close
Adestramento

Latido de cachorro: saiba identificar os tipos e descubra o que seu pet quer dizer

O latido de cachorro pode significar desde alegria até tédio
O latido de cachorro pode significar desde alegria até tédio

Ter um cachorro latindo dentro de casa é uma situação comum para quem é pai ou mãe de pet. Alguns cães latem muito e outros são mais silenciosos. Mas a verdade é que o latido de cachorro é a principal forma de comunicação canina, seja com humanos ou com outros animais. Por ser praticamente uma linguagem canina, o cachorro latindo pode estar querendo dizer várias coisas, desde demonstrar alegria até alertar algum perigo. Saber interpretar os tipos de latido de cachorro é essencial para ajudar seu amigo sempre que ele precisar. Para entender o significado de um cachorro latindo, fique atento aos sinais!

O que o cachorro latindo quer dizer? O que observar na hora de interpretar os latidos?

Os humanos se comunicam, principalmente, pelas palavras. Com os cães, não é muito diferente. Apesar de não possuírem um alfabeto, o som de latido de cachorro é sua principal forma de comunicação. O latido de cachorro tem diferentes frequências e sonoridades fundamentais na missão de comunicar algo. A vocalização vai desde um latido de cachorro simples até um uivo bem intenso. Todo cachorro latindo está dizendo algo, então tenha certeza que a barulheira não é aleatória.

Um cachorro filhote latindo, por exemplo, pode estar com medo de um lugar novo ou muito feliz! O som de latido pode parecer igual para nós, mas intensidade, volume e frequência são coisas que você pode reparar e que indicam o que se passa. Além disso, a linguagem corporal canina pode ajudar a interpretar os latidos. O rabinho balançando, a orelha para cima e os pelos arrepiados são alguns sinais. Observar se o cachorro latindo possui postura de ataque ou treme muito também são formas de interpretar os latidos. Essas dicas funcionam para qualquer cão, do adulto ao filhote de cachorro latindo, e são o primeiro passo para desvendar o que o pet quer dizer.

Cachorro latindo: veja os diferentes tipos de latido de cachorro

Um latido de cachorro forte e alto pode incomodar a vizinhança e deixar o tutor sem saber o que fazer. Mas como o cachorro latindo está, na verdade, tentando dizer algo, a melhor maneira de controlar essa situação é entendendo o que o ele quer dizer e resolver a causa. Se você está lidando com o latido de cachorro novo na casa ou de um velho amigo que começou a fazer isso mais frequentemente, fique atento para descobrir o motivo. Os principais tipos de latido de cachorro são: 

  • Latido de cachorro entediado: o cão no tédio fica impaciente e, por isso, pode começar a latir. Essa situação é comum em pets que passam muito tempo sozinhos. Geralmente é um latido de cachorro alto, prolongado e acontece principalmente quando o tutor não está em casa, podendo vir acompanhado de comportamento destrutivo.  
  • Latido de cachorro feliz: esse é um dos tipos de som de latido mais fáceis de identificar. É um latido de cachorro alto, curto e repetitivo, acompanhado de saltinhos, rodopios e rabo balançando. Você verá o cachorro latindo de euforia, comum quando o tutor chega em casa.
  • Latido de cachorro carente: costuma vir após o latido de cachorro entediado. O cãozinho fica carente e quer companhia. Geralmente é um cachorro latindo excessivamente e direcionado ao tutor. Pode ainda tentar dar a patinha e se aproximar. Ele só quer atenção!
  • Latido de cachorro protetor: parecido com o cachorro latindo bravo, esse som acontece geralmente quando o pet acha que você está em perigo. Esse é um tipo comum de latido de cachorro - pequeno ou grande - com grande instinto de caça e proteção. Durante um passeio, o cão pode latir para pessoas e animais desconhecidos. Esse latido de cachorro forte e alto costuma vir junto de rosnados, postura de ataque, pelos arrepiados e rabo levantado. 
  • Latido de cachorro territorialista: algumas raças são naturalmente territorialistas e querem proteger seu espaço, objetos e protagonismo na vida do dono. Por isso, o latido de cachorro territorialista geralmente vem em excesso e é direcionado à visitas, a um pet novo ou a alguém que se aproxima do tutor. Nesse caso, o cachorro latindo está tentando cuidar do que considera seu.
  • Latido de cachorro com medo: as causas do medo no cão podem ser diversas, como fogos de artifício, barulhos altos e chuvas com muitos trovões. O medo aparece tanto no latido de filhote de cachorro quanto no de um cão grandão - afinal, todos sentem medo. O latido de cachorro vem com postura retraída, desconfortável, com rabinho entre as pernas e tremedeira.
  • Latido de cachorro doente: quando está doente, o cão costuma ficar quietinho e sem se movimentar muito. Mas, em alguns casos, também latem. Pode ser um cachorro latindo baixo, como um choro, ou mais alto, parecido com um grito. Nesses casos, deve-se prestar atenção em outros sinais físicos e pedir ajuda a um veterinário.

