Comportamento animal

Cachorro que puxa no passeio: 6 truques para melhorar o ritmo

Publicado - 20 Setembro 2019 - 08h00

Atualizado - 11 Abril 2024 - 14h35

O passeio é a hora mais feliz para um cachorro e alguns sabem exatamente a hora que costumam sair de casa. Essa alegria, porém, pode se transformar em muita ansiedade e agitação: e uma reação comum a esse comportamento é puxar a coleira e guia. O passeio precisa ser agradável para o cachorro e seu dono! Muitos tutores acabam deixando de andar na rua com o cãozinho por causa da dificuldade, mas a verdade é que isso piora a situação e pode deixá-lo mais ansioso ainda. Os passeios diários são essenciais para a saúde física e psicológica dos cães. É nessa hora que eles se exercitam, interagem com outros animais, sentem vários cheiros e exploram lugares diferentes.

Aprenda como treinar seu cachorro e acabar com as puxadas!

Acabar com as puxadas é um processo que requer muita paciência e técnicas corretas. Nós sabemos que a frustração de um passeio com puxadas é grande, mas parar com elas é um processo que requer dedicação. Por isso, preparamos um material com 6 dicas de como treinar o seu cachorro para ser mais calmo fora de casa. Chega mais!

1 - Comece o treinamento em casa

O treinamento com o seu cachorro deve ocorrer em um momento mais calmo. Não adianta colocar a coleira e a guia e já querer de cara que ele fique menos ansioso para o passeio. É muito melhor você fazer os treinos depois que voltar da rua do que antes, pois o cãozinho estará mais cansado e isso facilitará o processo. Uma dica para atrair a atenção do cachorro é fazer das refeições um momento de treinamento: a cada acerto, um grão de ração.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Os treinos em casa são simples e não precisam durar mais que 10 minutos. Posicione o cachorro ao seu lado com coleira e guia curta e comece a dar algumas voltas na sala. Dê dois passos e, se ele não puxar, recompense com um grão de ração ou petisco. Repita várias vezes, prosseguindo para outros cômodos da casa, até que ele consiga fazer um trajeto maior com a guia frouxa. Quando o treino estiver funcionando dentro de casa, experimente avançar para outros lugares, como o corredor do prédio ou quintal. Se ele ficar agitado e começar a puxar, volte.

2 - Coleira para cachorro e guia: tenha os acessórios corretos

O tipo de coleira que você usa para o passeio também pode influenciar os puxões. A de pescoço, por exemplo, é indicada para cachorros mais fracos. Para aqueles que têm mais força, o recomendado é usar uma coleira peitoral que prenda a guia para cachorro na parte frontal (fuja dos modelos com a fivela nas costas, pois isso fará com que o cão tenha mais controle do passeio do que você). Com esse peitoral anti-puxão, você trabalha a frustração do cachorro: ao tentar sair disparado, automaticamente ele será levado para o lado e não conseguirá avançar.

Algumas pessoas recorrem aos modelos cabresto (que prende o focinho e é uma boa para cães mais agressivos) e o enforcador. Mas atenção! O uso de ambos é indicado apenas por pessoas quem têm muita experiência com passeios, pois podem machucar o cachorro.

 

cachorro puxando no passeio com a dona

3 - Canse o cachorro antes do passeio

 

Uma alternativa para diminuir o ritmo do cãozinho no passeio é brincar bastante antes de sair para a rua. Jogue a bolinha, o faça correr pela casa, estimule as brincadeiras: vale tudo para deixá-lo menos ansioso. Mais cansado, ele pode ficar menos agitado e não puxar a coleira.

4 - Deixe o seu cachorro frustrado quando ele tentar puxar a guia

Quando o seu cachorro começar a puxar a coleira, simplesmente pare o passeio com a guia colada no corpo e não dê mais nenhum passo. O ideal é que logo depois o seu cachorro “se toque” que aquele comportamento não é legal e afrouxe a guia. No início, você terá que repetir isso várias vezes até dar certo. Tente fazer esse treino em locais com pouca movimentação de pessoas ou em horários mais calmos, como cedinho ou tarde da noite.

