Pequenos

Pequinês: tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro pequeno

Cachorro Pequinês: saiba mais sobre essa raça de cão pequeno
Cachorro Pequinês: saiba mais sobre essa raça de cão pequeno

Para quem procura por raças de cachorro pequeno, o Pequinês pode ser a companhia perfeita. Além de se adaptar muito bem a apartamentos e outros espaços reduzidos, esse pequeno cãozinho é dotado de uma personalidade carinhosa, amigável e extremamente leal aos seus humanos. Apesar da baixa estatura, o cachorro Pequinês também é super corajoso, e uma das maiores provas de que tamanho não é documento. Por se tratar de uma raça pouco popular, o Patas da Casa decidiu fazer uma matéria bem completinha com todas as informações necessárias sobre o Pequinês: desde a sua origem até os principais cuidados com a raça. Dá só uma olhada!

O cachorro Pequinês tem origem chinesa

Essa raça pequena de cachorro é bastante antiga, e acredita-se que ela tenha surgido por volta de 800 d.C. na dinastia T’ang. O cachorro Pequinês era considerado o queridinho da Corte Imperial Chinesa e, por isso, por muito tempo a raça foi bastante restrita ao território asiático. No entanto, com a invasão britânica de 1860, alguns exemplares do Pequinês foram levados para o mundo ocidental, e foi a partir disso que esse cãozinho começou a conquistar cada vez mais corações. A Rainha Vitória da Inglaterra, por exemplo, tinha um pet desta raça, a quem deu o nome de Iooty. Como tudo que é da realeza acaba caindo no gosto do povo, em pouco tempo o cachorro Pequinês estava fazendo bastante sucesso entre os súditos também.

Pequinês: conheça as principais características físicas dessa raça pequena de cachorro

Um dos traços mais marcantes do cachorro Pequinês é sua juba densa e volumosa, que lembra bastante a aparência de um leão em tamanho miniatura. Ah, e claro, o porte físico desta raça também é outro aspecto que não passa despercebido: esses cães podem pesar até 6 kg e medir entre 15 e 23 cm. Ou seja, são realmente bem pequeninos e com um corpo compacto, mas robusto, ideais para quem gosta de carregar cachorro no colo.

A pelagem do Pequinês é longa, lisa e que pode ser encontrada em várias cores, sendo as principais delas o fulvo (que possui variações de tons entre o caramelo e o café), dourado e cinza. Contudo, combinações bicolores também são possíveis e igualmente aceitas, como preto e branco, fulvo e branco, entre outras.
Vale destacar também que o focinho achatado e olhos esbugalhados do cachorro Pequinês chamam bastante a atenção, e lembram vagamente o rosto de um Pug, que também contém essas características. Ou seja, essa também é uma raça de cachorro braquicefálica.

Personalidade do cachorro Pequinês é amigável, dócil e corajosa

É difícil não se encantar pela personalidade de um Pequinês. O cachorro desta raça geralmente é bastante afetuoso e, mesmo que tenha a fama de ser independente, ele adora estar perto da família nas horas vagas. É um cão calmo, brincalhão e com temperamento dócil na maioria das vezes, mas pode ter certa desconfiança perto de estranhos se não for socializado desde cedo. Dito isso, é importante saber que o Pequinês é super protetor e faz de tudo para guardar quem ele ama. Mesmo sendo uma raça de cachorro pequeno, esses animais são corajosos e não hesitam na hora de enfrentar cães maiores do que eles, caso sejam vistos como uma ameaça. Portanto, pode-se dizer que a raça é bastante destemida e também serve como um excelente cão de guarda, já que está sempre em alerta.

Ainda assim, é importante levar em consideração o adestramento e socialização do Pequinês. Embora esse não seja um dos cachorros mais fáceis de serem treinados, ensinar alguns comandos básicos para o animal pode facilitar bastante a convivência. Mas lembre-se: os cães têm habilidades cognitivas diferentes dos humanos, e é importante ter bastante paciência e persistência nesse processo. A técnica do reforço positivo pode ser adotada para adestrar o Pequinês, porque isso ajuda a estimular os doguinhos a aprenderem mais rapidamente se eles forem recompensados no final - seja com petiscos, carinho ou elogios.

Faça o quiz e descubra se você tem alergia a gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

question quiz stamp

Como você fica ao chegar na casa de um amigo que tem um gato?

Question Header Background
question quiz stamp

O que acontece quando se aproxima de gatinhos na rua ou em feiras de adoção?

