Cachorro

Lama biliar em cães: o que é, como se desenvolve e qual o tratamento

Publicado - 01 Julho 2022 - 17h44

Atualizado - 19 Abril 2024 - 19h29

A lama biliar em cães é uma doença que afeta o sistema digestivo do cachorro. Apesar de ser pouco conhecida, a condição está relacionada com a produção de bile, substância essencial no processo de digestão. Muitas vezes confundida com a colecistite em cães, a lama biliar não causa no cachorro tantos transtornos à saúde de início, mas pode levar a uma inflamação mais grave do órgão. Por ser uma doença mais desconhecida, muitas dúvidas surgem: o que causa a lama biliar? Cães com a doença precisam de que tipo de tratamento? Em quadros de lama biliar em cães, os sintomas costumam ser graves? O Patas da Casa conversou com Fábio Ramires, médico veterinário clínico geral de pequenos animais domésticos, que explicou para a gente tudo sobre a lama biliar em cães. Confira!

O que é lama biliar em cães?

“A lama biliar é provocada devido ao acúmulo de bile na vesícula, que vai se sedimentando e formando a lama. Podemos ter várias causas, como obstrução parcial dos ductos biliares, falta de contração da vesícula para ejeção da bile e neoplasias”, explica Fábio Ramires. A vesícula biliar é o órgão que forma a bile, substância que tem o objetivo de ajudar o fígado a emulsionar gorduras. Portanto, ela é extremamente importante para o sistema digestivo do cachorro.

O que a lama biliar em cães causa no organismo do pet?

Em um quadro de lama biliar, os cães passam a produzir esse líquido em excesso e, assim, ele acaba se acumulando, o que pode gerar a obstrução a vesícula e, consequentemente, inflamações e problemas de digestão, além de favorecer o surgimento de colecistite em cães (pedra na vesícula). Todo cachorro de qualquer raça, idade ou sexo pode desenvolver a lama biliar. Cachorros obesos, porém, têm maior propensão, como explica Fábio. Ele ressalta ainda que certos problemas hormonais, como diabetes canina, hiperadrenocorticismo e hipotireoidismo também são fatores de risco para causar a lama biliar. Assim como nos cães, também pode existir lama biliar em gatos.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não confunda: lama biliar não é o mesmo que colecistite ou mucocele biliar em cães

Doenças que acometem a vesícula biliar não são tão frequentes em cães, mas é importante ficar sempre atento. A lama biliar em cães é frequentemente confundida com outras duas condições que podem afetar o órgão: a colecistite em cães e a mucocele biliar em cães. Fábio Ramires explica direitinho a diferença entre elas para que não restem dúvidas: “A lama biliar é o acúmulo de bile sedimentada dentro da vesícula biliar. A colecistite em cães é a inflamação da vesícula biliar. Por fim, a mucocele biliar em cães é o acúmulo anormal de bile com aumento de sua viscosidade no interior da vesícula biliar”.

Lama biliar em cães: sintomas podem demorar a aparecer

Quando falamos de lama biliar em cães, os sintomas nem sempre são muito aparentes. No início, é bem difícil que eles se manifestem, pois o excesso de bile não impede o funcionamento do órgão. Em muitos quadros de lama biliar, esses sinais costumam aparecer quando uma inflamação se inicia. Os sintomas podem lembrar bastante os da colecistite em cães. “O cão com lama biliar pode apresentar perda de apetite (anorexia), dores abdominais, náuseas, vômitos, icterícia e em alguns casos diarreia”, explica Fábio. É comum, ainda, ver o cachorro vomitando amarelo ou meio esverdeado por conta da bile.

lama biliar em cães: cachorro deitado no chão
<strong>Lama biliar: cães podem apresentar apatia, dores abdominais e falta de apetite</strong>

É muito comum que a lama biliar em cães seja descoberta por acaso

Como explicamos, os sintomas da lama biliar em cães podem não se manifestar no início. Por isso, o jeito mais comum de se descobrir a doença é por meio de exames de rotina. Isso também é bem comum nos casos de lama biliar em gatos. Às vezes o animal está realizando um ultrassom por outro motivo e descobre o problema - que necessita de exames de imagem para ter o diagnóstico confirmado. “A melhor opção de diagnóstico é o exame de imagem, através da ultrassonografia abdominal. Em alguns casos, também podemos utilizar a tomografia computadorizada para maior detalhamento”, esclarece Fábio. 

