close
Castração

O que o anticoncepcional para gatos pode causar?

Atualizado · 05 de janeiro de 2022 · 17h59

Publicado · 04/01/2022 · 11h59

O anticoncepcional para gatos traz muitos problemas à saúde causados pelo excesso de hormônios
O anticoncepcional para gatos traz muitos problemas à saúde causados pelo excesso de hormônios

O anticoncepcional para gatos é usado por muitos tutores como alternativa à castração. A injeção é vista por muitas pessoas como um método mais barato e menos invasivo de impedir o cio de gata. Mas é comum surgir a dúvida sobre o anticoncepcional para gatos: quando aplicar é recomendado? A verdade é que o anticoncepcional para gatas traz muitos problemas à saúde e nunca é a solução para o cio de gato. O Patas da Casa te explica quais os perigos da injeção anticoncepcional para gatos e porque a castração é a melhor opção. Confira!

O anticoncepcional para gatos aumenta a concentração de hormônio no organismo

O objetivo do anticoncepcional para gatos é inibir o cio. A vacina para cio de gata é composta por hormônios sintéticos, sendo o principal a progesterona que, em condições naturais, já existe em grande quantidade no bichano. A injeção anticoncepcional para gatos é o tipo mais comum, sendo aplicada de forma subcutânea. A progesterona é injetada no animal, aumentando sua concentração no organismo. À primeira vista, o anticoncepcional para gatos parece uma boa opção. Porém, com o uso do anticoncepcional, gata passa a ter grande quantidade de progesterona no corpo, que leva a um crescimento excessivo das células mamárias, acarretando graves problemas à saúde.

A injeção anticoncepcional para gatos pode causar hiperplasia mamária felina

O problema mais comum que o anticoncepcional para gatas pode causar é a hiperplasia mamária felina. A doença acontece exatamente quando há aumento rápido e excessivo das mamas da gata - consequência do anticoncepcional para gatas. No início, a bichana apresenta crescimento das mamas, que ganham consistência firme e não apresentam dor nem inflamação. A doença que tem a injeção anticoncepcional para gatos como principal causa também gera febre, anorexia e dificuldade para andar. Em quadros mais graves, a hiperplasia mamária felina pode levar até mesmo à necrose das mamas.

Outra consequência do anticoncepcional para gata é o câncer de mama

Outro problema que o anticoncepcional para gatos pode causar é o câncer de mama. Trata-se de um tumor grave, considerado maligno na maioria dos casos. O aumento da produção hormonal causado pelo anticoncepcional para gata é um dos principais motivos que levam à doença, pois o desequilíbrio na concentração de hormônios acarreta no tumor do tecido mamário. Os sintomas lembram os da hiperplasia mamária felina, com inchaço nas mamas (caroços e nódulos), além de dor, secreção, sensibilidade e vermelhidão no local. A maior parte dos casos, porém, só é descoberta já nos níveis mais avançados. Por isso, o câncer de mama em gato é considerado uma doença grave e que pode levar o animal à morte.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Ao invés de usar o anticoncepcional para gata, é recomendado fazer a castração
    Ao invés de usar o anticoncepcional para gata, é recomendado fazer a castração

    Mais Lidas

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    O aumento de progesterona causado pelo anticoncepcional para gatas pode levar à piometra

    Com as alterações causadas pelo anticoncepcional, gata também pode apresentar piometra. É uma infecção que acontece no útero e que normalmente ocorre quando há aumento de progesterona no corpo. Sua grande concentração torna o útero o ambiente perfeito para a proliferação de bactérias. Em condições normais, o corpo da gata está preparado para lidar com os hormônios. Por isso, a piometra em gatos é, na verdade, bem rara. Porém, o uso de anticoncepcional para gatos acaba desregulando sua função hormonal, aumentando os níveis de progesterona e, consequentemente, facilitando o surgimento de infecções no útero. 

    Com o excesso de anticoncepcional, gata passa a ter outros problemas hormonais

    A verdade é que, como o anticoncepcional para gatos tem grande influência hormonal no bichano, qualquer problema relacionado a alterações endócrinas podem aparecer. Assim, o risco de diabetes é maior na bichana que toma o anticoncepcional. Gata pode sofrer ainda com outra condição chamada acromegalia, caracterizada pelo aumento de algumas partes do corpo como consequência do excesso de hormônios presentes. 

    A castração sempre deve ser escolhida ao invés do anticoncepcional para gatos 

    Com tantas consequências ruins à saúde, fica claro que o anticoncepcional para gata não é uma boa solução para impedir o cio. É importante ressaltar também que não existe anticoncepcional caseiro para gatos. A forma mais saudável de controlar o cio de gato é através da castração. Muitas pessoas acreditam que a castração é um procedimento muito perigoso, invasivo e caro. Como na injeção anticoncepcional para gatos preço costuma ser mais acessível, muitos tutores optam por esse método. Porém, isso não é tão vantajoso assim. Mesmo que o preço da injeção anticoncepcional para gatos seja mais barato, o dinheiro que economizar provavelmente será gasto cuidando das doenças que podem surgir. 

    Além disso, a diferença de quanto tempo dura a injeção anticoncepcional para gatos e a castração é outro motivo pelo qual a cirurgia traz mais benefícios: enquanto a castração dura a vida toda, o anticoncepcional para gatos deve ser reaplicado a cada quatro meses. O principal benefício da castração de gato é que ela não só não causa problemas à saúde como previne doenças, como câncer de mama e infecções no útero. Sabendo quanto tempo dura a injeção anticoncepcional para gatos, todos os malefícios que causa à saúde do bichano e quais as vantagens da castração de gato, fica provado que a castração é o método mais eficaz. 

