Comportamento animal

Cachorro reativo: adestrador dá dicas do que fazer

Publicado - 22 Julho 2022 - 16h11

Atualizado - 22 Maio 2024 - 09h27

O cachorro reativo apresenta um comportamento canino anormal e exagerado quando se vê em uma situação que lhe cause. É diferente de um cachorro agressivo ou com um instinto protetor apurado. O cachorro reativo simplesmente reage de forma anormal a certas situações no dia a dia que são consideradas comuns a outros cães. Lidar com o pet quando o cachorro fica bravo de repente no meio da rua ou ao receber visitas em casa não é nada fácil. Se você tem um cachorro reativo, deve se perguntar qual a melhor maneira de deixá-lo mais à vontade e evitar os comportamentos exagerados dele. Para te ajudar, o Patas da Casa conversou com o adestrador Max Pablo, que explicou melhor o que é um cachorro reativo e o que fazer para controlar esse animal de forma saudável e eficaz. Confira!

O que é um cachorro reativo?

Muitas pessoas acham que cães reativos são aqueles super bravos o tempo inteiro. Porém, não é bem assim. Afinal, o que é um cão reativo? “Um cachorro reativo é aquele que demonstra um nível anormal de excitação (alteração hormonal ou comportamental), medo ou estresse em resposta a um estímulo normal”, explica o adestrador Max. Pode acontecer durante passeios, ao ver um animal novo, quando se recebe visitas em casa… o pet simplesmente passa a agir de forma anormal e exagerada nesses casos que, normalmente, são aceitáveis pelos cães.

Claro que existem cães agitados e que ficam mais eufóricos ao se depararem com situações como essas. Mas, no caso de um cachorro reativo, o problema vai além, já que a reatividade canina costuma estar associada a algum desconforto sentido pelo animal, e não a uma agitação ou instinto de cachorro protetor (que são as causas mais comuns da euforia nesses momentos).

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

O que pode causar a reatividade canina?

Sabendo o que é um cão reativo, surge a seguinte dúvida: o que causa a reatividade canina? Max explica que gatilhos emocionais, comportamentais ou qualquer coisa que gere algum desconforto no animal pode desencadear esse comportamento. A origem desse desconforto pode vir de traumas vividos no passado, falta de socialização adequada, estresse e exposição frequente a estímulos inadequados.

O cachorro reativo tem uma falta de autoconfiança quando se encontra em determinadas situações e acaba reagindo de forma exagerada. Vale ressaltar que cães reativos não necessariamente apresentam esse comportamento o tempo inteiro. Eles podem ser dóceis e calmos na maior parte do dia, mas a reatividade canina vem à tona quando os cães são expostos a certas situações que os fazem sentir mal por algum motivo.

Como lidar com um cão reativo durante passeios?

Um cachorro reativo na presença de outras pessoas e animais pode ser perigoso, já que o comportamento pode levar o pet a reagir com agressividade. Assim, muitos tutores de cães reativos têm medo de sair com o animal para passear, mesmo sabendo que essa atividade traz muitos benefícios ao cão. Se esse é o seu caso, confira algumas dicas do adestrador Max para você colocar em prática na hora de passear com cachorro reativo: “Saber manusear o cão com delicadeza, passando segurança para ele e sem dar afeto ou qualquer tipo de atenção. O ideal é mostrar ao cão que aquilo é normal e não oferece perigo”, explica.

Quando o pet fica agitado, com medo e estressado, é normal que você tente acalmá-lo com carinho. Mas se você fizer isso imediatamente, ele pensará que está certo em se sentir assim. Portanto, é recomendado agir com segurança e naturalidade. Tenha paciência, pois é um processo gradual. Comece mantendo distância do que causa desconforto no animal (pessoas, gatos, outros cães…). Com o pet observando de longe, trabalhe com associações positivas, oferecendo petiscos e palavras de incentivo. Se o cachorro fica bravo de repente, não faça carinho, se afaste e comece novamente. Conforme ele se mostre mais calmo, se aproxime do “perigo” com delicadeza, sempre respeitando os limites do animal.

