Gato

Se seu gato não faz cocô há alguns dias, fique atento! Sintoma pode indicar problemas graves

Publicado - 26 Julho 2022 - 15h33

Atualizado - 22 Maio 2024 - 09h56

Quando um gato não consegue defecar é sempre importante ligar o alerta. Normalmente, associamos todos os problemas no sistema digestivo do gato à diarreia, já que é um sintoma comum a diversas doenças que podem afetar os bichanos. Porém, quando acontece o contrário e o gato não faz cocô, também quer dizer que há algo de errado acontecendo no organismo do animal. A verdade é que existem muitos motivos que podem explicar essa condição nos bichanos, sendo que alguns deles podem ser bem graves. Quer saber quais as causas e o que fazer quando o gato não consegue defecar? O Patas da Casa te explica a seguir!

Gato não consegue defecar: quais sinais o pet com essa condição costuma apresentar?

O normal é que um bichano evacue diariamente. Se o gato não faz cocô por dois a quatro dias, já pode considerar que algo está causando a prisão de ventre. Geralmente, o gatinho que não consegue fazer cocô apresenta ainda outros sinais físicos e comportamentais que ajudam o tutor a identificar o problema. Quando o gato não consegue defecar, ele se mostrar desconfortável, com dores, perda de apetite, perda de peso, vômito, vocalização intensa e irritabilidade.

Além disso, é bem normal que o bichano passe a ir mais vezes na caixa de areia para gatos e passe um tempo lá tentando evacuar, mas sem sucesso. Por outro lado, pode acontecer também de animal mostrar aversão à caixa de areia e nem chegar perto dela. Quando o pet finalmente consegue defecar, as fezes podem vir com sangue e normalmente são bem pequenas, de aspecto duro e seco.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

O que fazer quando o gato não consegue defecar?

Um gatinho que não está mais fazendo cocô como fazia antes é sempre um sinal de que há algo de errado com ele. Então o que fazer quando o gato não consegue defecar? No primeiro momento, você não tem como saber se é algo sério ou mais simples de se resolver. Por isso, o ideal é visitar um veterinário. Ele analisará o histórico do paciente e realizará exames até conseguir um diagnóstico concreto para, então, iniciar o tratamento adequado.

Jamais tente utilizar métodos caseiros para forçar a evacuação do animal, pois você não sabe qual é a causa. Terapias caseiras feitas de forma descuidada podem até piorar o quadro. Mas se você busca uma dica de o que fazer quando o gato não consegue defecar enquanto espera o atendimento médico, uma ideia é massagear a barriguinha dele. O movimento estimula a evacuação, principalmente em gatos filhotes que acabaram de passar pelo desmame.

Quando o gato não faz cocô há dias, tem muitas chances de ser o sintoma de alguma doença

Infelizmente, em muitas das vezes que o gato não faz cocô, o bichano apresenta alguma doença. A constipação é sintoma de diversas enfermidades, algumas delas bastante comuns entre os peludos. Diabetes felina, hipotireidismo, infecção urinária, cálculo renal, inflamações no trato digestivo e até mesmo certos tipos de tumores podem levar a essa condição. Por isso, ao perceber que o gato não consegue defecar, é fundamental avaliar se há outros sintomas que possam ajudar o veterinário a identificar o problema. Com o diagnóstico correto, o bichano vai receber o tratamento de acordo com a doença de origem.

 

Gato laranja dentro de caixa de areia fechada

 

Muitas vezes, o gato não faz cocô por conta de alguma obstrução 

Engolir um pedaço de brinquedo ou qualquer outro objeto sem querer é mais comum do que se imagina. Quando isso acontece, o gato pode ficar constipado. Na maioria das vezes, o objeto que está causando a obstrução é simplesmente uma bola de pelo. Ao se lamber, um gatinho com os pelos mais quebradiços e longos pode acabar engolindo uma quantidade maior de fios. O animal tem dificuldade em expulsá-la, o que acaba bloqueando o sistema digestivo. Assim, temos um gato com dificuldade para fazer cocô. Portanto, em muitos casos de “meu gato não consegue evacuar", a verdade é que o animal ingeriu algum objeto que está atrapalhando o processo de digestão. 

