O Terrier Irlandês é um dos cachorros que fazem parte do grupo Terrier. Corajoso, cheio de energia e muito brincalhão, o cão que surgiu na Irlanda une todas as características típicas desse grupo de cães com passado de caçador. Apesar de não ser tão comum no Brasil, o Irish Terrier (nome original da raça) pode ser encontrado em todas as partes do mundo. O pet chama bastante atenção pela pelagem avermelhada e porte musculoso. Quer conhecer melhor sobre o cachorro Terrier Irlandês? O Patas da Casa te explica a seguir tudo sobre essa raça super divertida!

O Terrier Irlandês é uma raça antiga que surgiu na Irlanda

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não tenho pets
Tenho cão
Tenho gato
Tenho cão e gato
Autorizo receber comunicações e publicidade da NESTLÉ®.

Como o próprio nome indica, o Terrier Irlandês se originou na Irlanda. A raça é considerada uma das mais antigas no país. Alguns registros indicam que o primeiro Irish Terrier puro apareceu nos anos 1880. Acredita-se que esse cão tenha surgido a partir de raças como o Wolfhound Irlandês, Scottish Terrier e Kerry Blue. Além de ser um ótimo cão de companhia, o Irish Terrier também era um exímio cão de caça. Por ter uma grande coragem, esse cachorro era utilizado como cão mensageiro em trincheiras durante a Primeira Guerra Mundial. Hoje em dia, a raça Terrier Irlandês já está espalhada por todo o mundo, mas ainda é bem mais comum na própria Irlanda.

O cachorro Irish Terrier é dono de uma pelagem avermelhada e bem densa

A característica mais marcante do Terrier Irlandês é a sua pelagem avermelhada. Os tons de cores do cachorro podem variar entre vermelho, trigo e vermelho amarelado. Os pelos são bem crespos e densos, enquanto os subpelos são mais macios. No geral, os fios são curtos, mas o cachorro pode ter uma barbicha longa, assim como o Schnauzer. O Terrier Irlandês é um cão de porte médio, com altura entre 40 e 45 cm e peso que varia de 10 a 12 Kg. O corpo da raça é bem musculoso e forte. Já os seus olhos são pequenos e costumam ser bem escuros. As orelhas do cachorro, por sua vez, são dobradas para a frente. Por fim, a cauda do Irish Terrier é bem longa e chama bastante atenção.

Todo cão da raça Terrier Irlandês é super ativo e extremamente animado

  • Convivência

O Terrier Irlandês é um cachorro super alto astral e que adora uma boa diversão. Esse cãozinho está sempre alegre e pronto para brincar. Muito fiel à família, o Irish Terrier é daqueles cães que fazem de tudo para proteger quem ama. A raça é super corajosa e, como possui um passado de cão de caça, não vai hesitar em proteger seu tutor se sentir que ele está ameaçado. Mas não se preocupe, pois o Terrier Inglês não é nada agressivo. Ele apenas gosta de proteger e cuidar da família. No geral, é um cão bem dócil e super carinhoso.

O alto nível de energia do cachorro irlandês é algo que sempre deve ser levado em conta. O cãozinho é muito elétrico e adora brincadeiras. O tutor tem o papel essencial de gastar a energia do animal de forma saudável. Passear com o cachorro e disponibilizar brinquedos interativos são as melhores formas de fazer isso. A falta de atividades físicas pode levar o Terrier Irlandês a adotar comportamentos destrutivos e imprudentes dentro de casa. Além disso, o latido do cachorro pode ser um problema bem frequente quando o animal fica entediado. Por isso, faça questão de se manter presente e evite deixá-lo sozinho por longos períodos de tempo.

  • Socialização

A socialização do cachorro é um processo importante e que não deve ser ignorado por quem tem um Irish Terrier dentro de casa. Por naturalmente ter uma personalidade bem alerta, o cachorro irlandês pode ficar meio desconfiado ao conhecer pessoas novas. O ideal é sempre apresentar o pet aos poucos, para que ele vá se acostumando e ganhando confiança. O Terrier Irlandês é um ótimo cachorro para crianças, pois eles sempre se divertem muito juntos, mas é sempre bom ter uma supervisão já que o tamanho do animal pode acabar machucando os pequenos sem querer.

Quanto à convivência com outros animais, o Terrier Irlandês pode dar um pouco mais de trabalho. O pet tem tendência a ser um cachorro dominante e, por isso, pode não gostar muito de ter outro cão dentro de casa. A socialização do Terrier Irlandês filhote é essencial, pois evita que ele desenvolva essa dominância que pode se tornar um problema no futuro.

  • Adestramento

O Terrier Irlandês é um cachorro muito agitado e que, sem os cuidados adequados, pode se tornar até mesmo um cão imprudente. Portanto, o adestramento é um processo essencial e que deve ser realizado ainda no Terrier Irlandês filhote. O treinamento faz com que o animal tenha mais limites e saiba a hora de parar. Além disso, o adestramento faz com que o cão passe a obedecer melhor o dono e se torne menos dominante dentro de casa. Para que o treinamento do Terrier Irlandês seja eficiente, é importante trabalhar com muita calma, já que o pet pode ser um pouquinho teimoso. Porém, apesar disso, é um cão inteligente. O ideal é que o Terrier Irlandês seja sempre recompensado quando acertar um comando, pois isso estimula o animal a seguir com o treinamento.


