close
Passeio

Passear com cachorro: tudo sobre acessórios importantes, cuidados, treinamentos e segurança

Atualizado · 29 de junho de 2020 · 11h19

Publicado · 19/06/2020 · 19h47

Você sabe como passear com cachorro? Veja algumas dicas tornar esse momento mais seguro e divertido para o seu amigo!
Você sabe como passear com cachorro? Veja algumas dicas tornar esse momento mais seguro e divertido para o seu amigo!

Não é novidade que passear com cachorro é um ato de cuidado e amor. Afinal, é o momento em que o seu amigo pode interagir com outros animais, liberar energia e estreitar os laços com você. Além disso, o hábito também pode ser uma ótima maneira de estimular o animal a fazer atividades físicas e manter a saúde em dia. Entretanto, a hora do passeio com cães requer muita paciência e, principalmente, cuidados por parte do tutor. O uso da coleira peitoral, por exemplo, é fundamental para garantir a segurança do seu pet e dos outros ao redor, principalmente quando se trata de um cãozinho reativo. Pensando nisso, o Patas da Casa reuniu tudo o que você precisa saber antes de passear com o cachorro - desde lugares para visitar a acessórios indispensáveis. Veja só!

Mas, afinal, por que passear com cachorro é tão importante?

Engana-se quem pensa que o passeio com cães serve apenas para diversão do seu amigo. Apesar de ser o motivo mais comum para os tutores levarem seus doguinhos na rua, ele não é o único. Na verdade, passear com cachorro também é uma boa forma de ajudar na queima de calorias e prevenir a obesidade canina, garantindo a saúde do seu pet. Outra vantagem deste hábito é o fortalecimento dos músculos e dos ossos do seu peludo que, com passar dos anos, podem sofrer com doenças como artrite, osteoporose e artrose. Além disso, a ansiedade e o estresse também podem ser controlados com atividades físicas e regulares. Por isso, é fundamental separar um tempinho do seu dia para caminhar, brincar e até mesmo correr com o seu cãozinho.

Antes do passeio, cachorro deve tomar todas as vacinas necessárias para sua proteção

A regra é clara: a imunização do seu amigo deve vir antes dos passeios. Isso porque os diferentes canais de doenças que surgem pela rua podem ser perigosos para a saúde do animal. Desde o xixi e o cocô de outros cachorros até as fezes de pombos, os riscos são grandes! Por isso, o primeiro passo é fazer uso do vermífugo já nos primeiros dias de vida do seu pet. Nesse caso, a vermifugação pode ser iniciada com 15 dias de vida - dividida em três doses para que não haja risco de que o animal com verminose sofra uma obstrução intestinal.

Depois disso, é a vez das vacinas para cachorro. As primeiras a serem aplicadas são a Óctupla ou Déctupla Canina. Após cerca de 30 dias, é feita a segunda dose e, um mês depois, a terceira dose de reforço. Com 4 meses, o animal deve tomar a vacina contra raiva. Um ano após a fase inicial das vacinas, é importante que as elas sejam feitas anualmente. Dessa forma, você mantém o seu doguinho protegido de doenças como leptospirose, hepatite infecciosa, raiva e outras.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Na hora de passear com cachorro, é importante ter sempre em mãos uma garrafinha de água para aliviar a sede do seu pet
    Na hora de passear com cachorro, é importante ter sempre em mãos uma garrafinha de água para aliviar a sede do seu pet

    Mais Lidas

    Veja 12 dicas de como acabar com carrapatos no quintal
    Cuidados dos animais

    Veja 12 dicas de como acabar com carrapatos no quintal

    O carrapato em cachorro, assim como as pulgas, é uma das principais causas de aborrecimento nos donos de pets. Mesmo usando coleiras ou remédio para carrapato, o animal não está livre de pegar esses parasitas tão incômodos e que podem causar problemas graves. Às vezes, um simples passeio ao ar livre já pode gerar dores de cabeça se o local estiver infestado. Para controle, é importante não só proteger o animal, mas também fazer uma limpeza do ambiente.

