Cuidados dos animais

Dia mundial do cachorro é celebrado em agosto! Entenda o que a data representa para os direitos dos animais

Publicado - 15 Agosto 2022 - 16h04

Atualizado - 22 Maio 2024 - 17h05

Assim como há o Dia Internacional do Gato, também existe o Dia Mundial do Cachorro, comemorado em 26 de agosto. A data foi instituída em 2004 a partir do National Dog Day, que surgiu nos Estados Unidos e logo foi abraçada pelo resto do mundo. Afinal, nada mais justo do que celebrar a existência dos doguinhos na nossa vida, certo? Além de chamar a atenção para a adoção de cães, o dia dos cachorros também é uma data importante para refletir sobre o direito dos animais, alertar sobre os maus-tratos e falar sobre outras questões importantes.

Portanto, agora que você já sabe qual é o dia do cachorro, que tal entender um pouco mais sobre o que a data representa, quais os direitos dos doguinhos e principais cuidados com a espécie? O Patas da Casa reuniu tudo que você precisa saber, é só continuar a leitura!

Entenda a importância do Dia Mundial do Cachorro

O Dia Mundial do Cachorro não é apenas uma data comemorativa para homenagear nossos amigos peludos, mas também uma forma de ampliar o debate sobre os direitos dos cães. É importante lembrar que maus-tratos é crime e ter a conscientização de que, assim como a gente, os cachorros têm suas necessidades e demandam uma série de cuidados para terem uma vida digna.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

O abandono de animais é outra pauta que pode - e deve - ser debatida na ocasião, já que é muito comum ver cachorros abandonados, com pouca ou nenhuma qualidade de vida. É por isso que castração de cães é uma grande aliada para evitar que o número de bichinhos nas ruas cresça ainda mais. ONG's, protetores independentes e outras instituições também desempenham um papel essencial para cuidar de animais em situação de vulnerabilidade e abandono.

Se você é uma dog person e quer fazer a diferença - não apenas no Dia Mundial dos Cachorros, mas em todos os outros dias -, por que não ajudar a aumentar a visibilidade de assuntos como esses? Você pode fazer isso de várias maneiras diferentes!

Dia dos cachorros e os direitos do seu amigo de quatro patas

Assim como os humanos, os animais têm direitos fundamentais e é isso que reforça o documento de Declaração Universal dos Direitos dos Animais, criado em 1977 e proclamado em 1978 pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura), órgão da ONU. Trata-se de um documento com pelo menos 14 artigos e dez direitos básicos que reforçam a importância de oferecer uma vida digna aos animais, em especial aqueles que fazem parte do nosso convívio, como cães e gatos.

Segundo esta declaração, os direitos básicos dos bichinhos são:

1. Todos os animais têm o mesmo direito à vida.
2. Todos os animais têm direito ao respeito e à proteção do homem.
3. Nenhum animal deve ser maltratado.
4. Todos os animais selvagens têm o direito de viver livres no seu habitat.
5. O animal que o humano escolher para companheiro nunca deve ser abandonado.
6. Nenhum animal deve ser usado em experiências dolorosas.
7. Todo ato que põe em risco a vida de um animal é um crime contra a vida.
8. A poluição e a destruição do meio ambiente são considerados crimes contra os animais.
9. Os direitos dos animais devem ser defendidos por lei.
10. Os humanos devem ser educados para respeitar e compreender os animais desde a infância.

Além disso, em 1998 foi criada a lei de maus-tratos aos animais, que diz que qualquer ato de crueldade animal é um crime ambiental previsto no artigo 32 da Lei Federal nº 9.605. Confira o que diz a legislação brasileira:

Lei 9605/95, art. 32. Praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos:

Pena - detenção, de três meses a um ano, e multa.

§ 1º Incorre nas mesmas penas quem realiza experiência dolorosa ou cruel em animal vivo, ainda que para fins didáticos ou científicos, quando existirem recursos alternativos.

§ 2º A pena é aumentada de um sexto a um terço, se ocorre morte do animal.

