Por mais que pareça uma tarefa fácil, passear com cachorro não é apenas sair com o cachorro na rua e pronto. Esse é o momento mais esperado pelos cães: é nesse momento que eles gastam energia, interagem com outros pets e têm os sentidos, como faro e audição, estimulados. Mas, além de saber como ensinar cachorro a passear de coleira, é bom ficar atento a lista de itens necessários para fazer um passeio seguro e livre de problemas. A seguir, o Patas da Casa te conta tudo sobre as melhores técnicas para passear com cachorro e acessórios importantes!

A coleira para cachorro é indispensável durante os passeios

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não tenho pets
Tenho cão
Tenho gato
Tenho cão e gato
Autorizo receber comunicações e publicidade da NESTLÉ®.

Para garantir a segurança do seu cãozinho, é importante acostumá-lo com a coleira para cachorro. Grande ou pequeno, o animal precisa usar o acessório para não se perder e nem ser confundido com um cão abandonado. Por esse mesmo motivo, uma dica importante é apostar em uma coleira para cachorro com nome e informações de contato, como telefone e endereço. Assim, mesmo que o animal suma ou se perca, ele não estará totalmente “perdido”: quem encontrá-lo vai saber como entrar em contato com você para devolvê-lo.

Além da coleira, a guia para cachorro é outro item que não pode faltar nos passeios. É com ela que o tutor vai guiar o trajeto e ter um maior controle do animal, evitando que ele saia correndo pelas ruas, por exemplo. A guia longa costuma ser a melhor opção, pois oferece a liberdade que o pet precisa e, ao mesmo tempo, é fácil de controlar. Também existem guias curtas e retráteis, mas é bom avaliar o comportamento do seu dog antes de fazer a escolha.

Como ensinar cachorro a passear de coleira? Adestramento positivo é a resposta!

Os passeios podem deixar alguns cães mais eufóricos, o que pode resultar em um cachorro puxando a guia na hora de sair de casa. Por isso, a melhor maneira de evitar que esse tipo de comportamento se desenvolva é com muito treino. Os treinamentos podem ser feitos em casa antes de o animal começar a realmente passear, até para acostumá-lo com o uso da coleira e guia.

Nessa hora, o adestramento positivo é a melhor maneira de ter bons resultados. Experimente posicionar o animal ao seu lado com coleira e guia curta e comece a dar algumas voltas na sala. Repita o processo quantas vezes for necessário até o cãozinho entender que esse é um processo normal e que não tem motivo para ficar ansioso ou nervoso. Se ele não puxar, recompense com petiscos. Aos poucos, aumente o trajeto para outros cômodos da casa e, quando o cachorro estiver mais tranquilo e conseguindo passear com a guia frouxa, é hora de levar o passeio para as ruas.

Outra técnica que funciona é apostar em coleiras para cachorro do tipo anti-puxão. Nesse tipo de acessório, o encaixe da guia fica posicionado na frente da coleira. Dessa forma, quando o cão tenta puxar no passeio, o corpo dele gira automaticamente de volta para o tutor.


Acessórios que preciso para passear com meu cachorro: coleira, guia e garrafinha de água são alguns deles
Acessórios que preciso para passear com meu cachorro: coleira, guia e garrafinha de água são alguns deles

Cata caca e bebedouro portátil são outros acessórios para passear com cachorro

A maioria dos cães gosta de aproveitar os passeios para fazer as necessidades. Por isso, não deixe de levar um cata caca para recolher as fezes do cachorro das ruas. O cata caca nada mais é do que um saquinho com tamanho apropriado para pegar o cocô do pet, e depois você poderá descartá-lo na lixeira mais próxima.

Outro acessório que não pode faltar para passear com cachorro é uma garrafinha de água ou bebedouro portátil. Afinal, o doguinho provavelmente vai sentir sede depois de tanto tempo caminhando na rua ou brincando no parque - e é seu dever cuidar da hidratação dele. Alguns petiscos também podem ser levados como um mimo e para ajudar a repor as energias do pet, ainda mais em passeios longos.

Vale destacar que tudo isso se refere, principalmente, a passeios a pé. Os acessórios para passear com cachorro na moto, por exemplo, são diferentes e incluem capacete, óculos de proteção e uma caixa ou bolsa de transporte para cachorro. A mochila canguru costuma ser uma boa opção também. Além disso, água e petiscos são sempre bem-vindos em qualquer situação!

Redação: Juliana Melo

Edição: Luana Lopes