Diversidade pet

Superação! Cachorro cego que nasceu sem os olhos aprende a buscar bolinha e emociona sua tutora

Publicado - 27 Março 2024 - 16h55

Atualizado - 11 Abril 2024 - 14h35

Laura Furtado / Redatora

Jornalista em formação pela Universidade Federal Fluminense (UFF), em Niterói. Desde pequena, sempre tive um amor e carinho especial por todos os animais. Quando completei 6 anos, meus pais me presentearam com um cãozinho da raça Bichon Frisé que chamamos de Billy. Foi o dia mais feliz da minha vida, fiquei horas chorando sem acreditar que ele era meu. Billy viveu 14 anos com a gente, mas virou uma estrelinha em 2019 depois de uma história linda ao nosso lado.

Em 2019, ganhei da minha sogra uma Dachshund, o famoso salsichinha, e desde então minha vida voltou a fazer sentido. Pode parecer clichê, mas nada explica o sentimento de amor e carinho que ter um pet proporciona. Nós decidimos chamar ela de Teteia, e não poderia existir nome melhor pra descrever ela. Teteia significa moça atraente, e a minha Teteia salsicha é realmente a coisa mais linda do mundo, além de ser extremamente carinhosa, companheira e engraçada.

Em 2023, participei de uma entrevista e entrei para o time do Patas da Casa. Fiquei muito feliz, porque sempre tive afinidade e carinho pelos animais, e não há nada melhor do que escrever sobre coisas que a gente ama, né. Me identifiquei de cara com os valores do Patas e sempre considerei o projeto de suma importância para tutores que, assim como eu, buscam se informar para garantir o melhor para os pets. Desde então, cada dia tem sido um aprendizado, e sou muito feliz por fazer parte de um projeto tão especial quanto o Patas.

• Filme com animal preferido: “Marley e Eu”
• Uma raça de cachorro: Vira-lata
• Uma raça de gato: Siamês
• A curiosidade favorita sobre cachorros: Os cães de suporte emocional podem agir como 'terapeutas', ajudando pacientes com ansiedade, depressão, autismo e estresse pós-traumático
• A curiosidade favorita sobre gatos: Os gatinhos tem efeitos positivos na sáude mental e física dos humanos
• Sobre o que mais gosta de escrever no universo pet: Comportamento animal
• Um aprendizado: Adotar cachorro ou gato pode mudar a vida das pessoas e dos animais para melhores, trazendo muito amor e felicidade
• Nome de pet favorito: Larica

Cuidar de um cachorro cego gera uma série de preocupações e incertezas nos tutores, mas essa pode ser uma experiência super recompensadora e especial. Embora sejam necessárias algumas adaptações na rotina para proporcionar uma boa qualidade de vida para o peludo, é super possível que um cão cego viva uma vida longa e feliz ao lado daqueles que ama. O Julinho é a prova viva disso! Mesmo tendo nascido sem os dois olhos, o peludo conseguiu enfrentar todos os obstáculos e vive uma vida normal ao lado de sua tutora. Vem conferir essa história de superação! 

Julinho é um cachorro cego de nascença

Julinho é um filhote de cachorro que nasceu sem os dois olhos no início de 2024. Ele é um peludo todo branquinho da raça Akita, a mesma raça do cachorro que fez o famoso filme “Sempre ao seu lado”. Julinho foi diagnosticado ao nascer com anoftalmia bilateral, uma condição super rara caracterizada pela ausência completa dos olhos. Ela pode afetar apenas um olho do cachorro ou os dois, como é o caso do Julinho. 

Cachorro cego sem olhos
Julinho é um cachorro sem olhos da raça Akita (Créditos: Instagram/ @julinhoakita)

Julinho foi adotado e ganhou uma família

A adoção animal nem sempre é um processo fácil, especialmente quando o pet possui deficiências ou alguma condição de saúde crônica. Um cachorro com deficiência infelizmente costuma ser mais rejeitado na hora adoção, mas Julinho deu sorte em encontrar uma tutora pra lá de especial. Sua tutora não estava em busca de adotar cachorro, mas quando recebeu uma mensagem com a foto de Julinho para adoção, não conseguiu resistir aos encantos do peludo. Ela  e seu marido decidiram levar o pet para casa e dar um lar cheio de amor para ele.

Imagem Quiz:Qual o nível de inteligência do seu cachorro?

