Cuidados dos animais

Com quantos dias de vida o filhote pode passear?

Publicado - 16 Setembro 2022 - 10h00

Atualizado - 23 Maio 2024 - 13h39

A vacinação do cachorro filhote é uma importante etapa da saúde dos peludinhos. Os tutores costumam se perguntar “posso dar banho no cachorro antes da vacina?” ou até mesmo se podem passear com ele antes de aplicar algumas doses. Afinal, o pequenino ainda não está completamente protegido e ficam dúvidas sobre fazer ou não algumas coisas banais como sair ou banhar. Tem um filhote de cachorro em casa e quer entender mais sobre o assunto? Continue lendo!

Quanto tempo depois da v10 o cachorro pode sair?

Antes de falar sobre passeios, é interessante compreender a importância e os benefícios das vacinas do cachorro. Geralmente, as vacinas iniciais aplicadas pelos veterinários são conhecidas como V6, V8 e V10 (também chamada de 3 dose): por isso, é muito comum acreditar que depois da 3ª vacina o cachorro pode sair. Mas além das V6, V8 e V10, outros cuidados devem ser tomados enquanto outras vacinas são aplicadas no cronograma indicado por um profissional e o início da primeira dose (V6) varia e somente um veterinário pode dizer quando começa o cronograma de vacinação do pet.

Normalmente, as vacinas começam a ser aplicadas após quatro ou seis semanas de vida, com um intervalo de 21 dias entre cada dose. E atenção: a recomendação é que todas elas sejam aplicadas somente após a vermifugação do cachorro, para desde o início evitar a presença de vermes. Entenda agora como funciona cada dose:

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

  • Vacina V6: conhecida como a primeira vacina do cachorro, protege contra hepatite canina, coronavirose canina (parecida e tão fatal quanto a dos humanos), cinomose, parvovirose, entre outros.
  • Vacina V8: previne e age contra dois tipos de Leptospirose que atingem os cães - a Leptospira Canicola e a Leptospira Icterohaemorrhagiae. A transmissão é feita por meio do contato com água ou alimentos contaminados e até feridas. Por isso a importância da “segunda dose”.
  • Vacina V10: conhecida como um reforço da V8, além de aumentar os anticorpos contra essas duas bactérias causadoras de leptospirose, essa última dose essencial ainda age contra outras duas bactérias diferentes da mesma doença - a Leptospira Grippotyphosa e Leptospira Pomona. Essa é a principal diferença entre a vacina V10 e a V8. Além disso, a V10 previne várias doenças da primeira dose (V6), servindo como um reforço da mesma.

Quando posso passear com meu filhote?

Essa é uma dúvida comum para os tutores de primeira viagem, mas por mais fofo que seja assistir um filhote de cachorro conhecendo o mundo, é importante entender e aguardar o momento certo de quando o filhote pode passear.

É fundamental oferecer alimentação adequada para essa fase, garantindo o aporte de nutrientes necessários para que o cachorro tenha energia para passear - pois as primeiras saídas podem ser super cansativas. Administrar vermífugos nos primeiros meses de vida e verificar a presença de alguns parasitas, como pulgas e carrapatos, também são jeitos de manter uma plena saúde dos filhotes de cachorro antes de um passeio. Outras vacinas também podem - e devem, ser aplicadas para evitar diversos males aos pequenos, como por exemplo:

  • Vacina contra Giárdia Canina: doença pouco conhecida, mas que é fácil de atingir o cachorro filhote e causa muito desconforto no estômago canino, com vômitos, diarreias e outros sintomas. Ela ocorre quando o cão tem contato com o protozoário giardia lamblia, que pode estar presente na água ou ração do pet, e o pior: nas fezes de outros cães. Por isso é importante aplicar essa vacina canina antes de passear com o pequeno e lembrar sempre de higienizar os potes de água e comida.
  • Vacina contra Leishmaniose: essa perigosa zoonose causada por um mosquito pode ser transmitida dentro de uma casa sem higiene e cuidados ou fora de casa, quando o cão tem contato com outro cão hospedeiro contaminado pelo mosquito. A vacinação reforça a imunidade do cachorro contra o mosquito e pode até evitar o desenvolvimento da doença.
  • Vacina contra Gripe Canina: funciona da mesma forma que a vacina contra gripe humana e também deve ser reforçada anualmente para evitar que o cão fique gripado. Afinal, é sempre muito triste ver o cachorro doente, né?

Mas com quantos meses o cachorro pode passear? Considerando todo o calendário e esquema de vacinação completo, espera-se que os primeiros passeios possam ocorrer a partir do terceiro mês de vida. Mas mesmo que pareça demorado, lembre-se: não desrespeite o cronograma de vacina. Qualquer contato com um agente estranho sem os devidos anticorpos pode ser prejudicial para o pet.

