Comportamento

Listamos 100 curiosidades sobre gatos. Veja e se surpreenda!

Curiosidades sobre gatos: os felinos são animais cheios de comportamentos peculiares e inusitados!
Curiosidades sobre gatos: os felinos são animais cheios de comportamentos peculiares e inusitados!

Por serem animais inteligentes e amorosos, os gatos já são os queridinhos dos humanos. Mas será que você conhece realmente esses bichinhos? Gatos são extremamente únicos e existem várias curiosidades sobre eles que muita gente não conhece. Além disso, os felinos também são cercados de muitos mitos que são espalhados por aí: desde as sete vidas até de que gatos pretos dão azar. Para te ajudar a desvendar todos os mistérios do universo felino, o Patas da Casa fez uma lista com 100 curiosidades sobre gatos. Você vai descobrir coisas que nunca passaram pela sua cabeça. Veja só!

Veja a seguir as 100 curiosidades sobre gatos que você provavelmente não sabia!

1) A audição dos gatos é muito aguçada. Em comparação com os humanos, que alcançam faixas ultrassônicas de 20.000 hertz, os gatos podem alcançar até 1.000.000 Hz (hertz). A audição felina ainda chega a ser melhor que a dos cachorros.

2) Muita gente se pergunta quantos anos vive um gato? Nos dias de hoje, a expectativa de vida de um gato doméstico é de 15 anos, em média, podendo variar dependendo da raça e outros fatores de criação.

3) O gato que viveu por mais tempo foi Crème Puff, que chegou aos 38 anos e 3 dias de vida. Por esse impressionante número, o gatinho garantiu o recorde histórico e faz parte do Guiness, o Livro dos Recordes.

4) Em curtas distâncias, um gato consegue correr a 49km por hora.

5) As lendas que colocam os gatos em situação de risco não fazem o menor sentido. Mesmo com as superstições de que “dão azar” em algumas culturas, o gato preto é visto como sinal de sorte e prosperidade na Austrália e no Reino Unido.

6) Por serem muito sensíveis a sons e vibrações, um gato pode perceber um terremoto com até 15 minutos de antecedência.

7) O coração do gato bate quase duas vezes mais rápido que o coração humano. Chegando a cerca de 110 a 140 batidas por minuto.

8) Os gatos conseguem suar apenas por duas regiões do corpo, entre os dedos e pelas patas. Isso acontece pois os felinos não têm glândulas sudoríparas no seu corpo como os humanos.

9) Assim como a impressão digital humana, o padrão do nariz de gato é único.

10) A orelha de um gato pode girar até 180 graus.

11) Os gatos passam cerca de 2/3 do dia dormindo.

12) A língua do gato não é capaz de sentir sabores adocicados.

13) O bigode de gato costuma ter 12 fios de cada lado na maioria dos felinos

14) Os felinos são capazes de fazer cerca de 100 sons de gato diferentes.

15) Um gato ronronando ou miando são formas comuns que o gato usa para se comunicar com os humanos.

16) Um gato quase nunca mia para outro. Eles costumam apenas ronronar, silvar (um som mais agudo e prolongado) e cuspir para outros gatos.

17) A coluna do gato possui 53 vértebras, por isso é um animal altamente flexível em relação aos humanos, que possuem apenas 34 vértebras.

18) Em um único salto, o gato é capaz de pular cinco vezes a sua altura.

19) Diferente dos cachorros, o gato costuma manter a cabeça sempre abaixada ao perseguir uma presa.

20) Uma gata fêmea pode dar à luz a uma média de nove gatos filhotes.

21) Esqueleto de gato: felinos possuem 230 ossos em seu corpo.

22) O gato não tem clavícula. Por conta disso consegue passar por qualquer lugar em que sua cabeça passe.

23) 10 anos de vida de um gato é equivalente a cerca de 50 anos de um ser humano.

24) Medicamentos como paracetamol e aspirina são extremamente tóxicos para gatos, assim como algumas plantas.

25) Um gato adulto tem 30 dentes, já o gatinho filhote desenvolve 26 dentes temporários nos primeiros meses de vida.

Faça o quiz e descubra se você tem alergia a gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

question quiz stamp

Como você fica ao chegar na casa de um amigo que tem um gato?

Question Header Background
question quiz stamp

O que acontece quando se aproxima de gatinhos na rua ou em feiras de adoção?

