close
Cuidados

Vai se mudar de casa com o cachorro? Veja dicas de como adaptar o animal ao novo ambiente

Atualizado · 04 de agosto de 2020 · 18h16

Publicado · 04/08/2020 · 18h15

Veja algumas dicas para não deixar o cachorro estressado antes, durante e depois da mudança
Veja algumas dicas para não deixar o cachorro estressado antes, durante e depois da mudança

Mudar de casa é sempre um processo complicado, mas se você tem um bichinho de estimação, a preocupação aumenta mais ainda. Não importa se você tem um gato ou um cachorro, o planejamento, a mudança em si e a adaptação do animal ao novo lar precisa de cuidados. Afinal, a troca de ambiente e a movimentação de uma mudança podem resultar em um cachorro estressado e ansioso. Por isso, é importante que todos os passos sejam bem pensados para não traumatizar o seu amigo e nem mesmo provocar uma fuga. Veja abaixo algumas dicas de como tornar a mudança de casa menos estressante para o seu cãozinho. 

Para não deixar o cachorro ansioso, tente manter a rotina antes e depois da mudança

Com a correria da mudança, é comum que os animais de estimação fiquem em segundo plano na programação. E é justamente aí que mora o perigo. Cães são acostumados desde os primeiros meses de vida a seguirem uma rotina certinha: horário de fazer as necessidades, passear, comer, dormir, acordar, brincar, entre outros. É normal que o animal estranhe e fique estressado em qualquer alteração repentina nesses hábitos. O cachorro pode ficar mais triste, latir desesperadamente, apresentar falta de apetite ou ter problemas gastrointestinais como uma resposta à situação. É super importante que a rotina do cachorro tenha o mínimo de impacto possível antes, durante e depois da mudança. Ou seja, não deixe de passear com o cachorro nos horários de costume, reserve um momento para brincar e dar atenção e não mude o momento das refeições.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Para evitar um cachorro estressado ou ansioso, é importante manter a rotina do animal
    Para evitar um cachorro estressado ou ansioso, é importante manter a rotina do animal

    Mais Lidas

    Veja 12 dicas de como acabar com carrapatos no quintal
    Cuidados dos animais

    Veja 12 dicas de como acabar com carrapatos no quintal

    O carrapato em cachorro, assim como as pulgas, é uma das principais causas de aborrecimento nos donos de pets. Mesmo usando coleiras ou remédio para carrapato, o animal não está livre de pegar esses parasitas tão incômodos e que podem causar problemas graves. Às vezes, um simples passeio ao ar livre já pode gerar dores de cabeça se o local estiver infestado. Para controle, é importante não só proteger o animal, mas também fazer uma limpeza do ambiente.

    Quanto tempo vive um gato?
    Cuidados dos animais

    Quanto tempo vive um gato?

    Afinal, um gato vive quantos anos? Não é mistério que a companhia de um bichano muda a vida de qualquer pessoa para melhor, e, se dependesse de nós, nossos gatinhos viveriam para sempre. No entanto, isso não é possível e muitos tutores têm dúvidas quando o assunto é a expectativa de vida. Gato, querendo ou não, é como se fosse um filho, e é muito fácil se apegar a esses animais no dia a dia. 

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato
    Cuidados dos animais

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato

    Até mesmo os tutores mais experientes podem cometer alguns erros quando o assunto é cuidar de gato. Uma dúvida muito comum, por exemplo, é se a castração de gato é realmente necessária. Além disso, muitos humanos cometem o erro de tratar os felinos como se eles fossem cães, embora eles tenham comportamentos claramente distintos. No geral, os gatos são mais reservados, independentes e valorizam muito sua privacidade, diferente dos cachorros. P

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!
    Cuidados dos animais

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!

    Ter um cãozinho em casa é só alegria, mas é sempre bom que o dono esteja preparado para lidar com alguns comportamentos inconvenientes do animal. Um deles é o xixi fora do lugar para deixar o cheiro em todos os cantos da casa. O que fazer para o cachorro parar de marcar território? O costume é desagradável e pode até tirar o sossego de muitos tutores por aí. Para te ajudar, separamos algumas dicas para evitar que o cachorro marque território em casa e faça xixi onde não deve. Acompanhe!

    Qual a melhor forma de preparar o cachorro para a mudança?

