close
Saúde

Quanto tempo vive um cachorro cardíaco? Veterinário responde essa e outras dúvidas sobre problema no coração

Atualizado · 02 de maio de 2022 · 18h25

Publicado · 02/05/2022 · 18h25

O cachorro com sopro no coração ou outros problemas cardíacos precisa de acompanhamento veterinário frequente
O cachorro com sopro no coração ou outros problemas cardíacos precisa de acompanhamento veterinário frequente

Cardiopatias são doenças que acometem o coração dos cachorros. Estima-se que um a cada dez cães vai desenvolver esse tipo de problema, cujo tratamento pode levar toda a vida. Cachorro com sopro no coração, cardiomiopatia ou insuficiência cardíaca, por exemplo, precisa de mudanças na rotina para ter um maior bem-estar. Mas afinal, quanto tempo vive um cachorro cardíaco? Será que apenas com remédio (para arritmia cardíaca em cães, insuficiência ou qualquer outro problema) o pet consegue viver bastante? O Patas da Casa conversou com Lucas Zagatto, médico veterinário com pós-graduando em cardiologia. Ele tirou essas e outras dúvidas sobre doenças no coração e ainda ensinou o que fazer durante uma parada cardíaca em cachorro. Confira!

Quais são os sinais mais comuns de doenças cardíacas nos cães?

Existem diferentes tipos de doenças cardíacas em cães, cada uma com suas particularidades. Porém, no geral existem alguns sintomas que costumam se manifestar na maioria delas. O veterinário Lucas citou algumas:

  • Dispneia, ou dificuldade para respirar;
  • Tosse contínua;
  • Apatia;
  • Inchaço no abdômen ou nas pernas;
  • Cansaço fácil ou fraqueza;
  • Falta de apetite;
  • Desmaios;

Fique atento a quadros de arritmia (irregularidade nos batimentos cardíacos). Cachorro não deve ter o coração batendo nem muito rápido nem muito devagar. É fundamental ficar atento, principalmente à questão do cansaço, dificuldade de respirar e tosse cardíaca em cães. Como tratar rapidamente é a melhor maneira de evitar consequências mais graves, é fundamental que a qualquer sintoma o tutor visite o veterinário.

Por que a insuficiência causa tosse cardíaca em cães, como tratar e quais são os sintomas?

A insuficiência cardíaca congestiva (ICC) é uma das doenças do coração mais graves. "Caracteriza-se por um bombeamento de sangue insuficiente. Assim, a tendência é o acúmulo de sangue nos vasos, dificultando o fluxo normal", explica Lucas. Um dos grandes perigos da ICC é a formação de edemas, quando há acúmulo de líquido em certas partes do corpo. "Quando ocorre nos pulmões, os principais sintomas são cansaço e tosse. Outro sinal da enfermidade é a ascite, que se caracteriza pelo acúmulo de líquido na cavidade abdominal". O cachorro tossindo pode estar dando um sinal de insuficiência cardíaca. Por isso, é importante ficar alerta à tosse cardíaca em cães. Como aliviar esse problema? Normalmente, são usados diuréticos, pois ajudam a expulsar o excesso de líquido, melhorando a respiração.

O que significa um cachorro com sopro no coração? 

Você já deve ter ouvido falar em cachorro com sopro no coração, mas pode não saber muito bem do que se trata. "Caracteriza-se por uma falha anatômica nas válvulas que leva a um descontrole na passagem de sangue e, por consequência, pode levar à insuficiência cardíaca", explica. Ao identificar um cachorro com sopro no coração, o veterinário confirma o diagnóstico de valvulopatia, uma das doenças cardíacas mais comuns em cães. "Esta é uma doença que traz sérias complicações ao coração. É mais comum em raças de pequeno porte, como Pinscher, Maltês, Yorkshire e Poodle".

