Cuidados dos animais

5 cuidados necessários com as patas do seu cachorro

Publicado - 14 Outubro 2019 - 11h00

Atualizado - 18 Abril 2024 - 20h31

A pata de cachorro precisa de muitos cuidados e, assim como os nossos pés, é super importante para a vivência do animal no dia a dia. Além de sustentar todo o peso do cãozinho, são elas que possibilitam as caminhadas, corridas, brincadeiras e saltos do seu amigo. Ainda assim, nem sempre são lembradas na hora dos cuidados frequentes com a saúde do seu cachorro. O problema principal de negligenciar as patas de cachorro é que qualquer problema pode atrapalhar a mobilidade dele ou piorar com os movimentos que o animal precisa fazer no dia a dia. Por isso, resolvemos separar cinco dicas de cuidados que você precisa ter com essa parte do corpo do cachorro. Dá uma olhada! 

1) Como cortar as unhas do cachorro

Pode ser você mesmo, o veterinário ou um funcionário treinado do seu pet shop de confiança: alguém que saiba como cortar as unhas do cachorro precisa repetir o processo com frequência no seu animal. Isso evita que ele se machuque caso as unhas fiquem presas em algum lugar, impede que elas encravem e, até mesmo, que acumulem o resíduo de alguma coisa que pode causar infecções e machucados. Geralmente, as unhas do animal já precisam ser cortadas quando elas fazem barulho no chão enquanto ele caminha, mas o ideal é combinar com o veterinário o intervalo ideal entre os cortes. 

2) Pata de cachorro: apare os pelos entre os dedos e as almofadinhas

Em cachorros de raças muito peludas, mesmo que a tosa completa não seja necessária, a tosa higiênica geralmente é recomendada. As patas estão incluídas entre as áreas onde a tosa é realizada. Além de facilitar o acúmulo de sujeira e, até mesmo, a proliferação de parasitas como pulgas e carrapatos, os pelos em excesso também podem dificultar a caminhada do animal em pisos mais lisos, já que podem deixar as passadas mais escorregadias. Use uma tesoura e apare os pelos com cuidado sempre que for necessário — o que vai depender da rapidez de crescimento. 

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

 

Pata de cachorro sendo segurada por mão humana

 

3) Pata de cachorro requer uma uma checagem semanal

Uma das formas mais simples de impedir os problemas nas patas do seu cachorro é conferindo o estado delas com frequência. O ideal é que, uma vez por semana, você olhe atentamente as almofadinhas das patas e os espaços entre elas procurando qualquer coisa que fuja do comum: pequenos objetos que podem estar presos por ali, insetos, pulgas e carrapato, rachaduras, cortes e machucados em geral. O tratamento será mais rápido e fácil se você identificar um problema mais cedo. No caso dos diferentes tipos de machucado na almofada da pata do cachorro, o ideal é contar com a ajuda do seu veterinário para o tratamento adequado, ok?

4) Tomar cuidado com o horário dos passeios em dias quentes

Durante o verão e outras épocas do ano em que os dias ficam mais quentes, o ideal é que você passeie com o seu cachorro apenas de manhã bem cedo ou à noite. Esse cuidado deve existir para que as patas dele não fiquem com queimaduras ou bolhas por causa do contato com o concreto ou asfalto muito quente. A precaução deve existir mesmo se você costuma passear com o animal na praia, já que a areia quente também incomoda bastante. Se o chão estiver quente demais para você pisar sem calçados, também estará para o seu cachorro: esse deve ser o seu termômetro! 

5) Massagear as almofadinhas das patas de vez em quando

Um pouco de mimo nunca é demais, certo? Por isso, depois de garantir que as patas do seu cachorro estão saudáveis, sem nenhum tipo de parasita, machucado ou rachadura, você pode fazer uma massagem entre as almofadinhas para aliviar qualquer dor ou desconforto que ele possa estar sentindo, principalmente depois de passeios longos ou corridas. Não se incomode com a aspereza das almofadinhas nesse momento: é normal que elas fiquem mais grossas e isso ajuda na proteção do animal. Se não observar rachaduras, você não precisa se preocupar! 

Redação: Ariel Cristina Borges 

Adote um animal

Mulher compra "Lulu da Pomerânia" e toma um susto quando o pet cresce mais que o esperado

O Lulu da Pomerânia chama atenção por sua pelagem exuberante e personalidade simpática. Geralmente, cães dessa raça pesam até 3,5 kg...

Cuidados

Da tentativa de afogar banhista a carinho de estranhos: Golden vai à praia e tutor lista tudo que cachorro aprontou

O Golden Retriever é uma raça de cachorro conhecida pela energia inesgotável e pela enorme paixão por água, características que torn...

Comportamento

Cachorro "rouba" objeto pessoal de idosa e protagoniza uma das cenas mais engraçadas da internet

Um cachorro preto “ladrãozinho” protagonizou uma cena hilária que viralizou nas redes sociais.  Com quase 740 mil curtidas no T...

Adote um animal

Cane Corso filhote: o que esperar do cãozinho de porte gigante?

O Cane Corso filhote é um cachorro cheio de energia e que precisa de muita atenção, especialmente nos dois primeiros anos de vida. A...

Adote um animal

Mulher compra "Lulu da Pomerânia" e toma um susto quando o pet cresce mais que o esperado

O Lulu da Pomerânia chama atenção por sua pelagem exuberante e personalidade simpática. Geralmente, cães dessa raça pesam até 3,5 kg...

Cuidados

Da tentativa de afogar banhista a carinho de estranhos: Golden vai à praia e tutor lista tudo que cachorro aprontou

O Golden Retriever é uma raça de cachorro conhecida pela energia inesgotável e pela enorme paixão por água, características que torn...

Comportamento

Cachorro "rouba" objeto pessoal de idosa e protagoniza uma das cenas mais engraçadas da internet

Um cachorro preto “ladrãozinho” protagonizou uma cena hilária que viralizou nas redes sociais.  Com quase 740 mil curtidas no T...

Gato

Gato fofoqueiro acorda todo dia de madrugada por um motivo especial

Gatos são super observadores e estão sempre atentos a tudo. Além disso, para quem pensa que não, os bichanos podem, sim, ser bem com...

Ver todas