close
Sênior

Ração para cães idosos: como escolher o melhor tipo para o cachorro

Atualizado · 18 de fevereiro de 2022 · 11h49

Publicado · 02/08/2019 · 17h54

Descubra todos os detalhes sobre a alimentação de cachorros idosos
Descubra todos os detalhes sobre a alimentação de cachorros idosos

Os cães são grandes companheiros e, para viverem saudáveis por muitos anos, precisam de cuidados específicos em cada fase da vida. Isso é ainda mais importante quando os peludinhos chegam à velhice. Por ficarem mais propensos a doenças e com dentes mais frágeis, a ração comum deve ser substituída por uma ração para cachorros idosos. 

Quando isso acontece, muitas pessoas têm dúvidas na hora de escolher o alimento mais adequado para o amigo de quatro patas. Afinal, a ração especial é mesmo essencial? Existe diferença entre as rações para cães idosos? Como escolher a mais indicada para o seu cachorro? Confira as principais dúvidas sobre o assunto.

Como escolher a melhor ração para o seu cão idoso?

As rações para cães idosos contam com algumas diferenças em relação às outras versões. Além de serem mais macias - o que facilita a mastigação para animais com poucos dentes ou com tártaro - alguns produtos contam com nutrientes específicos para melhorar a saúde e bem estar do animal. Assim como as rações para filhotes e cães adultos, também existem diferentes tipos de ração para cachorros idosos. 

Para escolher a melhor opção para o seu amigo, é fundamental observar os componentes de cada ração e as necessidades do cão. Se ele tem problemas nas articulações, por exemplo, pode ser recomendado buscar um produto com adição de condroitina e glucosamina. A ração úmida também é uma excelente escolha para os cães idosos, especialmente se ele tiver problemas dentários. Já os cachorros com disfunção intestinal podem precisar de fibras e prebióticos. Na dúvida, consulte um veterinário.

Quando eu devo dar ração para cães idosos para meu cachorro?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    A ração para cachorros idosos é mais macia e tem nutrientes específicos para essa fase da vida do animal
    A ração para cachorros idosos é mais macia e tem nutrientes específicos para essa fase da vida do animal

    Mais Lidas

    Frutas para gatos: um guia completo dos alimentos liberados e benefícios de cada opção
    Alimentação animal

    Frutas para gatos: um guia completo dos alimentos liberados e benefícios de cada opção

    Cuidar da alimentação do gato é dever de todo tutor, e para isso é importante saber o que o animal pode ou não comer. Além das tradicionais rações para gatos, algumas pessoas também gostam de oferecer outras opções de comida para o seu bichano e procuram alternativas mais naturais, como frutas e legumes. Porém, por mais saudáveis que esses alimentos sejam para os humanos, é importante ter em mente que o organismo dos felinos não funciona da mesma maneira que o nosso e algumas frutas para gatos, por exemplo, podem fazer mal ao seu amigo de quatro patas. Para sanar todas as dúvidas sobre o assunto, confira as frutas que gatos podem comer a seguir!

    Verduras e legumes para cachorro: opções saudáveis para incluir na dieta do seu cãozinho!
    Alimentação animal

    Verduras e legumes para cachorro: opções saudáveis para incluir na dieta do seu cãozinho!

    Quando o assunto é a alimentação de um pet, muitas dúvidas podem surgir: o que o cachorro não pode comer? cachorro pode comer couve? Pode dar brócolis para cachorro? Ou ainda se cachorro pode comer abobrinha? Muitos tutores questionam se podem oferecer verduras e legumes para cachorro. A resposta é sim! Além de serem muito saudáveis, esses tipos de alimentos ajudam a abrir e instigar o apetite dos caninos, podendo ser oferecidos como petiscos e até recompensas.

    O que gato pode comer? Veja alguns alimentos liberados para os felinos
    Alimentação animal

    O que gato pode comer? Veja alguns alimentos liberados para os felinos

    Mesmo que os gatinhos não tenham aquela gula característica dos cachorros, eles podem amar alguns alimentos. A dúvida, porém, sempre permanece nessa hora: além da ração, sachê e petiscos específicos, o que gato pode comer? A não ser que seu gatinho tenha um problema de saúde, você pode oferecer algumas frutas, legumes e proteínas de vez em quando. Mas atenção! Não são todos os alimentos que os gatos podem comer. O chocolate, por exemplo, está na lista dos itens proibidos pelo risco de intoxicar o seu pet.

