close
Saúde

Tumor em gato: quais são os tipos de câncer mais comuns nos felinos?

Atualizado · 27 de julho de 2020 · 15h02

Publicado · 27/07/2020 · 15h01

O câncer de gato é uma doença bastante perigosa e que precisa de atenção
O câncer de gato é uma doença bastante perigosa e que precisa de atenção

Quando se trata da saúde do gato, o câncer é uma doença séria e que pode se manifestar de diferentes formas. Assim como acontece com os humanos, o câncer em gato é um problema bastante imprevisível que se desenvolve com o crescimento desenfreado de células anormais no organismo do animal. Como consequência, essas células geralmente acabam provocando o tumor em gatos, que pode atingir diferentes partes do corpo. A seguir, descubra quais são os tipos de câncer em gatos mais comuns e como identificar a doença.

Câncer de gato: linfoma é um dos tipos mais comuns

O linfoma é um tipo de câncer em gato que não tem uma causa exata, mas acredita-se que os felinos infectados com FIV ou FeLV estão mais propensos a desenvolver a doença. Esse é um problema que pode afetar um ou mais órgãos e, dependendo da região afetada, os sintomas também podem variar. O linfoma alimentar, por exemplo, pode surgir no estômago, intestinos, fígado e baço. Normalmente, esses tipos causam perda de peso, vômito, diarreia e sangue nas fezes. Já o linfoma ocular ocorre nos olhos dos gatos e se manifesta com sintomas como aversão à luz, descolamento da retina, conjuntivite e hemorragia. Também são comuns os linfomas multicêntricos e os extranodais, que vão ter os seus sintomas associados com o órgão afetado.

Câncer de mama em gato costuma afetar as fêmeas não castradas

Um tipo de tumor em gatos bastante frequente, principalmente em fêmeas que não foram castradas, é o câncer de mama. No entanto, pode haver incidência da doença em animais castrados e machos, apesar de ser mais raro. As causas para esse câncer de gato podem variar, mas o uso de medicamentos sem supervisão profissional (como os anticoncepcionais) aumenta as chances da doença se desenvolver. Além disso, uma dieta não balanceada também pode ser a causa desse tumor em gatos. Alguns dos sintomas mais comuns quando se trata do câncer de mama nos felinos são falta de apetite, dor, nódulos e inchaço nas mamas.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Câncer em gato: um dos sintomas do linfoma alimentar é a falta de apetite
    Câncer em gato: um dos sintomas do linfoma alimentar é a falta de apetite

    Mais Lidas

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    Tumor em gatos: carcinoma das células escamosas atinge a pele dos felinos

    O carcinoma das células escamosas é um dos tipos de câncer em gatos mais comuns. Sabe aquelas feridas que não cicatrizam na pele do seu amigo de quatro patas? Elas são um motivo de alerta e podem ser o primeiro indício de que o gatinho está com câncer de pele. As causas para o problema podem ser variadas - fúngicas, virais, causadas por protozoários (leishmaniose) ou tumorais - e, cada tipo de câncer de gato requer uma terapia específico. Por isso que, para obter o diagnóstico correto e iniciar o tratamento mais adequado, é importante buscar a ajuda de um médico veterinário. Então, tenha sempre muita atenção caso o seu gatinho comece a apresentar feridas frequentes e de difícil cicatrização pelo corpo.

    Câncer de gato precisa ser diagnosticado e tratado por profissionais qualificados

    Independente de qual for o tipo de câncer em gato, é imprescindível buscar orientações de um especialista em saúde animal. O tratamento para cada uma dessas patologias pode variar bastante, desde cirurgias a procedimentos como radioterapia, quimioterapia ou eletroquimioterapia. Mas, no geral, costuma-se fazer uma associação entre duas ou mais modalidades para que o tratamento seja mais eficiente e tenha maiores chances de cura. Além disso, é importante que o tutor tenha em mente que o tumor em gatos é um problema que requer alguns cuidados especiais - principalmente referente a alimentação - para tentar promover uma boa qualidade de vida ao seu amigo, ainda mais nesse momento tão delicado.

    Redação: Juliana Melo

    Displasia de quadril em cães: o que é, causas, sintomas e tratamentos

    Próxima matéria

    Displasia de quadril em cães: o que é, causas, sintomas e tratamentos

    Pug com alergia: saiba quais os tipos mais comuns da raça de cachorro pequeno
    Saúde

    Pug com alergia: saiba quais os tipos mais comuns da raça de cachorro pequeno

    Há quem pense que todos os cães enfrentam o mesmo tipo de problemas ao longo da vida, mas não é bem assim. Algumas raças de cachorro têm detalhes muito característicos na anatomia que favorecem o desenvolvimento de condições específicas. Uma prova disso são os casos de alergias em Pugs: por causa das dobrinhas e rugas que têm pelo corpo, eles acabam tendo uma propensão maior a desenvolver diferentes tipos de dermatites alérgicas. Por isso, ao dar as boas-vindas a um Pug na sua casa, o ideal é que você saiba o que pode causar essas alergias e como reagir caso o seu animalzinho apareça com algo do tipo. Hoje, o Patas da Casa vai ao seu socorro: descubra, aqui embaixo, mais sobre esse problema!

