close
Saúde

Gato espirrando: devo me preocupar? Saiba quando procurar um veterinário!

Atualizado · 26 de novembro de 2021 · 15h00

Publicado · 11/10/2019 · 17h20

O gato espirrando pode significar muitas coisas. É sempre importante observar o seu felino e, no caso dos espirros, considerar a frequência e presença ou não de secreções antes de levá-lo ao veterinário!
O gato espirrando pode significar muitas coisas. É sempre importante observar o seu felino e, no caso dos espirros, considerar a frequência e presença ou não de secreções antes de levá-lo ao veterinário!

É tão raro ver um gato espirrando que a maioria dos donos até se assustam ao ouvir um espirro felino. O espirro funciona como uma proteção do corpo à algo que esteja irritando as mucosas nasais. Mas é muito importante observar o seu animal: acompanhado de outros sintomas, o gato espirrando pode significar que ele esteja ficando doente. Antes de partir para o diagnóstico de rinotraqueíte, uma doença respiratória muito comum nos felinos, mantenha a calma e observe o seu amigo. O Patas da Casa conversou com o médico veterinário Fábio Ramires, que é clínico geral de pequenos animais domésticos, para explicar um pouco mais sobre o que o gato espirrando pode significar. Acompanhe aqui para entender mais sobre o que pode causar espirros em gatos!

Gato espirrando: quais os tipos e frequência dos espirros?

Os espirros em gatos podem significar muitas coisas e a principal função é agir como uma defesa do organismo. “Um espirro nada mais é do que uma reação natural do organismo quando alguma partícula irrita a mucosa nasal. Para expulsar essa substância estranha, o corpo faz o nariz espirrar”, explica Fábio Ramires. “Espirros agudos e esporádicos podem estar relacionados a processos alérgicos suaves, como uma alergia a perfumes, a areia de gato ou a poeira. Já os espirros intensos podem estar associados a infecções virais ou doenças inflamatórias crônicas como asma felina e bronquite em gatos.”

É importante prestar atenção se os espirros vêm acompanhados de alguma secreção, que nada mais é do que produção de muco. “Os espirros com muco podem ser a indicação de um processo inflamatório mais agudo, e sua coloração vai indicar se há ou não uma infecção associada ao processo inflamatório”, explica o veterinário. Quando os micro-organismos se proliferam, o muco fica mais concentrado e pode mudar de cor e até ter um cheiro mais forte. No fim, tudo é sobre a cor do muco. O transparente pode ser relacionado a algo viral. Se tiver a coloração e aspecto do catarro, provavelmente seu gato está com uma infecção por bactéria ou fungo. No caso de secreção com sangue, é necessário buscar ajuda veterinária imediatamente.

Gato espirrando e lacrimejando pode indicar problemas mais graves

Gato espirrando e lacrimejando é motivo de desconfiança, afinal, pode ser a intensidade de um vírus da gripe ali presente. Nesse caso, podemos estar de frente para algumas doenças do complexo respiratório viral felino, como rinotraqueíte e calicivirose. “É motivo de se ficar alerta, pode estar relacionado à intensidade de uma doença viral, como, por exemplo, a gripe e também a rinotraqueíte”, explica o especialista. É preciso, então, levar o gato gripado ao veterinário para que ele seja avaliado por um profissional capaz de detectar a origem do problema e qual é a sua gravidade. O tratamento costuma ser de suporte, através de antivirais e antibióticos, além de lavagem nasal e colírio para cuidar de problemas oculares.

Qual raça de gato você é?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

O que você mais gosta de fazer nos momentos de lazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Se você pudesse se descrever com uma palavra, quais das opções a seguir escolheria?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Alguém te chamou para sair para um lugar inusitado, o que você pensa?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica depois de dormir pouco na noite anterior?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você viajou e se perdeu em uma cidade que não conhece muito: o que passa pela sua cabeça?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Quais dessas características você procuraria em um pet?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

O que seus amigos próximos pensam sobre você?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você gosta de curtir as férias?

Question Header Background

Sua personalidade aventureira combina com o Bobtail Japonês! Você é divertido assim como o gato Siamês! Sua personalidade ranzinza combina com o gato Maine Coon! Você é preguiçoso como um gatinho Persa!
    Gato espirrando pode ser sinal de doenças do trato respiratório.
    Gato espirrando pode ser sinal de doenças do trato respiratório.

    Mais Lidas

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    Como aumentar a imunidade do meu gatinho? 

    A melhor maneira de cuidar do seu felino e evitar doenças é pela vacinação. Aqui no Patas da Casa, temos um guia completo com todas as vacinas necessárias para o seu melhor amigo felino. Outro ponto muito importante é fazer o exame de FIV e FELV, pois as doenças podem comprometer o sistema imunológico dos bichinhos.

    Gato espirrando: o que fazer? 

    Inicialmente, se você vir o seu gato espirrando, o mais indicado é observar a frequência dos espirros. Além disso, é necessário verificar se o bichano não apresenta outros sintomas, como gato tossindo, ruído na respiração, presença de muco e sangue nasal. Se depois de 24h você continuar a notar espirros frequentes, vale a visita ao veterinário. “O animal deve ser levado a uma clínica veterinária para ser avaliado por um médico veterinário para a confirmação do quadro do animal e, assim, poder medicá-lo adequadamente”, explica o veterinário. O diagnóstico precisa ser pontual para que o bichano receba o melhor tratamento!