O Irish Terrier é famoso por sua pelagem bem avermelhada
O Irish Terrier é famoso por sua pelagem bem avermelhada

Curiosidades sobre a raça Terrier Irlandês

  • O Terrier Irlandês era conhecido como "Diabo Vermelho", por ser um cão extremamente agitado e ter uma coloração avermelhada.
  • Até 1875, a raça Terrier Irlandês ainda não tinha características físicas bem definidas. Por isso, também era possível encontrar cães com pelagem preta ou malhada. Hoje, apenas os tons avermelhados são aceitos.
  • Mesmo sendo um cão bem ativo, o Terrier Irlandês consegue viver bem em apartamentos. Porém, ter ao menos um momento de atividades físicas no dia é essencial.
  • Por ter pelos densos na camada externa e pelos finos na subcamada, o Terrier Irlandês é um cão que se adapta muito bem tanto no frio quanto ao calor.

Terrier Irlandês filhote: conheça os principais cuidados nessa fase da vida

O jeitinho alegre da raça já pode começar a ser percebido nos primeiros meses de vida. O Terrier Irlandês filhote é um cão animado e brincalhão. Como mencionado acima, a socialização e o adestramento são essenciais nessa fase da vida. Os cães adultos também podem passar por esses processos, mas quanto mais cedo eles se iniciarem, melhores serão os resultados.

É importante  que o Terrier Irlandês filhote só pode ser adestrado e socializado depois que já tiver tomado todas as vacinas para cachorro e for devidamente vermifugado. A primeira vacina já pode ser aplicada a partir dos 45 dias. A alimentação do Terrier Irlandês filhote também merece atenção. Nessa fase, o corpinho do animal está se desenvolvendo, portanto, é fundamental oferecer ração para cachorro filhote, pois esse alimento contém todos os nutrientes essenciais para um desenvolvimento saudável.

Cuidados essenciais com o Terrier Irlandês

  • Banho e tosa

O cachorro irlandês não precisa de banhos muito frequentes. Eles podem ser feitos uma vez por mês. Sempre que for dar banho no cachorro utilize shampoo específico para seu tipo de pelo e seque bem os fios. A tosa do cachorro Terrier Irlandês também não precisa ser recorrente. O recomendado é que o pet seja tosado a cada três meses.

  • Escovação

A pelagem do Terrier Irlandês não costuma dar muito trabalho. Escovar os pelos uma vez por semana já é o suficiente para remover os fios mortos e evitar que eles se embaracem. A escova de cerdas duras costuma ser a mais indicada para a raça de cachorro Terrier Irlandês. Nos períodos de troca de pelo, pode ser necessário escovar mais de uma vez por semana.

  • Unhas

As unhas do cachorro Terrier Irlandês precisam ser aparadas com certa frequência. Esse cão é muito ativo e as garras muito longas podem se tornar um problema sempre que o pet for correr e brincar. Afinal, ele pode acabar tropeçando ou até arranhando alguém sem querer. Por isso, é importante cortar as unhas do cachorro sempre que perceber que elas estão ficando grandes demais.

  • Dentes

A falta de cuidados com a dentição canina pode levar a diversos problemas de saúde. A cárie e o tártaro são alguns exemplos de doenças dentárias que podem ser evitadas com um simples cuidado: a escovação. É altamente recomendado escovar os dentes do cachorro Terrier Irlandês com frequência, pois isso diminui bastante o risco dessas condições aparecerem, além de promover uma melhor higiene bucal.

  • Orelhas

As orelhas do cachorro Irish Terrier merecem uma atenção especial. Como elas são dobradas para a frente, pode ser difícil perceber visualmente que estão sujas. Além disso, isso favorece o acúmulo de fungos e bactérias, principalmente se as orelhas estiverem molhadas, já que as regiões do corpo mais fechadas e úmidas são perfeitas para a proliferação de parasitas. Por isso, sempre tire um tempinho na semana para checar a orelha do animal. Além disso, é importante limpar o ouvido do cachorro com frequência, pois isso evita infecções perigosas, como a otite canina.


Seja um Terrier Irlandês filhote ou adulto, o cão dessa raça está sempre cheio de energia
Seja um Terrier Irlandês filhote ou adulto, o cão dessa raça está sempre cheio de energia

O Irish Terrier pode desenvolver catarata e hipotireoidismo

O Irish Terrier é considerado um cãozinho bem saudável e que não tem muita predisposição a desenvolver problemas de saúde hereditários. Se o tutor tomar os cuidados essenciais, como oferecer alimentação de qualidade, realizar visitas ao veterinário e manter o calendário de vacinação em dia (sem atrasar e com as doses de reforço), o pet pode viver por bastante tempo. No geral, a expectativa de vida do Terrier Irlandês é de 12 a 16 anos. Dentre as doenças que mais costumam acometer a raça podemos citar o hipotireoidismo e a catarata. Por isso, é bom prestar atenção a essas condições no pet desde filhote.

Terrier Irlandês: preço da raça é difícil de ser definido

O cachorro Terrier Irlandês deixa a vida de qualquer um mais divertida e animada. Por isso, muita gente tem vontade de ter um cãozinho desse em casa. Mas quanto custa um Terrier Irlandês? Preço dessa raça é muito difícil de ser definido. Como esse cão é bem raro no Brasil, não existe uma média. Porém, para se ter uma ideia de quanto esse pet custa, podemos usar como parâmetro outras raças de cachorro irlandês, como o Setter Irlandês ou o Wolfhound Irlandês. Preço dessas raças fica em torno dos R$ 4.000. Além de pesquisar os preços, é importante também procurar um canil de cachorro confiável que preze pelo bem-estar dos animais.

Raio-x do Terrier Irlandês

Origem: Irlanda
Pelagem: Crespa e densa
Cores: Tons avermelhados (vermelho, trigo e vermelho amarelado)
Personalidade: Ativa, brincalhona, imprudente e amorosa
Altura: 40 a 45 cm
Peso: 10 a 12 Kg
Expectativa de vida: 12 a 16 anos

Redação: Maria Luísa Pimenta

Edição: Luana Lopes