Question Header Background
question quiz stamp

As crises alérgicas costumam acontecer:

Question Header Background
question quiz stamp

O que acontece quando você fica perto de alguém que está com a roupa cheia de pelos de gato?

Question Header Background
question quiz stamp

Como seu corpo reage ao entrar em contato com um filhotinho de gato na rua?

Question Header Background
question quiz stamp

Quais são os seus sintomas mais comuns durante uma crise alérgica?

Question Header Background
question quiz stamp

O que você faz para melhorar um quadro de alergia?

Question Header Background

É bem provável que você tenha alergia a gatos e precise consultar um especialista As crises alérgicas fazem parte da sua rotina, mas será que é por causa dos gatos? Passe livre para ter um gatinho: você não tem alergia aos bichanos!
     Gato dormindo: os bichanos passam de 12 a 16 horas por dia de olhos fechados, entre cochilos e sonos mais profundos
    Gato dormindo: os bichanos passam de 12 a 16 horas por dia de olhos fechados, entre cochilos e sonos mais profundos

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos
    Comportamento animal

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos

    Quem tem um gatinho já deve ter percebido que eles costumam afofar ou “amassar pãozinho” em algumas circunstâncias específicas. Os movimentos lembram uma massagem. Antes de deitar, quando estão no colo do dono ou quando encontram uma coberta fofinha e macia. Se mesmo sem saber porquê eles fazem isso a gente já acha a coisinha mais linda do mundo, imaginem depois de saber? Vem com a gente desvendar!

    26) Banho de gato: os bichanos passam cerca de 8 horas por dia se limpando.

    27) Um gato tem cerca de 130.000 pelos por centímetro quadrado.

    28) Os gatos costumam ficar acordados nos períodos do anoitecer e amanhecer.

    29) Existem mais de 500 milhões de gatos domésticos no mundo.

    30) Atualmente existem cerca de 40 raças de gato reconhecidas.

    31) A temperatura normal de um gato é de 38º a 39º.

    32) A temperatura do gato é medida pelo ânus. Caso o gato esteja com a temperatura abaixo de 37º ou acima de 39º, ele pode estar doente.

    33) Para que o gato possa mastigar grandes pedaços de comida, o maxilar do gato se movimenta em ambos os sentidos.

    34) Os gatos possuem 33 músculos que controlam o ouvido externo.

    35) Um par de gatos pode dar origem a mais de 420.000 gatos em apenas 7 anos.

    36) A unha de gato é uma característica marcante dos felinos. Por se desgastarem mais, as unhas traseiras do gato não são tão afiadas como as das patas dianteiras.

    37) Os gatos costumam afofar as cobertas e os humanos por uma lembrança do que faziam quando filhotes durante a amamentação.

    38)  Os gatos são animais que costumam estar sempre em alerta. O momento em que eles costumam relaxar e estar mais confortáveis é durante as refeições.

    39) Os gatos são animais extremamente inteligentes e treináveis, podendo até mesmo ser adestrados.

    40) Especialistas acreditam que o gato usa o ângulo da luz do sol para encontrar o caminho de casa. Essa capacidade dos felinos é chamada de “psi-viagem”. Acredita-se também que os bichanos tenham células magnéticas em seu cérebro que funcionam como uma bússola.

    41) Os gatos costumam ter pequenos tufos de pelo nas orelhas que servem para mantê-las limpas e direcionar o som para os ouvidos.

    42) A visão do gato é bem limitada, eles não conseguem ver as cores tão bem quanto os humanos.

    43) A maior ninhada de gato até hoje foi de 19 gatinhos, mas apenas 15 sobreviveram.

    44) Cientistas acreditam que o gato ronrona fazendo as cordas vocais vibrarem na zona mais profunda da garganta. Para isso ocorrer, um músculo na laringe abre e fecha a passagem do ar 25 vezes por segundo.

    45) O gato macho tende a ser canhoto, enquanto a gata fêmea costuma ser destra.

    46) A bola de pelo que o gato vomita se chama egagropilos.

    47) O cérebro do gato se parece mais com o cérebro humano do que com o canino.

    48) Humanos e gatos possuem uma região no cérebro responsável pelas emoções que são idênticas.

    49) Quando gato caça algum animal e mostra para o dono, ele está tentando mostrar ao tutor suas habilidades.

    50) O ato de ronronar alivia dores e ajuda na cicatrização de ossos, músculos, tendões e ligamentos danificados.