 

Cão com semblante irritado
Cães raetivos dever ser bem treinados para evitar que apresentem comportamentos agressivos

 

A associação positiva ajuda a acostumar cães reativos com a presença de visitas

 

Tutores de cães reativos muitas vezes têm medo do comportamento do cachorro com visitas em casa e, por isso, acabam evitando essa situação. Porém, isso pode ser controlado com certos estímulos que façam o pet ver a presença de visitas como algo positivo e natural. O adestramento positivo é a melhor forma de fazer com que o cão passe a enxergar algo que antes via ruim como uma coisa positiva. “Associe a chegada e permanência das visitas com estímulos positivos, ignore o cão (se for a visita) e proponha correções despersonalizadas”, orienta o adestrador. 

Cães reativos adultos são mais difíceis de treinar?

Nunca é fácil lidar quando o cachorro fica bravo de repente. Além de ser perigoso para as pessoas e animais ao redor, é ruim para o próprio animal, já que claramente ele está ansioso, estressado e desconfortável. Por isso, ter esse treinamento de como lidar com cães reativos é tão importante. Muitas pessoas acham que esse adestramento só funciona nos cães filhotes e pensam que o cachorro reativo já adulto não tem mais jeito. Max explica que realmente pode levar mais tempo para controlar a reatividade canina nos pets mais velhos, mas não é nada  impossível. “Todo cão mais velho teve determinado estímulo por mais tempo. Sendo assim, pode ser mais difícil reverter o comportamento. Normalmente, o único detalhe que pesa bastante é o tempo que vamos levar para substituir aquele comportamento”, esclarece.

Que cuidados o tutor de um cachorro reativo deve ter na rotina do pet?

Todo mundo ama ficar com seu doguinho, fazer carinho o tempo todo e até mesmo mimá-lo com frequência. Porém, se seu cachorro fica bravo de repente em certas situações e apresenta comportamentos de reatividade canina, saiba que você precisará passar por algumas modificações no dia a dia para reverter essa situação com eficiência. O adestrador Max dá algumas dicas de mudanças que devem ser tomadas na rotina de forma a amenizar o comportamento de cães reativos: “Eliminar carinho, dessensibilizar o cão com aquilo que ele reage todos os dias gradativamente, manter uma rotina de exercícios para cachorro diários e socializar com cães equilibrados e confiantes”, explica Max. 

Não é uma tarefa tão simples, pois é necessário ter firmeza para saber a hora em que é bom dar um estímulo positivo ou não. Além disso, manter o pet ativo quando ele tem comportamentos de reatividade pode ser complicado no começo. Mas não desista jamais do adestramento e da socialização, pois os resultados são extremamente positivos para todos. 

Redação: Maria Luísa Pimenta

Comportamento

Tem um gato arranhando o sofá? Cientistas identificaram as causas desse comportamento e mostram como fazer o pet parar

Conviver com um gato arranhando o sofá é um problema que vários tutores têm dificuldade de corrigir. Apesar de ser um instinto nato ...

Adote um animal

Nomes para cachorro com a letra A: mais de 100 ideias para nomear o seu pet

Pesquisar e selecionar nomes para cachorro para o mais novo integrante da família é uma das partes mais divertidas do processo de ad...

Adote um animal

Maltês: 12 coisas que você precisa saber antes de ter um

Se você está em busca de um cachorro fofo e cheio de personalidade, o Maltês talvez seja a escolha perfeita. Esperto, dócil e brinca...

Adote um animal

Fiapo de manga: a nova "raça" de cachorro vira-lata que tem feito sucesso na internet

Há quem diga que vira-lata caramelo representa mais o Brasil do que samba e futebol - não à toa que existem propostas de lei para el...

Gato

Os melhores gatos para famílias com crianças: veja a lista com as 10 raças mais indicadas

Quando se trata de escolher um bichano para as crianças, algumas raças de gato se destacam por serem os companheiros ideais. Com per...

Comportamento

Tem um gato arranhando o sofá? Cientistas identificaram as causas desse comportamento e mostram como fazer o pet parar

Conviver com um gato arranhando o sofá é um problema que vários tutores têm dificuldade de corrigir. Apesar de ser um instinto nato ...

Adote um animal

Nomes para cachorro com a letra A: mais de 100 ideias para nomear o seu pet

Pesquisar e selecionar nomes para cachorro para o mais novo integrante da família é uma das partes mais divertidas do processo de ad...

Adote um animal

Maltês: 12 coisas que você precisa saber antes de ter um

Se você está em busca de um cachorro fofo e cheio de personalidade, o Maltês talvez seja a escolha perfeita. Esperto, dócil e brinca...

Ver todas