Saúde

Parvovirose canina: descubra o que é, sintomas, prevenção e como funciona o tratamento da doença viral

Descubra mais detalhes sobre a parvovirose canina
Descubra mais detalhes sobre a parvovirose canina

Uma das doenças virais de cachorro mais sérias e comuns que existem, a parvovirose atinge, principalmente, animais que não foram imunizados contra este e outros vírus. Entre os principais sintomas da parvovirose, o vômito, a diarreia com sangue, e a desidratação podem ser destacados, ou seja: mesmo que o diagnóstico chegue bem cedo, o tratamento deve começar o quanto antes, já que a parvovirose pode ser fatal. Para esclarecer todas dúvidas sobre a parvovirose canina, nós conversamos com a veterinária Jackeline Ribeiro. Dá uma olhada no que ela contou! 

Patas da Casa: O que é a parvovirose canina?

Jackeline Ribeiro: “A parvovirose canina é uma doença causada por um vírus chamado parvovírus canino. Ela é altamente contagiosa e o vírus é muito resistente. Por isso, uma vez que o animal é contaminado e libera o vírus no ambiente, o parvovírus consegue ficar até anos por ali sem sofrer nenhuma alteração”. 

PC: Quais são os principais sintomas da parvovirose?

JR: “A doença vai envolver, em grande parte, sintomas gastrointestinais. A diarreia escura, com sangue, vômito e a desidratação são os principais deles. Quando não tratadas, a desidratação com a diarreia podem causar, até mesmo, a morte do animal”.

Além desses sintomas principais, o cachorro com parvovirose também pode ter febre, taquicardia, perda de apetite, apatia e palidez na gengiva e na parte interna das pálpebras. 

PC: Como a parvovirose é diagnosticada?

JR: “Pra realizar o diagnóstico de parvovirose, na maioria das vezes, basta a sintomatologia clínica: um filhotinho que não foi vacinado ou ainda não recebeu as três doses, teve contato com outros cachorros e está com diarreia e vômito geralmente está com parvovirose. Além disso, o veterinário também pode pedir exames de sangue para confirmar”.

 

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Como seria o seu domingo perfeito?

Como você fica em um dia de chuva?

Como seria a viagem ideal nas férias?

Como você costuma encontrar os amigos?

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Como é a sua rotina matinal?

Como é a sua agenda no fim de semana?

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    A vacinação é a principal forma de prevenir a parvovirose
    A vacinação é a principal forma de prevenir a parvovirose

    Mais Lidas

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    Uma das partes mais difíceis de ter um cachorro em casa é o momento em que eles adoecem — e isso piora quando a doença é das mais sérias, como a cinomose. Causada por um vírus, se não for tratada da forma correta, a cinomose em cães pode ser fatal não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele. Para entender um pouco mais sobre o que é cinomose canina, seus sintomas, causa e o tratamento, o Patas da Casa conversou com a veterinária Kelly Andrade, do Paraná. Dê uma olhada, aqui embaixo, nas instruções da profissional!

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!
    Saúde animal

    Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!

    A doença do carrapato é uma das mais conhecidas entre os pais de pet e também uma das mais perigosas para os cachorros. Transmitida pelo carrapato marrom, bactérias e protozoários invadem a corrente sanguínea e os sintomas variam de acordo com o grau da doença e podem causar coloração amarela na pele e mucosas, distúrbios de coagulação, manchas vermelhas espalhadas pelo corpo, sangramento nasal e, em casos mais raros, problemas neurológicos e até mesmo a morte do cachorro. Para ajudar a esclarecer dúvidas sobre a doença do carrapato, o Patas da Casa entrevistou a veterinária Paula Ciszewsi, de São Paulo. Confira abaixo!

    PC: Depois do diagnóstico, como funciona o tratamento da parvovirose canina?

    JR: “Dependendo do estado do animal, o melhor é deixar ele internado para tomar soro na veia e medicações intravenosas. Como ele vai estar vomitando, o tratamento na veia acaba sendo mais eficaz. O tempo de internação varia de animal para animal, mas geralmente o mínimo é de 72 horas ou até o animal estar se alimentando e bebendo água sozinho. Existem outras formas de ajudar o animal com parvovirose: tratamento com fluidoterapia, antibióticos, protetores gástricos e analgésicos, por exemplo, servem de suporte à internação. Depois que ele vai pra casa, o tratamento é continuado com remédios via oral”.  

    PC: A parvovirose tem cura?

    JR: “Os sintomas da parvovirose são tratados e podem ser controlados durante o período de internação e, depois, com os medicamentos em casa. Contra o vírus em si não existe cura, então você nunca tem como garantir que o animal que já adquiriu a doença vai se recuperar completamente”.

    PC: Qual é a melhor forma de prevenir a parvovirose? 

    JR: “A melhor forma de prevenir a parvovirose é a vacinação. Quando o cachorro ainda é filhote, ele tem que tomar as três doses da V8 ou V10 (a primeira aos 45 dias de vida e as outras com um intervalo de um mês entre cada) e, depois disso, repetir a vacinação anualmente”.

    As vantagens da vacina: “Parvovirose não é a única doença que a vacina vai prevenir. Além dela, a cinomose, a coronovirose e a leptospirose também são evitadas. A vacinação é importante porque você impede que o cachorro pegue doenças que, às vezes, não têm cura e causam sequelas graves. Além da V8 e da V10, existe a vacinação contra raiva, que é uma zoonose, então é obrigatória e existem, também, vacinas coadjuvantes, que são importantes, mesmo que não obrigatórias, como a da giárdia e a da gripe canina”. 

