close
Comportamento

Grama para gatos: conheça os benefícios e aprenda como plantar em casa

Grama para gatos: os felinos amam e esse comportamento traz alguns benefícios à saúde!
Grama para gatos: os felinos amam e esse comportamento traz alguns benefícios à saúde!

Você sabia que, assim como os cães, os felinos adoram comer uma graminha? Além da diversão promovida por esse comportamento, a grama para gatos ajuda na digestão e no controle das bolas de pelos. Se você mora em casa, com certeza já deve ter visto o seu gatinho se deliciar com os matinhos que encontra pela frente. Agora se você mora em um apartamento que não tem muitas plantas, é possível encontrar grama de gato pronta para venda e também sementinhas para plantar. Conheça os diferentes tipos de gramas que o seu felino pode comer, os benefícios desse comportamento e um pequeno tutorial de como plantar um matinho natural para o seu amigo felino.

Grama para gatos: observe o comportamento do seu bichano

Muitos tutores se preocupam ao ver seu gatinho comendo grama, mas isso só traz benefícios ao seu peludo. Ao comer a graminha, o felino está estimulando a digestão dos alimentos, evitando assim problemas intestinais e diarreia. Além disso, a grama para gatos ajuda a controlar a incidência de bolas de pelo, que são bem comuns quando falamos dos felinos e podem trazer alguns incômodos. Por último, mas não menos importante, há indícios de que a grama de gato atua também como vermífugo - é sempre bom consultar o veterinário antes de encher seu gato de grama, combinado?!

É bem comum o gatinho vomitar depois de comer grama e isso pode estar associado com algum incômodo gastrointestinal. A grama para gatos tem justamente essa função. Mas, em todo caso, é bom observar a frequência dos vômitos: se ocorrer várias vezes seguidas, o melhor é buscar ajuda.

Grama de gato: flores podem intoxicar os felinos. Tome cuidado!

Se alguém te oferecer uma graminha para gatos que possua flores, não aceite. As flores, ainda que sejam muito bonitas, são potencialmente tóxicas para o seu felino. Invista em graminhas naturais que você pode acompanhar o crescimento ou aquelas próprias para gatos que são compradas em pet shops. Se você é pai ou mãe de pet, precisa estar sempre atento com as plantas que coloca em casa, pois muitas delas podem intoxicar animais.

Brinquedos para gatos: faça o quiz e descubra qual o tipo preferido do

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Você passou um tempo fora de casa e quando voltou seu gato:

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seu gato costuma te acordar?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seu gato reage ao ver uma caixa de papelão?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual dessas definições mais combina com a personalidade do seu gato?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Se seu gato fosse humano, qual desses comportamentos ele mais teria?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual desses brinquedos reciclados seu gatinho mais adoraria?

Question Header Background

O arranhador é o brinquedo ideal para seu felino! Seu gato faz a festa com brinquedos que “não são” brinquedos! Seu bichano é apaixonado pelos brinquedos clássicos!
    Grama de gato: milho, trigo, aveia e até linhaça! São muitas as opções para você plantar e tornar os dias do seu felino mais prazerosos. Além de uma distração, é um ótimo aliado à saúde.
    Grama de gato: milho, trigo, aveia e até linhaça! São muitas as opções para você plantar e tornar os dias do seu felino mais prazerosos. Além de uma distração, é um ótimo aliado à saúde.

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos
    Comportamento animal

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos

    Quem tem um gatinho já deve ter percebido que eles costumam afofar ou “amassar pãozinho” em algumas circunstâncias específicas. Os movimentos lembram uma massagem. Antes de deitar, quando estão no colo do dono ou quando encontram uma coberta fofinha e macia. Se mesmo sem saber porquê eles fazem isso a gente já acha a coisinha mais linda do mundo, imaginem depois de saber? Vem com a gente desvendar!

    Plante sua própria graminha para gatos: veja o passo a passo!

    Uma boa alternativa é plantar a sua própria graminha para gatos. Existem diversas opções: a tradicional grama de alpiste para gatos e outras versões com milho, trigo, aveia e linhaça. As sementes podem ser plantadas com segurança e não vão fazer mal ao seu felino. Siga o passo a passo abaixo: 

    • Grama de milho de pipoca

    Com um vaso ou jardineira, coloque terra e um adubo forte para formar a base da terra - é nesse lugar que vão entrar as sementinhas. Pegue o milho de pipoca (não vale a pipoca de microondas, heim?!) e coloque alguns grãos na terra, deixando espaço entre eles para que possam se desenvolver, e cubra tudo com o restante do adubo. Molhe a terra e se certifique que não ficou nenhum grão por cima. 

    Depois disso, basta regar em dias alternados, mas sem encharcar para não correr o risco de matar a planta que ainda nem nasceu. Em algumas semanas, as raízes vão começar a aparecer. Certifique-se de que o seu gato não tenha acesso ao vaso ou jardineira onde a plantinha está crescendo e só ofereça quando a planta estiver medindo três ou quatro dedos da sua mão. É importante não deixar o gatinho cavar a terra. Plante mais de um vaso para revezar quando as folhinhas começarem a ficar amareladas. 

    • Grama de trigo para gatos

    Você vai seguir o mesmo passo a passo do plantio da grama de milho de pipoca. A única diferença aqui é o tempo de cultivo da planta. A semente do trigo começa a germinar em até cinco dias, enquanto a de milho demora mais um pouquinho. Uma boa alternativa é plantar mais de um tipo de semente para o seu gatinho ter bastante variedade em casa. Se você mora em um lugar muito seco, a dica é cobrir a plantinha com um papel de PVC, fazendo tipo uma estufa mesmo. Assim, ela vai absorver a água e germinar mais rápido. 