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    A expectativa de quanto tempo vive um cachorro cardíaco varia de acordo com os cuidados que recebe
    A expectativa de quanto tempo vive um cachorro cardíaco varia de acordo com os cuidados que recebe

    Mais Lidas

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    Quanto tempo vive um cachorro cardíaco? 

    Não dá para definir com precisão quanto tempo vive um cachorro cardíaco, pois cada caso é um caso. As doenças no coração normalmente afetam o cachorro idoso (a partir dos 7 anos). Na verdade, Lucas explica que os problemas cardíacos são uma das maiores causas de morte de cães idosos. Hoje, existem diferentes tipos de tratamento e remédio para insuficiência cardíaca em cães, assim como para outras doenças no coração. Por isso, cães cardíacos podem viver por bastante tempo. Isso vai depender da qualidade de vida oferecida ao cachorro com problema de coração, tratamento adequado e acompanhamento veterinário. 

    Como melhorar a qualidade de vida de um cachorro cardíaco?

    Para um cachorro com problema de coração, tratamento vai além de medicamentos. Uma boa qualidade de vida é essencial para aumentar a expectativa de quanto tempo vive um cachorro cardíaco. Alguns cuidados devem ser adotados no dia a dia. "O animal recebe a medicação adequada e, dependendo da fase da doença, é indicada uma dieta. Hoje, existem rações especialmente formuladas por nutricionistas e veterinários feitas para o animal que tem problemas no coração", orienta o especialista. Além disso, atividades físicas podem ser de grande ajuda. "Exercício físico também é importante, pois ajuda a liberar algumas substâncias que vão proporcionar uma qualidade de vida melhor", esclarece. Converse sempre com o veterinário e não exagere na intensidade dos exercícios. "Tomando os cuidados necessários, seu cão pode viver por muito tempo", complementa Lucas.

    O que fazer ao presenciar uma parada cardíaca em cachorro?

    Em um ataque cardíaco em cachorro, sintomas surgem de maneira muito repentina. Como o tutor é pego desprevenido, é importante saber que procedimento deve ser seguido nesse caso. Antes de tudo, é preciso reconhecer um ataque cardíaco em cachorro. Sintomas comuns são perda da consciência, língua roxa, respiração alterada, espasmos, pupilas dilatadas e queda brusca dos batimentos cardíacos. O cachorro deve ser imediatamente levado ao veterinário. 

    Como é essencial que um ataque cardíaco fulminante em cachorro seja tratado o mais rápido possível, você pode fazer algumas manobras de salvamento durante o trajeto ao hospital. O especialista Lucas ensina como: "Colocando a palma da sua mão sobre o coração do cão, faça uma pressão firme e rápida e solte (pressione rapidamente e solte uma vez por segundo). Faça entre 100 a 120 compressões por minuto no peito. A cada 30 compressões, execute 2 respirações "ventilação boca-a-focinho”. Pode-se fazer essas manobras até chegar ao pronto atendimento mais próximo de sua região, para ser assistido da melhor forma com ajuda de um profissional", orienta.

    Redação: Maria Luísa Pimenta

    Anatomia canina: tudo sobre a respiração e pulmão de cachorro

    Próxima matéria

    Anatomia canina: tudo sobre a respiração e pulmão de cachorro

    Boston Terrier: saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequena
    Pequenos

    Boston Terrier: saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequena

    Para quem sempre sonhou em ter um cachorro de raça pequeno, o Boston Terrier é a companhia certa! Embora ele ainda seja muito confundido com o Bulldog Inglês, o cãozinho desta raça tem qualidades únicas e excepcionais. Amigáveis, brincalhões e com muita energia, os cachorros da raça Boston Terrier são muito fáceis de lidar no dia a dia e amam agradar seus tutores. Além disso, eles são super adaptáveis e conseguem conviver bem em praticamente qualquer lugar. 

