Saúde

Gato tossindo? Descubra o que o sintoma pode indicar

Gato tossindo pode estar relacionado a doenças respiratórias, problemas cardíacos e alergias. Aprenda a identificar!
Gato tossindo pode estar relacionado a doenças respiratórias, problemas cardíacos e alergias. Aprenda a identificar!

Ver um gato tossindo não é comum. Isso porque os felinos são animais estoicos, ou seja, não demonstram quando estão sentindo alguma dor ou incômodo. Apesar de ser raro, o gato com tosse pode significar muitas coisas: doenças respiratórias, problemas cardíacos ou alergias são algumas das causas mais comuns. É importante ficar atento a qualquer comportamento diferente no seu gatinho. Para entender melhor sobre o sintoma e o que a tosse em gato pode significar, conversamos com a médica veterinária Débora Nunes, do Rio de Janeiro. Confira!

Gato tossindo: o que pode significar?

A tosse em gatos sempre é o sintoma de algum distúrbio no organismo do animal. Segundo Débora, provavelmente é sinal de alguma doença respiratória. O gato com tosse, no entanto, nem sempre é sinal de um problema nas vias aéreas. A veterinária explica que também é possível ter uma tosse derivada de um problema cardíaco: doenças que aumentam o átrio do coração do felino podem levar ao deslocamento da traqueia, problema que ocasiona a tosse.

Asma e bronquite já são doenças comuns em gatos, mas Débora acrescenta que eles também são muito sensíveis e podem manifestar alergias. “A tosse pode ser causada por algo que o gato entrou em contato e irritou a nasofaringe. Como mecanismo de expulsão, ele tosse”, explica. Mesmo no caso de tosse esporádica, é importante levar o felino para uma consulta no veterinário. Quanto mais cedo for o diagnóstico, maior é a chance de acabar com o incômodo no gatinho. “Às vezes, o gato está com alergia a alguma coisa e se não for tratada pode haver piora dos sintomas, levando a quadros pulmonares mais complicados”, acrescenta Débora. O médico veterinário fará uma avaliação geral do animal para observar se há outros sintomas paralelos, como febre, chiado ou secreção, antes de determinar o melhor tratamento.

Remédio para tosse em gato deve ser receitado pelo médico veterinário!

Você não deve tratar a tosse de gato sem o acompanhamento de um profissional. Isso porque, como já explicamos, o gato tossindo pode ter várias causas. “O indicado é sempre levar na consulta para que o médico veterinário consiga descobrir a causa, se é alérgica, fúngica, bacteriana, um caso de bronquite ou se é um problema viral”, conta Débora. Dependendo do caso, pode ser receitado antibióticos ou xaropes para tratar o problema. A veterinária acrescenta que, muitas vezes, doenças cardiológicas nos gatinhos são difíceis de diagnosticar por falta de sintomas. Por isso, se você observar que o seu gato está tossindo, não pense duas vezes e o leve a um médico veterinário de sua confiança.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Como seria o seu domingo perfeito?

Como você fica em um dia de chuva?

Como seria a viagem ideal nas férias?

Como você costuma encontrar os amigos?

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Como é a sua rotina matinal?

Como é a sua agenda no fim de semana?

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Gato pode usar a tosse para expulsar algum corpo estranho que esteja incomodando ou atrapalhando a respiração!
    Gato pode usar a tosse para expulsar algum corpo estranho que esteja incomodando ou atrapalhando a respiração!

    Mais Lidas

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    Uma das partes mais difíceis de ter um cachorro em casa é o momento em que eles adoecem — e isso piora quando a doença é das mais sérias, como a cinomose. Causada por um vírus, se não for tratada da forma correta, a cinomose em cães pode ser fatal não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele. Para entender um pouco mais sobre o que é cinomose canina, seus sintomas, causa e o tratamento, o Patas da Casa conversou com a veterinária Kelly Andrade, do Paraná. Dê uma olhada, aqui embaixo, nas instruções da profissional!

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!
    Saúde animal

    Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!

    A doença do carrapato é uma das mais conhecidas entre os pais de pet e também uma das mais perigosas para os cachorros. Transmitida pelo carrapato marrom, bactérias e protozoários invadem a corrente sanguínea e os sintomas variam de acordo com o grau da doença e podem causar coloração amarela na pele e mucosas, distúrbios de coagulação, manchas vermelhas espalhadas pelo corpo, sangramento nasal e, em casos mais raros, problemas neurológicos e até mesmo a morte do cachorro. Para ajudar a esclarecer dúvidas sobre a doença do carrapato, o Patas da Casa entrevistou a veterinária Paula Ciszewsi, de São Paulo. Confira abaixo!

    Gato engasgado também pode gerar tosses

    A tosse pode ser uma reação natural do gato para tentar expulsar algo que esteja incomodando a garganta.Se você reparar em um gato tossindo como se estivesse engasgado, é importante prestar atenção nos demais sintomas. Além do animal começar a ficar sem ar e com isso ter dificuldade de respirar, pode ficar cianótico (língua e mucosas roxas). A manobra de Hemlich pode ajudar a desobstruir a garganta caso tenha um corpo estranho dificultando a respiração: segure o gatinho de costas para você, com as patas soltas e faça uma leve pressão (lembre que os felinos têm o corpo mais frágil que os cachorros), comprimindo o corpo do animal abaixo do esterno, que é o osso do meio do peito. Após realizar a manobra, abra a boca do gato e veja se o objeto já pode ser removido. Repita o processo até conseguir. Se mesmo assim não for possível retirar, siga para um veterinário imediatamente.