    Redação: Júlia Cruz e Maria Luísa Pimenta

     

    Dente de gato: como preservar a saúde bucal do seu felino?

    Próxima matéria

    Dente de gato: como preservar a saúde bucal do seu felino?

    Saiba tudo sobre o gato Himalaia: origem, características, personalidade, cuidados e muito mais
    Raças

    Saiba tudo sobre o gato Himalaia: origem, características, personalidade, cuidados e muito mais

    O gato Himalaia é, sem dúvidas, uma das raças mais queridinhas e desejadas pelos amantes de felinos. Ele reúne em sua genética a mistura de outras duas raças que são muito populares: o gato Persa e o Siamês. Ou seja, é carisma e fofura em dose dupla! Além disso, esse gatinho tem uma personalidade super dócil e tranquila, sendo a companhia perfeita para quem sempre sonhou em ter um bichinho de estimação. Se esse é o seu caso, ou se você já tem um gato do Himalaia e quer conhecer tudo sobre ele, essa matéria vai te ajudar bastante. 

    Reiki veterinário: como essa terapia holística pode ajudar os cães e gatos?
    Saúde

    Reiki veterinário: como essa terapia holística pode ajudar os cães e gatos?

    O reiki é uma terapia holística muito comum entre os humanos, mas você sabia que o seu pet também pode aproveitar os benefícios desse tratamento? O reiki veterinário é uma técnica de cura pelas mãos que busca alinhar os centros de energia do corpo - chamados de chakras -, promovendo o equilíbrio energético do corpo e melhorando a saúde física, mental e espiritual do animal. Que tal entender como o reiki pode ajudar na hora de cuidar de cachorro e até a melhorar o comportamento do gato? Vem que a gente te explica tudo que você precisa saber sobre o assunto!

    Gato com diarreia? Saiba o que fazer imediatamente e quando levar ao veterinário
    Diarreia

    Gato com diarreia? Saiba o que fazer imediatamente e quando levar ao veterinário

    Gato com diarreia não é uma condição rara, mas precisa de alguns cuidados. Assim como acontece com o organismo humano, o dos felinos também demonstra alguma fragilidade através de desordem intestinal. Troca de ração, vermes, vírus, alimento estragado ou até mesmo desidratação podem causar diarreia em gatos.

    Van Turco: saiba tudo sobre essa raça de gato
    Raças

    Van Turco: saiba tudo sobre essa raça de gato

    Já ouviu falar no gato Turkish Van? Também chamado de Van Turco ou o contrário, Turco Van, o animal desta raça é muito cobiçado e especial aos olhos dos amantes de felinos. Extremamente dócil e cativante, não é muito difícil entender por que as pessoas se apaixonam por esse bichano de pelagem felpuda e macia. Mas afinal, que outras características são típicas desta raça de gato? Como é a personalidade dele? Que cuidados são necessários no dia a dia do gatinho? Para desvendar todas essas questões, preparamos uma matéria com tudo que você precisa saber sobre o Van Turco. Dá só uma olhada!

    Ver Todas >

    Giárdia canina: como funciona a vacina contra a doença?
    Saúde animal

    Giárdia canina: como funciona a vacina contra a doença?

    A giárdia canina é uma doença infecciosa causada por um protozoário que pode acometer cães, gatos e seres humanos. Essa zoonose ocorre quando o cachorro ingere cistos do protozoário, que podem estar presentes na água e alimentos. Além disso, como os cachorrinhos são animais que usam a boca para diversas funcionalidades, é possível que o pet colete o parasita lambendo um brinquedo, bebendo água de uma poça ou mastigando algum objeto. Ficar de olho em como prevenir a doença é muito importante, visto que a giárdia em cães é transmitida para outros animais com facilidade. 

    Sarna em gatos: o que é e o que fazer?
    Saúde animal

    Sarna em gatos: o que é e o que fazer?

    A sarna em gatos é um dos problemas de pele mais comuns que podem afetar o bichano. Causada por ácaros que ficam na pelagem dos felinos, a doença também pode acometer cachorros e até mesmo humanos. O gato com sarna sofre bastante com coceiras e problemas na pele. Felizmente, existe tratamento de sarna em gatos capaz de eliminar os parasitas e garantir conforto ao peludo. 

    Tosse de cachorro: o que pode ser?
    Saúde animal

    Tosse de cachorro: o que pode ser?

    O cachorro com tosse é algo que pode assustar muitos tutores, principalmente quando acontece de forma recorrente e não tem um motivo aparente. O sintoma indica algum incômodo no sistema respiratório canino e pode estar associado a diferentes causas que variam desde problemas mais simples, como um engasgo na hora de comer, até algo mais sério, como doenças cardíacas e vermes pulmonares.

    O que o anticoncepcional para gatos pode causar?
    Saúde animal

    O que o anticoncepcional para gatos pode causar?

    O anticoncepcional para gatos é usado por muitos tutores como alternativa à castração. A injeção é vista por muitas pessoas como um método mais barato e menos invasivo de impedir o cio de gata. Mas é comum surgir a dúvida sobre o anticoncepcional para gatos: quando aplicar é recomendado? A verdade é que o anticoncepcional para gatas traz muitos problemas à saúde e nunca é a solução para o cio de gato. O Patas da Casa te explica quais os perigos da injeção anticoncepcional para gatos e porque a castração é a melhor opção. Confira!

    Ver Todas >