    Meu cachorro não quer comer ração, o que eu faço? Entenda os motivos
    Alimentação animal

    Meu cachorro não quer comer ração, o que eu faço? Entenda os motivos

    Os cachorros têm fama de serem comilões e, na maioria dos casos, eles não abrem mão das refeições - seja a ração ou um snack. Todo dono de cachorro, provavelmente, já passou pela situação de estar comendo enquanto o amigo de quatro patas fica pedindo um pedaço do lanche. Mas, e quando o apetite do seu cachorro parece desaparecer, você sabe o que fazer?

    Não existe uma idade exata para trocar a ração para cães adultos pela versão para cães idosos. Isso pode variar de acordo com diversos fatores, como a raça e o porte do seu cachorro e se ele já apresenta alguma doença. A expectativa de vida do animal é fundamental para decidir se ele deve começar a comer a ração para cachorros idosos. 

    O ideal é que essa mudança seja feita nos últimos 25% de vida do seu companheiro de quatro patas, o que, geralmente, acontece entre os 7 e 8 anos de idade. Para ter certeza se já está na hora de mudar a alimentação do seu cão, é recomendado procurar o veterinário, que será capaz de avaliar a saúde e as necessidades do peludinho. 

    Qual é a importância da vitamina para cachorro idoso?

    Além de precisarem de uma alimentação específica para a idade, os cães idosos também necessitam de outros cuidados. Isso porque a saúde dos bichinhos fica mais sensível nessa fase e é preciso estar atento às necessidades deles. Assim como com os humanos, as vitaminas são parte essencial da velhice dos cachorros. 

    Como é comum que eles apresentem distúrbios de saúde nessa fase, nem sempre a alimentação consegue suprir toda a demanda de vitaminas e outros nutrientes para o seu peludinho. Por isso, as vitaminas para cachorros idosos ajudam a complementar a necessidade de cálcio, ferro, fósforo e outros componentes essenciais para a saúde e bem estar do seu companheiro. Consulte seu veterinário de confiança para saber como - e se é preciso - oferecer esse complemento ao seu pet.

    Redação: Gabrielle Nunes

    Gato pode comer frango?

    Próxima matéria

    Gato pode comer frango?

    Onde colocar a comida do cachorro? Saiba também como escolher a melhor opção
    Alimentação

    Onde colocar a comida do cachorro? Saiba também como escolher a melhor opção

    Comida de cachorro sempre envolve muitas dúvidas: quantidade, horários, quantas vezes ao dia, qual a melhor ração, etc. Mas você sabia que os cachorros precisam não só de um local como de uma altura específica para os potes de ração e água não causarem problemas na coluna ou na digestão? Outro ponto muito importante é não colocar a alimentação perto do tapete higiênico ou do jornal onde eles fazem as necessidades. Isso pode causar com que eles não se alimentem ou não aprendam o local de fazer xixi e cocô. Esses espaços devem ser bem delimitados e afastadoS. Os potes também devem ser escolhidos de acordo com a necessidade de cada animal: além do tamanho, existem diferentes materiais. Veja abaixo:

    O tamanho do grão importa? Saiba se é preciso escolher uma ração diferente para cachorros filhotes e idosos
    Ração

    O tamanho do grão importa? Saiba se é preciso escolher uma ração diferente para cachorros filhotes e idosos

    Durante as duas fases mais delicadas da vida de um cachorro, os primeiros meses e a terceira idade, é normal que ele precise de cuidados específicos diferentes dos necessários na fase adulta. A saúde mais frágil é uma das principais razões para tantas adaptações na rotina e a alimentação está completamente ligada a ela. Como é a ração que oferece a energia tanto para os filhotes, quanto para os cachorros idosos,

    Cachorro e gato juntos: 8 truques para melhorar a convivência e 30 fotos para você se apaixonar!
    Adestramento

    Cachorro e gato juntos: 8 truques para melhorar a convivência e 30 fotos para você se apaixonar!

