Alimentação animal

Ração para cachorro: veterinária desvenda como a alimentação adequada impacta a saúde do seu pet

Publicado - 01 Novembro 2023 - 15h05

Atualizado - 11 Abril 2024 - 14h35

Tatiana De Vita / Médica veterinária

CRMV - 44465

Médica Veterinária formada pela FMVZ - USP

Laura Furtado / Redatora

Jornalista em formação pela Universidade Federal Fluminense (UFF), em Niterói. Desde pequena, sempre tive um amor e carinho especial por todos os animais. Quando completei 6 anos, meus pais me presentearam com um cãozinho da raça Bichon Frisé que chamamos de Billy. Foi o dia mais feliz da minha vida, fiquei horas chorando sem acreditar que ele era meu. Billy viveu 14 anos com a gente, mas virou uma estrelinha em 2019 depois de uma história linda ao nosso lado.

Em 2019, ganhei da minha sogra uma Dachshund, o famoso salsichinha, e desde então minha vida voltou a fazer sentido. Pode parecer clichê, mas nada explica o sentimento de amor e carinho que ter um pet proporciona. Nós decidimos chamar ela de Teteia, e não poderia existir nome melhor pra descrever ela. Teteia significa moça atraente, e a minha Teteia salsicha é realmente a coisa mais linda do mundo, além de ser extremamente carinhosa, companheira e engraçada.

Em 2023, participei de uma entrevista e entrei para o time do Patas da Casa. Fiquei muito feliz, porque sempre tive afinidade e carinho pelos animais, e não há nada melhor do que escrever sobre coisas que a gente ama, né. Me identifiquei de cara com os valores do Patas e sempre considerei o projeto de suma importância para tutores que, assim como eu, buscam se informar para garantir o melhor para os pets. Desde então, cada dia tem sido um aprendizado, e sou muito feliz por fazer parte de um projeto tão especial quanto o Patas.

• Filme com animal preferido: “Marley e Eu”
• Uma raça de cachorro: Vira-lata
• Uma raça de gato: Siamês
• A curiosidade favorita sobre cachorros: Os cães de suporte emocional podem agir como 'terapeutas', ajudando pacientes com ansiedade, depressão, autismo e estresse pós-traumático
• A curiosidade favorita sobre gatos: Os gatinhos tem efeitos positivos na sáude mental e física dos humanos
• Sobre o que mais gosta de escrever no universo pet: Comportamento animal
• Um aprendizado: Adotar cachorro ou gato pode mudar a vida das pessoas e dos animais para melhores, trazendo muito amor e felicidade
• Nome de pet favorito: Larica

Assim como para os humanos, uma alimentação balanceada ajuda a oferecer uma boa qualidade de vida aos pets. Por isso, é fundamental investir em uma ração para cachorro e em outros alimentos de qualidade, que contenham todos os nutrientes que o peludo precisa. Mas como a alimentação do cachorro interfere na saúde dele? Uma dieta equilibrada e adequada — ou seja, que considera a espécie, idade e porte do animal — é capaz de prevenir doenças, manter o peso ideal, melhorar a saúde dos pelos, reduzir problemas dentários e muito mais. 

Para desvendar como a alimentação pode afetar a saúde do pet, o Patas da Casa conversou com a veterinária Tatiana De Vita para descobrir qual a melhor ração para cachorro e o que ela precisa conter. Confira!

Qual é o benefício da ração?

Pensada e formulada especialmente para atender as necessidades nutricionais dos doguinhos, a ração de cachorro possui vários benefícios para a saúde do animal. Ela leva em consideração todas as especificações do animal, como o porte e a idade, e tem o percentual certo de nutrientes para atendê-lo da melhor forma.

Imagem Quiz:Como você escolhe a ração do seu cachorro? Faça o teste e descubra!

Como você escolhe a ração do seu cachorro? Faça o teste e descubra!

