Saúde

Queda de pelo em cachorro: o que fazer? Descubra as causas e os tratamentos para o problema!

  Seu cachorro está soltando muito pelo? Saiba se essa queda de pelo dos cães é normal!
Seu cachorro está soltando muito pelo? Saiba se essa queda de pelo dos cães é normal!

Vamos falar sobre queda de pelo em cachorro? É muito importante entender o assunto para evitar ou reconhecer possíveis problemas na saúde do pet! Trocar a pelagem é algo absolutamente normal para os cães, que soltam e ganham novos fios diariamente. Esse processo é natural e não afeta os pelos dos bichinhos. Mas, até que ponto isso não é o indicativo de uma complicação maior?

A queda de pelo do cachorro ocorre em qualquer raça, porém, algumas estão mais suscetíveis a passar por esse problema. O tamanho da pelagem, a alimentação do pet e o ambiente em que vive podem influenciar bastante. Fatores como as estações do ano também são muito relevantes para determinar a frequência e a forma com que isso acontece.

Uma boa dica para reconhecer se a pelagem do seu cão está caindo mais do que deveria é observar se o processo está acontecendo de maneira uniforme. Quedas assimétricas, por exemplo, podem significar alopecia (que também pode acontecer em gatinhos), presença de parasitas e outros transtornos. Fique atento(a) aos sintomas do seu pet e, em casos de dúvidas, procure a ajuda de um veterinário!

Queda de pelo em cães: o que é alopecia canina?

A alopecia canina é um tipo de dermatite que provoca a queda de pelos em parte específicas do corpo do cão. Qualquer cachorro pode sofrer com esse mal indesejado, mas algumas raças estão mais sujeitas a isso. Entre elas, podemos citar: Chow-chow, Poodle, Husky Siberiano, Lulu da Pomerânia e outras. Os motivos da alopecia variam bastante e podem ir desde estresse até deficiências hormonais.

Cachorro com feridas, coceira e queda de pelo: o que pode ser?

Trocar a pelagem é normal, mas é melhor ficar ligado(a) quando isso vem acompanhado de outros sintomas. Seu cachorro está se coçando muito? É possível enxergar algumas feridas e lesões pelo corpo, principalmente nos lugares em que o pet se coça mais? Se a queda de pelo estiver associada a esses indícios, está na hora de procurar um veterinário. Várias doenças podem estar causando esse mal-estar no seu bichinho. Sarna, micose, escabiose, dermafitose e dermatite são algumas possibilidades. No caso da dermatite canina, existem dois tipos:

  • Dermatite atópica canina

A dermatite atópica é um problema que não afeta apenas os humanos! Embora sua causa exata ainda seja desconhecida, os veterinários acreditam que a condição seja uma doença de pele intermitente e o transtorno aparece graças à presença de alguns fatores que irritam a derme do animal. Normalmente, a dermatite atópica canina apresenta os seus primeiros sintomas entre o terceiro e o sexto mês de vida do cãozinho. Mas, infelizmente, também pode se desenvolver em um cachorro adulto.

Este mal indesejado é capaz de provocar coceira intensa, feridas, avermelhamento em certas áreas da pele e, é claro, perda de pelo. A doença não tem cura, mas você pode tomar algumas providências para aliviar os sintomas do cachorro, como prezar por uma alimentação balanceada e uma boa higiene.

  • Dermatite seborreica canina

A dermatite seborreica, ou seborreia canina, é mais um problema supercomum entre os cachorros. O transtorno acontece pelo excesso de produção de sebo pelas glândulas sebáceas do animal e afeta principalmente o rosto, as pernas e o tronco do cão. Graças a essa quantidade extra de oleosidade, pode ocorrer o surgimento de descamações amareladas ou esbranquiçadas junto ao pelo. A solução mais comum para o problema costuma ser o uso de um sabonete antiseborreico e uma boa alimentação.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Como seria o seu domingo perfeito?

Como você fica em um dia de chuva?

Como seria a viagem ideal nas férias?

Como você costuma encontrar os amigos?

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Como é a sua rotina matinal?

Como é a sua agenda no fim de semana?

Schnauzer e Shih Tzu são raças muito independentes Golden Retriever e Yorkshire são cães que gostam de curtir a companhia dos humanos Border Collie e Jack Russell Terrier são cheios de energia e amam aventura
      A queda de pelos em cachorros é normal, mas alguns fatores podem indicar um problema de saúde
    A queda de pelos em cachorros é normal, mas alguns fatores podem indicar um problema de saúde

    Mais Lidas

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    Uma das partes mais difíceis de ter um cachorro em casa é o momento em que eles adoecem — e isso piora quando a doença é das mais sérias, como a cinomose. Causada por um vírus, se não for tratada da forma correta, a cinomose em cães pode ser fatal não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele. Para entender um pouco mais sobre o que é cinomose canina, seus sintomas, causa e o tratamento, o Patas da Casa conversou com a veterinária Kelly Andrade, do Paraná. Dê uma olhada, aqui embaixo, nas instruções da profissional!