Faça o teste e descubra qual a personalidade dominante do seu gato!

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Como seu gato reage com a chegada de visitas em casa?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você está pensando em adotar mais um gatinho. Qual seria a reação do seu felino?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você precisa levar seu gato ao veterinário e na fila ele encontra outro felino. Como ele reage?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Seu gato fica incomodado quando as portas de casa ficam fechadas?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seu gato se comporta com os outros animais da casa?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você acabou de chegar em casa depois de muito tempo fora. O seu gato:

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Seu gato deitou em cima da sua cama e dormiu. Qual a sua reação, humano?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seu gato se comporta na hora de se alimentar?

Question Header Background

Gato-humano! Seu gato não perde a oportunidade de estar ao seu lado Gato solitário! Seu gato tem uma personalidade mais quieta e reservada Gato-gato!  Seu gato gosta da companhia de outros felinos Gato curioso! Seu gato está sempre em busca de novas aventuras Gato caçador! Seu gato tem os instintos selvagens mais aflorados
    O cachorro latindo está tentando se comunicar, seja com o tutor ou com outros cães
    O cachorro latindo está tentando se comunicar, seja com o tutor ou com outros cães

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos
    Comportamento animal

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos

    Quem tem um gatinho já deve ter percebido que eles costumam afofar ou “amassar pãozinho” em algumas circunstâncias específicas. Os movimentos lembram uma massagem. Antes de deitar, quando estão no colo do dono ou quando encontram uma coberta fofinha e macia. Se mesmo sem saber porquê eles fazem isso a gente já acha a coisinha mais linda do mundo, imaginem depois de saber? Vem com a gente desvendar!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    Quais os motivos mais comuns para o cachorro que late muito

    Por ser uma forma de comunicação, o cachorro latindo é algo extremamente comum. Assim como nós humanos gostamos de conversar, os cães também gostam. Por isso, um cachorro chamando outro cachorro na rua com latidos é super normal, assim como demonstrar alegria ou medo com alguma situação. Porém, o cachorro latindo muito mais que o considerado aceitável pode ter alguns motivos que merecem atenção. Se você se identifica com a frase “meu cachorro late muito”, existem algumas razões comuns.

    Uma das principais é o tédio. O animal que fica muito tempo sozinho e não se diverte adequadamente pode apresentar esse comportamento para chamar a atenção do tutor. Até mesmo raças de cachorros que latem pouco podem passar a latir muito se não gastam sua energia e se sentem presos. Outra causa comum para o cachorro que late muito é a falta de socialização. O pet que não está acostumado com a presença de pessoas e animais fica ansioso quando acontece esse encontro. Esse costuma ser o motivo mais frequente do cachorro latindo muito para outras pessoas e cães ao passear na rua. 

    O que fazer e o que não fazer para amenizar o latido de cachorro em excesso?

    Os tutores de cães que latem pouco podem não estar acostumados, mas quem tem um cachorro que late muito sofre com a barulheira. Para controlar, é comum que o dono grite de volta para calar o pet. Mas a verdade é que isso só o estimula. Ele ouve você gritar e acha que também pode. O ideal é se manter firme sem aumentar o tom. Além disso, não o recompense. Dar um petisco para o cachorro latindo na esperança que ele pare só o incentiva mais, pois vai achar que na próxima vez também ganhará um brinde. O ideal é resolver diretamente o motivo que o leva a latir. Se for tédio, forneça meios para o cachorro se divertir. Se for carência, arranje mais tempo para ficar com ele. 

    A socialização é essencial para acostumar o cachorro que late muito na presença dos outros. O melhor momento para isso é enquanto são filhotes. É difícil definir exatamente com quantos meses o cachorro começa a latir. Geralmente, as cordas vocais ficam totalmente desenvolvidas por volta das sete semanas. Lembrando que algumas raças de cachorros que latem pouco e outras mais, o que influencia. Mas, mesmo variando com quantos meses o cachorro late, acontece mais ou menos no período em que a socialização é recomendada - da aplicação da vacina aos quatro meses. Por isso, a socialização tem papel essencial no controle do latido de cachorro excessivo desde cedo. Outra opção é apostar no adestramento, que pode ajudar muito na melhora do comportamento do cão.

    Redação: Ariel Borges e Maria Luísa Pimenta

    Publicada originalmente em: 24/09/2019

    Atualizada em: 18/08/2021

    Como treinar o Rottweiler para evitar comportamentos agressivos? Veja as dicas de um adestrador!

    Próxima matéria

    Como treinar o Rottweiler para evitar comportamentos agressivos? Veja as dicas de um adestrador!

    Hotel pet friendly: como funcionam as hospedagens que aceitam cachorros?
    Passeio

    Hotel pet friendly: como funcionam as hospedagens que aceitam cachorros?

