Cuidados dos animais

Cachorro chorando: aprenda a identificar o que seu cão quer dizer e o que fazer

Publicado - 18 Setembro 2023 - 12h26

Atualizado - 20 Abril 2024 - 14h51

Mesmo que seja muito comum ver filhote de cachorro chorando, os gemidos característicos do choro canino podem acontecer em qualquer fase da vida do animal — e nunca são sem motivos. Assim como os diferentes tipos de latidos, o choro de cachorro pode ter diferentes significados. Conforme o tempo vai passando e você conhece melhor a personalidade do seu cãozinho, vai ficando mais fácil de identificar a razão e, assim, resolver o problema.

Para isso acontecer, primeiro você vai precisa saber identificar o que um cachorro chorando quer dizer e o que cada uma das motivações do seu amigo pedem como solução. Para te ajuda a descobrir como fazer o cachorro parar de chorar, nós juntamos tudo o que você precisa saber sobre o assunto!

Afinal, o cachorro chora com lágrimas?

Instintivamente, quando se fala em choro de cachorro, é comum que muita gente imagine as lágrimas escorrendo nos olhos dele, assim como acontece com os humanos. Mas não é bem assim que a banda toca no mundo canino, e as lágrimas nos olhos do animal não são um indicativo de cachorro chorão.

Imagem Quiz:Qual a personalidade dominante do seu cachorro?

Qual a personalidade dominante do seu cachorro?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

O som de cachorro chorando é o que deve chamar a sua atenção quando o animal estiver nessa situação, e não as lágrimas (que não existem).  O barulho se assemelha ao de um cachorro gemendo. Os gemidos podem ser curtos ou mais alongados e, geralmente, é bem agudo e repetitivo.

Ao se deparar com uma secreção saindo dos olhos do animal (que às vezes se confunde com lágrimas), geralmente é um sinal de que o organismo do cãozinho está tentando expulsar da região algum corpo estranho, como um grão de poeira, por exemplo. Vale lembrar que o cachorro com olho remelando também pode ser um sinal de alerta para doenças oculares, como a conjuntivite.

8 motivos que explicam porque os cachorros choram

  • Cachorro chorando do nada: possivelmente, é sinal de fome. Os cães, principalmente os filhotinhos que ainda estão aprendendo a vocalizar, costumam chorar quando querem comer. Por isso, é importante estabelecer um horário fixo para as refeições.
  • Cachorro chorando e inquieto: se a inquietação vem acompanhada de um cachorro ofegante, aparentemente ansioso e/ou tremendo, pode ser que ele esteja com medo ou aflito com alguma situação (como a chegada de alguém novo ou por causa de um barulho muito alto, como trovões e fogos).
  • Cachorro chorando quando o dono chega: é provável que seja um caso de ansiedade de separação. Não se engane, pois os choros devem ter acontecido durante toda a sua ausência. Mas, ao contrário do resto do dia, o motivo porque o cachorro chora quando o dono chega é alívio e pedido de atenção.
  • Cachorro chorando à noite: significado pode ter relação com fome, frio ou saudade da mãe (principalmente se for um filhote de cachorro). O ideal é garantir que o animal se alimente adequadamente antes de dormir, tenha uma caminha aconchegante e fique bem aquecido nas noites mais frias.
  • Cachorro cavando piso e chorando: pode ser que o tédio e a ansiedade estejam causando isso. Um cão que não recebe os estímulos necessários pode ficar estressado, ansioso e entediado. Como consequência, ele adota hábitos compulsivos, como é o caso de um cachorro cavando e chorando.
  • Cachorro chorando com brinquedo na boca: os cães podem chorar nessas horas como uma forma de chamar a sua atenção e te convidar para brincar com eles. Ele também pode chorar de animação, caso vocês já estejam brincando juntos.
  • Cachorro chorando de dor: geralmente, quando o cachorro sente dor é comum que ele vocalize bem alto. Mas, em alguns casos, você também pode ter um cachorro chorando baixinho ou até um cachorro gemendo, o que pode ser uma outra forma de ligar o alerta se o choro for muito frequente.
  • Cachorro chorando e uivando: é um outro sinal típico de ansiedade de separação e solidão. Esse tipo de choro costuma ser frequente em cães que não têm enriquecimento ambiental e se sentem constantemente entediados e solitários sempre que os tutores saem de casa.

 

Cachorro amarelo deitado na grama com semblante triste

 

O choro de filhote de cachorro pode ter motivos diferentes do choro de cachorro adulto

Assim como acontece com os bebês humanos, ter um cachorro filhote chorando em casa é comum. A explicação é a seguinte: ele acabou de ser separado da mãe e dos irmãos da ninhada e foi para um lugar completamente novo. Ou seja, está morrendo de medo. 

No caso dos filhotinhos, o processo de adaptação costuma ser suficiente para que o choro de cachorro pare. É bem comum que isso aconteça com mais frequência à noite, na hora em que todos os moradores da casa forem dormir e ele se vir sozinho. 