    Tudo sobre o Dálmata: conheça as características, personalidade e cuidados com essa raça de cachorro grande
    Grandes

    Tudo sobre o Dálmata: conheça as características, personalidade e cuidados com essa raça de cachorro grande

    Um cachorro Dálmata é facilmente reconhecido graças a sua aparência particular e também ao filme “101 Dálmatas”, desenho que se tornou muito popular na década de 60 e que faz um grande sucesso até hoje. Mas o que esse cãozinho tem de tão especial, além das suas famosas manchas? Para quem sempre quis ter um Dálmata para chamar de seu, chegou o momento de desvendar tudo sobre essa raça de cachorro grande: características físicas, temperamento, personalidade, que cuidados são necessários, preço e como é a saúde desse animal. Vem que a gente te conta!

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande
    Grandes

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande

    Você já ouviu falar no Dogo Argentino? Essa é uma raça de cachorro que teve origem em um país vizinho ao nosso, a Argentina. Embora pareçam sérios, os cães desta raça são uns amores e têm tudo para te conquistar, principalmente se o que você procura é um amigo de quatro patas bem leal e parceiro. Mas antes de comprar ou adotar um cachorro desta raça, que tal conhecê-lo um pouco mais a fundo? 

    Pinscher: saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequeno
    Raças

    Pinscher: saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequeno

    É impossível não lembrar do Pinscher ao pensar nas raças de cachorro mais populares que existem. O cachorro Pinscher é a prova viva de que tamanho não é documento. Apesar de ser um cachorro pequeno, ocupa um espaço enorme no coração dos brasileiros. A fama de Pinscher bravo que carrega faz com que muita gente o associe a um cão problemático, mas a verdade é que o cachorro da raça Pinscher tem mais valentia do que raiva: ele vai fazer de tudo para proteger seu lar de qualquer ameaça.

    Ver Todas >

    Doença do carrapato: veja em infográfico os perigos dessa doença de cachorro
    Saúde animal

    Doença do carrapato: veja em infográfico os perigos dessa doença de cachorro

    A doença do carrapato é uma das mais temidas pelos pais e mães de pets - e com razão. O contágio acontece quando um carrapato infectado com o parasita pica um cãozinho saudável. Pouco tempo depois, os sintomas da doença do carrapato já começam a aparecer. Um dos motivos do porque essa doença é tão perigosa é o fato de seus sintomas serem muito variados e se agravarem rapidamente. A doença do carrapato tem cura, mas quanto mais o tratamento demora a ter início, mais complicado fica. 

    Caspa em cachorro: tudo sobre o problema de pele
    Saúde animal

    Caspa em cachorro: tudo sobre o problema de pele

    A caspa em cachorro é uma das manifestações que acontece quando há alguma deficiência nutricional ou higienização inadequada do animal. Avistou algumas casquinhas brancas se soltando abaixo dos pelos do seu pet? Então continue lendo para saber tudo sobre cachorro com caspa e como livrar seu melhor amigo desse incômodo.

    Cachorro babando: quando é motivo para se preocupar com a saúde do pet?
    Saúde animal

    Cachorro babando: quando é motivo para se preocupar com a saúde do pet?

    A saliva do cachorro, assim como a nossa, tem diversas funções. Porém, quando há alterações na consistência e aparência da saliva, ou quando ela se torna muito abundante, é melhor ficar alerta: esse pode ser um sintoma de que algo não vai bem com a saúde do cachorro. Descubra agora como identificar a salivação anormal no seu melhor amigo.  

    Como aumentar a imunidade do cachorro e tudo sobre o sistema imunológico dos cães
    Saúde animal

    Como aumentar a imunidade do cachorro e tudo sobre o sistema imunológico dos cães

    Uma pergunta comum a todos os pais de pet que não gostam de ver o filho de quatro patas doente é como aumentar a imunidade do cachorro. Assim como acontece com os humanos, o sistema imunológico canino é como se fosse um mecanismo interno de defesa que ajuda a proteger os animais contra várias doenças. Isso quer dizer que qualquer alteração ou queda na imunidade deixa o organismo vulnerável, e pode afetar significativamente a saúde do cachorro.

    Ver Todas >