Qual o nível de inteligência do seu cachorro?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

cachorro cego andando no quintal de casa
Julinho é um cachorro com deficiência que foi adotado e ganhou um lar (Créditos: Instagram/ @julinhoakita)

A tutora de Julinho se empenhou para ensiná-lo a brincar de bolinha 

Após levar Julinho para casa, a tutora criou uma conta nas redes sociais para compartilhar com os seguidores a rotina ao lado do pet adotado. O novo "influencer" já tem mais de 50 mil seguidores. Em um dos vídeos postado pela tutora, Julinho aparece aprendendo a brincar com uma bolinha para cachorro, um dos brinquedos favoritos dos cães. Esse processo é um pouco diferente do que seria com outros pets, pois Julinho é um cachorro que nasceu completamente cego, então não reconhece os objetos da mesma forma que outros cães. Por isso, sua tutora fez questão de apresentar o brinquedo com muita paciência e carinho para ele. 
 

Cachorro cego olhando para bolinha que faz barulho
A bolinha para cachorro que faz barulho é um ótima opção de brinquedo para pets cegos (Créditos: Instagram/ @julinhoakita)

Barulho da bolinha para cachorro ajuda o pet cego na brincadeira 

Como Julinho é um cachorro cego, a tutora decidiu investir em uma bolinha que faz barulho para que o peludo consiga se guiar pelo som do objeto e identificar onde o brinquedo está. No vídeo, antes de jogar a bolinha para o cachorro, ela começa a sacudir o objeto perto de Julinho. Ele logo se interessa pelo barulho e se aproxima devagar. A mulher aproveita esse momento para deixar Julinho cheirar o objeto e se acostumar a ele. Depois de alguns segundos, ela joga a bolinha para Julinho pegar e ele instintivamente corre atrás. Como a audição canina é um sentido super poderoso, Julinho não teve muita dificuldade para recuperar a bolinha com a boca após ela ser arremessada. Confira o vídeo: 


Confira alguma ideias de brincadeiras para cachorro cego

As melhores brincadeiras para cachorro cego são aquelas que envolvem estimular os outros sentidos do animal, como o olfato, audição e o tato. Muito adaptáveis, os cães conseguem compensar as habilidades. Veja alguns brinquedos para cachorro cego recomendados para incluir na rotina do pet além da bolinha: 

  • Tapete interativo: o tapete interativo para cachorro possui vários compartimentos e formatos que despertam o interesse dos pets na brincadeira. Para estimular o olfato canino, o tutor pode colocar petiscos dentro das divisórias. Assim, o peludo vai sentir o cheirinho da guloseima e consequentemente gastar energia tentando pegá-la.
  • Garrafa pet: a garrafa pet é um dos brinquedos caseiros para cachorro mais versáteis que existe. Para tornar a brincadeira do cachorro cego mais divertida, você deve retirar o rótulo do produto, fazer pequenos furinhos na garrafa e colocar um pouco de ração para cachorro dentro. Pode ter certeza que o barulho e o cheirinho vão deixar o cachorro feliz e animado. 

 

Cachorro

Com ajuda do ChatGPT, mulher cria site para mostrar como os cachorros enxergam de verdade: testamos por aqui!

Você já se perguntou como os cachorros enxergam? Essa é uma dúvida comum entre muitas pessoas, sejam elas tutoras de um pet ou não. ...

Histórias reais

Vira-lata caramelo invade festa junina e faz participação especial na hora quadrilha

Não tem jeito: o vira-lata caramelo sempre dá um jeito de abrilhantar qualquer enredo. Se há algum tempo viralizaram histórias de ca...

Cachorro

Esses são os 6 sinais que seu cachorro te ama mais visíveis - e provam que você é a "casca de bala" dele e vice-versa

Frases para cachorro de amor podem revelar muito sobre os sentimentos humanos sobre os fortes vínculos que são criados com os pets. ...

Cuidados

Direitos dos animais em condomínios: advogada lista o que os condomínios podem proibir ou não sobre a presença de cães e gatos

Já ouviu falar nos direitos dos animais? Pois saiba que, assim como nós, os nossos pets também são protegidos pela lei. Existe a lei...

Saúde

O que acontece no corpo da gata no cio? Dos miados estridentes aos picos hormonais, veja todas as mudanças que ela enfrenta

Não precisa ser expert no universo felino para conseguir identificar uma gata no cio. Dos miados estridentes aos picos hormonais, o ...

Cachorro

Com ajuda do ChatGPT, mulher cria site para mostrar como os cachorros enxergam de verdade: testamos por aqui!

Você já se perguntou como os cachorros enxergam? Essa é uma dúvida comum entre muitas pessoas, sejam elas tutoras de um pet ou não. ...

Comportamento

"Amor de gato": foi assim que aprendi a interpretar as emoções do meu gatinho e percebi que sou o amor da vida dele

O amor de gato é um sentimento especial e gratificante que os bichanos demonstram por seus donos. Mas ao contrário dos cães, eles ex...

Histórias reais

Vira-lata caramelo invade festa junina e faz participação especial na hora quadrilha

Não tem jeito: o vira-lata caramelo sempre dá um jeito de abrilhantar qualquer enredo. Se há algum tempo viralizaram histórias de ca...

Ver todas