    Viajar com cachorro é uma experiência incrível, mas que precisa de atenção. O primeiro passo é procurar por um hotel pet friendly - isto é, um hotel ou pousada que aceita animais de estimação - para que tudo seja perfeito. Existe hotel que aceita cachorro, mas que tem algumas limitações como quantidade de pets por quarto e que tem restrições quanto ao porte do animal (a maioria costuma aceitar apenas animais pequenos ou, no máximo, de porte médio). No entanto, também existem hotéis totalmente pet friendly que são praticamente o paraíso na terra para os nossos amiguinhos de quatro patas.

    Comportamento canino: entenda os diferentes tipos de personalidade e aprenda a identificar o padrão do seu pet
    Adestramento

    Comportamento canino: entenda os diferentes tipos de personalidade e aprenda a identificar o padrão do seu pet

    Assim como os humanos, os cães também tem um jeitinho próprio de se comunicar com o mundo ao seu redor. É algo que faz parte da personalidade deles e, por isso, é importante entender alguns aspectos do comportamento canino para estreitar a relação com esses animais. Será que você tem um cachorro mais destemido ou medroso? Comunicativo ou tímido? Amigável ou agressivo? 

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro
    Grandes

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro

    O Galgo Afegão, também chamado de Afghan Hound, é um cachorro originário do Oriente Médio com aparência exótica e charmosa, difícil de passar despercebido. O que poucas pessoas sabem é que, por trás da postura elegante e independente do cão Afegão, existe um ótimo companheiro de quatro patas, cheio de energia para gastar e amor para dar. Mas o que é necessário saber sobre essa raça de cachorro antes de comprar ou adotar um exemplar? Como é a personalidade do Afghan Hound e que cuidados são necessários com o cãozinho? 

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana
    Grandes

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana

    Um dos cãezinhos mais surpreendentes é o Cane Corso. Embora ele não seja tão popular quanto outras raças de cachorro grande, como o Labrador e o Golden Retriever, o Cane Corso é dono de um enorme coração e tem uma personalidade incrível. Algumas pessoas podem até se intimidar com o tamanho e a postura imponente do doguinho, mas só quem convive com um Cane Corso sabe como estes cães são adoráveis e carinhosos.

    Ver Todas >

    Border Collie merle: qual a explicação genética para o nascimento de cães com essa característica?
    Comportamento animal

    Border Collie merle: qual a explicação genética para o nascimento de cães com essa característica?

    O Border Collie merle tem uma variação de pelagem que encanta qualquer um, mas também traz muitas dúvidas. Qual a explicação para essa cor de cachorro? A pelagem merle deriva de algum problema genético? A saúde do pet é prejudicada por isso? São muitas perguntas, que nem sempre têm uma resposta fácil. O Border Collie merle tem um aspecto “marmorizado" na pelagem, que normalmente se apresenta nas versões blue merle (tons que variam do preto ao cinza misturado ao branco) e red merle (pelagem branca com tons avermelhados ou marrom). 

    Arranhador para gatos: benefícios, todos os tipos e modelos e como fazer
    Comportamento animal

    Arranhador para gatos: benefícios, todos os tipos e modelos e como fazer

    O arranhador para gatos é um acessório indispensável na casa de todo felino. Além de ser uma forma de estimular a interação do animal com o ambiente, o arranhador é um brinquedo divertido que ajuda a aliviar o incômodo das unhas crescendo e mantém os instintos primitivos dos pets. Existem vários tipos de arranhadores para gatos, feitos com diferentes materiais e que podem ser indicados de acordo com o padrão de comportamento do seu amiguinho. 

    Cachorro que come fezes: quais são as causas da coprofagia canina?
    Comportamento animal

    Cachorro que come fezes: quais são as causas da coprofagia canina?

    O cachorro que come fezes é uma situação que pode acontecer por diferentes motivos, mas sempre causa estranhamento entre os tutores. O hábito, também chamado de coprofagia canina, às vezes é encarado como algo engraçadinho, mas precisa de muita atenção. Isso porque a ingestão de fezes a longo prazo pode ser um verdadeiro problema para a saúde do seu amigo de quatro patas, que pode ser facilmente infectado por parasitas, bactérias e outros microrganismos presentes no dejeto.

    Gato Siamês e vira-lata: como identificar cada um?
    Comportamento animal

    Gato Siamês e vira-lata: como identificar cada um?

    O gato Siamês é uma das raças mais populares no Brasil. Já a raça de gato SRD (Sem Raça Definida), o famoso gato vira lata, também não fica para trás. Você com certeza já deve ter se esbarrado por aí com um filhote de gato vira-lata que tem as características do gato Siamês (olhos azuis, pelagem acinzentada e extremidades num tom mais escuro). Esse é um Siamês mestiço, conhecido como Sialata, uma mistura entre os dois. Mas como diferenciar os tipos de gatos siameses e vira-latas? 

    Ver Todas >