Question Header Background
question quiz stamp

As crises alérgicas costumam acontecer:

Question Header Background
question quiz stamp

O que acontece quando você fica perto de alguém que está com a roupa cheia de pelos de gato?

Question Header Background
question quiz stamp

Como seu corpo reage ao entrar em contato com um filhotinho de gato na rua?

Question Header Background
question quiz stamp

Quais são os seus sintomas mais comuns durante uma crise alérgica?

Question Header Background
question quiz stamp

O que você faz para melhorar um quadro de alergia?

Question Header Background

É bem provável que você tenha alergia a gatos e precise consultar um especialista As crises alérgicas fazem parte da sua rotina, mas será que é por causa dos gatos? Passe livre para ter um gatinho: você não tem alergia aos bichanos!
    O Pequinês é uma raça bastante compacte e que se adapta muito bem a pequenos espaços
    O Pequinês é uma raça bastante compacte e que se adapta muito bem a pequenos espaços

    Mais Lidas

    Pinscher 0, 1, 2 ou miniatura: entenda os tamanhos desse cachorro de raça pequena
    Adote um animal

    Pinscher 0, 1, 2 ou miniatura: entenda os tamanhos desse cachorro de raça pequena

    Poucos sabem, mas existe uma classificação para determinar cada tipo de Pinscher: tamanhos 0, 1, 2 e 3 são as variações comuns da raça. A numeração que normalmente acompanha o nome da raça do cãozinho pode até parecer estranha, mas é algo que ajuda a diferenciar os tipos de cachorro Pinscher de acordo com as peso e altura. Essa classificação, embora não seja reconhecida oficialmente, é adotada por muitos criadores e pais de pet por aí. 

    Como identificar o sexo do gato filhote? Saiba diferenciar machos e fêmeas!
    Adote um animal

    Como identificar o sexo do gato filhote? Saiba diferenciar machos e fêmeas!

    A maioria das pessoas acha quase impossível descobrir o sexo do gato filhote. De fato, diferenciar o órgão genital do gato macho e gato fêmea nos primeiros meses de vida não é fácil. Mas descobrir esse "detalhe" é importante antes de levar um filhotinho pra casa. Não parece, mas é muito normal achar que adotou um gato fêmea e descobrir, depois, que se trata de um gato macho. !

    Filhote de cachorro chorando à noite? Veja a explicação e dicas para acalmá-lo nos primeiros dias em casa
    Adote um animal

    Filhote de cachorro chorando à noite? Veja a explicação e dicas para acalmá-lo nos primeiros dias em casa

    A chegada de um filhote de cachorro ao novo lar é marcada por muita alegria e descobertas - da parte do animal e dos próprios donos. O cãozinho terá contato com cheiros que ele nunca sentiu, pessoas diferentes, um ambiente totalmente desconhecido. O novo papai ou mamãe de pet, por outro lado, está aprendendo sobre a rotina, como o sono e alimentação, e comportamentos do bichinho. Nos primeiros dias de adaptação na nova casa é comum ouvir o cachorro filhote chorando à noite. A reação imediata do tutor é ficar preocupado se ele está com fome ou sentindo dor, mas saiba esse comportamento é muito normal.

    Nomes para gatas: confira uma lista com 200 sugestões para chamar a sua gatinha
    Adote um animal

    Nomes para gatas: confira uma lista com 200 sugestões para chamar a sua gatinha

    Escolher um dentre as infinitas possibilidades de nomes para gatas e gatos não é uma tarefa fácil. Quando se trata de escolher um nome para gatinha, opções mais fofas e meigas estão entre as favoritas dos tutores. Mas a verdade é que existem centenas de inspirações de nomes para gata, desde personagens e celebridades famosas até sua comida preferida. 

    Veja quais são os cuidados básicos com a rotina de um Pequinês

    • Banhos e escovação dos pelos:

    Quando se trata de um Pequinês, o ideal é que os banhos sejam dados pelo menos uma vez por mês ou, no máximo, a cada 15 dias. Como esses doguinhos têm uma pelagem bastante densa, é importante procurar um shampoo para cachorro que atenda às necessidades do seu corpo. Um paninho seco para evitar a umidade da região do focinho também é bem-vindo, pois ajuda a prevenir dermatites e alergias na região. Além disso, a escovação regular é fundamental para manter o aspecto brilhante e sedoso dos pelos desse animal. Portanto, recomenda-se escovar a pelagem de duas a três vezes por semana para a remoção dos pelos mortos.

