Gato

O que significa a expressão do gato nesta imagem? Veterinária especialista em felinos analisa todos os detalhes e responde!

Publicado - 13 Dezembro 2023 - 15h52

Atualizado - 11 Abril 2024 - 14h35

Os fãs de filmes de terror podem até gostar da sensação de medo e da apreensão que esse gênero provoca, porém, no universo felino, o medo é um sentimento que impacta negativamente a vida do animal. O gato com medo pode apresentar comportamentos que afetam diretamente o bem-estar e a qualidade de vida dele. Dessa forma, o Patas da Casa vai te ajudar a identificar esse sentimento nos felinos para saber o que fazer quando o gato tem medo. Confira! 

É possível identificar um gato com medo?

Os felinos expressam o que estão sentindo através da linguagem dos gatos. Ela se manifesta por meio de comportamentos sutis do pet, como a postura corporal que ele apresenta, o movimento do rabo, orelhas e olhos. Então, para identificar os sintomas de gato com medo, basta analisar atentamente o comportamento felino.

A psiquiatra felina Larissa Runcos, formada pela Universidade Federal do Paraná, estuda o comportamento animal há mais de 20 anos e publicou em sua rede social alguns sinais que ajudam a identificar um gato com medo. Confira: 

Imagem Quiz:Qual raça de gato você é?

Qual raça de gato você é?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Os sintomas de gato com medo

Os gatinhos são animais naturalmente desconfiados e eles podem sentir medo por diversos motivos. No post realizado pela veterinária, Larissa ressalta seis comportamentos dos gatos que indicam que ele está assustado ou com medo. Veja como saber se o gato está traumatizado: 

  1. Corpo encolhido: na linguagem felina, cada postura do animal indica um tipo de sentimento. O gato encolhido, por exemplo, pode indicar que ele está se sentindo inseguro no ambiente, com medo ou alguma dor. Esse tipo de comportamento fica muito evidente antes de uma briga de gato, pois o animal que não está a fim de confusão costuma encolher todo o corpo, enquanto o outro adota uma postura de ataque.
  2. Orelha abaixada: quando o felino está com medo e encolhe o corpo, as orelhas fazem o mesmo movimento e ficam direcionadas para baixo. Então o gato com orelha para baixo é mais um sinal que indica que o animal não está se sentindo seguro.
  3. Olhos contraídos: o olho de gato com medo não fica completamente aberto, mas com as pálpebras meio abertas e a musculatura em volta dos olhos tensa. 
  4. Pupilas dilatadas: a pupila de gato também é capaz de demonstrar se ele está com medo ou não. As pupilas se expandem para permitir a entrada de luz e melhorar a visão dos gatos em situação de insegurança. Ou seja, quando dilatadas, ela indica que o felino está sentindo medo ou ansiedade.
  5. Lábios contraídos: de acordo com a veterinária Larissa, esse é o sinal mais difícil de ser identificado pelo tutor pela sutileza do comportamento. Quando os gatinhos ficam com os lábios contraídos, as vibrissas (bigode de gato) ficam levemente direcionadas para a frente, indicando medo, dor ou desconforto animal. 
  6. Rabo enrolado ao redor do corpo: a linguagem do rabo de gato pode expressar emoções como felicidade, empolgação e também medo. O gato com rabo enrolado, de acordo com Larissa, é um sinal claro de que o felino não está se sentindo confortável: “ quando um gato enrola o rabo ao redor do corpo, ele está tentando se fazer menor, menos visível e criando uma barreira física para se proteger contra o que está causando desconforto ou medo. “

Quais são as consequências de um gato com medo? 

O que será que o medo pode provocar nos felinos? Esse sentimento pode afetar a saúde do gato, fisicamente e emocionalmente. No primeiro caso, o medo pode deixar o gato estressado e ansioso. Já no segundo caso, se o animal viver constantemente com medo e estressado, ele pode apresentar alguns problemas de saúde, como soltar muito pelo, taquicardia e perda de apetite. Além disso, os gatinhos que apresentam esse sentimento podem ficar mais agressivos e se isolarem como forma de se proteger.