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

“Quando alimentamos nosso animalzinho com uma dieta pronta e de confiança, sabemos que naquele pacote temos todos os ingredientes necessários e nas quantidades nutricionais específicas para a manutenção da saúde do seu pet. A dieta comercial é prática, rápida de adquirir, armazenar e contém tudo que aquele pet precisa para viver mais e melhor considerando suas características etárias, porte e, muitas vezes, uma doença ou necessidade especial”, explica Tatiana. 

Dentre os principais benefícios de oferecer rações de qualidade para o peludo, podemos destacar: 

  • Nutrição equilibrada: uma ração equilibrada que atenda às necessidades dos cães precisa conter proporções adequadas de gorduras, carboidratos, proteínas, vitaminas e minerais. Vale dizer que a ração e sachê para cães com melhor proteína (em termos de qualidade) contribuem para a energia e saciedade dos pets.
  • Controle de peso: uma ração que forneça quantidades balanceadas de nutrientes e oferecida de maneira correta, evita um cachorro obeso.
  • Pelos saudáveis: ácidos graxos essenciais, como o ômega 3, e proteínas de qualidade ajudam a manter o aspecto saudável e brilhante do pelo do cachorro.

Qual a melhor ração para cachorro ?

Com tantas opções de alimentos para cachorro nas prateleiras de pet shops, pode ser um desafio descobrir qual é a melhor ração para o peludo. Afinal, o que é importante na ração de cachorro?  Quais são os nutrientes mais importantes na ração de cachorro? A veterinária Tatiana explica: “Alguns ingredientes são indispensáveis nos alimentos dos cães, como a proteína, fontes de carboidratos, fibras, gorduras, vitaminas e minerais. Esses são nutrientes essenciais para promover uma boa saúde do pet.” 

Além disso, a especialista revela a importância de se atentar à qualidade dos produtos, e não apenas quantidade: “É importante ressaltar que não é apenas a quantidade dos ingredientes que importa quando falamos em alimentação dos pets, mas também a qualidade desses ingredientes. Sempre lembrando que tanto a falta quanto o excesso de nutrientes são prejudiciais para a saúde dos cãezinhos.”

cachorro comendo
Uma ração para cachorro de qualidade contém todos os nutrientes indispensáveis

Como saber se a ração é de boa qualidade?

Para não errar na hora de escolher a melhor ração de cachorro, o que o tutor não pode esquecer? Como saber se a ração é de boa qualidade ou não? A principal dica é conferir o rótulo do produto. É lá que você vai encontrar informações como a lista de ingredientes, fonte de proteína, umidade, indicações e instruções de uso. Também é preciso estar atento à quantidade dos ingredientes na alimentação de cachorro, que ficam listados nas embalagens.

“Os ingredientes estão listados nas embalagens sempre em ordem de maior para menor quantidade, nos alimentos para cães e gatos. Ou seja, o primeiro ingrediente que aparece é aquele que possui maior quantidade”, orienta a veterinária.

Além disso, escolher marcas confiáveis no mercado é a chave para manter a boa saúde dos cães. É o que diz Tatiana: “Saber de qual empresa é originado o alimento nos ajuda a direcionar na hora da aquisição, já que algumas informações não aparecem no rótulo, como a digestibilidade e qualidade do processamento, por exemplo. Por isso a importância de fornecer alimentos de empresas conhecidas e confiáveis, além de conversar sempre com um médico veterinário para que ele auxilie na escolha do melhor alimento para seu pet individualmente.”

Por que não dar ração com corante?

Assim como existem alguns ingredientes que não podem faltar na ração para cachorros, também existem componentes que devem ser evitados sempre que possível, como os corantes artificiais. Sobre isso, a profissional esclarece: “Ainda não temos na literatura estudos que comprovem os malefícios do uso de corantes na alimentação dos cães e gatos, porém, o corante pode desencadear alergia em cachorro ou gastrites, por exemplo, quando o animal é mais sensível a esse componente.”