Problemas nos ossos podem ser a explicação do por que o gato não consegue defecar

Você sabia que algumas vezes o gato não faz cocô porque está com um problema ósseo? Alguns traumas, lesões ou doenças nos ossos dos gatos podem acabar causando dores articulares, principalmente abaixo das costelas ou na pelve. Essa dor causa um desconforto tão grande que o animal simplesmente não consegue ficar na posição necessária para evacuar. Por isso, ele acaba prendendo as fezes e sofre com constipação. Isso é mais comum em gato idoso, que já possui os ossos mais fragilizados, mas pode acontecer com bichanos de todas as idades. Gatos com sobrepeso têm mais tendência a desenvolver esse problema. 

Meu gato não consegue evacuar: causa também pode estar atrelada à falta de higiene

Se você se identifica com a frase “meu gato não consegue evacuar”, mas ele não apresenta nenhum outro sintoma que indique doença, pode ser que a resposta esteja na higiene. Gatos são animais que prezam muito pela limpeza. Por isso, se o gatinho encontrar a caixa de areia suja, com fezes que ainda não foram recolhidas, pode ter certeza que ele não vai fazer suas necessidades ali. Com isso, o gato não faz cocô e acaba prendendo demais as fezes, resultando em outros problemas de saúde. Portanto, é fundamental saber como limpar a caixa de areia do gato e fazer isso diariamente.

Se o gato não faz cocô, é necessário mudar sua alimentação

A alimentação interfere muito na saúde do gato. Uma dieta pobre em nutrientes gera consequências no corpo do animal e uma delas pode ser a constipação. As fibras são alguns dos nutrientes mais importantes na alimentação do gato. Sua baixa concentração acaba trazendo problemas, sendo um deles o gato com prisão de ventre. Por isso, uma dica do que fazer quando o gato não consegue defecar é aumentar a concentração de fibras em sua dieta. 

O ideal é sempre conversar com um veterinário para que ele passe uma dieta balanceada de acordo com o seu pet. Outra coisa que pode ter relação com o gatinho que não faz cocô é a desidratação. A baixa ingestão hídrica acaba favorecendo a prisão de ventre no animal. Por isso, é recomendado que o tutor incentive o gato a beber mais água.

Redação: Maria Luísa Pimenta

Raças

O menor gato do mundo é selvagem, praticamente cabe na palma da mão e tem a pelagem laranja

Quando pensamos no menor gato do mundo, é inevitável não considerar algumas raças de gato domésticas que são famosas pela baixa esta...

Cuidados

Plantei essa grama de gato e meus pets ficaram loucos: dá pra fazer com um ingrediente barato que você tem em casa

A grama de gato é uma plantinha cheia de benefícios e totalmente segura, cultivada especialmente para os bichanos. Além de deixar os...

Raças

Salmiak: possível nova raça de gato com pelos "grisalhos" é descoberta por cientistas

Cerca de 74 raças de gato são oficialmente reconhecidas pela TICA (The International Cat Association), um órgão que registra os pedi...

Saúde

Esses são os 6 sinais mais comuns de verme de gato: alguns passam despercebidos até se você for um tutor muito atento

Assim como o verme em cachorro filhote e adulto, um dos problemas mais preocupantes que podem afetar os bichanos é o verme de gato. ...

Adoção

Esses são os 210 nomes de cachorro macho mais famosos: encontre a melhor ideia para chamar o pet que acabou de adotar

Escolher um nome de cachorro macho nem sempre é fácil, já que a variedade de opções pode deixar muitos tutores perdidos. É possível ...

Raças

O menor gato do mundo é selvagem, praticamente cabe na palma da mão e tem a pelagem laranja

Quando pensamos no menor gato do mundo, é inevitável não considerar algumas raças de gato domésticas que são famosas pela baixa esta...

Raças

O cachorro mais popular de todos: saiba qual é a raça mais pesquisada no Brasil em 2024

As raças de cachorro mais populares geralmente incluem nomes como o Shih Tzu, Golden Retriever e Yorkshire. Mas sabia que tem um cão...

Cuidados

Plantei essa grama de gato e meus pets ficaram loucos: dá pra fazer com um ingrediente barato que você tem em casa

A grama de gato é uma plantinha cheia de benefícios e totalmente segura, cultivada especialmente para os bichanos. Além de deixar os...

Ver todas