 

Filhote de cachorro mordendo brinquedo ao ar livre
Quanto tempo depois da v10 o cachorro pode sair e outras dúvidas comuns

 

Quanto tempo depois da vacina pode passear?

E com quantos dias depois da última vacina o cachorro pode sair? A recomendação é que os tutores aguardem, pelo menos, de uma semana a 10 dias antes de colocar a coleira de passeio no pet, pois é durante esses período que todas essas vacinas vão estar ativando anticorpos. Portanto, muita calma! Você aguardou até agora e respeitou todo o esquema vacinal. Não jogue tanto cuidado fora por ansiedade em passear com o pet, ok? É melhor ele sair protegido do que voltar com algum problema, seja entrando em contato com bactérias ou parasitas ou se envolvendo em brigas. Portanto, nada de passear com o cachorro antes da vacina alcançar toda a proteção.

Cuidados para passear com o cachorro filhote após a vacina

Após as vacinas iniciais, é hora de descobrir como preparar o cachorro para passear pela primeira vez. Andar com o animal dentro de casa e ensinar comandos para que ele respeite o seu ritmo antes de sair, além de ter acessórios fundamentais para um passeio seguro e tranquilo, como uma boa coleira de identificação e bebedouro portátil, vai ajudar a ter uma primeira saída sem traumas!

Também é interessante lembrar que o comportamento do cachorro durante o passeio pode ser diferente daquele dentro de casa: nessas horas, o peludo pode ficar eufórico, mas óbvio que isso também depende da raça. Por exemplo, Bulldog Inglês filhote gosta muito de interagir com crianças, enquanto o filhote de Cane Corso pode ser mais reservado. Já o comportamento do filhote de Husky Siberiano pode ser de proteção contra estranhos (por isso, nada de deixar desconhecidos chegar muito perto sem cuidado, viu?). Uma das características do Labrador filhote é ser um pequeno brincalhão, ou seja, ele não vai hesitar em interagir com qualquer pet ou humano na rua. Diferente do filhote de Poodle, que durante um passeio não pode ficar longe do seu tutor: ele é super carente. Mas independente da raça e do porte, cuidados com a saúde do filhote antes de um passeio devem ser rigorosamente seguidos.

Redação: Erika Martins

Edição: Mariana Fernandes

Adote um animal

50 nomes para cadelas pretas: ideias criativas para te ajudar a nomear o pet recém-adotado

Encontrar uma lista com 50 nomes para cadelas recém-adotadas não é uma tarefa muito difícil. Afinal, existem milhares de inspirações...

Cachorro

O Pastor Belga é bravo? 10 características sobre a personalidade da raça para conhecer antes de levar um pra casa

Elegante, leal e imponente, o Pastor Belga é um cão admirado em todo mundo. Procurados tanto pela capacidade de proteger territórios...

Adote um animal

Spitz Alemão ou Lulu da Pomerânia: 10 curiosidades para conhecer um dos cachorros pequenos mais populares do Brasil

O Spitz Alemão é famoso por ser um cachorro pequeno e peludo bem fofo e simpático. Ele surgiu na Alemanha e é considerado uma das ra...

Cachorro

Cinomose: 7 fatos para entender melhor uma das doenças de cachorro mais graves que existem

A cinomose é uma das doenças caninas mais perigosas e sérias que existem. Altamente contagiosa e frequentemente fatal, essa doença p...

Comportamento

Como saber se o gato te escolheu como dono: 6 coisas para observar e descobrir se você é o humano favorito do seu pet

O sonho de todo gateiro é ser a pessoa favorita dos bichanos. Mas como saber se o gato te escolheu como dono? Será que existem indíc...

Adote um animal

50 nomes para cadelas pretas: ideias criativas para te ajudar a nomear o pet recém-adotado

Encontrar uma lista com 50 nomes para cadelas recém-adotadas não é uma tarefa muito difícil. Afinal, existem milhares de inspirações...

Comportamento

Sonhar com gato é bom ou ruim? Veja o que os especialistas têm a dizer sobre o significado desses sonhos

Existem diferentes formas de se interpretar um sonho, principalmente quando envolvem animais de estimação. Sonhar com gato, por exem...

Cachorro

O Pastor Belga é bravo? 10 características sobre a personalidade da raça para conhecer antes de levar um pra casa

Elegante, leal e imponente, o Pastor Belga é um cão admirado em todo mundo. Procurados tanto pela capacidade de proteger territórios...

Ver todas