Adoção animal

Cachorra abandonada no deserto encontra canteiro de obra e implora aos trabalhadores que a salvem

Publicado - 20 Maio 2024 - 16h15

Atualizado - 20 Maio 2024 - 16h15

Laura Furtado / Redatora

Jornalista em formação pela Universidade Federal Fluminense (UFF), em Niterói. Desde pequena, sempre tive um amor e carinho especial por todos os animais. Quando completei 6 anos, meus pais me presentearam com um cãozinho da raça Bichon Frisé que chamamos de Billy. Foi o dia mais feliz da minha vida, fiquei horas chorando sem acreditar que ele era meu. Billy viveu 14 anos com a gente, mas virou uma estrelinha em 2019 depois de uma história linda ao nosso lado.

Em 2019, ganhei da minha sogra uma Dachshund, o famoso salsichinha, e desde então minha vida voltou a fazer sentido. Pode parecer clichê, mas nada explica o sentimento de amor e carinho que ter um pet proporciona. Nós decidimos chamar ela de Teteia, e não poderia existir nome melhor pra descrever ela. Teteia significa moça atraente, e a minha Teteia salsicha é realmente a coisa mais linda do mundo, além de ser extremamente carinhosa, companheira e engraçada.

Em 2023, participei de uma entrevista e entrei para o time do Patas da Casa. Fiquei muito feliz, porque sempre tive afinidade e carinho pelos animais, e não há nada melhor do que escrever sobre coisas que a gente ama, né. Me identifiquei de cara com os valores do Patas e sempre considerei o projeto de suma importância para tutores que, assim como eu, buscam se informar para garantir o melhor para os pets. Desde então, cada dia tem sido um aprendizado, e sou muito feliz por fazer parte de um projeto tão especial quanto o Patas.

• Filme com animal preferido: “Marley e Eu”
• Uma raça de cachorro: Vira-lata
• Uma raça de gato: Siamês
• A curiosidade favorita sobre cachorros: Os cães de suporte emocional podem agir como 'terapeutas', ajudando pacientes com ansiedade, depressão, autismo e estresse pós-traumático
• A curiosidade favorita sobre gatos: Os gatinhos tem efeitos positivos na sáude mental e física dos humanos
• Sobre o que mais gosta de escrever no universo pet: Comportamento animal
• Um aprendizado: Adotar cachorro ou gato pode mudar a vida das pessoas e dos animais para melhores, trazendo muito amor e felicidade
• Nome de pet favorito: Larica

No início deste mês, uma história triste e revoltante envolvendo uma cachorra emocionou uma equipe de trabalhadores no deserto da Califórnia. Enquanto trabalhavam na construção de conjuntos habitacionais em um trecho isolado do estado, eles foram surpreendidos por cachorro abandonado visivelmente assustado, implorando para receber ajuda. 

Jeanean Gillespie, uma funcionária do local, imediatamente decidiu ajudar o pet, mas encontrou muita dificuldade, já que a cachorrinha estava muito assustada e não permitia a aproximação de ninguém. Determinada a ajudar, ela pediu ajuda de uma amiga socorrista chamada Suzette Hall, que trabalha em um centro de resgate de animais da região. Confira a seguir o desfecho da história desse cachorro abandonado!

Cachorra abandonada no deserto é encontrada por equipe de trabalhadores

Jeanean Gillespie estava sentada em seu escritório quando notou a presença da cachorrinha no local pela primeira vez. Ela tentou se aproximar para capturar a cadela e oferecer os cuidados necessários, mas o animal não aceitou a aproximação e fugiu imediatamente. A cadela parecia visivelmente cansada e abatida, mas não cedia à aproximação da funcionária. Ela então decidiu colocar em frente ao escritório um pote com água e ração para cachorro, e nomeou a peluda carinhosamente de Sage, que significa sábia em inglês. 

Imagem Quiz:Você está preparado para adotar um pet? Faça o teste e descubra!

Você está preparado para adotar um pet? Faça o teste e descubra!

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

cachorro abandonado parado desconfiado em frente a casa
Mesmo abatida, cachorra abandonada não deixava ninguém se aproximar (Créditos: Facebook / Suzette Hall)

Com o passar dos dias e após várias tentativas fracassadas de capturar a cachorra, Jeanean ligou para Suzette, uma amiga que ajuda no resgate de cachorros abandonados. Ela seguiu os conselhos da socorrista e, de pouco em pouco, foi tentando ganhar a confiança de Sage. Finalmente um dia, ela conseguiu atrair o animal para dentro do escritório, e quando isso aconteceu, ligou para Suzette para socorrer o cachorro.

Tanto Jeanean quanto Suzette estavam muito preocupadas com a segurança da cachorra, pois a região no deserto onde ela foi encontrada é uma área perigosa e distante da civilização. Por essa razão, é comum encontrar gatos selvagens - como linces - e coiotes que espreitam a área. Então um dos maiores medos das amigas era de que Sage fosse atacada por algum desses animais perigosos.