    Redação: Ariel Cristina Borges

    Mastite em gatos: saiba tudo sobre a doença que atinge as fêmeas

    Próxima matéria

    Mastite em gatos: saiba tudo sobre a doença que atinge as fêmeas

    Leishmaniose canina: o que é, sintomas, tratamento, vacina e formas de prevenção da doença
    Saúde

    Leishmaniose canina: o que é, sintomas, tratamento, vacina e formas de prevenção da doença

    A leishmaniose canina é uma doença causada por um protozoário chamado Leishmania. Mesmo que seja comum em animais, a leishmaniose também pode ser transmitida para humanos e, nos dois casos, pode debilitar o organismo o suficiente para ser fatal. Para falar mais sobre a doença e esclarecer dúvidas sobre o contágio, remédios, prevenção e tratamento para leishmaniose canina, nós conversamos com Priscila Larrussa, veterinária do grupo Vet Popular.

    Babesiose canina: o que é e sintomas mais comuns. Saiba tudo sobre esse tipo da doença do carrapato!
    Carrapato

    Babesiose canina: o que é e sintomas mais comuns. Saiba tudo sobre esse tipo da doença do carrapato!

    Os carrapatos são o pesadelo de qualquer dono de cachorro! Além de provocar coceiras, alergias e outros incômodos, o parasita também é responsável por transmitir doenças muito graves aos cães. Mesmo que seja algo relativamente comum entre os animais, o problema não deve ser subestimado pelos tutores. A doença do carrapato, como é popularmente conhecida, pode se manifestar de quatro maneiras diferentes, dependendo da espécie do parasita infectado. A Babesiose canina é uma das principais formas de manifestação da enfermidade. Por isso, preparamos um guia completo sobre tudo o que você precisa saber!

    Raiva: saiba tudo sobre os sintomas, tratamento e prevenção da doença
    Saúde

    Raiva: saiba tudo sobre os sintomas, tratamento e prevenção da doença

    A raiva canina é uma das doenças virais mais perigosas que o seu amigo pode pegar se não for devidamente protegido de seu agente causador. Apesar de ser uma zoonose, o que mais preocupa nesse caso é que ela não tem tratamento e é sempre fatal em animais. Em humanos, apesar de o tratamento ser novo, já existem casos de cura completa no Brasil. Para esclarecer dúvidas sobre a raiva em cachorros, seus sintomas, formas de transmissão e prevenção, nós conversamos com o veterinário Thiago Félix, de Brasília. Sobre a ação da raiva em humanos, os dados são da Secretaria de Saúde do Estado do Rio de Janeiro.

    Giárdia em cães: transmissão, sintomas, tratamento e prevenção... saiba tudo sobre a doença!
    Diarreia

    Giárdia em cães: transmissão, sintomas, tratamento e prevenção... saiba tudo sobre a doença!

    A giárdia em cães ou giardíase, como é conhecida a doença, é uma zoonose — ou seja: também pode ser transmitida para humanos — causada por um protozoário que age na corrente sanguínea do cachorro contaminado. A partir do contágio, a giárdia causa uma série de alterações gástricas no animal. Mesmo que tenha cura, a giárdia canina pode matar se não for devidamente tratada. Para esclarecer diferentes dúvidas, como contágio, tratamento e as diferentes formas de prevenção da doença, conversamos com o veterinário Thiago Félix, de Brasília. Dá uma olhada!

    Ver Todas >

    Dermatite seborreica canina: entenda mais sobre o problema que atinge a pele dos cães
    Saúde animal

    Dermatite seborreica canina: entenda mais sobre o problema que atinge a pele dos cães

    A pele dos cães é mais sensível e frágil do que parece. A dermatite seborreica em cachorro - também conhecida apenas como seborreia canina - é um problema de pele bastante comum nos nossos amigos de quatro patas. A doença em si não representa nenhuma ameaça à saúde do cachorro, mas a falta de tratamento adequado pode levar à progressão do quadro, o que, consequentemente, pode desencadear situações mais graves. 

    Como secar o leite da gatinha? Veterinária dá dicas para fazer do jeito correto
    Saúde animal

    Como secar o leite da gatinha? Veterinária dá dicas para fazer do jeito correto

    As primeiras semanas do filhote de gato são extremamente importantes para o desenvolvimento do animal. A amamentação felina é um dos principais passos para que o filhotinho receba os nutrientes necessários para crescer saudável e forte, já que o leite materno fortalece o sistema imunológico. No entanto, entre a sétima e oitava semana de vida dos filhotes de gato, a produção de leite da mãe gata deve parar. Caso contrário, uma complicação comum é quando a gata fica com leite empedrado.

    Quais as características da panleucopenia felina que merecem atenção?
    Saúde animal

    Quais as características da panleucopenia felina que merecem atenção?

    A panleucopenia felina, que também é chamada incorretamente de cinomose em gatos, é uma doença viral extremamente contagiosa que tem o parvovírus felino como agente causador. A doença pode ser fatal em gatinhos jovens, com menos de 1 ano e que não foram vacinados. Por isso, é muito importante manter a vacinação de seu pet em dia. 

    Alopécia canina: saiba mais sobre a queda de pelos em Dachshunds
    Saúde animal

    Alopécia canina: saiba mais sobre a queda de pelos em Dachshunds

    O Dachshund, popularmente conhecido como o cachorro salsicha, é uma raça que está presente em vários lares brasileiros e ao redor do mundo. São cães alegres, divertidos e que melhoram a energia de qualquer lugar. No entanto, quem tem um cachorro dessa raça deve ficar atento a alguns problemas de saúde que são bastante comuns, como a alopecia canina. 

    Ver Todas >