    Quanto tempo vive um gato?
    Cuidados dos animais

    Quanto tempo vive um gato?

    Afinal, um gato vive quantos anos? Não é mistério que a companhia de um bichano muda a vida de qualquer pessoa para melhor, e, se dependesse de nós, nossos gatinhos viveriam para sempre. No entanto, isso não é possível e muitos tutores têm dúvidas quando o assunto é a expectativa de vida. Gato, querendo ou não, é como se fosse um filho, e é muito fácil se apegar a esses animais no dia a dia. 

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato
    Cuidados dos animais

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato

    Até mesmo os tutores mais experientes podem cometer alguns erros quando o assunto é cuidar de gato. Uma dúvida muito comum, por exemplo, é se a castração de gato é realmente necessária. Além disso, muitos humanos cometem o erro de tratar os felinos como se eles fossem cães, embora eles tenham comportamentos claramente distintos. No geral, os gatos são mais reservados, independentes e valorizam muito sua privacidade, diferente dos cachorros. P

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!
    Cuidados dos animais

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!

    Ter um cãozinho em casa é só alegria, mas é sempre bom que o dono esteja preparado para lidar com alguns comportamentos inconvenientes do animal. Um deles é o xixi fora do lugar para deixar o cheiro em todos os cantos da casa. O que fazer para o cachorro parar de marcar território? O costume é desagradável e pode até tirar o sossego de muitos tutores por aí. Para te ajudar, separamos algumas dicas para evitar que o cachorro marque território em casa e faça xixi onde não deve. Acompanhe!

    “Com quanto tempo pode levar o cachorro para passear?” Descubra a idade certa para sair com o seu amigo 

    Quando se trata de passear com o cachorro, essa é certamente uma das principais dúvidas entre os tutores. Na verdade, o que determina o momento certo para sair com o seu cãozinho não é a idade e sim a sua cartela de vacinação. Ou seja: o ideal é que o animal saia de casa apenas quando tiver tomado todas as vacinas necessárias e for vermifugado corretamente. Dessa forma, seguindo o cronograma e as recomendações do veterinário corretamente, é comum que o cão possa passear e ter acesso à rua a partir dos três meses de idade. Já no caso de animais mais velhos que o tutor tenha atrasado as doses de vacina, o período para liberar os passeios com cães pode ser um pouco maior. 

    Coleira para cachorro: veja qual o melhor tipo para passear com o seu cãozinho

    Para garantir que as voltinhas do seu amigo sejam feitas com segurança, saiba que a coleira para cachorro é um item fundamental. Disponível em diferentes tamanhos e modelos, ela ajuda a identificar o animal e a ensinar a disciplina no dia a dia, principalmente nos passeios. Nesse caso, o conforto, a segurança e a funcionalidade — tanto para você, quanto para o cãozinho — devem ser as prioridades no momento da escolha do acessório. Se você o seu cãozinho tem o temperamento tranquilo e não puxam muito a guia na hora do passeio, por exemplo, a coleira peitoral é a melhor escolha. Já para os cães mais agitados, a coleira peitoral antipuxão pode ser a solução. Além disso, é importante que a coleira do seu amigo possua uma placa de identificação, já que ela pode te ajudar a recuperar o seu doguinho caso ele se solte e se perca. 

    Passeio de cachorro: saiba o que levar para garantir o bem-estar do animal

    Assim como qualquer outra experiência com o seu cachorro, o passeio também deve ser pensado antes de acontecer. Você precisa, antes de tudo, saber o que levar para garantir o bem-estar do seu amigo durante este momento. Um acessório importante que, muitas vezes, torna o passeio com o cachorro mais prazeroso é a garrafinha d’água. Afinal, assim como acontece com os humanos, os cães também precisam se hidratar durante as atividades físicas. Outro item que não deve ser esquecido ao passear com cachorro é o cata-caca para recolher o cocô que o animal pode, eventualmente, fazer. Além disso, a focinheira para cachorro também pode ser essencial para algumas raças de cachorro. Nesse caso, o ideal é investir em um modelo que permita a salivação do animal. 

