Cachorro

Remédio ou coleira antipulgas? Veja qual o método mais adequado para o seu cãozinho

Publicado - 16 Novembro 2021 - 19h14

Atualizado - 15 Maio 2024 - 14h50

A coleira antipulgas e o remédio palatável costumam ser as primeiras opções cogitadas pelo tutor na hora de tratar uma infestação de parasitas. O cachorro com carrapatos ou pulgas ficam bem desconfortáveis com a coceira, que pode até causar feridas na pele, por isso o tratamento tem que começar o quanto antes. O remédio comprimido é a opção mais clássica e que a maioria das pessoas conhece. Já a coleira antipulgas para cachorro tem se tornado cada vez mais popular, principalmente por conta da sua duração que costuma ser bem maior em algumas versões. Mas afinal, o que é melhor: coleira antipulgas para cães ou o comprimido? Nós te explicamos as vantagens e desvantagens dos dois modelos e te ajudamos a decidir. Afinal, para escolher entre coleira antipulga e remédio, é preciso ver qual é mais adequado para o seu cão.

A coleira antipulgas para cães libera substância que elimina os parasitas

coleira antipulgas possui uma substância que elimina os parasitas sem afetar o cachorro. Ao entrar em contato com a pele, a coleira antipulgas para cães começa a liberar os ativos. A substância fica apenas na camada externa da pele, sem riscos de entrar no organismo do pet, e é capaz de combater as pulgas existentes e prevenir novas infestações. Além de proteger contra pulgas, algumas variações da coleira também agem contra carrapatos e outros problemas, como a coleira contra leishmaniose

Apenas lembre-se de comprar do tamanho ideal para seu pet e cortar qualquer parte que esteja sobrando. O ideal é que a coleira antipulga possua um espaço de dois dedos entre o pescoço e a coleira para evitar que fique muito apertada ou que a substância não consiga entrar em contato com o animal. É bom ficar atento também ao período de proteção: é possível encontrar coleira antipulgas que protege de 30 dias até cerca de oito meses. Além da versão para cães, a coleira antipulgas para gatos também existe com um princípio de funcionamento parecido. 

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Além da coleira antipulgas, remédio em comprimido é eficaz no tratamento do parasita

Ao contrário da coleira antipulga, o remédio para pulgas age de dentro para fora. Trata-se de um comprimido que possui um princípio ativo capaz de matar pulgas e carrapatos sem causar danos ao cão. Quando o cachorro ingere o comprimido palatável (ou seja, que tem um gosto mais atrativo para os cães), o ativo é liberado na corrente sanguínea e absorvido pelo copo do animal. Assim que um carrapato ou pulga entra em contato com a pele do animal e a morde, fica exposto à ação do ativo e morre. Além de matar pulgas e carrapatos que tentem atacar o cão, o remédio comprimido antipulgas também tem efeito preventivo. Normalmente o comprimido palatável tem ação que varia de 30 dias a três meses.

Coleira antipulgas para cachorro X remédio palatável: saiba quais são as vantagens e desvantagens de cada um

A coleira antipulgas para cachorro possui a vantagem de ter uma duração maior de proteção. Existem modelos que deixam seu pet protegido por até 8 meses! Já o remédio possui um tempo menor, protegendo por, no máximo, até 12 semanas. O comprimido tem a vantagem de ser mais fácil de aplicar, sendo uma boa saída quando a infestação já está bem instaurada. Porém, é preciso ter certeza que o pet engoliu completamente, já que só assim o efeito será completo. Então, se seu cão tem muita dificuldade em engolir comprimidos, essa pode não ser a melhor escolha.

