Comportamento animal

Quais sinais indicam que o filhote de cachorro pode ter alguma deficiência?

Publicado - 15 Agosto 2022 - 16h42

Atualizado - 22 Maio 2024 - 16h59

É ainda nas primeiras semanas de vida que o filhote começa a dar indícios de ser um cachorro com deficiência. Seja um cachorro cego, surdo ou com alguma deficiência física, os tutores devem estar atentos ao desenvolvimento do animal. Observar o comportamento do cachorro  filhote junto com a ninhada e a mãe vai ajudar a identificar alguma condição física, já que será possível notar caso o cachorro tenha dificuldades para coisas básicas, como se alimentar e fazer xixi e cocô. Sabendo com quantos dias um filhote de cachorro começa a andar, logo ele dará sinais de problemas nas patas ou começará a esbarrar nas coisas (caso se trate de um cachorro cego. 

Mas como identificar um cachorro deficiente na primeira fase de vida? Se você desconfia um dos filhotes se trata de um cachorro com deficiência, o Patas da Casa vai te ajudar: entenda como lidar com um filhote de cachorro deficiente para que nenhum problema impeça que ele tenha uma vida feliz!

Patas de cachorro: deficiência pode ser percebida nas primeiras semanas de vida

É perceptível quando um cachorro com deficiência tem dificuldades para andar. atinge as patinhas de um filhote. Mas com quantos dias um filhote de cachorro começa a andar? Antes de responder essa pergunta, saiba que nem nem sempre o andar do filhote pode ser uma deficiência. Algumas doenças, como a cinomose canina, atinge cães não vacinados e pode limitar o andar do animal devido a fraqueza e falta de experiência com o caminhar. A própria fraqueza nas pernas também acomete os filhotes de cachorro e geralmente está ligada a alguma infecção. A cinomose tem cura, mas o tratamento precoce do filhote vai ajudar com que ele não tenha sequelas que comprometam os movimentos. Vacinar o cachorro filhote, vermifugar e garantir que ele tenha toda assistência são cuidados que vão afastar doenças graves.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Os filhotes de cachorro começam a andar a partir da quarta semana de vida. Durante os primeiros dias, o comportamento do animal vai entregar alguma dificuldade. Os filhotes que não conseguem se sustentar de pé por muito tempo ou que preferem engatinhar ao andar, merecem uma delicada atenção. O andar muito torto e muitos tropeços também são sinais de alerta.

Agora, também pode acontecer do filhote não ter o desenvolvimento adequado das patas durante a gestação, podendo vir sem as patas e ou com as patas invertidas. São raros os casos de filhotes que chegam ao mundo sem patinhas. Mas todos os casos são extremamente específicos e os veterinários precisam estudar as condições genéticas do filhote para compreender os motivos desta ausência. As explicações vão desde má formação genética até medicamentos que a mãe recebeu durante a gestação canina ou até mesmo falta de cuidados com a gravidez. 

Em todos os casos, não é muito difícil lidar com um cachorro paraplégico. Ele ainda será um pet totalmente amoroso e gentil com os tutores. Algumas ferramentas, como a cadeira de rodas para cachorro, vão ajudá-lo a viver como qualquer cãozinho. Pequenas adaptações na casa, como evitar que ele tenha acesso a degraus ou lugares altos, vão ser necessários para evitar acidentes. Ele também pode ser um pouco mais dependente e a fralda para cachorro pode ser necessária.

 

Cães filhotes mamando nas tetas da mãe
Filhotes de cachorro podem nascer sem as patas como resultado de algum problema congênito

 

Como saber se um filhote de cachorro é cego?