    Curiosidade sobre gatos: os felinos têm alta capacidade para saltos
    Curiosidade sobre gatos: os felinos têm alta capacidade para saltos

    51) O gato demonstra agressividade soprando ou sibilando.

    52) Os gatos amam caixas de papelão porque elas estimulam o seu instinto de caça, reproduzindo o ato de vigiar as presas.

    53) Os gatos conseguem enxergar a luz ultravioleta e possuem uma visão noturna até 300 vezes melhor que a humana.

    54) O rabo do gato é um instrumento de comunicação. Quando está balançando a cauda, por exemplo, o gato pode estar indicando irritação.

    55) O gato que come a ração de cachorro tende a ter a deficiência de taurina.

    56) O gato costuma roçar nas pernas dos humanos para marcar território.

    57) No antigo Egito, os felinos eram tratados como divindades. Por isso, a maioria dos faraós eram retratados junto de seus gatos.

    58) A menor raça de gato é a Singapura, pesando cerca de 1,8 kg.

    59) Quando um gato morria no antigo Egito, a família costumava demonstrar tristeza raspando as sobrancelhas.

    60) A maior raça de gato é Maine Coon, podendo pesar cerca de 12 kg.

    61) O pelo dos gatos geralmente não isola o calor quando está úmido, por isso, a maioria dos gatos não costumam gostar de água.

    62) Os gatos não conseguem enxergar objetos que estejam a menos de 20 cm de distância.

    63) Os gatos gostam de subir nas coisas com a intenção de terem uma perspectiva do ambiente semelhante a dos humanos.

    64) Quando estão caindo, uma estrutura de equilíbrio localizada no ouvido, que se chama labirinto, envia um sinal para o sistema nervoso central. Por conta disso, o senso de equilíbrio felino é muito apurado e faz com que eles realizem diversas manobras instintivas.

    65) O gato doméstico mais antigo foi encontrado com mais de 9.000 anos, em uma escultura no Chipre.

    66) Persa, Maine Coon e Siamês são as raças de gato mais populares.

    67) A raça de gato Van Turco possui uma estrutura de pelo única que o torna resistente a água.

    68) A maioria dos gatos tinham pelos longos até cerca de 100 anos atrás, quando começaram experimentos para a produção de raças de gato sem pelo.

    69) O gato mais pesado registrado se chamava Himmy e pesava 21 kg.

    70) O maior bigode de gato do mundo pertence a gata Missi, da Finlândia. As vibrissas da gatinha possuem 19 centímetros de comprimento.

    71) Os gatos já foram responsáveis pela extinção de diversas espécies de anfíbios, roedores e pássaros ao redor do mundo. Por isso, os bichanos são considerados uma espécie invasiva.

    72) Após a fase da amamentação, o gato passa produzir menos enzimas da lactase. Por isso, apesar do leite não ser um alimento tóxico para os felinos, a maior parte dos gatos é intolerante a lactose.

    73) O fígado dos felinos é capaz de filtrar o sal da água. Por conta disso, os gatos também podem se hidratar com água salgada.

    74) Os gatos domesticados compartilham 96% de seus genes com os tigres. Por causa disso os gatos domésticos ainda apresentam um grande instinto de caça.

    75) Alguns alimentos, como batatas cruas, chocolate, alho, uvas-passas, tomates verdes, uvas e cebola, nunca devem ser oferecidos aos gatos, pois podem causar intoxicação. 

    Os gatos gostam de lugares altos porque conseguem enxergar todo o ambiente
    Os gatos gostam de lugares altos porque conseguem enxergar todo o ambiente

    76) O bigode de gato tem ligação direta com o sistema nervoso e muscular, atuando como receptores de sensações e enviando informações sobre o que está a volta dos bichanos. Por isso, cortar as vibrissas não é recomendado e pode deixar os gatos desorientados.

    77) Especialistas indicam que o miado de gato pode ser utilizado para imitar a frequência do choro dos bebês, dessa maneira eles conseguem chamar atenção de seus donos para conseguirem o que querem.

    78) O gato esconde as fezes na areia para esconder o próprio cheiro. Esse comportamento em um ambiente selvagem pode evitar que predadores os encontrem.

    79) Os gatos se lambem para retirar o cheiro de seus donos do corpo. Se você é pai de pet, repare que ele vai se lamber justamente onde você tocou nele.