Outra dica é simplesmente virar e seguir para a direção contrária. Com o tempo, essas pequenas frustrações vão fazer o seu cão entender que, toda vez que ele puxar, o passeio será interrompido. É importante que você seja muito criterioso durante esses treinos e realmente não recompense comportamentos errados.

5 - Use petiscos e outras recompensas quando ele andar direitinho

Cachorros amam recompensas e um forma correta é ensiná-lo a associar petiscos e carinhos com bons comportamentos. Sempre que ele acertar o ritmo no passeio e afrouxar a guia, o elogie bastante ou dê algum agrado saboroso. Você também pode permitir que ele cheire um poste ou “cumprimente” outro cachorro quando estiver andando sem puxar.

6 - Mantenha o controle do passeio

O seu cachorro precisa entender que é você quem guiará o passeio. Com o auxílio do petisco, você pode ensinar ao seu cãozinho o significado do “junto”. Sempre que ele estiver andando ao seu lado e sem puxar, use o comando. O indicado é não falar durante as puxadas, pois ele pode achar que está acertando, quando na verdade está fazendo tudo errado.

Dica extra: O adestramento pode te ajudar muito a colocar todos esses truques em prática caso você não consiga resolver o problema sozinho - sim, alguns cãezinhos são bem difíceis de controlar. Busque profissionais de confiança e explique a situação, assim ele vai determinar a melhor técnica para corrigir o comportamento. E não se esqueça jamais que o seu cãozinho ainda não conhece todas as coisas e precisa de você para ensiná-lo. Tenha paciência e muito amor!

Redação: Luana Lopes

Cachorro

Esse alimento barato e milagroso promete aumentar a imunidade do cachorro doente. O que especialistas dizem?

A alimentação de cachorro, seja à base de ração ou não, desempenha um papel fundamental na saúde e bem-estar dos animais de estimaçã...

Comportamento

"Dinofauro" da vida real: cadela com mandíbula curta reproduz meme e ganha o coração da internet

Você se lembra do meme do dinofauro, aquele dinossauro de brinquedo azul com problema de dicção que ficou super conhecido no Faceboo...

Comportamento

Mulher vai abastecer o carro e se depara com a cena mais linda do mundo envolvendo frentista e vira-lata caramelo

Existem vários motivos para adotar um vira-lata caramelo. Um deles é porque esses cãezinhos se destacam bastante pelo carisma e doçu...

Comportamento

Vira-lata caramelo invade casamento e rouba a cena no momento da entrada da noiva

Os vira-latas têm um lugar especial no coração dos brasileiros. Quando o assunto é um vira-lata caramelo, então, há quem diga que es...

Cachorro

Esse alimento barato e milagroso promete aumentar a imunidade do cachorro doente. O que especialistas dizem?

A alimentação de cachorro, seja à base de ração ou não, desempenha um papel fundamental na saúde e bem-estar dos animais de estimaçã...

Comportamento

"Dinofauro" da vida real: cadela com mandíbula curta reproduz meme e ganha o coração da internet

Você se lembra do meme do dinofauro, aquele dinossauro de brinquedo azul com problema de dicção que ficou super conhecido no Faceboo...

Comportamento

Mulher vai abastecer o carro e se depara com a cena mais linda do mundo envolvendo frentista e vira-lata caramelo

Existem vários motivos para adotar um vira-lata caramelo. Um deles é porque esses cãezinhos se destacam bastante pelo carisma e doçu...

Gato

As 8 raças de gatos mais brincalhonas e que não dispensam uma boa diversão

Há quem acredite que os felinos não são fãs de brincadeiras devido a natureza sutil e independente da espécie, mas essa afirmação nã...

Ver todas