O que fazer quando o gato está com medo?

Antes de decidir o que fazer quando o gato está com medo, o tutor precisa identificar a origem dessa emoção. Veja os principais fatores que podem assustar um gato e o que fazer para acalmá-los: 

  • Mudanças bruscas: os felinos são apegados a hábitos, então qualquer mudança de ambiente ou de rotina já pode deixar o animal apavorado. Para evitar isso, você pode tentar deixar o ambiente mais atrativo possível, investindo, por exemplo, no enriquecimento ambiental para gatos;
  • Chegada de um novo membro: os gatos são animais desconfiados, e um novo animal ou uma pessoa no ambiente do felino pode gerar medo. Para evitar isso, respeite o espaço do felino e aprenda o processo de socialização de cachorro e gato juntos;
  • Traumas: um gato de rua resgatado pode apresentar diversos traumas, por isso é preciso ter bastante paciência para compreender exatamente o que deixa o animal assustado;
  • Barulhos altos: a audição felina é super sensível a barulhos altos, então sirenes e gritaria podem deixar o gato com medo. O barulho de cachorros latindo também pode assustar o felino, por isso tente acostumar o gato com esses sons;
  • Pepino: sim, o gato tem medo de pepino, um temor bem incomum. Mas por que gatos tem medo de pepinos? Os gatos confundem o formato verde e comprido do pepino com uma cobra, por isso sentem medo desse legume. 

Por que os gatos ficam com medo do nada?

Para tudo existe uma explicação, inclusive para o gatinho que se assusta sem motivo aparente. Então por que os gatos ficam com medo do nada? Os felinos são animais super cautelosos e desconfiados, então esse comportamento felino pode ter relação com o próprio ambiente em que o animal vive. Novos objetos na casa, por exemplo, podem assustar o pet, assim como o estresse e gritaria.
 

Gato

As 8 raças de gatos mais brincalhonas e que não dispensam uma boa diversão

Há quem acredite que os felinos não são fãs de brincadeiras devido a natureza sutil e independente da espécie, mas essa afirmação nã...

Gato

Tutora registra o crescimento de filhote de Maine Coon laranja até ele virar um gato gigante

Quando o assunto é gato gigante, o Maine Coon é uma das raças de mais destaque. O gato Maine Coon é considerado a maior raça do mund...

Gato

As 7 raças de gatos que mais amam conviver com crianças - e os benefícios dessa relação são reveladoras

Para quem tem filhos e sempre quis ter um gatinho em casa, a boa notícia é que existem muitas raças de gatos que se dão bem com os p...

Gato

O motivo pelo qual os gatos amassam pãozinho revela um sentimento oculto sobre como eles veem os humanos

O gato amassando pãozinho é uma das características que mais despertam curiosidade sobre o universo felino. Se você não está acostum...

Cachorro

Esse alimento barato e milagroso promete aumentar a imunidade do cachorro doente. O que especialistas dizem?

A alimentação de cachorro, seja à base de ração ou não, desempenha um papel fundamental na saúde e bem-estar dos animais de estimaçã...

Comportamento

"Dinofauro" da vida real: cadela com mandíbula curta reproduz meme e ganha o coração da internet

Você se lembra do meme do dinofauro, aquele dinossauro de brinquedo azul com problema de dicção que ficou super conhecido no Faceboo...

Comportamento

Mulher vai abastecer o carro e se depara com a cena mais linda do mundo envolvendo frentista e vira-lata caramelo

Existem vários motivos para adotar um vira-lata caramelo. Um deles é porque esses cãezinhos se destacam bastante pelo carisma e doçu...

Gato

As 8 raças de gatos mais brincalhonas e que não dispensam uma boa diversão

Há quem acredite que os felinos não são fãs de brincadeiras devido a natureza sutil e independente da espécie, mas essa afirmação nã...

Ver todas