    Os cães podem ser mais sensíveis do que você imagina, principalmente quando se trata de um cachorro ansioso ou estressado. Uma casa cheia de caixas, pessoas andando para todos os lados e tutores sem tempo para brincar pode ser bem desconfortável para o seu pet. Por esse motivo, o ideal é deixar o animal preso em um cômodo com pouca movimentação de pessoas, principalmente estranhos Uma outra possibilidade é levar o seu pet para a casa de um amigo até que a mudança esteja finalizada. Caso você não tenha essas opções, vale considerar um hotel para cachorro para tornar o período de preparação para a mudança menos cansativo e estressante para o animal.

    Além disso, no momento de levar o animal para a nova casa, é importante que o trajeto seja feito com segurança e conforto. O uso da caixa de transporte para cachorro, por exemplo, pode ser a solução para esse problema. Ao chegar no novo ambiente, deixe o animal preso até que a porta da casa possa ser fechada e ele consiga explorar com segurança. 

    Como adaptar o cachorro ao novo lar?

    Embora o processo de adaptação do cachorro na nova casa nem sempre é fácil, existem alguns cuidados que podem fazer com que o seu amigo se sinta mais confortável no novo ambiente. Manter os itens pessoais do seu cãozinho é um deles. Isso porque, assim como os humanos, os cães também possuem memórias olfativas e afetivas com seus objetos. Aquela caminha velhinha e surrada, por exemplo, pode fazer toda a diferença na hora de adaptar o cachorro ao novo lar. Por isso, nada de comprar tudo novo, ok? Você pode até trocar alguns móveis e investir em uma nova decoração, mas o ideal é que os itens do seu doguinho sejam os mesmos. 

    Veja 3 dicas para cuidar de cachorro após a mudança de casa

    1) Mesmo com todos os cuidados possíveis, a mudança de casa pode ser uma fase extremamente estressante para o seu cãozinho. Em algumas situações, as fugas podem ocorrer e, por isso, é importante que você esteja preparado. Nesse caso, uma coleira com identificação para cães aumentam as chances do seu amigo voltar para casa;

    2) Permita que o seu cãozinho fique perto dos seus pertences, incluindo caminha, potes de comida e até móveis em que ele costumava passar um tempo na casa antiga. Na hora de arrumar o novo lar, essa pode ser a primeira caixa a ser aberta; 

    3) Invista em brinquedos para cachorros para manter o seu pet entretido e, assim, ajudar na adaptação. Interaja com o animal e o estimule a conhecer os outros ambientes, sempre respeitando o tempo dele. Ou seja, não force o cachorro a entrar em um cômodo se ele não quiser, ok?!

    Redação: Úrsula Gomes

    Leite artificial para gatos: o que é e como dar para o gato recém-nascido

    Próxima matéria

    Leite artificial para gatos: o que é e como dar para o gato recém-nascido

    Vai se mudar de casa? Veja algumas dicas para adaptar seu gato ao novo ambiente!
    Comportamento

    Vai se mudar de casa? Veja algumas dicas para adaptar seu gato ao novo ambiente!

    Gatos são conhecidos pela independência e instinto territorialista, mas a verdade é que os felinos também são muito apegados aos seus pertences. Casa, brinquedos, caminha, móveis e humanos, tudo entra nessa lista. Se o seu gato costuma ter um lugar preferido para dormir ou ama ficar na janela observando o movimento da rua, saiba que qualquer mudança na rotina pode deixá-lo estressado, ansioso e até doente.

    Seu cachorro só faz necessidades na rua? Veja 5 dicas de um adestrador para o animal fazer xixi e cocô em casa
    xixi

    Seu cachorro só faz necessidades na rua? Veja 5 dicas de um adestrador para o animal fazer xixi e cocô em casa

    Muitos cachorros domésticos são acostumados a fazer suas necessidades apenas na rua. Alguns tutores preferem acostumar os amiguinhos peludos assim por questões de higiene e limpeza e aproveitam para passear com os animais na hora de fazer xixi e cocô. Mas, nesse período de isolamento social e quarentena, pode não ser uma boa ideia levar seu cão para a rua. Uma alternativa para isso é acostumar seu cachorro a fazer as necessidade dentro de casa, em um local selecionado por isso. Para quem não sabe como fazer isso, o Patas da Casa conversou com o Max Pablo, passeador e adestrador de cães, que contou 5 dicas para fazer a adaptação.

