Saber quais são os alimentos proibidos para cachorro faz toda a diferença na hora de dar uma diversificada no cardápio do pet. Apesar de alguns quitutes e temperos serem super bem-vindos e saborosos para o paladar humano, o mesmo não acontece com nossos amigos peludos. Na verdade, existem comidas que não pode dar para cachorro de jeito nenhum, principalmente se for um alimento que contém algum tipo de substância tóxica para cães.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não tenho pets
Tenho cão
Tenho gato
Tenho cão e gato
Autorizo receber comunicações e publicidade da NESTLÉ®.

Então, como saber o que o seu doguinho pode ou não ingerir? Para tirar as dúvidas sobre o que não dar para cachorro comer, o Patas da Casa reuniu no infográfico abaixo 10 alimentos proibidos para cães. Confira!


Os alimentos proibidos para cachorro têm alto potencial de causar intoxicação
Os alimentos proibidos para cachorro têm alto potencial de causar intoxicação

1) Chocolate

O chocolate é um dos alimentos que não pode dar para cachorro em hipótese alguma. Ele contém uma substância extremamente tóxica para os cães, chamada teobromina. Os sintomas variam de acordo com a quantidade que foi ingerida, mas se o cachorro comeu chocolate é fundamental procurar ajuda de um veterinário o mais rápido possível.

Dentre os principais sintomas do cachorro intoxicado, podemos destacar taquicardia, respiração ofegante, hiperatividade, diarreia, febre, convulsões e problemas de coordenação motora. Há a possibilidade de coma ou morte, dependendo da gravidade.

2) Uva e uva passa

Tanto a uva in natura quanto a uva passa são comidas que não pode dar para cachorro. Para quem acha que cachorro pode comer uva, um alerta: essa fruta é altamente prejudicial ao organismo dos cães e não existe consumo seguro do alimento. Qualquer pequena quantidade já é capaz de provocar danos.

A ingestão acidental da uva pode provocar quadros de insuficiência renal em cães, vômitos, diarreia, desidratação, aumento de sede, alterações urinárias e letargia. Por isso, é importante manter o animal bem longe de qualquer tipo de uva!

3) Cebola

É comum que as pessoas se perguntem se o cachorro pode comer cebola e alho, mas a resposta é não. A cebola é um dos alimentos proibidos para cães, porque contém substâncias (como o N-Propil) que inibem a ação de enzimas essenciais para o funcionamento do organismo canino e podem atacar os glóbulos vermelhos do animal.

Na prática, isso pode causar um quadro de anemia hemolítica. Alguns dos sintomas mais comuns após a ingestão do alimento são cachorro vomitando, urina avermelhada, diarreia, aumento do ritmo cardíaco e apatia.

4) Alho

O alho age da mesma forma que a cebola, pois eles pertencem à mesma “família”. Por isso, qualquer tipo de comida temperada com alho deve ser evitada na rotina dos cães, já que esse é um dos alimentos que fazem mal para cachorro. Os sintomas e forma de ação do componente são iguais aos da cebola.

5) Abacate

Algumas frutas para cachorro até são consideradas benéficas, mas o abacate não é uma delas. Na realidade, ele contém uma substância bastante nociva para os cães, que é a persina. O componente está presente principalmente nas cascas, folhas e caroço da fruta, mas no geral a recomendação é não oferecer abacate para os animais de jeito nenhum.

Os principais sinais de que o cachorro foi intoxicado são vômitos e diarreia. Além disso, é importante ter muito cuidado, pois o consumo da persina também pode provocar acúmulo de líquido no pulmão e causar dificuldades respiratórias no pet.

6) Laranja

Se você já se perguntou se cachorro pode comer laranja, temos uma má notícia. Apesar de parecer uma fruta inofensiva, a laranja faz parte da lista de alimentos proibidos para cães. A explicação para isso é porque a fruta é muito ácida, podendo causar problemas de estômago no animal. Para completar, a laranja também é muito doce e contribui para quadros de diabetes canina.

7) Carambola

Um dos alimentos que fazem mal para cachorro é a carambola. A fruta, inclusive, é muito perigosa para estes animais, porque contém uma substância extremamente tóxica: a caramboxina. Ela é capaz de provocar problemas neurológicos no animal, além de piorar quadros renais, portanto o consumo da carambola está fora de cogitação na rotina do seu pet.

8) Frituras e gorduras

Qualquer fritura ou gordura deve ficar bem longe do seu cãozinho! Se esse já não é o melhor tipo de alimento para nós, imagina para os cães. São comidas que não pode dar para cachorro porque podem causar inchaço intestinal - e, em casos mais graves, até a ruptura do intestino. Além disso, são altas as chances de o animal sofrer com diarreia e pancreatite canina após a ingestão desses quitutes.

9) Carne crua

A carne crua é um grande perigo para os animais, e por isso faz parte dos alimentos proibidos para cachorro. Quando a carne é armazenada de maneira inadequada e refrigerada, ela pode conter várias bactérias perigosas como a Salmonella e Escherichia coli. Elas podem causar uma intoxicação alimentar no cachorro e existe o risco de morte, por isso todo cuidado é pouco.

10) Espiga de milho

O milho é um dos alimentos que não pode dar para cachorro por vários motivos. Um deles é que o milho tende a causar vários problemas digestivos no animal. Além disso, ele pode provocar alergia em alguns pets. Caso o milho esteja cozido, são menores as chances disso acontecer.

A espiga de milho, por outro lado, é totalmente contraindicada! Fora os problemas mencionados, a espiga pode causar uma obstrução intestinal no cão e deixá-lo engasgado ou sufocado. Portanto, evite e saiba quais alimentos que o cachorro pode comer.

Redação: Juliana Melo

Edição: Mariana Fernandes