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!
    Saúde animal

    Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!

    A doença do carrapato é uma das mais conhecidas entre os pais de pet e também uma das mais perigosas para os cachorros. Transmitida pelo carrapato marrom, bactérias e protozoários invadem a corrente sanguínea e os sintomas variam de acordo com o grau da doença e podem causar coloração amarela na pele e mucosas, distúrbios de coagulação, manchas vermelhas espalhadas pelo corpo, sangramento nasal e, em casos mais raros, problemas neurológicos e até mesmo a morte do cachorro. Para ajudar a esclarecer dúvidas sobre a doença do carrapato, o Patas da Casa entrevistou a veterinária Paula Ciszewsi, de São Paulo. Confira abaixo!

    Cachorro ofegante: quais problemas o sintoma pode indicar?
    Saúde animal

    Cachorro ofegante: quais problemas o sintoma pode indicar?

    Encontrar o cachorro ofegante não é uma questão incomum na vida dos tutores. Normalmente, os peludos ficam mais cansados depois de um longo passeio ou brincadeiras, mas quando não houve nenhum estímulo é preciso ficar atento. Observe alguns sinais do cachorro ofegante: língua pra fora pode indicar calor ou cansaço, agora se o sintoma estiver acompanhado de tremores ou cachorro com dificuldade de respirar, o ideal é levá-lo imediatamente ao veterinário. Para saber como diferenciar e se há necessidade de buscar ajuda médica, nós conversamos com Ricardo Duarte, que é docente do curso de Medicina Veterinária do Centro Universitário FMU, de São Paulo.

    Veja outras possíveis causas para a queda de pelo no cachorro

    • Presença de parasitas (piolhos, pulgas ou carrapatos)
    • Infecções por fungos ou bactérias
    • Reações alérgicas (à comida ou medicamentos, por exemplo)
    • Alimentação desbalanceada
    • Problemas relacionados aos rins, fígado e tireoide
    • Desequilíbrio hormonal
    • Doenças sistêmicas, como a doença do carrapato, anemias ou infecções
    • Excesso de lambidas e mordidas na área
    • Câncer
    • Períodos de cio, gravidez, pós-parto e amamentação
    • Doenças imunológicas
    • Queimadura de sol
    • Contato com substâncias que possam irritar a pele
    • Estresse agudo

    Como evitar queda de pelo em cachorro? Boa alimentação e higiene são essenciais!

    Existem algumas formas de amenizar a queda de pelo dos cães, tanto a natural quanto aquela provocada por problemas de pele e outras complicações. Manter uma dieta saudável e uma higiene adequada estão entre as principais! Além disso, é legal criar uma boa rotina de escovação. A frequência com que a atividade deve ser praticada varia de acordo com o tipo de pelagem do pet, ou seja, é mais frequente nos pets mais peludos e menos frequente nos que têm pelos mais curtos.

    O ideal é remover o pelo que já está solto e evitar a formação de nós e a queda dos fios pela casa. Dependendo do comprimento do pelo, apostar na tosa também pode ser uma boa saída. No entanto, vale lembrar: a pelagem protege o cachorro e mantém sua temperatura corporal em equilíbrio, portanto, não exagere no corte.

    Queda de pelo canino: como é o tratamento?

    A solução mais indicada para resolver a queda de pelo do seu cachorro vai depender do que está causando o problema. Após um diagnóstico confirmado, o veterinário consegue optar pelo tratamento mais adequado, que pode incluir a utilização de um sabonete especial e até mesmo o uso de antibióticos, dependendo do caso. Remédios caseiros para a queda de pelo do cachorro, por outro lado, não são recomendados sem a indicação de um especialista.

    Redação: Dóris Marinho

    Pode dar dipirona para gato? Descubra se o medicamento é permitido e quais são as recomendações

    Próxima matéria

    Pode dar dipirona para gato? Descubra se o medicamento é permitido e quais são as recomendações

    Bicheira ou berne em cachorro: o que é, tratamento e como evitar que seu pet tenha o problema
    Saúde

    Bicheira ou berne em cachorro: o que é, tratamento e como evitar que seu pet tenha o problema

    A berne em cachorro - ou bicheira, como é popularmente conhecida - é um problema mais comum do que parece, principalmente na zona rural, onde há mais presença de moscas e insetos. Causada pelas larvas da mosca varejeira, essa doença se desenvolve embaixo da pele do pet, gerando intenso desconforto para ele a cada vez que o parasita se mexe ou se desenvolve no tecido subcutâneo. Você, certamente, não quer ver o seu cãozinho com dor, não é mesmo? Então, pensando nisso, preparamos uma matéria especial com dicas de como tirar berne de cachorro - caso ele já esteja passando por isso - e, ainda, com os principais cuidados para que esse incômodo nem apareça. Vem conferir!

