close
Vômito

Por que o cachorro vomita em cima de sofás, camas e tapetes?

Atualizado · 12 de janeiro de 2022 · 19h26

Publicado · 12/01/2022 · 19h26

O cachorro vomitando em cima do sofá, carpete ou cama pode ser um comportamento instintivo
O cachorro vomitando em cima do sofá, carpete ou cama pode ser um comportamento instintivo

O cachorro vomitando sempre deixa os tutores em estado de alerta. Afinal, o sintoma é claramente um sinal de que algo não vai bem no organismo do seu amigo de quatro patas. Mas você já reparou nos lugares que o cachorro vomita? Geralmente esses animais optam por fazer isso em cima de tapetes, sofás ou até da cama do tutor - o que causa problemas na hora de limpar tudo. Para entender o que motiva esse comportamento, formas de prevenir o vômito de cachorro em lugares inadequados e os motivos por trás de um animal vomitando, preparamos uma matéria especial sobre o assunto.

Vômito de cachorro: por que esses animais escolhem sofás, camas e tapetes para vomitar?

Se você já flagrou um cachorro vomitando em algum desses lugares mais de uma vez, deve ter se perguntado por que existe essa preferência por sofás, camas e tapetes quando eles estão passando mal. Bom, a verdade é que pisos lisos e duros costumam ser um tanto escorregadios para os cães, e como os vômitos normalmente vêm acompanhados de náuseas e enjoos, o animal precisa estar totalmente equilibrado e firme para expelir aquilo que lhe fez mal. É por isso que eles normalmente procuram lugares mais “estáveis” e que ofereçam maior segurança e equilíbrio para eles durante os vômitos.

Apesar deste ser um dos motivos, não é o único. Quando o cachorro vomita em cima de um tapete ou do sofá, também pode ser algo instintivo: esses locais são mais semelhantes às gramas - um outro lugar que o cachorro recorreria para vomitar se estivesse na natureza - do que os pisos tradicionais. Outro ponto que deve ser considerado é que às vezes o mal-estar é tão repentino que o animal simplesmente não tem tempo de correr para outro lugar, e acaba vomitando onde estiver mesmo (e os cães passam boa parte do tempo deitados nesses locais).

O grande problema, porém, é quando o vômito de cachorro acontece mais de uma vez e não é corrigido. Isso significa que o cão passa a associar que aquele é um local apropriado para despejar o vômito, e se um dia passar mal de novo, provavelmente vai voltar a vomitar ali. É uma questão de hábito, mas que é totalmente possível de resolver com treinamento e alguns acessórios.

Qual raça de gato você é?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

O que você mais gosta de fazer nos momentos de lazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Se você pudesse se descrever com uma palavra, quais das opções a seguir escolheria?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Alguém te chamou para sair para um lugar inusitado, o que você pensa?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica depois de dormir pouco na noite anterior?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você viajou e se perdeu em uma cidade que não conhece muito: o que passa pela sua cabeça?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Quais dessas características você procuraria em um pet?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

O que seus amigos próximos pensam sobre você?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você gosta de curtir as férias?

Question Header Background

Sua personalidade aventureira combina com o Bobtail Japonês! Você é divertido assim como o gato Siamês! Sua personalidade ranzinza combina com o gato Maine Coon! Você é preguiçoso como um gatinho Persa!
    Para lidar com o vômito de cachorro, recomenda-se impermeabilizar tapetes, colchões e sofás
    Para lidar com o vômito de cachorro, recomenda-se impermeabilizar tapetes, colchões e sofás

    Mais Lidas

    A cor da pelagem do gato determina a personalidade dele? Veja o que a ciência tem a dizer!
    Comportamento animal

    A cor da pelagem do gato determina a personalidade dele? Veja o que a ciência tem a dizer!

    Gato cinza, branco, preto, laranja, rajado ou com cores misturadas: o que não falta é variedade quando o assunto é a cor do gato. Esse, inclusive, acaba sendo um dos maiores critérios que os tutores usam na hora de adotar um bichano e, acredite se quiser, isso pode ajudar bastante a entender o comportamento do animal no dia a dia. Nem todo mundo sabe, mas é possível definir a personalidade dos gatos pela cor (ou pelo menos chegar muito próximo disso).