      Parque de cachorro é o lugar perfeito para o seu cãozinho  brincar, socializar e gastar energia
    Parque de cachorro é o lugar perfeito para o seu cãozinho brincar, socializar e gastar energia

    Passeio com cães: adestramento positivo pode ajudar os animais mais reativos

    É comum que alguns tutores deixem de andar na rua com o cãozinho por conta do seu comportamento. Cachorro que puxa no passeio, por exemplo, é um dos maiores desafios dos pais e mães de pet. Nesses casos, o adestramento positivo pode fazer com que seu amigo fique menos ansioso e nervoso durante os passeios. É possível adestrar o cachorro em casa com treinos simples e curtos. Experimente posicionar o animal ao seu lado com coleira e guia curta e comece a dar algumas voltas na sala. Depois, dê dois passos e, se ele não puxar, recompense com petiscos. Repita o processo várias vezes, prosseguindo para outros cômodos da casa, até que ele consiga fazer um trajeto maior com a guia frouxa. 

    Caso não consiga resolver o problema sozinho, o ideal é buscar ajuda de profissionais de confiança e explicar a situação, para que ele determine a melhor técnica para corrigir o comportamento. E não se esqueça: treinar o seu cachorro é um processo que requer dedicação. Tenha paciência para ensiná-lo!

    Parques para passear com cachorros: é preciso ter cuidado para não estragar a diversão

    O parque de cachorro é, certamente, um dos lugares preferidos do seu pet. Mas, antes de levar o seu amigo a um desses, é importante considerar algumas coisas em relação à personalidade e comportamento geral do animal. Entre elas, estão se o seu cachorro costuma brigar com outros animais, se obedece aos seus comandos e, principalmente, se costuma fugir na primeira oportunidade que tiver. Isso porque o parcão é um local onde o fluxo de animais é grande e, por isso, são locais propícios a possíveis conflitos. Para evitar que o clima "esquente", é preciso ficar atento a qualquer sinal de estresse no seu pet. Lembre-se: os cães podem aprontar no mínimo descuido. Por isso, você deve acompanhar cada passo do animal e estar pronto para agir rápido se for necessário.

    Aplicativo para passear com cachorro é uma boa opção para tutores que possuem uma rotina corrida 

    Com a correria do dia a dia, nem sempre sobra um tempinho para sair com seu pet no horário mais adequado para o animal. Uma boa solução para garantir que o momento de diversão do seu amigo não seja afetado é o aplicativo para passear com cachorro. Rápido e prático, ele funciona da seguinte forma: você se cadastra e pode contratar um profissional para realizar os passeios diários com o seu peludo. A média de valor pode variar entre R$ 15 a R$ 25 por dia. Entretanto, vale lembrar que o aplicativo deve ser usado apenas em caso de extrema necessidade. O ideal é que o tutor reserve uma parte do seu dia para sair e brincar com o seu companheiro. 

    Redação: Úrsula Gomes

    Onde colocar a caixa de areia do gato?

    Próxima matéria

    Onde colocar a caixa de areia do gato?

    Tudo sobre o cachorro Boxer: origem, personalidade, saúde, características físicas e cuidados
    Grandes

    Tudo sobre o cachorro Boxer: origem, personalidade, saúde, características físicas e cuidados

    Se você sempre sonhou em ter um cachorro grande dentro de casa, a raça Boxer certamente é uma opção que não vai te decepcionar. Por trás da aparência robusta e que pode ser considerada até um pouco intimidante para alguns, existe um cãozinho companheiro e com muito amor para oferecer aos seus humanos. Conheça um pouco mais sobre o comportamento da raça, cuidados com a saúde e quanto custa um cachorro Boxer.