 

Cachorro amarelo comendo ração em pote prateado

 

Dia dos cães: o que você precisa saber sobre maus-tratos, abandono e adoção de cachorro

Qualquer atitude que venha a violar o bem-estar e integridade física do animal pode ser considerada como maus-tratos. Isso inclui não oferecer um lugar adequado para o animal viver, fazer suas necessidades fisiológicas ou fornecer recursos básicos, como água e alimentação. Manter o cachorro em lugares com condições precárias de higiene, acorrentado ou sem assistência médica são outros casos de maus-tratos. Além disso, machucar, mutilar (por exemplo, a conchectomia, prática em que a orelha do animal é cortada por estética), envenenar, utilizar para rinhas ou abandonar o cachorro também se enquadram nisso.

É isso mesmo: o abandono de cães é um tipo de maus-tratos. A adoção animal responsável para que não haja nenhum tipo de arrependimento que possa acarretar em novos abandonos. Se você sempre pensa “quero adotar um cachorro”, deve estar ciente de todos os cuidados e responsabilidades que isso envolve. Não basta apenas abrir as portas de casa sem se preparar minimamente para a chegada do animal, e é necessário também levar em consideração os gastos mensais que temos ao cuidar de cachorro.

Quais são os cuidados fundamentais com um cachorro?

Não basta apenas comemorar o dia internacional dos cachorros, mas garantir que os bichinhos recebam todos os cuidados necessários para o seu bem-estar. Isso inclui uma boa alimentação, higiene básica, assistência veterinária, exercícios físicos, socialização e várias outras atividades que possam contribuir para a boa qualidade de vida do pet. Pensando nisso, antes de adotar um cachorro lembre-se de levar em conta os seguintes aspectos para cuidar bem do seu doguinho:

Alimentação - Os cães precisam de uma alimentação nutritiva e equilibrada. Existem diferentes tipos de ração para cachorro, e o tutor deve escolher a opção mais adequada de acordo com o porte, idade e condições de saúde do animal. A qualidade do produto é variável, mas as versões mais completas e nutritivas que são recomendadas são as rações premium e super premium, embora sejam mais caras.

Hidratação - É importante disponibilizar um bebedouro para cachorro em casa. Tem vários modelos de potinhos, mas o tutor não deve se esquecer de trocar a água diariamente e limpar o acessório pelo menos uma vez por semana para remover possíveis sujeiras. Durante os passeios, não esqueça de levar também uma garrafinha de água para o seu dog!

Higiene - Os cuidados com a higiene canina são bem amplos. Aqui varia desde cuidar das necessidades fisiológicas do animal, como também dar banho no cachorro, cortar as unhas, higienizar as patinhas, limpar as orelhas e escovar os dentes. A tosa de cachorro também pode ser incluída neste tópico. Por isso, esteja atento a estes cuidados!

Sono - Os doguinhos precisam de um espaço apropriado para dormirem e descansarem. A escolha de uma boa cama para cachorro é tão importante quanto o resto. O acessório deve corresponder ao tamanho do cão, para que ele possa se deitar confortavelmente. Além disso, você pode deixar tudo ainda mais aconchegante com cobertores, travesseiros e pelúcias.

 

Cão grande, amarelo e peludo deitado junto de tutor

 

Exercícios e brinquedos - Passear com cachorro é um dos cuidados indispensáveis com os dogs! Essa é uma forma de exercitá-los e provocar diferentes sensações no pet. Aliado a isso, os brinquedos de cachorro também são excelentes para estimular o animal fisicamente e mentalmente, trabalhando a cognição do cachorro em conjunto com o resto do corpo. Sem esses estímulos, o cão pode ficar estressado, ansioso ou deprimido.

Adestramento e socialização - Para garantir a boa convivência com o doguinho, é bom lembrar que o adestramento é uma maneira de treinar a obediência do animal. Uma forma de atingir bons resultados é com a técnica do reforço positivo, que consiste em recompensar o cão sempre que ele tiver o comportamento esperado. Já a socialização do cachorro é o que vai garantir que o seu bichinho não tenha problemas para se relacionar com outros cães, animais ou pessoas.

Consultas veterinárias e vacinas - Outro cuidado essencial com os nossos amigos peludos é quanto às consultas veterinárias. Os check-ups são fundamentais para acompanhar o estado de saúde dos bichinhos, e, além disso, é muito importante que as doses de vacina para cachorro sejam reforçadas anualmente, sem atrasos. O mesmo vale para os vermífugos e remédios antiparasitários.