    Parvovirose canina: descubra o que é, sintomas, prevenção e como funciona o tratamento da doença viral
    Saúde

    Parvovirose canina: descubra o que é, sintomas, prevenção e como funciona o tratamento da doença viral

    Uma das doenças virais de cachorro mais sérias e comuns que existem, o vírus da parvovirose atinge, principalmente, animais que não foram imunizados contra este e outros vírus. Entre os principais sintomas da parvovirose, o vômito, a diarreia com sangue, e a desidratação podem ser destacados, ou seja: mesmo que o diagnóstico chegue bem cedo, o tratamento deve começar o quanto antes, já que a parvovirose pode ser fatal. Para esclarecer todas dúvidas sobre a parvovirose canina, nós conversamos com a veterinária Jackeline Ribeiro. Dá uma olhada no que ela contou!

    Dermatite atópica canina: qual o melhor tratamento caseiro para o cachorro que está com queda de pelo
    Saúde

    Dermatite atópica canina: qual o melhor tratamento caseiro para o cachorro que está com queda de pelo

    Algumas raças de cachorro, como os Pugs e Bulldog Francês, têm uma propensão maior a desenvolver alergias por causa de sua anatomia, mas se engana quem acha que essas irritações na pele acontecem apenas com eles. A dermatite atópica canina é uma alergia de cachorro e afeta uma série de raças, como Boxer, Labrador, Dálmata, Maltês e Shih Tzu da mesma forma. A coceira é um dos principais sintomas e, por isso, costuma ser um dos primeiros a serem reparados pelos donos. Para te ajudar a identificar a condição no seu animal, o Patas da Casa juntou uma série de informações sobre a dermatite em cachorro: confira mais sobre o assunto aqui embaixo!

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande
    Grandes

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande

    Você já ouviu falar no Dogo Argentino? Essa é uma raça de cachorro que teve origem em um país vizinho ao nosso, a Argentina. Embora pareçam sérios, os cães desta raça são uns amores e têm tudo para te conquistar, principalmente se o que você procura é um amigo de quatro patas bem leal e parceiro. Mas antes de comprar ou adotar um cachorro desta raça, que tal conhecê-lo um pouco mais a fundo? 

    Ver Todas >

    Como aumentar a imunidade do cachorro? Qual o impacto na saúde? Saiba tudo sobre o sistema imunológico canino
    Saúde animal

    Como aumentar a imunidade do cachorro? Qual o impacto na saúde? Saiba tudo sobre o sistema imunológico canino

    A saúde do cachorro sempre deve estar em primeiro lugar para quem é pai de pet. Os cachorros tem um sistema imunológico que trabalha desde seu nascimento e vai se desenvolvendo conforme o cão é exposto a patógenos. Assim como nos humanos, alguns fatores externos podem prejudicar o sistema imunológico canino. Situações de estresse, má alimentação, mudanças de clima e baixas temperaturas, por exemplo, podem afetar o sistema imunológico do cãozinho. A defesa desabilitada do organismo do cachorro pode resultar em doenças recorrentes, abatimento e cansaço. Lembre-se que é sempre necessário a avaliação de um médico veterinário de confiança caso seu amigo de quatro patas esteja apresentando sintomas de qualquer doença. Se você quer entender mais como aumentar a imunidade baixa do cachorro e entender melhor o funcionamento do sistema imunológico canino, o Patas da Casa reuniu todas as informações sobre o assunto. Vem dar uma olhada!

    Castração de gato: quais os cuidados que você deve ter no pós-operatório?
    Saúde animal

    Castração de gato: quais os cuidados que você deve ter no pós-operatório?

    A castração de gato é um procedimento cirúrgico que vai muito além de evitar a gravidez indesejada e o possível abandono de animais: ela também é uma forma de cuidar da saúde do seu amigo de quatro patas. No entanto, é comum que muitos tutores se sintam inseguros com a cirurgia, principalmente porque é necessário ter alguns cuidados antes e depois de castrar gato. 

    Cálculo renal em gatos: como se desenvolve? Tem cura? Veterinária explica tudo sobre o problema
    Saúde animal

    Cálculo renal em gatos: como se desenvolve? Tem cura? Veterinária explica tudo sobre o problema

    Não é mistério que os felinos têm certa dificuldade para beber água no dia a dia. A questão é que muitas vezes isso acaba desencadeando vários problemas na saúde do gato, principalmente no sistema urinário, trazendo grande preocupação para os tutores. O cálculo renal em gatos é uma doença mais comum do que se imagina e precisa de alguns cuidados. Por isso, é essencial saber identificar um gato com problema renal para procurar a ajuda de um especialista o quanto antes. 

    Cardiomiopatia dilatada em cães: veterinária explica como a doença se desenvolve
    Saúde animal

    Cardiomiopatia dilatada em cães: veterinária explica como a doença se desenvolve

    Os cachorros são companheiros incomparáveis e donos de um grande coração. Mas o tutor deve estar sempre atento a saúde deste órgão, pois esses animais também podem sofrer com alguns tipos de cardiopatia em cães. Algumas dessas doenças cardíacas são bastante comuns, como é o caso da cardiomiopatia dilatada em cães. Apesar do nome difícil, é muito importante saber tudo sobre essa doença que atinge o coração dos cachorros.

    Ver Todas >