Por que cachorro come grama ? Muitos donos de cãezinhos já devem ter se perguntado isso mais de uma vez, afinal, o hábito de comer grama e outros tipos de planta é bem comum na vida dos nossos amigos peludos! Existem muitas possíveis justificativas para isso, desde o valor nutricional das folhas até o gosto pessoal do animal. Quer saber mais? Explicamos melhor o assunto abaixo!

Por que os cachorros gostam de comer grama? Tédio e enjoo são alguns dos motivos!

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não tenho pets
Tenho cão
Tenho gato
Tenho cão e gato
Autorizo receber comunicações e publicidade da NESTLÉ®.

Ok, já entendemos que comer grama é um comportamento normal para os cães. Mas por que esse hábito é tão atraente para os nossos cachorrinhos? A verdade é que não existe apenas uma resposta para essa pergunta. Às vezes, a vontade de ingerir o vegetal pode ser um indício de que o pet está sentindo algum mal-estar, como enjôo ou qualquer outro problema digestivo. As fibras presentes na planta aceleram o trânsito intestinal e também podem provocar o vômito, expulsando um possível causador dos sintomas. Então, se o seu cachorro come grama e depois vomita, está aí a explicação!

Outra justificativa possível é a necessidade fisiológica instintiva que os animais têm de consumir as fibras e os minerais presentes no mato. Pode acreditar! Segundo os especialistas, os cachorros são onívoros. Ou seja, podem receber seus nutrientes através de várias fontes, incluindo carnes, grãos, frutas e, como já era de se esperar, vegetais.

Na verdade, a grama e o capim sempre fizeram parte da dieta dos cães. Isso porque os seus antepassados selvagens se alimentavam principalmente de pequenos herbívoros, como ratinhos e coelhos. Esses animaizinhos, por sua vez, comiam plantas. Já deu pra entender tudo, né? De forma indireta, os cachorros acabavam ingerindo as plantas comidas por suas presas.

Por fim, alguns dogs comem plantas apenas por estarem entediados ou ansiosos. Nesse caso, vale a pena ficar atento ao comportamento do seu bichinho, já que essa atividade, a princípio normal, pode acabar se transformando em algum distúrbio obsessivo-compulsivo. Um cachorro comendo grama raramente significa que algo está errado, mas, mesmo assim, cuidado nunca é demais!

Comer grama faz bem para os cachorros? Veja os benefícios!

O Patas da Casa já explicou como a ingestão de grama pode acelerar o trânsito intestinal e ajudar o cão a vomitar, aliviando diversos tipos de mal-estar, como: dor de estômago, intoxicações, gastrite, verminose, fezes ressecadas e cólicas. Mas ainda existem vários outros benefícios provocados por essa mania de comer vegetais, sabia?

Por adicionar fibra à dieta do animal, comer plantas também pode melhorar o trato intestinal, reduzindo o risco de câncer de intestino, além de ser um ótimo aliado na remoção de parasitas. A prática não elimina as chances do seu cachorrinho adquirir vermes, mas pode ajudar na prevenção.


Grama pra cachorro: É importante tentar controlar a ingestão do seu pet para impedir possíveis infecções de parasitas.
Grama pra cachorro: É importante tentar controlar a ingestão do seu pet para impedir possíveis infecções de parasitas.

Cachorro comendo grama: tenho algum motivo para me preocupar?

Comer grama pode fazer mal ao seu doguinho? Infelizmente, em alguns casos, sim. Ao mesmo tempo em que ingerir plantas pode ajudar na prevenção de parasitas, o hábito também pode predispor o aparecimento desses seres. Isso porque, dependendo da área explorada, a grama pode estar contaminada por vírus, ovos de parasitas e larvas. A última coisa que a gente quer é tudo isso dentro do nosso bichinho, né? Então,atente-se às plantas escolhidas pelo seu pet.

Outra possível complicação é quando o cãozinho acaba comendo gravetos junto com a grama. Se ingerida em excesso, a madeira pode atrapalhar a digestão dos cachorros. Bloqueios intestinais causam bastante desconforto e, se não tratados, são capazes de ameaçar a vida do seu grande amigo. Portanto, se o animal apresentar sintomas como nariz sangrando, tosse, saliva em excesso e muita ânsia de vômito, não hesite em procurar um profissional.

Como evitar que o cachorro coma grama em excesso?

A melhor forma de controlar a quantidade de grama (e plantas, em geral) consumida pelo seu pet é observá-lo de perto. Na hora dos passeios, caminhe com o pet em guia curta e use petiscos como distração caso bata aquele interesse especial em alguma planta. Dessa forma, o cão ficará mais interessado em interagir com você em vez de sair por aí procurando uma graminha para chamar de sua.

Redação: Dóris Marinho