Além da possibilidade de causar reações alérgicas e gastrite nos peludos, não existe nenhum benefício que os corantes proporcionam aos pets que justifiquem o seu uso. “Os corantes artificiais não agregam nenhum valor nutricional para o alimento, apenas funcionam para tornar a ração mais atrativa para os tutores. Pensando que não temos nenhum benefício ao pet, a dica é optar por aqueles alimentos que não possuem corantes artificiais.“

Ração para cachorro filhote, adulto, idoso ou com condições específicas: o que muda na composição?

Uma ração para cachorro adequada precisa respeitar a especificidade de cada animal, como condições de saúde e sua fase de vida. Ou seja, filhotes de cachorro precisam se alimentar com a ração para cachorro filhote, assim como cães idosos devem seguir uma dieta especial com a ração para cachorro idoso. Tatiana explica porquê: “Um alimento para filhote é nutricionalmente diferente de um alimento para animais seniores. Isso porque o filhote está em desenvolvimento e precisa de mais energia para crescer e suprir os gastos de uma vida mais ativa, quando comparado com os animais idosos.” 

Pode misturar frango na ração do cachorro? 

Muitos tutores acreditam que a alimentação natural para cães é a melhor opção para os peludos e costumam complementar a ração com outros ingredientes, como frango desfiado, verduras e legumes para cachorro. Mas será que pode misturar frango na ração do cachorro? De acordo com Tatiana, quando as rações são completas e balanceadas não há necessidade de acrescentar ingredientes na rotina alimentar. Isso só deve acontecer no caso de suplementação indicada por um médico veterinário.  

“Quando acrescentamos ingredientes externos na alimentação completa, estamos oferecendo nutrientes em excesso e isso também pode ser prejudicial ao pet, podendo levar a sobrecarga de alguns órgãos e desencadear doenças como a obesidade canina, por exemplo, que pode também ser o início de outras condições como diabetes em cachorro, sobrecargas articulares e problemas cardíacos.”, alerta a especialista. Portanto, se você tem interesse em oferecer uma alimentação natural para cães, consulte um veterinário especializado, como um nutrólogo, antes de tomar qualquer decisão. 
 

Adote um animal

Qual é o maior cachorro do mundo? Conheça 6 raças gigantes que batem recordes no quesito tamanho

Você já se perguntou qual é o maior cachorro do mundo? Existe uma grande variedade de raças com características físicas diferentes, ...

Cachorro

Qual o significado de sonhar com cachorro atacando?

O significado de sonhar com cachorro é muito variado. Não é possível dizer que isso sempre vai representar algo positivo ou negativo...

Cachorro

Quais são os tipos da doença do carrapato em cachorro? Conheça as características de cada uma

A doença do carrapato em cachorro é um dos maiores temores dos tutores. O que nem todo mundo sabe é que existem diferentes tipos da ...

Cachorro

Como identificar a doença do carrapato em cachorro? Vets recomendam prestar atenção a esses 8 sinais na rotina do pet

A doença do carrapato em cachorro é uma das enfermidades mais perigosas e traiçoeiras que existem no universo canino. Infelizmente, ...

Gato

O gato Bengal é selvagem, híbrido ou doméstico? Curiosidades sobre os instintos da raça que parece um leopardo

O gato Bengal é uma das raças mais exóticas que existem por uma razão simples: eles são bem parecidos visualmente com o leopardo, um...

Adote um animal

8 características do Sphynx, o gato sem pelo

A aparência única e charmosa do Sphynx gera muita curiosidade. Afinal, não é todo dia que a gente encontra um gato sem pelo por aí, ...

Adote um animal

Qual é o maior cachorro do mundo? Conheça 6 raças gigantes que batem recordes no quesito tamanho

Você já se perguntou qual é o maior cachorro do mundo? Existe uma grande variedade de raças com características físicas diferentes, ...

Cachorro

Qual o significado de sonhar com cachorro atacando?

O significado de sonhar com cachorro é muito variado. Não é possível dizer que isso sempre vai representar algo positivo ou negativo...

Ver todas