    Como dar banho em cachorro: 10 dicas para manter a higiene do seu pet em casa
    Higiene

    Como dar banho em cachorro: 10 dicas para manter a higiene do seu pet em casa

    Manter o cachorro sempre limpo vai além da questão de deixar seu animal cheiroso, principalmente para quem dorme ou deixa o pet deitar na cama e no sofá. A higiene regular do seu cão impede o surgimento de parasitas e doenças de pele. Mas dar banho em cachorro em casa pode ser uma missão bastante trabalhosa! Com algumas dicas, você pode tirar de letra e ainda deixar seu bichinho limpo para colocar a pata onde quiser. Mesmo que tenha o hábito de levá-lo no pet shop, é bom saber o que fazer para situações de emergência ou até mesmo para economizar uma grana.

    Como criar uma rotina para o seu cachorro? Dicas de cuidados, higiene, alimentação e passeios
    Cuidados

    Como criar uma rotina para o seu cachorro? Dicas de cuidados, higiene, alimentação e passeios

    Ninguém pode negar: manter uma boa rotina é fundamental para saúde física e mental do ser humano. Mas, além de você, existe outro serzinho que precisa de hábitos diários para garantir um bom funcionamento do seu organismo: o seu cachorro. Ao contrário do que muitos tutores pensam, os cães são animais de rotina e, por isso, mudanças repentinas nos horários podem deixá-los estressados e, até mesmo, depressivos. O horário de passear com cachorro, por exemplo, é um dos que mais impactam o seu bichinho e deve ser o mesmo todos os dias. Para te ajudar nessa e em outras tarefas que envolvem a rotina do seu cãozinho, o Patas da Casa reuniu algumas dicas sobre o assunto. Dá uma olhada!

    Ver Todas >

    Existe pensão alimentícia para pets? Veja o que fazer em caso de divórcio dos tutores
    Cuidados dos animais

    Existe pensão alimentícia para pets? Veja o que fazer em caso de divórcio dos tutores

    Os direitos dos animais proclamam que todos eles têm direito aos cuidados, respeito e proteção do homem e que é um ato de extrema crueldade o abandono dos animais. Recentemente o Superior Tribunal de Justiça (STJ) voltou a discutir a obrigatoriedade de pensão para pets em casos de divórcio do seu casal de tutores no país. Enquanto a guarda compartilhada de pet já é uma realidade no país, agora entra em pauta a possibilidade do pagamento de pensão para os peludos, considerando que adotar um cachorro ou um gato é uma grande responsabilidade que exige tempo e muitos custos com alimentação, lazer e manutenção da saúde. Ambas as medidas visam evitar o abandono do animal. Pode não parecer, mas eles também sofrem muito com o divórcio dos seus tutores e podem ser deixados de lado no momento da separação. Em alguns casos, é possível que os tutores também disputem a guarda do animal, levando anos para que entrem em um acordo. O Patas da Casa separou algumas informações sobre o tema e também vamos esclarecer mais sobre os direitos dos animais no Brasil, acompanhe.

    Dia mundial do cachorro é celebrado em agosto! Entenda o que a data representa para os direitos dos animais
    Cuidados dos animais

    Dia mundial do cachorro é celebrado em agosto! Entenda o que a data representa para os direitos dos animais

    O Dia Mundial do Cachorro, comemorado em 26 de agosto, celebraa a existência dos doguinhos na nossa vida. Além de chamar a atenção para a adoção de cães, o dia internacional dos cachorros também é uma data importante para refletir sobre o direito dos animais, alertar sobre os maus-tratos e falar sobre os cuidados que todo cachorro deve receber para uma vida felis e saudável!

    Como fazer o gato beber água? Tudo sobre a hidratação felina e prevenção de doenças
    Cuidados dos animais

    Como fazer o gato beber água? Tudo sobre a hidratação felina e prevenção de doenças

    Se você convive com um gatinho, mais cedo ou mais tarde vai acabar se perguntando como fazer o gato beber água. Afinal, é natural se preocupar com a hidratação felina - e se depender somente da vontade da espécie, os potes de água e bebedouro ficam intactos por um bom tempo. Existe uma explicação lógica para isso, mas os tutores devem ter em mente que a iniciativa de fazer o gato beber água deve partir de estímulos no dia a dia do pet.

    O que fazer ao levar uma mordida de gato?
    Cuidados dos animais

    O que fazer ao levar uma mordida de gato?

    Levar uma mordida de gato nunca é algo agradável. No entanto, há situações em que a mordida é bem leve e não passa de uma simples “brincadeira” do animal, e há casos em que os dentes de gato causam uma perfuração na pele, quadro que precisa de atenção. Se isso acontecer, uma das maiores preocupações é quanto ao que fazer ao levar uma mordida de gato na mão. Inchaço, vermelhidão e outros sintomas fora do comum devem ligar o alerta, não importa se é um felino caseiro ou de rua. 

    Ver Todas >