Com muita paciência, equipe conseguiu ganhar a confiança da cachorra

Quando Suzette chegou no local para socorrer Sage, ela percebeu pelo comportamento da cachorra que ela queria ser ajudada, mas não se sentia totalmente segura no local. No vídeo publicado pelo centro de resgate, é possível ver Sage com o rabinho entre as pernas, um comportamento clássico de um cachorro com medo. Ela tentou ganhar a confiança da cadela, até que finalmente conseguiu pegá-la no colo.

cachorra pequena e de pelagem clara parada na porta de um escritório
Quando Sage finalmente entrou no escritório, foi resgatada por socorrista (Créditos: Facebook / Suzette Hall)


Com Sage segura em seus braços, Suzette levou a cadelinha de carro até um hospital veterinário para que ela fosse examinada e recebesse os cuidados que precisava. No caminho, a cadela  finalmente conseguiu fechar os olhos no colo da socorrista, após ficar dias sozinha no deserto sem conseguir descansar direito. Após os exames realizados pela clínica, ficou constatado que Sage tinha um tumor operável e acúmulo de tártaro nos dentes. A recomendação médica foi fazer a retirada do tumor e do tártaro em cachorro, além de uma cirurgia de castração.

Mesmo após algumas semanas do resgate, Suzette percebeu a cachorra triste, abatida e introspectiva. Ser abandonada pelos tutores é uma experiência traumática para os cães, o que pode explicar porque Sage se sentia tão triste. Tudo que a cadelinha precisava é de uma família com amor de sobra para que ela pudesse finalmente confiar nos humanos novamente e ser feliz. 

Os exames de sangue da cachorrinha estão todos normais, mas ela está à espera dos procedimentos cirúrgicos. Após realizar as cirurgias necessárias para sua recuperação, Sage poderá ser adotada para receber todo o amor que merece.  Confira o vídeo da cachorrinha após se render e entrar no escritório:

Como resgatar um cachorro abandonado?

O medo e a desconfiança são sentimentos comuns nos animais que foram abandonados. Retomar a confiança desse pet nem sempre é fácil, o que pode dificultar - e muito-  o resgate. Como forma de proteção, eles podem adotar uma postura reativa e agressiva, o que pode ser perigoso para aqueles que tentam se aproximar. Por isso, para a segurança de todos, é fundamental saber como fazer um resgate de cachorro abandonado.

O primeiro passo é ter bastante cuidado com os movimentos e muita paciência para ganhar a confiança do animal. Evite fazer movimentos bruscos e chegar direto encostando no pet, pois isso pode acabar provocando um ataque de cachorro e piorar toda a situação. Tente se aproximar aos poucos, oferecendo itens que podem ser do agrado do animal, como petiscos e brinquedos. Se o pet estiver com muito medo, experimente deixar os itens um pouco distantes de você. Assim, ele vai sentir que pode se aproximar em segurança.

Lentamente, se aproxime do animal - de preferência abaixado para que ele não te enxergue como um risco. Segure um petisco em uma das mãos e aproxime-a perto do cachorro para que ele possa sentir o seu cheiro. Lembre-se de ter muito cuidado com movimentos bruscos para não assustar o cão. Quando você perceber que ele já está mais à vontade comendo os petiscos na sua mão, tente fazer um carinho em regiões que não sejam muito sensíveis, como a cabeça do cachorro.

Ganhada a confiança do pet, é hora de tentar retirá-lo do local. Você pode usar uma coleira e guia para assumir o controle ou mesmo pegar o animal no colo caso ele permita. É fundamental que o cachorro de rua seja levado ao veterinário antes de qualquer coisa para garantir que ele esteja livre de doenças. 

Cachorro

Com ajuda do ChatGPT, mulher cria site para mostrar como os cachorros enxergam de verdade: testamos por aqui!

Você já se perguntou como os cachorros enxergam? Essa é uma dúvida comum entre muitas pessoas, sejam elas tutoras de um pet ou não. ...

Histórias reais

Vira-lata caramelo invade festa junina e faz participação especial na hora quadrilha

Não tem jeito: o vira-lata caramelo sempre dá um jeito de abrilhantar qualquer enredo. Se há algum tempo viralizaram histórias de ca...

Cachorro

Esses são os 6 sinais que seu cachorro te ama mais visíveis - e provam que você é a "casca de bala" dele e vice-versa

Frases para cachorro de amor podem revelar muito sobre os sentimentos humanos sobre os fortes vínculos que são criados com os pets. ...

Cuidados

Direitos dos animais em condomínios: advogada lista o que os condomínios podem proibir ou não sobre a presença de cães e gatos

Já ouviu falar nos direitos dos animais? Pois saiba que, assim como nós, os nossos pets também são protegidos pela lei. Existe a lei...

Comportamento

Aprenda a interpretar cada miado de gato: foi com essas dicas que consegui me aproximar mais ainda do meu pet

Mesmo que os gatos não saibam falar, a linguagem felina é muito rica e expressiva. Além da postura corporal, o miado de gato tem uma...

Saúde

O que acontece no corpo da gata no cio? Dos miados estridentes aos picos hormonais, veja todas as mudanças que ela enfrenta

Não precisa ser expert no universo felino para conseguir identificar uma gata no cio. Dos miados estridentes aos picos hormonais, o ...

Cachorro

Com ajuda do ChatGPT, mulher cria site para mostrar como os cachorros enxergam de verdade: testamos por aqui!

Você já se perguntou como os cachorros enxergam? Essa é uma dúvida comum entre muitas pessoas, sejam elas tutoras de um pet ou não. ...

Comportamento

"Amor de gato": foi assim que aprendi a interpretar as emoções do meu gatinho e percebi que sou o amor da vida dele

O amor de gato é um sentimento especial e gratificante que os bichanos demonstram por seus donos. Mas ao contrário dos cães, eles ex...

Ver todas