Comportamento animal

Cadeira de rodas para cachorro: como o acessório promove mais qualidade de vida para cães com deficiência?

Publicado - 28 Novembro 2019 - 16h31

Atualizado - 11 Abril 2024 - 14h35

Sobrevivente da cinomose, o Migalha é um vira-lata cheio de energia para viver. Pequeno, fofo e com uma particularidade especial: por causa da doença, ele perdeu o movimento das patas traseiras e hoje usa uma cadeira de rodas para cachorro . Morador de São Paulo, o Migalha só ganhou qualidade de vida com o objeto e hoje pode passear normalmente na rua. É justamente por causa da cadeira de rodas para cachorro que ele leva uma vida normal e feliz, como qualquer outro animal. Conheça mais sobre essa história e saiba o que o veterinário fisioterapeuta Max Freire, do Rio de Janeiro, contou sobre o uso do acessório para devolver a mobilidade a cães com deficiência.

Cadeira de rodas para cachorro: qual a importância desse acessório?

No caso do Migalha, a cinomose é o motivo dele usar a cadeira de rodas para cachorro. A doença se manifestou quando ele ainda era filhote e foi tomar a segunda dose da vacina V10. Uma das possíveis sequelas da cinomose é justamente a perda dos movimentos da coluna e patas. Durante um tempo, o Migalha não mexia nada no corpo, somente os olhos. A fisioterapia ajudou que ele recuperasse alguns movimentos. Como a cinomose se manifestou na fase de crescimento, a parte de trás do seu corpo ficou atrofiada.

Max explica que a fisioterapia em cães ajuda bastante nesses casos, pois atua na cura, prevenção e reabilitação dos pacientes. “Os casos mais comuns que recorrem a fisioterapia são cães que em pós-operatório ou que sofrem de artrose, luxações, rupturas de ligamento, displasia coxofemoral e do cotovelo. Em casos neurológicos, geralmente está ligado a hérnia de disco, síndromes vestibular e cognitiva, entre outros”, explica.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Cadeira de rodas: cachorro tem mais qualidade de vida

É comum achar que a cadeira de rodas para cachorro mais prejudica a rotina do animal do que ajuda, mas isso não é verdade. O acessório pode ajudar muito cães que estão na mesma situação que o Migalha. A Jaqueline Sonsimm, mãe do cachorrinho, diz que a cadeira de rodas para cachorro melhorou muito a vida dele, pois permite que ande na rua e corra durante as brincadeiras. “Em casa ele não usa, por causa de móveis e outros obstáculos - o que não é nenhum problema, já que ele tem agilidade com ou sem o acessório. Na rua é indispensável para fazer passeios longos e não se cansar. Ele brinca com outros cachorros, corre, tem uma vida completamente normal, assim como um cachorro que não tem limitações. É um cão sem limites”, conta.

 

Cadeira de rodas: cachorro precisa de acompanhamento com fisioterapeutas

 

Mesmo com a cadeira de rodas auxiliando o cão a andar, ele ainda precisa de fisioterapia. Segundo o veterinário Max, o uso da cadeira de rodas para cachorro proporciona um grande esforço dos membros torácicos. Por isso, a fisioterapia pode preparar esse cão na prevenção de lesões, além de fortalecer os músculos. Ele acrescenta: “muitos cães chegam à fisioterapia desenganados e conseguem retomar suas atividades diárias sem o uso da cadeira. No caso daqueles que não conseguem a reabilitação motora, a fisioterapia acrescentará muito na nova condição. O interessante é que muitas vezes a fisioterapia reabilita o cão, evitando que ele se torne um cadeirante. Por isso, a importância de procurar um veterinário habilitado para um diagnóstico definitivo.” 

Cadeira de rodas para cachorro: onde comprar?

cachorro usando cadeira de rodas para cachorro
Cadeira de rodas para cachorro: existem projetos que fazem doações para pets com deficiência. 