    Tudo sobre o Dálmata: conheça as características, personalidade e cuidados com essa raça de cachorro grande
    Grandes

    Tudo sobre o Dálmata: conheça as características, personalidade e cuidados com essa raça de cachorro grande

    Um cachorro Dálmata é facilmente reconhecido graças a sua aparência particular e também ao filme “101 Dálmatas”, desenho que se tornou muito popular na década de 60 e que faz um grande sucesso até hoje. Mas o que esse cãozinho tem de tão especial, além das suas famosas manchas? Para quem sempre quis ter um Dálmata para chamar de seu, chegou o momento de desvendar tudo sobre essa raça de cachorro grande: características físicas, temperamento, personalidade, que cuidados são necessários, preço e como é a saúde desse animal. Vem que a gente te conta!

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro
    Grandes

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro

    O Galgo Afegão, também chamado de Afghan Hound, é um cachorro originário do Oriente Médio com aparência exótica e charmosa, difícil de passar despercebido. O que poucas pessoas sabem é que, por trás da postura elegante e independente do cão Afegão, existe um ótimo companheiro de quatro patas, cheio de energia para gastar e amor para dar. Mas o que é necessário saber sobre essa raça de cachorro antes de comprar ou adotar um exemplar? Como é a personalidade do Afghan Hound e que cuidados são necessários com o cãozinho? 

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana
    Grandes

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana

    Um dos cãezinhos mais surpreendentes é o Cane Corso. Embora ele não seja tão popular quanto outras raças de cachorro grande, como o Labrador e o Golden Retriever, o Cane Corso é dono de um enorme coração e tem uma personalidade incrível. Algumas pessoas podem até se intimidar com o tamanho e a postura imponente do doguinho, mas só quem convive com um Cane Corso sabe como estes cães são adoráveis e carinhosos.

    Ver Todas >

    Quantas vezes um gato urina por dia?
    Cuidados dos animais

    Quantas vezes um gato urina por dia?

    Você já se perguntou quantas vezes um gato urina por dia? Essa dúvida é muito frequente e com certeza já passou pela cabeça de todos aqueles que vivem com os felinos, sobretudo os tutores de primeira viagem. Saber quantas vezes gato vai ao banheiro é importante para conhecer o comportamento do pet e até mesmo para identificar algo de errado com a saúde dele. 

    Dia internacional do gato: os direitos e cuidados que todos os felinos devem receber
    Cuidados dos animais

    Dia internacional do gato: os direitos e cuidados que todos os felinos devem receber

    Você sabia que o dia internacional do gato é comemorado no dia 08 de agosto? Essa foi a data escolhida pelo Fund for Animal Welfare (Fundo Internacional para o Bem-Estar Animal) em 2002 para convidar a sociedade a refletir sobre os cuidados que os gatos necessitam. Em 2022, quando completa 20 anos, o Dia Internacional dos Gatos tem como tema “Recursos amigáveis aos gatos”.  A cada ano, a organização International Cat Care escolhe um novo tema. O assunto que nunca deixa de ter importância, entretanto, são os gatos em situação de rua.

    Como limpar orelha de cachorro? Veja o passo a passo
    Cuidados dos animais

    Como limpar orelha de cachorro? Veja o passo a passo

    Saber como limpar orelha de cachorro é muito importante para manter a higiene e saúde. Um ouvido que não é limpo com frequência acumula cera e sujeiras que acabam tornando o local propício para o aparecimento de fungos e bactérias. A otite canina, por exemplo, é uma doença comum que pode afetar o ouvido do cachorro e causa bastante desconforto no pet. Uma das principais formas de prevenção é saber como limpar ouvido de cachorro e colocar esse procedimento na rotina. 

    Banho e tosa: veja em infográfico como escolher o melhor pet shop
    Cuidados dos animais

    Banho e tosa: veja em infográfico como escolher o melhor pet shop

    Como saber qual é o melhor pet shop para banho e tosa perto de mim? A dúvida é comum para muitos tutores, em especial aqueles que são pais de pet de primeira viagem e ainda não conhecem muito bem os estabelecimentos da região. Se for o seu caso, não se preocupe: escolher um bom banho e tosa próximo não tem muito mistério, mas precisa de muita atenção e uma avaliação rigorosa por parte do tutor.

    Ver Todas >