Para os cachorros adultos, geralmente, o que causa o som de cachorro chorando é um pedido de atenção. Ele pode estar carente e pedindo carinho depois de um dia em que ficou sozinho, por exemplo. Em outros momentos, o cachorro chorando também pode estar apenas fazendo manha. Identificar o motivo é essencial antes de agir.  

 

Em todos esses casos, tanto em filhotes quanto em adultos, o adestramento positivo pode melhorar o costume que o seu cachorro tem de chorar sempre. Quando os momentos de choro se tornarem muito frequentes ou em momentos específicos, além do adestrador, você pode contar com a ajuda de um especialista em comportamento animal para identificar qual é o gatilho e qual trauma causa isso no seu amigo. 

Como saber se o cachorro está chorando de dor? Analise a postura e o corpo do animal

Além das questões emocionais, o choro de cachorro também pode estar relacionado a uma dor ou um desconforto. Nesses casos, é comum que ele chore com uma postura mais retraída, deitado, sem se movimentar muito. Quando isso acontecer, tanto com os filhotes quanto com os mais velhos, vale a pena dar uma observado mais criterioso no corpo do cachorro em busca de algum machucado. Encontrando alguma coisa ou não, esse é o quadro em que você precisa da opinião e ajuda de um veterinário para descobrir e tratar o incômodo do animal. 

Como fazer o cachorro parar de chorar?

Quando o cachorro chora, é fundamental buscar entender os motivos por trás do choro para resolver a situação. A seguir, veja algumas dicas para lidar com isso da melhor maneira:

  • Ofereça um ambiente confortável e acolhedor para o pet

Se for um cachorro chorando muito porque ele é filhote e ainda não está totalmente adaptado ao lar, uma dica para aumentar a sensação de segurança do animal é deixar na caminha dele um brinquedo, como um ursinho de pelúcia, para que ele sinta que está acompanhado. Ou, ainda, deixar o cachorro dormir na cama com você!

  • Invista no enriquecimento ambiental com brinquedos e passeios

Já se for um cachorro chorando porque sofre com ansiedade de separação e/ou está entediado, vale a pena apostar no enriquecimento ambiental para cães com brinquedos e outras atividades. Passear com o pet também é outro cuidado imprescindível na rotina para gastar bastante a energia do animal, deixando-o mais relaxado nos momentos da ausência do tutor.

  • Evite barulhos muito altos perto do animal e estabeleça um refúgio seguro

Situações novas ou que possam ser assustadoras para o pet, deixando o cachorro com medo, também precisam ser avaliadas com atenção. Durante as festividades de fim de ano, por exemplo, é importante apostar em um refúgio seguro para o animal, amenizando os altos barulhos dos fogos. 

  • Esteja com as consultas veterinárias em dia

Outra dica é manter um horário fixo para as refeições, evitando um cachorro chorando de fome, e manter as consultas com o médico veterinário sempre em dia. O cachorro choramingando com frequência precisa de atenção, porque pode estar sentindo alguma dor. O mesmo vale para um cachorro idoso chorando à noite, que pode estar sofrendo com problemas articulares. 

Publicado originalmente em: 24/10/2019
Atualizado em: 18/09/2023

Comportamento

Cachorro e gato deixam as desavenças de lado e se unem para missão que parecia impossível

Existe uma crença de que cachorro e gato são inimigos naturais. Ao longo dos anos, a relação entre as duas espécies foi retratada na...

Cachorro

Com quantos anos você descobriu que é possível descobrir a idade de cachorro pelos dentes?

Em casos de adoção animal, em que a maioria dos cães são resgatados da rua, é inevitável surgir a curiosidade de qual é a idade do p...

Adote um animal

As 7 raças de cachorro mais engraçadas que existem - o último da lista chama atenção por um detalhe curioso

Cada raça de cachorro tem características físicas únicas e muito particulares. São esses traços que muitas vezes nos ajudam a difere...

Comportamento

Sem cerimônia, cachorro bate na porta do vizinho e entra na casa para chamar amiga canina para brincar

A socialização é um processo muito importante para que o cãozinho aprenda a conviver com outras pessoas e animais, e também faça alg...

Comportamento

Cachorro e gato deixam as desavenças de lado e se unem para missão que parecia impossível

Existe uma crença de que cachorro e gato são inimigos naturais. Ao longo dos anos, a relação entre as duas espécies foi retratada na...

Cachorro

Com quantos anos você descobriu que é possível descobrir a idade de cachorro pelos dentes?

Em casos de adoção animal, em que a maioria dos cães são resgatados da rua, é inevitável surgir a curiosidade de qual é a idade do p...

Adote um animal

As 7 raças de cachorro mais engraçadas que existem - o último da lista chama atenção por um detalhe curioso

Cada raça de cachorro tem características físicas únicas e muito particulares. São esses traços que muitas vezes nos ajudam a difere...

Gato

Gato que frequentava Universidade se forma e recebe título de "Doutor em Litter-ature"

Histórias de bichinhos de estimação frequentando a universidade sempre ganham um lugar especial no nosso coração. Foi o que acontece...

Ver todas