    • Unhas, dentes, olhos e ouvido:

    Assim como outras raças, o cachorro Pequinês precisa ter as unhas cortadas regularmente. Caso contrário, as garras podem acabar incomodando bastante o cão, chegando a machucá-lo. Os dentes também: é importante manter uma rotina regular na hora de escovar os dentes do cachorro para prevenir uma série de problemas bucais, como o tártaro e o mau-hálito.

    Como os cães da raça Pequinês têm olhos saltados, é necessário cuidar dessa região com frequência, limpando regularmente para evitar infecções. Não esqueça de cortar a franja do pet com certa frequência, pois isso é outro fator que pode acabar prejudicando a visão do animal. Por fim, mas não menos importante, vale limpar o ouvido do cachorro regularmente para evitar quadros de otite.

    • Alimentação do cachorro:

    Os cães precisam de uma alimentação específica para cada fase da vida e que atendam às necessidades do porte do animal. Sendo assim, é fundamental ficar atento a esses fatores na hora de escolher a melhor ração para cachorro. No caso do Pequinês, deve ser uma ração apropriada para cães pequenos. Isso faz toda a diferença para que o animal cresça de forma saudável e livre de problemas.

    • Exercícios físicos e espaço para criação:

    O cachorro Pequinês não demanda uma rotina de exercícios físicos intensa. Na verdade, a melhor forma de estimular seu cãozinho a se movimentar é com brincadeiras diárias. Nesse caso, os brinquedos interativos são uma ótima opção. Mas para quem prefere levá-los para passear, isso também é possível. Só é importante ficar atento porque esses animais se cansam com facilidade, então o tempo máximo recomendado é de 20 minutos e quando o sol não estiver muito intenso - preferencialmente no início da manhã ou no final da tarde. 

    O espaço para criação, por sua vez, pode ser basicamente qualquer lugar. Como o Pequinês é uma raça bastante pequena, o animal se adapta muito bem em diferentes tipos de espaço - desde pequenos apartamentos à grandes casas. Mas vale ressaltar que, por ter muito pelo, o ideal é que o cachorro Pequinês viva em lugares mais frescos e com temperaturas mais frias, pois ele pode sentir muito calor.

     

    O cachorro Pequinês não precisa se exercitar com tanta frequência (e ele nem gosta muito disso, inclusive)
    O cachorro Pequinês não precisa se exercitar com tanta frequência (e ele nem gosta muito disso, inclusive)

    Saúde do cachorro Pequinês: o que você precisa saber?

    Por se tratar de uma raça braquicefálica, é importante ficar atento a alguns cuidados com a saúde do Pequinês, pois o cachorro pode apresentar certa dificuldade respiratória ao longo da vida devido ao focinho achatado. Mas, no geral, esse é um cãozinho bem saudável. Os maiores problemas que podem acontecer, além da síndrome respiratória braquicefálica, são a luxação de patela, hérnia de disco, dermatites e problemas oculares, já que os olhos saltados do cachorro Pequinês ficam mais expostos e, consequentemente, vulneráveis à doenças. Logo, é necessário visitar o veterinário com regularidade para se certificar de que está tudo certo com a saúde do animal.

    É recomendado, inclusive, que o Pequinês filhote mantenha uma rotina de vacinação após os primeiros meses de vida. O vermífugo para cães e remédios antiparasitários também devem fazer parte dos cuidados com a saúde do cachorro, principalmente se ele for mais sociável e tiver uma vida ativa fora de casa e próxima de outros bichos.

    O preço de um Pequinês filhote pode chegar a R$ 3 mil

    Para quem sempre sonhou em ter raças de cachorro pequeno em casa, o Pequinês definitivamente é uma ótima escolha. Mas afinal, quanto custa esse cãozinho? O filhote de Pequinês não exige um enorme planejamento financeiro, mas é bom ter em mente que a raça pode variar entre R$ 1 mil e R$ 3 mil. O valor vai depender principalmente da linhagem do animal, já que cachorros descendentes de campeões tendem a ser mais caros.

    Além disso, se você realmente estiver decidido a comprar um Pequinês, lembre-se de procurar um canil de confiança e com boas referências. Peça sugestões de pessoas que já conheçam o lugar, e faça algumas visitas antes de fazer a compra para se certificar de que o espaço realmente trata bem os animais.