A coleira antipulgas também é prática, mas não deve ser usada por cadelas que estejam amamentando e por filhotes na fase de amamentação. Para usar a coleira antipulgas, o cachorro deve ter a partir de 6 semanas de vida. A coleira antipulgas para cachorro não traz problemas ao animal. Porém, se o pet tiver alguma reação alérgica à ela, é preciso removê-la e procurar outro modelo ou opção de tratamento com o veterinário. Além disso, se houver mais de um animal na casa, é preciso ficar de olho para que um não fique lambendo o corpo do que está com a coleira antipulgas. Cachorro pode acabar ingerindo o ativo se não houver atenção.

 

Cachorro usando coleira laranja em gramado ensolarado

 

Coleira antipulgas: preço é mais elevado do que o comprimido, mas tem melhor custo-benefício

No caso da coleira antipulgas, o preço varia de acordo com o tempo de proteção do produto. Os modelos que protegem por um mês são mais baratos que aqueles que protegem por mais tempo. A coleira antipulgas normalmente custa de R$60 a R$250 - existem variações de idade, porte, modelo e tempo de ação que podem diminuir ou aumentar o valor. Já o remédio antipulgas para cachorro varia principalmente de acordo com a dosagem e com a marca. É possível encontrar opções por R$50 e outras por R$150. Ou seja, não há muita diferença de valores entre os dois. Porém, analisando o custo-benefício, a coleira antipulgas tem uma duração bem maior.

Limpeza do ambiente é fundamental para manter as pulgas longe do seu pet

Não importa se você optou pela coleira antipulgas e carrapatos ou pelo remédio comprido: é preciso fazer a limpeza do ambiente. Pulgas e carrapatos ficam no local por bastante tempo, então é preciso fazer o controle ambiental para que novas infestações não ocorram. Não adianta tratar o pet se os parasitas continuam no ambiente. É com essa limpeza que os ovos dos parasitas vão sumir e acabar de vez com as pulgas, impedindo que tanto seu pet quanto outros animais contraiam o parasita. Tanto a coleira antipulgas para cães quanto o remédio são eficazes no combate às pulgas. Basta escolher a opção que mais se adequa ao seu caso.

Redação: Maria Luísa Pimenta

Comportamento

Cachorro e gato deixam as desavenças de lado e se unem para missão que parecia impossível

Existe uma crença de que cachorro e gato são inimigos naturais. Ao longo dos anos, a relação entre as duas espécies foi retratada na...

Cachorro

Com quantos anos você descobriu que é possível descobrir a idade de cachorro pelos dentes?

Em casos de adoção animal, em que a maioria dos cães são resgatados da rua, é inevitável surgir a curiosidade de qual é a idade do p...

Adote um animal

As 7 raças de cachorro mais engraçadas que existem - o último da lista chama atenção por um detalhe curioso

Cada raça de cachorro tem características físicas únicas e muito particulares. São esses traços que muitas vezes nos ajudam a difere...

Comportamento

Sem cerimônia, cachorro bate na porta do vizinho e entra na casa para chamar amiga canina para brincar

A socialização é um processo muito importante para que o cãozinho aprenda a conviver com outras pessoas e animais, e também faça alg...

Comportamento

Cachorro e gato deixam as desavenças de lado e se unem para missão que parecia impossível

Existe uma crença de que cachorro e gato são inimigos naturais. Ao longo dos anos, a relação entre as duas espécies foi retratada na...

Cachorro

Com quantos anos você descobriu que é possível descobrir a idade de cachorro pelos dentes?

Em casos de adoção animal, em que a maioria dos cães são resgatados da rua, é inevitável surgir a curiosidade de qual é a idade do p...

Adote um animal

As 7 raças de cachorro mais engraçadas que existem - o último da lista chama atenção por um detalhe curioso

Cada raça de cachorro tem características físicas únicas e muito particulares. São esses traços que muitas vezes nos ajudam a difere...

Gato

Gato que frequentava Universidade se forma e recebe título de "Doutor em Litter-ature"

Histórias de bichinhos de estimação frequentando a universidade sempre ganham um lugar especial no nosso coração. Foi o que acontece...

Ver todas