Tratamento da lama biliar: cães precisam de alterações na dieta 

Na maioria dos casos, a lama biliar em cães pode ser tratada com mudanças na alimentação do cachorro. “O tratamento deve ser feito com base principalmente na dieta deste animal, evitando a ingestão de alimentos gordurosos com intuito de corrigir a dislipidemia, e uso de medicamentos com ação colagoga, colerética e hepatoprotetora”, explica Fábio. Quando a lama biliar em cães está causando uma inflamação mais séria e comprometendo bastante a saúde do animal, pode ser feita uma cirurgia chamada colecistectomia. Nela, a vesícula biliar é retirada com o objetivo de evitar o rompimento dos dutos, o que pode acontecer quando se tem uma grande concentração de lama biliar em cães. Vale ressaltar que apenas o veterinário saberá especificar qual é o tratamento indicado para a situação do seu pet.

A alimentação de um cachorro com lama biliar precisa ser pobre em gorduras

O cachorro com lama biliar precisa passar por mudanças sérias na alimentação. A bile é responsável por ajudar o fígado a digerir gorduras. A lama biliar provoca maior dificuldade em realizar esse processo de absorção de lipídeos. Por isso, Fábio explica que o animal com lama biliar deve receber uma dieta pobre em gorduras. A dieta com baixa ingestão de lipídeos é extremamente importante no tratamento de qualquer caso de lama biliar em cães, principalmente quando a vesícula biliar do animal precisa ser removida por meio de cirurgia. 

Redação: Maria Luísa Pimenta 

Adote um animal

Qual é o maior cachorro do mundo? Conheça 6 raças gigantes que batem recordes no quesito tamanho

Você já se perguntou qual é o maior cachorro do mundo? Existe uma grande variedade de raças com características físicas diferentes, ...

Cachorro

Qual o significado de sonhar com cachorro atacando?

O significado de sonhar com cachorro é muito variado. Não é possível dizer que isso sempre vai representar algo positivo ou negativo...

Cachorro

Quais são os tipos da doença do carrapato em cachorro? Conheça as características de cada uma

A doença do carrapato em cachorro é um dos maiores temores dos tutores. O que nem todo mundo sabe é que existem diferentes tipos da ...

Cachorro

Como identificar a doença do carrapato em cachorro? Vets recomendam prestar atenção a esses 8 sinais na rotina do pet

A doença do carrapato em cachorro é uma das enfermidades mais perigosas e traiçoeiras que existem no universo canino. Infelizmente, ...

Gato

O gato Bengal é selvagem, híbrido ou doméstico? Curiosidades sobre os instintos da raça que parece um leopardo

O gato Bengal é uma das raças mais exóticas que existem por uma razão simples: eles são bem parecidos visualmente com o leopardo, um...

Adote um animal

8 características do Sphynx, o gato sem pelo

A aparência única e charmosa do Sphynx gera muita curiosidade. Afinal, não é todo dia que a gente encontra um gato sem pelo por aí, ...

Adote um animal

Qual é o maior cachorro do mundo? Conheça 6 raças gigantes que batem recordes no quesito tamanho

Você já se perguntou qual é o maior cachorro do mundo? Existe uma grande variedade de raças com características físicas diferentes, ...

Cachorro

Qual o significado de sonhar com cachorro atacando?

O significado de sonhar com cachorro é muito variado. Não é possível dizer que isso sempre vai representar algo positivo ou negativo...

Ver todas