Cachorro

Catarata em cachorro? Descubra como a doença se desenvolve e como é feito o tratamento

Publicado - 10 Fevereiro 2020 - 19h02

Atualizado - 11 Abril 2024 - 14h35

Da mesma forma como acontece com os humanos, a catarata em cachorro é uma doença que, gradativamente, afeta a qualidade da visão do animal. Ela pode ser causada por uma série de motivos diferentes, mas apenas um deles pode ser prevenido. Outro detalhe que é único sobre a catarata em cachorro é o tratamento: a cirurgia. Para te ajudar a saber um pouco mais sobre essa doença que atinge tanto os cachorros idosos quanto os mais jovens, nós conversamos com o veterinário oftalmologista Pedro Mancini do Hospital Vet Popular. Dá uma olhada! 

O que é a catarata em cachorro e como ela se desenvolve?

Os olhos do cachorro são formados por diferentes “compartimentos” — assim como os nossos. A catarata é uma condição que atinge apenas uma parte, como explica Pedro: “o cachorro com catarata tem um distúrbio na organização e integridade das fibras do cristalino. O cristalino é a lente do olho responsável pelo foco das diferentes distâncias do que eles enxergam”. Por isso, um dos primeiros sinais que seu amigo dá no início da catarata é a perda de noção de espaço. 

Em relação às causas, é comum que a genética esteja envolvida em grande parte dos casos: “a catarata congênita acontece por causa de problemas no desenvolvimento embrionário e fetal, ou seja: por herança genética. Ela também pode ser consequência de outros quadros e doenças, como diabetes, degenerações retinianas, traumas, inflamações e infecções”, conta o profissional. 

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

 

A catarata em cachorro pode afetar um ou os dois olhos do animal ao mesmo tempoDepois da cirurgia de catarata em cachorro, o animal continua em tratamento com colírios

 

Cachorro com catarata: os sintomas da doença e o diagnóstico

 

Descobrir qualquer tipo de doença no seu cachorro é um desafio que pede bastante observação no dia a dia do animal. Um dos sinais clínicos mais característicos e simples de identificar da catarata é a opacificação do cristalino, que deixa o globo ocular branco. “Ele vai se tornando levemente azulado ou acinzentado sem que o animal fique cego — a cegueira vem depois de uns 80% de desenvolvimento da catarata no cristalino”, explica Pedro. Mas como esse não é o único sintoma, ele continua: “além disso, o animal fica com dificuldade de orientação em ambientes desconhecidos, medo de sair na rua e começa a bater o focinho em paredes e portas”.  

Depois de identificar esses sinais, a ida ao veterinário é indispensável para que o diagnóstico de catarata seja confirmado: “o ideal é que o oftalmologista gradue o estágio da catarata e valide o olho para que seja operável, levando em consideração os sinais clínicos, histórico e exames específicos. Afinal de contas, nem todos os olhos com catarata podem ser operados”, afirma Pedro.  

Catarata em cães: tratamento envolve cirurgia e colírios

Assim como acontece com os humanos, a cirurgia de catarata em cachorro é a única resposta para quem pergunta se catarata em cachorro tem cura. “A técnica utilizada na cirurgia é a de facoemulsificação, onde por incisões milimétricas removemos toda a catarata e colocamos uma lente intraocular substituta”, explica o veterinário. O preço da operação pode variar de acordo com o quadro do paciente.

Depois da cirurgia, o tratamento continua: o médico responsável pelo caso indicará uma opção entre os diferentes tipos de remédio para catarata em cachorro. “O pós-operatório é trabalhoso, já que a principal via de tratamento são os colírios. Eles são usados a cada 2 horas na primeira semana e esse intervalo vai ficando mais espaçado de acordo com a recuperação do paciente. O período médio de tratamento é 45 dias”.

A catarata em cachorro pode ser prevenida? 

Geralmente, as diferentes formas de prevenção de doenças estão ligadas com suas causas. No caso da catarata, Pedro conta que a única delas que pode ser evitada é a causada pela diabetes: “Bons hábitos alimentares, exercícios e acompanhamento veterinário regular previnem essa doença que, além de causar a cegueira, encurta e prejudica muito a vida do animal”. 

Redação: Ariel Cristina Borges 

Comportamento

"Dinofauro" da vida real: cadela com mandíbula curta reproduz meme e ganha o coração da internet

Você se lembra do meme do dinofauro, aquele dinossauro de brinquedo azul com problema de dicção que ficou super conhecido no Faceboo...

Comportamento

Mulher vai abastecer o carro e se depara com a cena mais linda do mundo envolvendo frentista e vira-lata caramelo

Existem vários motivos para adotar um vira-lata caramelo. Um deles é porque esses cãezinhos se destacam bastante pelo carisma e doçu...

Comportamento

Vira-lata caramelo invade casamento e rouba a cena no momento da entrada da noiva

Os vira-latas têm um lugar especial no coração dos brasileiros. Quando o assunto é um vira-lata caramelo, então, há quem diga que es...

Alimentação

7 alimentos que cachorro não pode comer de jeito nenhum - o último é o pior deles

Existe uma longa lista de alimentos que cachorro não pode comer. Por mais que os cãozinhos sejam membros oficiais da família e prese...

Comportamento

"Dinofauro" da vida real: cadela com mandíbula curta reproduz meme e ganha o coração da internet

Você se lembra do meme do dinofauro, aquele dinossauro de brinquedo azul com problema de dicção que ficou super conhecido no Faceboo...

Comportamento

Mulher vai abastecer o carro e se depara com a cena mais linda do mundo envolvendo frentista e vira-lata caramelo

Existem vários motivos para adotar um vira-lata caramelo. Um deles é porque esses cãezinhos se destacam bastante pelo carisma e doçu...

Gato

As 8 raças de gatos mais brincalhonas e que não dispensam uma boa diversão

Há quem acredite que os felinos não são fãs de brincadeiras devido a natureza sutil e independente da espécie, mas essa afirmação nã...

Gato

Tutora registra o crescimento de filhote de Maine Coon laranja até ele virar um gato gigante

Quando o assunto é gato gigante, o Maine Coon é uma das raças de mais destaque. O gato Maine Coon é considerado a maior raça do mund...

Ver todas