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos
    Comportamento animal

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos

    Quem tem um gatinho já deve ter percebido que eles costumam afofar ou “amassar pãozinho” em algumas circunstâncias específicas. Os movimentos lembram uma massagem. Antes de deitar, quando estão no colo do dono ou quando encontram uma coberta fofinha e macia. Se mesmo sem saber porquê eles fazem isso a gente já acha a coisinha mais linda do mundo, imaginem depois de saber? Vem com a gente desvendar!

    5 dicas para lidar com o vômito de cachorro em lugares inapropriados

    1) É necessário limpar muito bem o vômito de cachorro no local. Essa é a melhor forma de evitar o cheiro impregnado no móvel. Também é uma estratégia para evitar que o animal associe que ali é um espaço adequado para vomitar ou fazer suas necessidades futuramente, então a limpeza deve ser bem eficaz.

    2) Investir em uma capa de sofá impermeável ou capa de colchão impermeável pode ajudar. Esse tipo de produto é feito com materiais resistentes que mantém o vômito sempre na superfície, sem deixar que ele seja absorvido pelo tecido do colchão ou do sofá (o que tornaria a limpeza ainda mais complicada). Ou seja, é basicamente um cuidado que facilita a vida de todos caso um imprevisto aconteça.

    3) Impermeabilizar o tapete é recomendada. Além de uma capa para sofá impermeável ou colchão, vale procurar por empresas especializadas para realizar a impermeabilização de tapetes. Geralmente o processo dura um ano, e depois deve ser refeito. Você também pode impermeabilizar o sofá e o colchão, caso comprar uma capa impermeável não seja a melhor opção por algum motivo.

    4) Treine o seu cachorrinho para que ele não suba em camas e sofás. Se a ideia é tentar expor menos estes móveis, é bom que o animal aprenda desde o início que não deve subir na cama ou sofá e o adestramento é a melhor solução. Com o reforço positivo e persistência, o doguinho vai entender que esses locais não são indicados para ele.

    5) Nunca brigue com o cachorro vomitando no sofá, cama ou tapete. O ideal mesmo é procurar medidas preventivas, mas não culpar o cãozinho pelo incidente. Afinal, ele não faz isso de propósito e os vômitos normalmente são um indicativo de que a saúde dele requer atenção. Brigar ou punir pode piorar a situação, deixando-o mais nervoso - e é justamente o que ele não precisa no momento!

    Como tirar cheiro de cachorro do sofá, cama ou tapete?

    Se o vômito de cachorro já atingiu esses lugares, não tem muito o que fazer a não ser limpar muito bem toda a superfície. É importante que isso aconteça logo depois que o vômito acontecer, ou o cheiro desagradável pode acabar ficando impregnado no móvel. Então como limpar vômito de cachorro de sofás e tapetes? Uma boa dica é misturar água, bicarbonato de sódio, vinagre branco e amaciante em um recipiente. Em seguida, coloque a solução em um borrifador e aplique na região afetada, deixando agir por duas horas. O processo pode ser repetido até o cheiro e a mancha saírem. Outra opção é contratar uma empresa especializada na limpeza de estofados. A média de preço da lavagem é entre R$150 e R$300. Vale a pena pesquisar pacotes que, além de limpar, também impermeabilizem o tecido.

    Redação: Juliana Melo

    Quando é hora de trocar o arranhador do gato?

    Próxima matéria

    Quando é hora de trocar o arranhador do gato?

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro
    Grandes

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro

    O Galgo Afegão, também chamado de Afghan Hound, é um cachorro originário do Oriente Médio com aparência exótica e charmosa, difícil de passar despercebido. O que poucas pessoas sabem é que, por trás da postura elegante e independente do cão Afegão, existe um ótimo companheiro de quatro patas, cheio de energia para gastar e amor para dar. Mas o que é necessário saber sobre essa raça de cachorro antes de comprar ou adotar um exemplar? Como é a personalidade do Afghan Hound e que cuidados são necessários com o cãozinho? 