Todo dia deveria ser dia do cachorro!

Os cães são animais verdadeiramente maravilhosos, que sempre estão do nosso lado, não importa o que aconteça e que desenvolvem um sentimento puro de amor, gratidão e cumplicidade com os donos. Infelizmente, não é todo cachorro que tem a oportunidade de ter uma família ou uma casa, mas a verdade é que todo dia deveria ser dia internacional dos cachorros, tanto para prestigiar esses animais como para conscientizar a população sobre questões como o abandono e adoção responsável.

Dia dos cães: 5 curiosidades sobre a espécie que você não sabia

1) O cachorro sente saudade, e é por isso que muitas vezes ele vai recepcionar o dono na porta de casa com pulos e muita alegria.

2) Os cães podem sofrer com transtornos psicológicos semelhantes aos dos humanos, como ansiedade e depressão.

3) A companhia de cães é tão benéfica que a terapia assistida por animais (TAA) vem se popularizando bastante ao longo dos últimos anos, e traz ótimos resultados.

4) Fazer carinho no cachorro libera um hormônio chamado oxitocina, que é considerado bom tanto para nós quanto para os cães.

5) Sentimentos “humanos” podem afetar os cães, como ciúmes, felicidade, saudade e medo.

Conheça outras datas que celebram a vida dos pets além do dia internacional do cachorro

Os cães são companheiros tão incríveis que não existe apenas uma data em sua homenagem, mas várias! Pois é, não é só o Dia Mundial do Cachorro que torna os doguinhos protagonistas da história. No dia 29 de abril é comemorado o Dia Internacional do Cão-Guia, que são cães de trabalho com uma função super importante para auxiliar pacientes com algum tipo de deficiência visual. Além disso, os vira-latas têm um dia somente para eles, que é celebrado no dia 31 de julho, também chamado de o Dia do Vira-lata.

Outras datas comemorativas que valem ser lembradas são o dia 4 de abril, que é o Dia Mundial dos Animais de Rua, e o dia 4 de outubro, que é o Dia Mundial dos Animais!

Redação: Juliana Melo

Edição: Luana Lopes

Comportamento

Cachorro e gato deixam as desavenças de lado e se unem para missão que parecia impossível

Existe uma crença de que cachorro e gato são inimigos naturais. Ao longo dos anos, a relação entre as duas espécies foi retratada na...

Cachorro

Com quantos anos você descobriu que é possível descobrir a idade de cachorro pelos dentes?

Em casos de adoção animal, em que a maioria dos cães são resgatados da rua, é inevitável surgir a curiosidade de qual é a idade do p...

Adote um animal

As 7 raças de cachorro mais engraçadas que existem - o último da lista chama atenção por um detalhe curioso

Cada raça de cachorro tem características físicas únicas e muito particulares. São esses traços que muitas vezes nos ajudam a difere...

Comportamento

Sem cerimônia, cachorro bate na porta do vizinho e entra na casa para chamar amiga canina para brincar

A socialização é um processo muito importante para que o cãozinho aprenda a conviver com outras pessoas e animais, e também faça alg...

Comportamento

Cachorro e gato deixam as desavenças de lado e se unem para missão que parecia impossível

Existe uma crença de que cachorro e gato são inimigos naturais. Ao longo dos anos, a relação entre as duas espécies foi retratada na...

Cachorro

Com quantos anos você descobriu que é possível descobrir a idade de cachorro pelos dentes?

Em casos de adoção animal, em que a maioria dos cães são resgatados da rua, é inevitável surgir a curiosidade de qual é a idade do p...

Adote um animal

As 7 raças de cachorro mais engraçadas que existem - o último da lista chama atenção por um detalhe curioso

Cada raça de cachorro tem características físicas únicas e muito particulares. São esses traços que muitas vezes nos ajudam a difere...

Gato

Gato que frequentava Universidade se forma e recebe título de "Doutor em Litter-ature"

Histórias de bichinhos de estimação frequentando a universidade sempre ganham um lugar especial no nosso coração. Foi o que acontece...

Ver todas