close
Saúde

Gato com heterocromia: entenda o fenômeno e os cuidados necessários com a saúde

Atualizado · 25 de fevereiro de 2022 · 08h02

Publicado · 28/10/2019 · 19h25

Gato com Heterocromia: essa condição não costuma apresentar problemas aos felinos, mas é importante observar caso o bichano seja branco de olho azul.
Gato com Heterocromia: essa condição não costuma apresentar problemas aos felinos, mas é importante observar caso o bichano seja branco de olho azul.

Você já deve ter visto por aí um gato com um olho de cada cor, não é?! Essa característica, chamada de heterocromia, é uma condição genética que pode ocorrer tanto em gatinhos, quanto em cães e humanos. Mas você sabia, que em alguns casos, esse charminho no olho do gato pode ocasionar alguns problemas na saúde do gato? Conversamos com a médica veterinária Amanda Carloni, pós-graduada em clínica médica de cães e gatos e especializada em medicina veterinária preventiva. Ela explicou tudo sobre gato com heterocromia!

Gato com heterocromia: como se desenvolve?

Também conhecido como “gato de olho ímpar”, o fenômeno da heterocromia é uma alteração na coloração da íris - pode ocorrer nos dois olhos ou somente em um. Existem tipos diferentes de heterocromia em gatos, como explica a veterinária Amanda: “pode ser completa (cada olho possui uma cor diferente), parcial (duas cores diferentes no mesmo olho), ou central (um “anel” de cor diferente circunda a pupila)”. Essa condição é, na maioria dos casos, congênita, de caráter hereditário, e não deve causar nenhum espanto ou preocupação ao tutor, já que o gatinho não sente nenhum desconforto ou incômodo.

“Um gato com heterocromia genética herdou da sua família um gene responsável pela diminuição da quantidade de melanócitos (células que produzem melanina) e, portanto, normalmente tem os olhos azuis, a pele clara e é branco ou tem manchas brancas”, esclarece a especialista. Porém, ela diz que a heterocromia em gatos também pode se desenvolver devido a um acidente ou patologia: “Nesse caso, o gato adquire uma coloração diferente nos olhos em decorrência da presença de cicatrizes que podem deixar o olho esbranquiçado, azulado ou com manchas”, afirma. De qualquer forma, é necessário observar e tomar alguns cuidados com os felinos, principalmente o gato de olho azul.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Heterocromia: gatos podem ter esse fenômeno nos dois olhos ou em um. Também pode ocorrer de maneira parcial.
    Heterocromia: gatos podem ter esse fenômeno nos dois olhos ou em um. Também pode ocorrer de maneira parcial.

    Mais Lidas

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    Gato com heterocromia: condição pode gerar alguns problemas no bichano

    Na maioria dos casos, a heterocromia não causa nenhum problema ao animal, mas há a possibilidade do surgimento de doenças que podem estar associadas com genética e raças de gatos. ”Nos casos genéticos, essa é apenas uma característica do gato e, portanto, não causa alteração da função ou desconforto no olho acometido. Porém, nos casos adquiridos, a heterocromia costuma ser sinal clínico de alguma patologia, sendo importante solicitar a ajuda de um médico veterinário para ajudar o bichano”, explica a veterinária. 

    Se você perceber alguma mudança repentina na cor do olho do gato, é necessário procurar um veterinário para diagnosticar se não há algum problema associado. Segundo a veterinária, no caso de alteração repentina de coloração do olho, gato pode estar diante de várias doenças oculares, como ferimentos e até mesmo neoplasias. A veterinária destaca, ainda, que algumas raças podem ser mais propensas a desenvolver heterocromia em gatos. “Contudo, é válido ressaltar que a raça, por si só, não irá definir se um gato terá heterocromia. Para isto ocorrer, é preciso que o gato tenha o gene responsável pela diminuição da quantidade de melanócitos”, explica. Dentre essas raças, estão:

    • Angorá;

    • Persa;

    • Bobtail japonês;

    • Van turco;

    • Siamês;

    • Birmânes;

    • Abissínio.

    Gato branco de olho azul pode apresentar surdez!

    No caso do gato branco, olho azul pode ser indicativo de surdez. Essa característica é denominada geneticamente. “Não podemos dizer que o gato branco de olhos azuis sempre apresentará surdez, pois biologia não é uma ciência exata! Mas, sim, há uma maior incidência de surdez nesses gatos. Isso porque o gene responsável pela diminuição da quantidade de melanócitos também costuma causar deficiências auditivas”, explica a veterinária Amanda. 

    A condição da heterocromia é apresentada com mais frequência em algumas raças de gatos específicas, que costumam ter a pelagem clara e os olhos azuis. É o caso do Siamês, do Birmânes, do Abissínio e do gato Persa. Isso também pode ocorrer quando o gato apresenta somente um dos olhos azuis. “Quando o gato ainda é filhote, algumas células em seus olhos podem se transformar em melanócitos, aumentando a produção de melanina. Se isto ocorrer em um olho só, este olho será mais escuro, enquanto o outro permanecerá azul”, complementa. Nesse caso, a condição da surdez pode estar presente somente do lado do olho mais claro. 