    Durante muito tempo, cachorro e gato foram declarados inimigos. Algumas pessoas acreditavam que onde havia um cão não poderia ter um gato e vice-versa. Se antes eles não tinham o hábito de conviver, hoje moram juntos e alguns até são inseparáveis. Mas atenção! Nem sempre os animais se entendem de primeira e o processo de adaptação requer tempo e paciência do tutor para que aprendam a respeitar a presença um do outro. Para você que tem um cãozinho e um gatinho e precisa de ajuda para adaptá-los, separamos oito truques para melhorar a convivência. O adestrador Max Pablo, do Rio de Janeiro, deu algumas dicas e também conversamos com a cat-sitter Nathane Ribeiro, que tem três gatos e já precisou adaptá-los com um cão. Veja o que eles disseram!

    Coleira com identificação para cães: qual a importância e como escolher a melhor para o seu animal?
    Cuidados

    Coleira com identificação para cães: qual a importância e como escolher a melhor para o seu animal?

    Se você já perdeu um animal de estimação alguma vez na vida, provavelmente sabe da importância de manter uma coleira com identificação no seu cachorro. Com o número de contato e outras informações relevantes presas ao pescoço do bichinho, as chances de você recuperá-lo aumentam consideravelmente, caso ele se solte da guia ou decida sair por aí em busca de novas aventuras. Ainda assim, muitos tutores adiam ou resistem à ideia de identificar seus animais. Abaixo, mostraremos por que uma coleira de identificação para cães é importante e os principais modelos disponíveis no mercado. Confira!

    Ver Todas >

    O que cachorro pode comer nas festas juninas?
    Alimentação animal

    O que cachorro pode comer nas festas juninas?

    É normal qualquer pai de pet se perguntar o que cachorro não pode comer, principalmente em datas comemorativas. Com a chegada do mês de junho, vem aí também uma das comemorações mais amadas pelos brasileiros: as festas juninas! Além de muitas brincadeiras, quadrilhas e roupas caipiras, uma boa festa junina precisa ter muitas comidas típicas. Pipoca, cachorro quente, milho, paçoca, canjica... entre outros pratos fazem a alegria do nosso povo. 

    Cachorro pode tomar suco de frutas?
    Alimentação animal

    Cachorro pode tomar suco de frutas?

    Existem diversas frutas que pode dar para cachorro comer no dia a dia. Super saudáveis, as frutas para cachorro - quando certas - trazem diversos benefícios nutricionais ao animal. Uma grande vantagem das frutas é que elas permitem uma enorme variedade de formas de uso, e uma das preferidas de todo mundo é o suco de fruta. Mas será que o cachorro pode tomar suco assim como nós? Na verdade, depende! O Patas da Casa te explica quando o suco para cachorro pode ser oferecido ao pet e quando deve ser evitado. Confira!

    Pode trocar a ração do gato com qual frequência?
    Alimentação animal

    Pode trocar a ração do gato com qual frequência?

    Assim como o cachorro enjoa de ração, o gato também pode enjoar e deixar de se alimentar direito por causa disso. Todo mundo sabe que não é exatamente fácil agradar o exigente e criterioso paladar felino, então pode ser que depois de um tempo comendo do mesmo alimento, o gatinho simplesmente fique enjoado e queira experimentar coisas novas. Por outro lado, saber como conduzir essa situação é extremamente importante para evitar um gato estressado com a troca repentina de comida ou apático. 

    Ração para gatos castrados: tudo sobre o alimento e como escolher a melhor para seu pet
    Alimentação animal

    Ração para gatos castrados: tudo sobre o alimento e como escolher a melhor para seu pet

    A ração para gato castrado é um cuidado essencial que se deve ter com o bichinho após a cirurgia. A castração do gato traz inúmeros benefícios ao animal, pois acaba com certos comportamentos (como saidinhas e marcação de território) e ainda evita algumas doenças, como o câncer de mama. Por outro lado, o animal tende a ganhar mais peso, o que pode ser prejudicial à sua saúde. É aí que entra a ração para gatos castrados, recomendada sempre que o animal passa pela cirurgia. 

    Ver Todas >