    Redação: Juliana Melo

    Lhasa Apso: saiba tudo sobre a raça

    Próxima matéria

    Lhasa Apso: saiba tudo sobre a raça

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro
    Grandes

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro

    O Galgo Afegão, também chamado de Afghan Hound, é um cachorro originário do Oriente Médio com aparência exótica e charmosa, difícil de passar despercebido. O que poucas pessoas sabem é que, por trás da postura elegante e independente do cão Afegão, existe um ótimo companheiro de quatro patas, cheio de energia para gastar e amor para dar. Mas o que é necessário saber sobre essa raça de cachorro antes de comprar ou adotar um exemplar? Como é a personalidade do Afghan Hound e que cuidados são necessários com o cãozinho? 

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana
    Grandes

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana

    Um dos cãezinhos mais surpreendentes é o Cane Corso. Embora ele não seja tão popular quanto outras raças de cachorro grande, como o Labrador e o Golden Retriever, o Cane Corso é dono de um enorme coração e tem uma personalidade incrível. Algumas pessoas podem até se intimidar com o tamanho e a postura imponente do doguinho, mas só quem convive com um Cane Corso sabe como estes cães são adoráveis e carinhosos.

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande
    Grandes

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande

    Você já ouviu falar no Dogo Argentino? Essa é uma raça de cachorro que teve origem em um país vizinho ao nosso, a Argentina. Embora pareçam sérios, os cães desta raça são uns amores e têm tudo para te conquistar, principalmente se o que você procura é um amigo de quatro patas bem leal e parceiro. Mas antes de comprar ou adotar um cachorro desta raça, que tal conhecê-lo um pouco mais a fundo? 

    Norueguês da Floresta: tudo o que você precisa saber sobre a raça de gato
    Raças

    Norueguês da Floresta: tudo o que você precisa saber sobre a raça de gato

    O gato Norueguês da Floresta chama a atenção por onde passa, principalmente por conta do seu porte. Essa é uma raça de gato grande e que tem o corpo bem robusto, coberto por pelos longos e lisos, que deixam o bichano com uma aparência bem fofa e apertável. Também é um animal super gentil e carinhoso, e por isso consegue conquistar a todos com facilidade. 

    Ver Todas >

    Poodle: porte, saúde, personalidade, preço... um guia sobre a raça de cachorro queridinha do Brasil
    Adote um animal

    Poodle: porte, saúde, personalidade, preço... um guia sobre a raça de cachorro queridinha do Brasil

    Quem consegue resistir aos encantos de um filhote de Poodle? Assim como sua versão adulta, o cachorro é muito queridinho e popular nos lares brasileiros! O cachorro Poodle é facilmente reconhecido por seus pelos encaracolados e tem várias qualidades que fazem dele um cãozinho único, como o nível de inteligência e enorme apego pelos humanos. As variações de Poodle (grande, médio e pequeno) também são um ponto positivo, já que existem diferentes tamanhos do cachorro para todos os gostos.

    Pinscher: saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequeno
    Adote um animal

    Pinscher: saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequeno

    É impossível não lembrar do Pinscher ao pensar nas raças de cachorro mais populares que existem. O cachorro Pinscher é a prova viva de que tamanho não é documento. Apesar de ser um cachorro pequeno, ocupa um espaço enorme no coração dos brasileiros. A fama de Pinscher bravo que carrega faz com que muita gente o associe a um cão problemático, mas a verdade é que o cachorro da raça Pinscher tem mais valentia do que raiva: ele vai fazer de tudo para proteger seu lar de qualquer ameaça.

    Corgi: como é a personalidade desse cachorro de raça pequeno?
    Adote um animal

    Corgi: como é a personalidade desse cachorro de raça pequeno?

    O Corgi é uma raça de cachorro pequeno que encanta a todos com os seus pelos fofinhos e, principalmente, por conta da sua estatura baixa e comprida, que lembra bastante um salsichinha. Já faz um tempo que o Corgi vem conquistando cada vez mais fãs na internet e no mundo, mas como será a personalidade e o temperamento desse cãozinho? Coragem e bravura são seus pontos fortes, ou esse é um cachorro mais amigável e sociável? 

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro
    Adote um animal

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro

    O Galgo Afegão, também chamado de Afghan Hound, é um cachorro originário do Oriente Médio com aparência exótica e charmosa, difícil de passar despercebido. O que poucas pessoas sabem é que, por trás da postura elegante e independente do cão Afegão, existe um ótimo companheiro de quatro patas, cheio de energia para gastar e amor para dar. Mas o que é necessário saber sobre essa raça de cachorro antes de comprar ou adotar um exemplar? Como é a personalidade do Afghan Hound e que cuidados são necessários com o cãozinho? 

    Ver Todas >