 

Alguns modelos de cadeira de rodas para cachorro podem ser encontrados em grandes lojas na internet e variam de R$130 a R$200. Mas também é possível encontrar projetos e ongs de apoio a animais com deficiência que produzem o acessório de maneira artesanal e sem nenhum custo para o tutor. É o caso do Projeto Reciclando Patas, que foi fundado há cerca de 3 anos no Goiás. Já foram entregues mais de 800 cadeiras de rodas dentro e fora do Brasil.

André Gondim é o diretor do projeto e tem a ajuda de voluntários na produção das cadeiras de rodas. O projeto surgiu por acaso, quando a cadelinha de uma amiga do André precisou do objeto depois de perder a mobilidade nas patas. “Quando eu fui levar essa cadeirinha e vi ela andando e correndo, senti uma emoção muito forte. Eu só pensei ‘tenho que sentir isso de novo’. Na virada de ano de 2016 para 2017, eu resolvi que faria cinco cadeirinhas todo mês e doaria. Foi assim que o Reciclando Patas nasceu”, contou.

O projeto é totalmente gratuito e a única coisa que costuma ser cobrado é o frete em caso de animais que moram fora do estado de Goiás. O Projeto Reciclando Patas conta com a ajuda de dois patrocinadores (uma fábrica de tubos e uma fábrica de tintas), que fornecem o material das cadeirinhas. É assim: toda a produção é feita de forma solidária, com a ajuda de doadores. Cada cachorrinho precisa de uma cadeirinha personalizada, feita com a medida certa para o tamanho e peso do animal. As cadeiras são feitas de PVC.

Como fazer cadeira de rodas para cachorro?

Teve uma época em que o Migalha mexia apenas os olhos e tinha zero movimento no restante do corpo. Seus tutores, então, fizeram para ele uma cadeira de rodas de PVC, que era a melhor alternativa na época. A Jaqueline registrou tudo em um vídeo no YouTube. Veja e aprenda como fazer cadeira de rodas para cachorro:

 

Redação: Júlia Cruz

 

Comportamento

Aprenda a interpretar cada miado de gato: foi com essas dicas que consegui me aproximar mais ainda do meu pet

Mesmo que os gatos não saibam falar, a linguagem felina é muito rica e expressiva. Além da postura corporal, o miado de gato tem uma...

Cachorro

Com ajuda do ChatGPT, mulher cria site para mostrar como os cachorros enxergam de verdade: testamos por aqui!

Você já se perguntou como os cachorros enxergam? Essa é uma dúvida comum entre muitas pessoas, sejam elas tutoras de um pet ou não. ...

Comportamento

"Amor de gato": foi assim que aprendi a interpretar as emoções do meu gatinho e percebi que sou o amor da vida dele

O amor de gato é um sentimento especial e gratificante que os bichanos demonstram por seus donos. Mas ao contrário dos cães, eles ex...

Histórias reais

Vira-lata caramelo invade festa junina e faz participação especial na hora quadrilha

Não tem jeito: o vira-lata caramelo sempre dá um jeito de abrilhantar qualquer enredo. Se há algum tempo viralizaram histórias de ca...

Comportamento

Aprenda a interpretar cada miado de gato: foi com essas dicas que consegui me aproximar mais ainda do meu pet

Mesmo que os gatos não saibam falar, a linguagem felina é muito rica e expressiva. Além da postura corporal, o miado de gato tem uma...

Saúde

O que acontece no corpo da gata no cio? Dos miados estridentes aos picos hormonais, veja todas as mudanças que ela enfrenta

Não precisa ser expert no universo felino para conseguir identificar uma gata no cio. Dos miados estridentes aos picos hormonais, o ...

Cachorro

Com ajuda do ChatGPT, mulher cria site para mostrar como os cachorros enxergam de verdade: testamos por aqui!

Você já se perguntou como os cachorros enxergam? Essa é uma dúvida comum entre muitas pessoas, sejam elas tutoras de um pet ou não. ...

Comportamento

"Amor de gato": foi assim que aprendi a interpretar as emoções do meu gatinho e percebi que sou o amor da vida dele

O amor de gato é um sentimento especial e gratificante que os bichanos demonstram por seus donos. Mas ao contrário dos cães, eles ex...

Ver todas