    Redação: Júlia Cruz

    Gato intoxicado: o que acontece no organismo do felino durante a intoxicação?

    Próxima matéria

    Gato intoxicado: o que acontece no organismo do felino durante a intoxicação?

    Parvovirose canina: descubra o que é, sintomas, prevenção e como funciona o tratamento da doença viral
    Saúde

    Parvovirose canina: descubra o que é, sintomas, prevenção e como funciona o tratamento da doença viral

    Uma das doenças virais de cachorro mais sérias e comuns que existem, o vírus da parvovirose atinge, principalmente, animais que não foram imunizados contra este e outros vírus. Entre os principais sintomas da parvovirose, o vômito, a diarreia com sangue, e a desidratação podem ser destacados, ou seja: mesmo que o diagnóstico chegue bem cedo, o tratamento deve começar o quanto antes, já que a parvovirose pode ser fatal. Para esclarecer todas dúvidas sobre a parvovirose canina, nós conversamos com a veterinária Jackeline Ribeiro. Dá uma olhada no que ela contou!

    Gato envenenado: aprenda a identificar os sintomas e o que fazer de imediato!
    Saúde

    Gato envenenado: aprenda a identificar os sintomas e o que fazer de imediato!

    Infelizmente, a ideia de que os gatos estão 100% seguros dentro de casa é uma ilusão. Os felinos são animais curiosos e suas peripécias podem acabar transformando qualquer ambiente controlado em um mar de perigos. Por isso, é muito importante se manter atento aos sinais comportamentais e físicos do animal para identificar possíveis problemas, como intoxicações e envenenamentos. Em momentos como esses, pensar rápido e saber agir de imediato pode fazer toda a diferença! Por isso, descubra o que fazer caso o seu gato seja envenenado ou intoxicado!

    Gato com dor de barriga: como identificar o desconforto e o que o sintoma pode indicar?
    Diarreia

    Gato com dor de barriga: como identificar o desconforto e o que o sintoma pode indicar?

    O sofrimento com dores de barriga não é algo exclusivo ao mundo dos humanos: os nossos bichanos também podem ter esse incômodo. A diarreia em gatos pode ser causada por diferentes razões, desde uma simples mudança na alimentação até problemas mais graves, como a panleucopenia felina. Ainda assim, por serem animais extremamente higiênicos, nem sempre é fácil identificar quando ele está passando por esse problema. Para te ajudar a reconhecer os sinais, nós juntamos aqui embaixo tudo o que você precisa saber sobre gato com dor de barriga. Dá uma olhada!

    Encontrou sangue nas fezes do gato? O que o sintoma pode indicar?
    Diarreia

    Encontrou sangue nas fezes do gato? O que o sintoma pode indicar?

    Parte da vida como mãe e pai de pet envolve tarefas que não são as mais agradáveis do mundo, mas que não deixam de ser necessárias. Uma delas é observar o cocô do seu amigo: descobrir sangue nas fezes do gato (ou do cachorro) é algo que deve, no mínimo, chamar a sua atenção. Por ser um sintoma que pode indicar várias condições diferentes, quanto maior for a quantidade de informações que você tiver sobre a situação, melhor. Para te ajudar nesse momento, nós conversamos com a Dra. Luciana Capirazzo, que é a veterinária especializada em felinos do Hospital Vet Popular

    Ver Todas >

    Cachorro estressado: 8 sinais de que o estresse está afetando a saúde do pet
    Saúde animal

    Cachorro estressado: 8 sinais de que o estresse está afetando a saúde do pet

    Lidar com um cachorro estressado é algo delicado e que requer muita paciência e atenção por parte do tutor: cães que sofrem com estresse e ansiedade tem maiores chances de ficarem doentes. Assim como os humanos, os sinais de um cachorro estressado costumam afetar diretamente a saúde do animal. Causado por diferentes gatilhos, é necessário sempre observar o que deixa o cachorro estressado para evitar que esse sentimento invada a rotina do seu amigo. 

    Quais são os cuidados com gatos renais crônicos?
    Saúde animal

    Quais são os cuidados com gatos renais crônicos?

    Se você é um gateiro, com certeza já ouviu falar sobre o perigo das doenças renais nos felinos. Se os cuidados são importantes em qualquer fase de vida do pet, no caso de um gato com insuficiência renal a preocupação é maior ainda. A insuficiência renal em gatos é uma doença que acomete principalmente os felinos idosos, mas também pode ser comum em outras idades e também na raça de gato Persa, que possui predisposição genética para esse tipo de problema. 

    Icterícia em cães: entenda o que é o problema e os sinais mais comuns
    Saúde animal

    Icterícia em cães: entenda o que é o problema e os sinais mais comuns

    Se você nunca ouviu falar na icterícia em cães, chegou a hora de entender um pouco mais sobre o problema que, embora não seja uma doença, é um sinal clínico que pode indicar que a saúde do cachorro não vai muito bem. Mas então, como identificar a icterícia canina e quais são as principais causas associadas a esse sintoma?

    Quais são as doenças de cachorro mais comuns no verão e como evitá-las?
    Saúde animal

    Quais são as doenças de cachorro mais comuns no verão e como evitá-las?

    Com a chegada do verão, é necessário redobrar os cuidados com o cachorro e também com a sua saúde. Os peludos costumam aproveitar bastante essa época, já que os passeios e banhos de mar ou piscina são mais frequentes. No entanto, a mudança de rotina vem acompanhada de uma grande preocupação, que é a proliferação de certas doenças de cachorro que ocorrem nessa época. Otite canina, desidratação e até mesmo infestação de pulgas e carrapatos são problemas bastante comuns no verão. 

    Ver Todas >