    Redação: Júlia Cruz

    Adestramento de cães: quais sinais indicam que seu cachorro precisa ser treinado o quanto antes?

    Próxima matéria

    Adestramento de cães: quais sinais indicam que seu cachorro precisa ser treinado o quanto antes?

    Gato Birmanês: conheça todas as características desse adorável felino
    Raças

    Gato Birmanês: conheça todas as características desse adorável felino

    O Birmanês, que também é conhecido como gato Sagrado da Birmânia, é um animal super dócil e elegante que tem muita história para contar. O gato da Birmânia é descendente de animais que eram venerados como deuses entre o século XV e XVI nos templos budistas do sudeste asiático. Muito sensível, a raça de gato é conhecida pelo companheirismo, já que se apega facilmente à família humana. O gato Birmanês gosta de explorar e é curioso, mas diferente dos outros gatos, ele gosta da estabilidade do chão e não gosta muito de altura.

    Ragamuffin: características, temperamento, cuidados... conheça essa raça de gato que tem a pelagem longa
    Raças

    Ragamuffin: características, temperamento, cuidados... conheça essa raça de gato que tem a pelagem longa

    O Ragamuffin é uma raça de gato muito amável e carinhosa. Não muito conhecido no Brasil, o gato ragamuffin se originou a partir do cruzamento com felinos da raça Ragdoll. É considerado um gato gigante e pode chegar até os 9kg. O "Ragamuffin cat" pode ter a pelagem e olhos de diferentes cores. Uma característica marcante é o jeito brincalhão e o fato de amar colo. O Ragamuffin é ideal para famílias com crianças e outros animais.

    Arranhador de papelão para gatos: conheça o modelo e veja um passo a passo para fazer em casa
    Brinquedos

    Arranhador de papelão para gatos: conheça o modelo e veja um passo a passo para fazer em casa

    O arranhador para gatos é um item essencial na vida de qualquer gatinho de estimação. Os felinos domésticos seguem os instintos dos seus ancestrais. É por isso que, entre muitos comportamentos o bichinho tem a necessidade de arranhar as suas unhas; não apenas para afiá-las ou se divertir, mas para marcar o seu território. Como os gatos têm glândulas odoríferas presentes nas patinhas, o cheiro impregna a superfície arranhada, indicando seu domínio. A menos que o seu bichano tenha acesso a uma área externa ou você permita que ele circule livremente fora de casa, é interessante fornecer um arranhador a ele.

    Gato Angorá: conheça todas as características da raça!
    Raças

    Gato Angorá: conheça todas as características da raça!

    Pelagem branca, olhos claros, orelhas grandes e pontiagudas: essas são as características mais comuns do gato Angorá. A raça é muito antiga e esbanja beleza por onde passa. De origem turca, hoje em dia é até raro encontrar por aí um felino dessa raça - os Angorás chegaram até a ser considerados extintos depois da Segunda Guerra Mundial. A elegância desse gatinho tem tudo a ver com a sua personalidade: 

    Ver Todas >

    Veja 100 fotos de cachorro para se apaixonar!
    Comportamento animal

    Veja 100 fotos de cachorro para se apaixonar!

    Quem nunca se encantou com qualquer foto de cachorro que aparece no feed das redes sociais? É evidente que os nossos amores de quatro patas são os seres mais fotogênicos que existem. Não importa se seu cão é aquele que gosta de ser fotografado e fica paradinho esperando o clique ou é aquele mais agitado que sempre tira a famosa foto de cachorro engraçado: todos os peludinhos rendem ótimas fotografias. 

    Gato-de-bengala: quais os comportamentos selvagens que a raça possui?
    Comportamento animal

    Gato-de-bengala: quais os comportamentos selvagens que a raça possui?

    O gato Bengal - também conhecido como gato-de-bengala - tem uma história fascinante: a raça é derivada do cruzamento entre um felino doméstico e um leopardo selvagem. Na prática, isso quer dizer que, diferente da maioria dos gatinhos que vemos por aí, o gato Bengal tem uma aparência inusitada e um comportamento ainda mais instintivo por ser descendente direto de selvagens. 

    Setembro amarelo: 9 coisas que um cachorro ou gato pode fazer para te ajudar a enfrentar a doença
    Comportamento animal

    Setembro amarelo: 9 coisas que um cachorro ou gato pode fazer para te ajudar a enfrentar a doença

    No mês do Setembro Amarelo, as campanhas sobre a prevenção do suicídio ganham um grande destaque. Cuidar da saúde mental é muito importante, e o acompanhamento de médicos e terapeutas são fundamentais para auxiliar no tratamento de depressão. O que poucas pessoas sabem é que, aliado a isso, ter um bichinho de estimação também faz toda a diferença na vida de pessoas que convivem com a doença.

    Gato Munchkin: preço, comportamento e convivência com esse bichano
    Comportamento animal

    Gato Munchkin: preço, comportamento e convivência com esse bichano "rebaixado"

    O gato Munchkin - carinhosamente apelidado de gato “salsicha” - é um dos felinos mais adoráveis que existem. Ele tem pernas curtinhas e um corpo alongado, o que faz com que muitas pessoas se refiram a ele como gato rebaixado ou gato anão. Mas além da aparência inusitada, o que será que esse bichano tem de tão especial? A convivência com o Munchkin com certeza é algo surpreendente.

    Ver Todas >