    Música para gatos: qual o efeito das canções nos felinos?
    Comportamento

    Música para gatos: qual o efeito das canções nos felinos?

    Cuidar de gato também significa entender o que o seu amigo de quatro patas gosta ou não. Desde petiscos - como as frutas para gatos - até brincadeiras e formas de fazer carinho no animal, é essencial buscar compreender os gostos e o que influencia no comportamento do bichano. Às vezes, o gato acaba ficando muito estressado ou ansioso com alguma coisa, e para contornar esse tipo de situação, a música pode ajudar. “Mas como assim gato gosta de ouvir música?”, é o que você deve estar se perguntando, né? Pois bem, a gente te explica a seguir de que forma as músicas para gatos podem melhorar o bem-estar dos felinos. Dá só uma olhada!

    Plano de saúde para gatos: quais são as vantagens? Entenda melhor o serviço!
    Saúde

    Plano de saúde para gatos: quais são as vantagens? Entenda melhor o serviço!

    O plano de saúde para gatos pode ser uma ótima alternativa para quem tem um felino em casa! Os pets fazem parte da família e, como qualquer ente querido, demandam atenção e cuidados especiais. No caso dos gatinhos, essa série de precauções inclui check-ups anuais, vacinas e visitas frequentes ao consultório veterinário. Manter essa rotina saudável não precisa, necessariamente, ser um peso no orçamento.

    Feridas em gatos: conheça alguns dos tipos mais comuns
    Saúde

    Feridas em gatos: conheça alguns dos tipos mais comuns

    Quando percebemos um machucadinho em nosso gato, já começamos a nos perguntar o que é aquela ferida. As pesquisas na internet acabam indo para caminhos que muitas vezes, são maiores do que a feridinha em questão e geram nos donos uma ideia falsa do que é o machucado. O ideal é sempre procurar um veterinário, mas você também pode ver aqui no artigo os tipos mais comuns e identificar os cuidados que o seu gatinho precisa.

    Ver Todas >

    Novo coronavírus: cães e gatos podem contrair e transmitir a Covid-19? Esclarecemos as principais dúvidas!
    Saúde animal

    Novo coronavírus: cães e gatos podem contrair e transmitir a Covid-19? Esclarecemos as principais dúvidas!

    Cães e gatos podem contrair a Covid-19? Será que gato pega covid de humano? O coronavírus humano tem algum impacto na saúde do gato ou cachorro? Fomos atrás de respostas para todas essas dúvidas!

    Coleira antipulgas também protege o cachorro da leishmaniose? Veja o comparativo!
    Saúde animal

    Coleira antipulgas também protege o cachorro da leishmaniose? Veja o comparativo!

    A coleira antipulgas é um acessório que faz toda a diferença na vida de quem tem um ou mais cães. Mas você sabia que existem produtos que, além de combater as pulgas, também ajudam a afastar outros problemas indesejados, como carrapatos e mosquitos? É aí que entra a coleira contra leishmaniose! Para quem não sabe, a leishmaniose canina é uma doença transmitida pelo mosquito-palha considerada muito perigosa e que pode debilitar bastante a saúde do animal.

    Gato pega cinomose? Descubra a resposta!
    Saúde animal

    Gato pega cinomose? Descubra a resposta!

    Você já ouviu falar de cinomose em gatos? Muito se sabe sobre a cinomose em cães, doença altamente contagiosa e que traz diversas complicações à saúde do cachorro. Essa condição é temida por muitos tutores de cães, mas também tutores de gatinhos. Existe uma doença conhecida por “cinomose em gatos”, que parece ser exatamente igual à que atinge os cães. Porém, existem muitas dúvidas se esse termo é realmente o mais adequado para se referir a essa condição. Afinal, a cinomose pega em gato ou a doença acontece unicamente com cães? O Patas da Casa te explica tudo sobre a “cinomose em gatos”!

    Verme do coração: veterinário tira todas as dúvidas sobre a dirofilariose canina
    Saúde animal

    Verme do coração: veterinário tira todas as dúvidas sobre a dirofilariose canina

    Você já ouviu falar em doença do verme do coração? Se você é tutor de cachorro, é bom se preocupar com ela. A dirofilariose é uma doença muito perigosa, que pode afetar órgãos vitais dos cãezinhos e levá-los à morte. Diferente de outras doenças causadas por verminoses, o verme do coração é transmitido pela picada de mosquitos e, por isso, acaba sendo mais incidente no verão. Mas como identificar o verme no coração do cachorro? Dirofilariose tem cura? Como é feito o tratamento? E o mais importante: como manter o pet longe da doença? Descubra tudo sobre verme do coração em cães a seguir.

    Ver Todas >