Ainda sobre os primeiros dias, é muito bom avaliar como está a visão do cachorro filhote. Sinais físicos, como ausência de pigmentação na íris, manchas ou córneas opacas indicam que o cão pode ter problemas para enxergar. Sinais comportamentais, como isolamento, quedas, busca por brinquedos que estão próximos e esbarradas em objetos ou móveis também são comuns. Se o cachorro filhote parece constantemente perdido e você tem a sensação de que ele não encontra ou percebe algo próximo, não deixe de interagir com ele para verificar se o animal está de fato enxergando. Os motivos do nascimento de um cachorro cego são inteiramente genéticos, podendo ser uma predisposição ou problema congênito. Essas condições podem se manifestar quando o cachorro é filhote, mas também podem surgir de forma repentina, evoluindo lentamente e acometendo até mesmo o cachorro adulto. É preciso cuidado com qualquer mudança no comportamento canino, não importa a fase de vida. A coleira para cachorro cego pode ajudar nessa adaptação.

Cachorro surdo é mais difícil de identificar

Se você tem dúvidas de como saber se o filhote de cachorro é surdo, será mais complicado perceber algum sintoma físico e a percepção de como está a audição será completamente comportamental. Fique atento aos primeiros dias, principalmente se o cachorro late muito. Você também pode testar o filhote com brincadeiras e avaliar se ele responde aos seus chamados e comandos verbais. Reagir de forma extrema ao toque, com susto ou ataques, também são indicativos. Dormir muito e coceiras na região do ouvido podem indicar que se trata de um cachorro surdo. Explorar outros sentidos do animal, como o faro canino e a visão, vão ajudá-lo a se adaptar mais facilmente.

Cachorro deficiente físico pode ter uma vida normal

Os cachorros deficientes podem exigir mais tempo e cuidado, pois serão mais dependentes dos seus tutores para terem uma vida normal. Mas isso não é impossível! Com alguns cuidados, acompanhamento médico e muito carinho tornará tudo mais fácil. Abandonar o cachorro deficiente não deve ser uma opção! 

Redação: Erika Oliveira

Edição: Luana Lopes

Cachorro

"Hachiko - Para Sempre": novo filme inspirado na comovente história do leal cachorro japonês chega aos cinemas

Se você é uma daquelas pessoas que amam um bom filme de cachorro, temos uma boa notícia: um novo longa-metragem chegou aos cinemas n...

Comportamento

Filme para assistir com meu gato: 11 filmes protagonizados por gatinhos para ver acompanhado do seu pet

Quem precisa de uma noite badalada quando você pode aproveitar o momento para assistir filmes do lado do seu bichinho de estimação, ...

Cachorro

O Chow Chow é perigoso e hostil? Saiba o que é mito e o que é verdade sobre a personalidade da raça de cachorro

O Chow Chow é um cachorro de porte médio, super peludo e conhecido por ter a língua azul. A raça, de origem chinesa, conquista muito...

Cachorro

Samoieda: saiba como ter um cachorro da raça russa e outras curiosidades sobre a convivência com esse pet

O Samoieda é um dos cachorros mais bonitos que existem! Com uma pelagem branquinha e uma fisionomia que lembra bastante um lobo, a r...

Cuidados

Quantos anos vive um gato? 5 perguntas e respostas sobre a idade dos gatos

Uma pergunta que, mais cedo ou mais tarde, todo tutor faz é: quantos anos vive um gato? E a verdade é que se o pet receber todos os ...

Cachorro

"Hachiko - Para Sempre": novo filme inspirado na comovente história do leal cachorro japonês chega aos cinemas

Se você é uma daquelas pessoas que amam um bom filme de cachorro, temos uma boa notícia: um novo longa-metragem chegou aos cinemas n...

Comportamento

Filme para assistir com meu gato: 11 filmes protagonizados por gatinhos para ver acompanhado do seu pet

Quem precisa de uma noite badalada quando você pode aproveitar o momento para assistir filmes do lado do seu bichinho de estimação, ...

Gato

Tipos de gato Savannah: curiosidades sobre a raça híbrida que é uma das mais caras do mundo

Considerado um dos felinos mais caros do mundo, o gato Savannah é cheio de curiosidades e características impressionantes. A raça, q...

Ver todas