    Redação: Júlia Cruz e Maria Luísa Pimenta

    Displasia de quadril em cães: o que é, causas, sintomas e tratamentos

    Próxima matéria

    Displasia de quadril em cães: o que é, causas, sintomas e tratamentos

    Saiba tudo sobre o gato Himalaia: origem, características, personalidade, cuidados e muito mais
    Raças

    Saiba tudo sobre o gato Himalaia: origem, características, personalidade, cuidados e muito mais

    O gato Himalaia é, sem dúvidas, uma das raças mais queridinhas e desejadas pelos amantes de felinos. Ele reúne em sua genética a mistura de outras duas raças que são muito populares: o gato Persa e o Siamês. Ou seja, é carisma e fofura em dose dupla! Além disso, esse gatinho tem uma personalidade super dócil e tranquila, sendo a companhia perfeita para quem sempre sonhou em ter um bichinho de estimação. Se esse é o seu caso, ou se você já tem um gato do Himalaia e quer conhecer tudo sobre ele, essa matéria vai te ajudar bastante. 

    Tudo sobre o cachorro Boxer: origem, personalidade, saúde, características físicas e cuidados
    Grandes

    Tudo sobre o cachorro Boxer: origem, personalidade, saúde, características físicas e cuidados

    Se você sempre sonhou em ter um cachorro grande dentro de casa, a raça Boxer certamente é uma opção que não vai te decepcionar. Por trás da aparência robusta e que pode ser considerada até um pouco intimidante para alguns, existe um cãozinho companheiro e com muito amor para oferecer aos seus humanos. Conheça um pouco mais sobre o comportamento da raça, cuidados com a saúde e quanto custa um cachorro Boxer.

    Pinscher: da fama de nervosinho a fenômeno da internet, entenda como a raça conquistou os lares brasileiros
    Pequenos

    Pinscher: da fama de nervosinho a fenômeno da internet, entenda como a raça conquistou os lares brasileiros

    O cachorro Pinscher chama a atenção em qualquer lugar, principalmente por conta do seu jeitinho barulhento e que está sempre em alerta a tudo que acontece. Não é à toa que a raça ganhou os holofotes da internet nos últimos anos, e a busca por exemplares tem crescido cada vez mais. Até criaram uma nomenclatura para distinguir os tamanhos de Pinscher (0, 1, 2 ou 3 - que também é chamado de Pinscher “miniatura”), embora não seja algo reconhecido oficialmente.

    Gato idoso: tudo que você precisa saber sobre saúde, cuidados, alimentação e mudanças de comportamento
    Idoso

    Gato idoso: tudo que você precisa saber sobre saúde, cuidados, alimentação e mudanças de comportamento

    Com uma média de 16 anos de expectativa de vida, o gato idoso precisa de alguns cuidados específicos para uma velhice tranquila. A fase de vida requer algumas mudanças alimentação do gato, exercícios físicos, brincadeiras e cuidados básicos. A idade mais avançada ainda requer mais visitas ao veterinário, já que o bichano mais velhinho está propenso a desenvolver alguns problemas de saúde, como a Síndrome da Disfunção Cognitiva.

    Ver Todas >

    Novo coronavírus: cães e gatos podem contrair e transmitir a Covid-19? Esclarecemos as principais dúvidas!
    Saúde animal

    Novo coronavírus: cães e gatos podem contrair e transmitir a Covid-19? Esclarecemos as principais dúvidas!

    Cães e gatos podem contrair a Covid-19? Será que gato pega covid de humano? O coronavírus humano tem algum impacto na saúde do gato ou cachorro? Fomos atrás de respostas para todas essas dúvidas!

    Coleira antipulgas também protege o cachorro da leishmaniose? Veja o comparativo!
    Saúde animal

    Coleira antipulgas também protege o cachorro da leishmaniose? Veja o comparativo!

    A coleira antipulgas é um acessório que faz toda a diferença na vida de quem tem um ou mais cães. Mas você sabia que existem produtos que, além de combater as pulgas, também ajudam a afastar outros problemas indesejados, como carrapatos e mosquitos? É aí que entra a coleira contra leishmaniose! Para quem não sabe, a leishmaniose canina é uma doença transmitida pelo mosquito-palha considerada muito perigosa e que pode debilitar bastante a saúde do animal.

    Gato pega cinomose? Descubra a resposta!
    Saúde animal

    Gato pega cinomose? Descubra a resposta!

    Você já ouviu falar de cinomose em gatos? Muito se sabe sobre a cinomose em cães, doença altamente contagiosa e que traz diversas complicações à saúde do cachorro. Essa condição é temida por muitos tutores de cães, mas também tutores de gatinhos. Existe uma doença conhecida por “cinomose em gatos”, que parece ser exatamente igual à que atinge os cães. Porém, existem muitas dúvidas se esse termo é realmente o mais adequado para se referir a essa condição. Afinal, a cinomose pega em gato ou a doença acontece unicamente com cães? O Patas da Casa te explica tudo sobre a “cinomose em gatos”!

    Verme do coração: veterinário tira todas as dúvidas sobre a dirofilariose canina
    Saúde animal

    Verme do coração: veterinário tira todas as dúvidas sobre a dirofilariose canina

    Você já ouviu falar em doença do verme do coração? Se você é tutor de cachorro, é bom se preocupar com ela. A dirofilariose é uma doença muito perigosa, que pode afetar órgãos vitais dos cãezinhos e levá-los à morte. Diferente de outras doenças causadas por verminoses, o verme do coração é transmitido pela picada de mosquitos e, por isso, acaba sendo mais incidente no verão. Mas como identificar o verme no coração do cachorro? Dirofilariose tem cura? Como é feito o tratamento? E o mais importante: como manter o pet longe da doença? Descubra tudo sobre verme do coração em cães a seguir.

    Ver Todas >