    80) Existem cerca de 100 gatos nos parques da Disney. Eles ajudam a controlar as infestações de ratos, sendo vacinados e recebendo cuidados dos funcionários dos parques.

    81) Um gato já concorreu a prefeitura de uma cidade no México. O felino que se chamava Morris e foi "candigato" na cidade de Xalapa. Se tratava de um protesto político de seu dono, mas que alcançou bastante  relevância nas eleições de 2013.

    82) A gatinha francesa Félicette foi o primeiro felino enviado para o espaço. Ela ficou conhecida como "astrocat" e retornou com vida da viagem que aconteceu 1963.

    83) O maior gato do mundo se chama Barivel e é da raça Maine Coon. Em 2018, o gatinho que mora na Itália tinha 120 centímetros com apenas 2 anos de idade.

    84) O menor gato do mundo é da raça Munchkin. Ele mede 13,3 centímetros e mora nos Estados Unidos.

    85) Na versão original da história de Cinderela, a fada madrinha era na verdade um gato.

    86) Na Rússia, durante o inverno, um gatinho salvou a vida de um bebê. O felino chamado Masha encontrou o bebê em uma caixa de papelão e entrou nela para aquecê-lo.

    87) Um gato chamado Hamlet passou sete semanas escondido atrás do painel de um avião. Ele viajou cerca de 600.000 quilômetros e passou a ser considerado o gato mais viajado do mundo.

    88) Gatos não têm sete vidas, no entanto, alguns felinos são capazes de sobreviver a quedas de 20 metros de altura.

    89) Quando jovens, os gatos costumam dormir mais em função do hormônio do crescimento.

    90) O gato Siamês pode mudar de cor de acordo com a temperatura. Isso acontece porque essa raça possui genes do albinismo, que são ativados quando estão mais aquecidos.

    91) Um bichano chamado Blackie foi considerado o gato mais rico do mundo pelo Livro dos Recordes. Ele herdou uma quantia equivalente a 13 milhões de dólares de sua dona em 1988.

    92) Os gatos são exploradores da natureza. Apesar de não ser muito comum, os gatos podem passear com coleiras caso sejam adaptados a essa prática desde filhotes. Algumas raças, como o Savannah, são mais propensos a isso.

    93) Gato pedindo carinho para o dono está fazendo uma demonstração de confiança.

    94) A castração de gato traz benefícios para saúde e comportamento do animal. O gato castrado tem menos chances e riscos de contrair doenças graves, como a FIV.

    95) O mais indicado para os pais de gatos é criar os bichinhos sem acesso a rua. A chamada criação indoor aumenta a expectativa de vida do gato e reduz a exposição a doenças.

    96) O paladar dos gatos é menos desenvolvido em comparação com os cachorros e humanos. O paladar felino possui 475 receptores degustativos, enquanto os cães apresentam 1.700 e os humanos 9.000.

    97) Os gatos começaram a ser domesticados a partir de 7.500 a.C.

    98) Por terem um instinto de caça bem desenvolvido, os gatos costumam caçar mesmo sem ter fome.

    99) O olfato de gato é extremamente apurado. Eles possuem cerca de 67 milhões de células olfativas.

    100) Todo o gato é único e é importante respeitar a personalidade de seu gato.

    Redação: Hyago Bandeira

    6 sons que os cachorros odeiam

    Próxima matéria

    6 sons que os cachorros odeiam

    Munchkin: curiosidades, origem, características, cuidados e personalidade... tudo sobre o
    Raças

    Munchkin: curiosidades, origem, características, cuidados e personalidade... tudo sobre o "gato salsicha"

    Gato anão e gato salsicha são algumas denominações usadas para se referir ao Munchkin, um adorável felino com as pernas curtinhas e coluna alongada. A raça de gato não é uma das mais populares do Brasil, mas com certeza chama a atenção pela sua forma física “diferenciada”. Muito doce e cheio de energia, o Munchkin é uma mistura de fofura, inteligência e companheirismo.

    Ragdoll: cuidados, personalidade e curiosidades... Conheça mais sobre essa raça de gatos gigantes
    Raças

    Ragdoll: cuidados, personalidade e curiosidades... Conheça mais sobre essa raça de gatos gigantes

    O Ragdoll é uma raça de gatos gigantes, bem peludinhos e muito ativos. A raça nasceu nos Estados Unidos, a partir de uma série de cruzamentos, e só chegou ao Brasil no início da década de 1980. A história é bem curiosa, mas o que chama a atenção mesmo é o resultado: um gato enorme e super fofo. O Ragdoll é uma raça muito carinhosa e que gosta daquele colinho gostoso do dono. Ou seja: é uma ótima companhia para outros animais (incluindo cães), crianças, adultos e idosos. Conheça mais sobre essa raça e se apaixone também!