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana
    Grandes

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana

    Um dos cãezinhos mais surpreendentes é o Cane Corso. Embora ele não seja tão popular quanto outras raças de cachorro grande, como o Labrador e o Golden Retriever, o Cane Corso é dono de um enorme coração e tem uma personalidade incrível. Algumas pessoas podem até se intimidar com o tamanho e a postura imponente do doguinho, mas só quem convive com um Cane Corso sabe como estes cães são adoráveis e carinhosos.

    Pequinês: tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro pequeno
    Pequenos

    Pequinês: tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro pequeno

    Para quem procura por raças de cachorro pequeno, o Pequinês pode ser a companhia perfeita. Além de se adaptar muito bem a apartamentos e outros espaços reduzidos, esse pequeno cãozinho é dotado de uma personalidade carinhosa, amigável e extremamente leal aos seus humanos. Apesar da baixa estatura, o cachorro Pequinês também é super corajoso, e uma das maiores provas de que tamanho não é documento. 

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande
    Grandes

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande

    Você já ouviu falar no Dogo Argentino? Essa é uma raça de cachorro que teve origem em um país vizinho ao nosso, a Argentina. Embora pareçam sérios, os cães desta raça são uns amores e têm tudo para te conquistar, principalmente se o que você procura é um amigo de quatro patas bem leal e parceiro. Mas antes de comprar ou adotar um cachorro desta raça, que tal conhecê-lo um pouco mais a fundo? 

    Ver Todas >

    Como treinar um cachorro? Aprenda de uma vez por todas como funciona o adestramento de cães
    Comportamento animal

    Como treinar um cachorro? Aprenda de uma vez por todas como funciona o adestramento de cães

    O adestramento de cães é mais do que ensinar truques engraçadinhos: os treinos ajudam o pet a conviver melhor com a sociedade e melhora a relação dele com o tutor. Os doguinhos gostam de brincar, correr, fazer bagunça e não possuem entendimento sobre os limites das brincadeiras e comportamentos, principalmente quando filhotes. O adestramento de cachorro corrige problemas comportamentais e deixa o cachorro mais adaptado ao ambiente humano, além de fazê-lo reconhecer o dono como seu líder.

    Passear com cachorro: tudo sobre o comportamento dos cães durante os passeios
    Comportamento animal

    Passear com cachorro: tudo sobre o comportamento dos cães durante os passeios

    Passear com cachorro é sempre uma experiência única! Cada pet reage ao passeio de uma maneira diferente. Alguns são mais calmos, outros mais agitados; existem cachorros medrosos e os sociáveis que amam interagir com todos. Seja como for, passear com o cachorro é um hábito que deve fazer parte da rotina, pois traz inúmeros benefícios ao animal. Saber como passear com cachorro corretamente, porém, é algo que depende de cada cãozinho. Por isso, conforme for passeando com cachorros, é importante que o tutor observe o temperamento do pet com outros cães e pessoas. 

    Brinquedos para cachorro: como descobrir o tipo preferido do seu pet?
    Comportamento animal

    Brinquedos para cachorro: como descobrir o tipo preferido do seu pet?

    Os brinquedos para cachorro são totalmente necessários para gastar a energia dos pets e estimulá-los de diferentes maneiras. Além de entretê-los, eles também ajudam a melhorar as habilidades cognitivas do animal e evitam transtornos psicológicos, como o estresse e a ansiedade. Mas como descobrir os brinquedos para cachorro preferidos do seu amigo? Bom, existem várias opções divertidas para presentear os doguinhos, desde a bolinha de cachorro até mordedores, brinquedos interativos e de corda. 

    Cachorro castrado cruza? Veja se é possível!
    Comportamento animal

    Cachorro castrado cruza? Veja se é possível!

    É evidente que um pet que passa pela cirurgia de castração não terá filhotes, mas você sabe se o cachorro castrado cruza? Essa é uma dúvida muito comum, principalmente porque os hormônios sexuais são reduzidos com a cirurgia. É preciso entender se é normal quando o cachorro castrado sente vontade de cruzar, pois dessa maneira o tutor terá mais certeza sobre como lidar com a situação. 

    Ver Todas >