    Redação: Maria Luísa Pimenta   

    Coleira antipulgas também protege o cachorro da leishmaniose? Veja o comparativo!

    Próxima matéria

    Coleira antipulgas também protege o cachorro da leishmaniose? Veja o comparativo!

    Gato vomitando: veja as possíveis causas do vômito e saiba o que fazer!
    Vômito

    Gato vomitando: veja as possíveis causas do vômito e saiba o que fazer!

    O gato vomitando não é motivo para desespero! Quem tem um felino para chamar de seu sabe que não é nada raro encontrar um vômito de gato espalhado pela casa, né? Felizmente, na maioria das vezes, a surpresinha desagradável pode estar associada a causas bem corriqueiras, tipo a bola de pelos ou uma simples regurgitação. Mesmo assim, é muito importante ficar atento ao comportamento do gato e se certificar de que o problema não é resultado de algo mais grave.

    Gato Singapura: tudo que você precisa saber sobre a raça
    Raças

    Gato Singapura: tudo que você precisa saber sobre a raça

    Com uma beleza extraordinária, o gato Singapura deixa qualquer um babando. Esse felino de pequeno porte é considerado uma das menores raças de gato que existem. Entretanto, suas características físicas singulares não param por aí: os olhos grandes e expressivos são outra particularidade da raça. Além disso, a raça Singapura possui uma personalidade dócil e amigável. Ficou curioso para conhecer mais sobre essa raça de gato?

    Khao Manee: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de gato tailandesa (e muito rara!)
    Raças

    Khao Manee: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de gato tailandesa (e muito rara!)

    O Khao Manee tem um grande potencial para ser um dos grandes queridinhos entre os apaixonados por gatos. Com olhos de cores marcantes e pelo branquinho, o felino desta raça possui uma aparência rara que chama atenção e é uma ótima companhia para qualquer família. De origem tailandesa, esse gatinho é super amigável e ama estar ao lado dos seus humanos - e até mesmo de outros animais. Para conhecer mais a fundo o gato Khao Manee, o Patas da Casa separou as principais informações sobre esse bichano incrível. Dá uma olhada!

    Ragamuffin: características, temperamento, cuidados... conheça essa raça de gato que tem a pelagem longa
    Raças

    Ragamuffin: características, temperamento, cuidados... conheça essa raça de gato que tem a pelagem longa

    O Ragamuffin é uma raça de gato muito amável e carinhosa. Não muito conhecido no Brasil, o gato ragamuffin se originou a partir do cruzamento com felinos da raça Ragdoll. É considerado um gato gigante e pode chegar até os 9kg. O "Ragamuffin cat" pode ter a pelagem e olhos de diferentes cores. Uma característica marcante é o jeito brincalhão e o fato de amar colo. O Ragamuffin é ideal para famílias com crianças e outros animais.

    Ver Todas >

    Gato pega cinomose? Descubra a resposta!
    Saúde animal

    Gato pega cinomose? Descubra a resposta!

    Você já ouviu falar de cinomose em gatos? Muito se sabe sobre a cinomose em cães, doença altamente contagiosa e que traz diversas complicações à saúde do cachorro. Essa condição é temida por muitos tutores de cães, mas também tutores de gatinhos. Existe uma doença conhecida por “cinomose em gatos”, que parece ser exatamente igual à que atinge os cães. Porém, existem muitas dúvidas se esse termo é realmente o mais adequado para se referir a essa condição. Afinal, a cinomose pega em gato ou a doença acontece unicamente com cães? O Patas da Casa te explica tudo sobre a “cinomose em gatos”!

    Verme do coração: veterinário tira todas as dúvidas sobre a dirofilariose canina
    Saúde animal

    Verme do coração: veterinário tira todas as dúvidas sobre a dirofilariose canina

    Você já ouviu falar em doença do verme do coração? Se você é tutor de cachorro, é bom se preocupar com ela. A dirofilariose é uma doença muito perigosa, que pode afetar órgãos vitais dos cãezinhos e levá-los à morte. Diferente de outras doenças causadas por verminoses, o verme do coração é transmitido pela picada de mosquitos e, por isso, acaba sendo mais incidente no verão. Mas como identificar o verme no coração do cachorro? Dirofilariose tem cura? Como é feito o tratamento? E o mais importante: como manter o pet longe da doença? Descubra tudo sobre verme do coração em cães a seguir.

    Coleira antipulgas e carrapatos: tudo sobre o acessório de gato
    Saúde animal

    Coleira antipulgas e carrapatos: tudo sobre o acessório de gato

    Se você tem um bichinho de estimação, provavelmente já ouviu falar da coleira antipulgas para gatos. Essa é uma forma bem eficaz de proteger os pets contra pulgas, carrapatos e outros parasitas indesejados - e sim, é isso mesmo: quando se trata da coleira antipulgas, cachorro não é o único animal que pode se beneficiar. Embora a maioria dos felinos domésticos tenha menos chances de sofrer com infestações de parasitas, a coleira antipulga também pode ser usada pelos bichanos.

    Doença do carrapato é contagiosa?
    Saúde animal

    Doença do carrapato é contagiosa?

    A doença do carrapato é capaz de atacar todo o organismo do animal, o deixando frágil e debilitado. Por isso, é considerada uma das doenças mais graves que podem afetar um cão. Além da doença do carrapato em cachorro, existe a doença do carrapato em humanos, que causa sintomas parecidos e também é bastante grave. Entender a causa do problema é sempre a melhor maneira de evitar que ele apareça. Como o próprio nome sugere, a doença do carrapato é contagiosa por conta do aracnídeo. 

    Ver Todas >