sem prescrição médica é algo que não pode ser feito em hipótese alguma. Apenas um profissional saberá indicar o que deve ser aplicado em cada caso.

    É possível prevenir a gastroenterite em cães?

    A melhor forma de evitar a gastroenterite em cães é manter a carteira de vacinação em dia e ter cuidados com a alimentação. "No geral, fornecer uma dieta adequada, vermífugos quando necessário, vacinação conforme indicação do veterinário, manter o pet longe de material fecal, lixo e fornecer água de boa qualidade estão entre as medidas de prevenção mais indicadas”, explica Gabriela. A parvovirose, uma das causas mais comuns de gastroenterite em cães, pode ser prevenida apenas com a vacina.

    Redação: Ariel Cristina Borges e Maria Luísa Pimenta

    Publicada originalmente em: 21/11/2019

    Atualizada em: 26/08/2021

    Como aumentar a imunidade do cachorro e tudo sobre o sistema imunológico dos cães

    Próxima matéria

    Como aumentar a imunidade do cachorro e tudo sobre o sistema imunológico dos cães

    Parvovirose canina: descubra o que é, sintomas, prevenção e como funciona o tratamento da doença viral
    Saúde

    Parvovirose canina: descubra o que é, sintomas, prevenção e como funciona o tratamento da doença viral

    Uma das doenças virais de cachorro mais sérias e comuns que existem, o vírus da parvovirose atinge, principalmente, animais que não foram imunizados contra este e outros vírus. Entre os principais sintomas da parvovirose, o vômito, a diarreia com sangue, e a desidratação podem ser destacados, ou seja: mesmo que o diagnóstico chegue bem cedo, o tratamento deve começar o quanto antes, já que a parvovirose pode ser fatal. Para esclarecer todas dúvidas sobre a parvovirose canina, nós conversamos com a veterinária Jackeline Ribeiro. Dá uma olhada no que ela contou!

    Leishmaniose canina: o que é, sintomas, tratamento, vacina e formas de prevenção da doença
    Saúde

    Leishmaniose canina: o que é, sintomas, tratamento, vacina e formas de prevenção da doença

    A leishmaniose canina é uma doença causada por um protozoário chamado Leishmania. Mesmo que seja comum em animais, a leishmaniose também pode ser transmitida para humanos e, nos dois casos, pode debilitar o organismo o suficiente para ser fatal. Para falar mais sobre a doença no cachorro e esclarecer dúvidas sobre o contágio, remédios, prevenção e tratamento para leishmaniose canina, nós conversamos com Ana Regina Torro, médica veterinária homeopata. Dá uma olhada!

    Gripe canina, tosse canina ou tosse dos canis: conheça mais sobre as causas, sintomas e tratamento da doença
    Saúde

    Gripe canina, tosse canina ou tosse dos canis: conheça mais sobre as causas, sintomas e tratamento da doença

    Em algumas regiões do país, dizer que alguém está com "tosse de cachorro" é sinal de que a pessoa está com tosse seca, geralmente provocada por alguma irritação na garganta. O que muita gente não sabe é que, no mundo dos animais, o cachorro com tosse muitas vezes está doente — e a condição dele é bem parecida com algo comum para humanos: a gripe. Geralmente, a gripe canina (também conhecida como tosse canina ou tosse dos canis) é uma doença leve, mas se não for tratada pode virar algo mais sério. 

    Osteossarcoma em cães: veterinária explica as causas, sintomas, cuidados e tratamentos da doença
    Saúde

    Osteossarcoma em cães: veterinária explica as causas, sintomas, cuidados e tratamentos da doença

    O osteossarcoma canino é um dos tumores malignos mais comuns e a principal neoplasia de origem óssea nos cães. Assim como os seres humanos, os cachorros também podem ter câncer, especialmente à medida que envelhecem. Além da pele, sistema digestivo e mama, essa enfermidade que tanto preocupa os tutores pode afetar também os ossos do cachorro.

    Ver Todas >

    Como tirar tártaro de cachorro? Entenda como funciona o procedimento
    Saúde animal

    Como tirar tártaro de cachorro? Entenda como funciona o procedimento

    Demorar para tirar tártaro de cachorro pode causar problemas sérios à saúde. O tártaro nada mais é que o acúmulo de sujeira nos dentes que forma uma placa bacteriana. Com ela, o dente do cachorro passa a sofrer com dor, sensibilidade e inflamações na gengiva causadas pelas bactérias ali presentes. O problema é que o tártaro em cachorro se alastra rapidamente, podendo causar perda dos dentes, infecções graves e até mesmo atingir outros órgãos. Mas afinal, como tirar tártaro de cachorro? O Patas da Casa conversou com Mariana Lage-Marques, médica veterinária especialista em odontologia. 

    Gato obeso: saiba quais as consequências da obesidade na saúde felina
    Saúde animal

    Gato obeso: saiba quais as consequências da obesidade na saúde felina

    O gato obeso pode ser incrivelmente fofo e apertável, mas isso não quer dizer que ele não precisa de cuidados e atenção com a saúde. A verdade é que a obesidade felina - que muitas vezes não é perceptível para os tutores - acaba abrindo portas para uma série de problemas mais sérios. Por isso, saber identificar quando o animal está acima do peso é importante para buscar orientação profissional e ajudar o gato obeso a perder peso.

    Pneumonia em gatos: veterinário explica tudo sobre a doença
    Saúde animal

    Pneumonia em gatos: veterinário explica tudo sobre a doença

    A pneumonia em gatos - ou pneumonia felina - é uma doença respiratória que pode se desenvolver por vários motivos. Às vezes uma queda na imunidade é suficiente para o problema atingir os peludos, mas na maioria dos casos ele deriva de uma simples gripe que não foi tratada do jeito certo. Por isso, a atenção com o gato gripado deve ser enorme! Quanto antes for diagnosticado e tiver o tratamento adequado, menores são as chances de você ter um gato com pneumonia.

    Como é feito tratamento de câncer em cachorro?
    Saúde animal

    Como é feito tratamento de câncer em cachorro?

    Receber o diagnóstico de câncer em cachorro é um momento muito triste para qualquer tutor. A doença é agressiva e traz diversas complicações à saúde do animal. Além de os sintomas do câncer de cachorro serem bem intensos, o tratamento também é bastante delicado e requer atenção especial. A quimioterapia em cães é o tratamento mais conhecido, mas existem outras formas de tratar a doença. 

    Ver Todas >