O gato Tonquinês, conhecido carinhosamente como Tonks, é uma das raças de gato mais companheiras e dóceis que existem, indo contra o pensamento generalizado de que esses animais possuem um comportamento mais reservado e independente. Relativamente raro, os Tonquinês são bem apegados aos donos e, por terem uma personalidade tranquila, são uma ótima opção de gato para crianças. Por serem bem energéticos, eles adoram brincar e chamar a atenção de seus tutores. Para te apresentar mais sobre essa raça pouco conhecida, o Patas da Casa preparou um guia com todas as informações sobre sua origem, personalidade e cuidados. 

Qual raça de gato você é?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não tenho pets
Tenho cão
Tenho gato
Tenho cão e gato
Autorizo receber comunicações e publicidade da NESTLÉ®.

Qual a origem do gato Tonquinês?

Segundo a história, o Tonks surgiu no Canadá por volta de 1930, a partir de um programa de criação planejada que envolveu o cruzamento de uma das raças mais conhecidas no Mundo, o gato Siamês, com o gato Birmanês, com o intuito de unir as melhores características atribuída às duas raças. 

As primeiras espécies chegaram a ficar conhecidas como siameses dourados, já que sua aparência era bem parecida com a do Siamês e “sialata”, tirando seu pelo meio alaranjado. Por esse motivo, muitos acabam preferindo escolher os puro-sangue. Apenas em 1960, quando novas experiências de cruzamentos foram realizadas, é que novas características se destacaram mais, como os olhos. Com isso, o gato Tonquinês foi oficialmente aceito pelo Canadian Cat Association (CCA).

Tonquinês: olhos grandes e amendoados são particularidade da raça

Considerados de porte médio, os Tonks têm altura média de 28 cm e podem chegar a pesar 6kg. De corpo elegante e musculoso, sua pelagem é baixa, sedosa e com uma coloração degradê, que pode variar entre cinza, dourado, bege e branco, com extremidades marrons. Uma característica física que destaca a raça é a sua cabeça triangular e seu focinho comprido, bastante incomum nos gatos. Eles também apresentam pernas longas e finas, que lhe concedem um aspecto esbelto e gracioso. 

Gato Tonquinês possui uma coloração degradê

Como é o comportamento do gato Tonquinês? 

Outro ponto que distingue este atraente e exótico bichano é a sua personalidade. Diferente do gato Siamês, conhecido por ser bastante independente, o gato Tonquinês não gosta de ficar sozinho por muito tempo. Por isso, por precisarem de atenção constante, eles não são indicados para pessoas que passam pouco tempo em casa.  

Ele é considerado extremamente amoroso e apegado ao seu dono. São ideais para famílias que buscam um gato ativo, que gosta de brincar, e que buscam um bichano dócil e carinhoso. São gatos inteligentes que criam relações profundas com aqueles que dedicam o seu tempo, assim como o Birmanês e o Siamês. 

Cuidados com a saúde do gato Tonquinês 

Como nem tudo são flores, o gato Tonquinês não herdou apenas a beleza do Siamês, mas também a propensão para doenças típicas da raça. As doenças respiratórias e os cálculos renais são exemplos de problemas comuns que acometem a saúde desses gatos.

Por ser bastante apegado ao seu dono, esse bichano precisa de atenção especial para não desenvolver doenças como a depressão e a ansiedade. Por isso, não deixe que ele fique muito tempo sozinho e invista em brinquedos interativos para gatos.

Essa raça é considerada bastante saudável e pode viver entre 15 e 18 anos. Por isso, é muito importante manter as consultas de rotina em dia, assim como a tabela de vacinas para gatos.