    Saiba tudo sobre o gato Himalaia: origem, características, personalidade, cuidados e muito mais
    Raças

    Saiba tudo sobre o gato Himalaia: origem, características, personalidade, cuidados e muito mais

    O gato Himalaia é, sem dúvidas, uma das raças mais queridinhas e desejadas pelos amantes de felinos. Ele reúne em sua genética a mistura de outras duas raças que são muito populares: o gato Persa e o Siamês. Ou seja, é carisma e fofura em dose dupla! Além disso, esse gatinho tem uma personalidade super dócil e tranquila, sendo a companhia perfeita para quem sempre sonhou em ter um bichinho de estimação. Se esse é o seu caso, ou se você já tem um gato do Himalaia e quer conhecer tudo sobre ele, essa matéria vai te ajudar bastante. 

    Balinês: características, personalidade, saúde e curiosidades... conheça mais sobre essa raça de gato
    Raças

    Balinês: características, personalidade, saúde e curiosidades... conheça mais sobre essa raça de gato

    Pelos longos, finos e lisos: essas são as características mais comuns do gato Balinês. Facilmente confundido com o gato Siamês, o bichano desta raça também possui cores claras e manchas em determinados pontos do corpo e os famosos olhos azuis. O companheirismo tem tudo a ver com a sua personalidade: bastante adaptável, o gato Balinês é perfeito para quem busca um gatinho alegre e brincalhão. Para saber mais sobre essa raça, preparamos um guia com as principais informações. Dá uma conferida!

    Ver Todas >

    Adestramento de cães: como lidar com o cachorro latindo para outros cachorros no passeio?
    Comportamento animal

    Adestramento de cães: como lidar com o cachorro latindo para outros cachorros no passeio?

    “Meu cachorro faz escândalo quando sai” - se você está familiarizado com esse tipo de situação, deve estar se perguntando qual é a melhor forma de corrigir o comportamento do seu amigo de quatro patas, não é mesmo? Bom, a verdade é que quando o assunto é passear com o cachorro, cada bichinho reage de uma forma diferente. Alguns são mais tranquilos, enquanto outros são super agitados. Mas o que fazer quando o cachorro late muito no passeio?

    Anatomia externa canina: veja o infográfico e aprenda mais sobre as partes do corpo do cachorro
    Comportamento animal

    Anatomia externa canina: veja o infográfico e aprenda mais sobre as partes do corpo do cachorro

    A anatomia canina é tão fascinante que sempre aparece uma nova curiosidade para nos surpreender. Afinal, o universo dos cães é repleto de segredos! Todas as partes do corpo do cachorro possuem características, funções e estruturas completamente diferentes e igualmente interessantes. No caso da anatomia externa do cachorro, o foco fica em todas as partes que enxergamos só de olhar para o animal. 

    Coleira cabresto: entenda como funciona o acessório e em quais casos é recomendado
    Comportamento animal

    Coleira cabresto: entenda como funciona o acessório e em quais casos é recomendado

    A coleira com cabresto ajuda o tutor a lidar com cães que puxam muito no passeio. Sua posição ao redor do focinho pode trazer a impressão de que o animal está incomodado, mas na verdade, a coleira cabresto para cachorro é muito traz alguns benefícios. Ela faz parte do time de coleiras anti-puxão, ou seja, aquelas que são perfeitas para cachorro que é mais descontrolado e ansioso durante o passeio. 

    Viajar com gato: tutora compartilha a experiência de uma viagem de 18h com seu bichano
    Comportamento animal

    Viajar com gato: tutora compartilha a experiência de uma viagem de 18h com seu bichano

    Viajar com gato não é uma tarefa exatamente fácil, e muitos tutores acabam deixando esse tipo de passeio de lado para evitar possíveis estresses. No entanto, dependendo da personalidade e do comportamento do gato, é super possível levar o seu amigo em uma dessas aventuras. Viajar de ônibus com gato, de carro ou avião: não importa qual seja a sua escolha, o importante é conhecer os limites do seu gatinho e fazer de tudo para que ele fique o mais confortável possíve.

    Ver Todas >