close
Alimentação

Frutas para cachorros: um guia completo dos alimentos que podem ser acrescentados na dieta dos pets

Atualizado · 28 de Outubro de 2020 · 17h46

Publicado · 23/10/2020 · 19h00

Descubra a seguir quais   frutas que cachorro pode comer e qual é a melhor forma de oferecê-las!
Descubra a seguir quais frutas que cachorro pode comer e qual é a melhor forma de oferecê-las!

A alimentação do cachorro é um dos aspectos mais importantes na hora de cuidar do seu amigo de quatro patas. Saber o que um cão pode ou não comer, inclusive, é obrigação de todo tutor. Por isso, é comum que algumas dúvidas apareçam na hora de procurar quais frutas cachorro pode comer, já que, embora esses alimentos tragam vários benefícios para a saúde dos humanos, algumas frutas podem acabar sendo prejudiciais para a saúde dos doguinhos. Sendo assim, o Patas da Casa resolveu esclarecer de uma vez por todas as frutas que os cachorros podem comer ou não, e como o tutor deve oferecê-las aos animais, além de explicar todos os benefícios desses alimentos. Veja só!

Cachorro pode comer frutas e elas até fazem bem para a saúde

Que as frutas são alimentos bastante nutritivos, todo mundo sabe. Mas é importante ter em mente que o organismo de um cachorro é totalmente diferente do nosso, e esses animais nem sempre conseguem digerir algumas comidas da mesma forma que a gente. É por isso que não se pode dar todas as frutas para cachorro, já que algumas são consideradas proibidas e podem fazer bastante mal para a saúde do seu bichinho. No entanto, existem algumas exceções, e que são ótimas opções para servir como um petisco nos momentos de descontração para o seu cão. Mas atenção: mesmo que elas se encaixem na lista de frutas que pode dar para cachorro, é importante saber como oferecê-las para o seu pet da melhor forma e com a frequência correta. Nada de exageros, hein?

Frutas: cachorro pode comer o alimento como petisco de vez em quando

Equilíbrio é tudo, e na hora de dar frutas para cachorro isso não deve ser diferente. O ideal é que esses alimentos sejam oferecidos apenas em ocasiões isoladas, e não façam parte da dieta dos cães de forma regular. Mesmo as frutas que são permitidas possuem certa quantidade de frutose na sua composição, um açúcar que é natural deste tipo de alimento e que, se consumido em excesso, pode acabar fazendo mal para os animais. É por isso que é importante que o tutor ofereça as frutas que o cachorro pode comer sempre em pequenas quantidades, cortadas em pedacinhos e com muita cautela para não exagerar. A frequência não deve ser maior do que uma vez por dia, e uma das melhores formas de oferecê-la, além do petisco, é acrescentando uma pequena quantidade de fruta na ração do animal.

Outros cuidados necessários na hora de oferecer frutas para cachorro

Antes de dar frutas para cachorro, certifique-se de que o alimento está preparado para ser consumido do jeito certo: sem casca, sem semente e cortado. Assim, é possível garantir que o cachorro não vai se engasgar nem ter nenhum outro tipo de problema enquanto estiver se deliciando com a sua frutinha. Além disso, também é importante testar a tolerância do animal em relação ao alimento em questão. Por isso, a dica é oferecer uma fruta de cada vez para saber exatamente como o organismo do cãozinho vai reagir diante disso. Caso haja qualquer dúvida quanto as frutas que o cachorro pode comer, vale consultar o médico veterinário para esclarecer essas questões.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    A banana é uma das   frutas que pode dar para cachorro
    A banana é uma das frutas que pode dar para cachorro

    Mais Lidas

    Frutas para gatos: um guia completo dos alimentos liberados e benefícios de cada opção
    Alimentação animal

    Frutas para gatos: um guia completo dos alimentos liberados e benefícios de cada opção

    Cuidar da alimentação do gato é dever de todo tutor, e para isso é importante saber o que o animal pode ou não comer. Além das tradicionais rações para gatos, algumas pessoas também gostam de oferecer outras opções de comida para o seu bichano e procuram alternativas mais naturais, como frutas e legumes. Porém, por mais saudáveis que esses alimentos sejam para os humanos, é importante ter em mente que o organismo dos felinos não funciona da mesma maneira que o nosso e algumas frutas para gatos, por exemplo, podem fazer mal ao seu amigo de quatro patas. Para sanar todas as dúvidas sobre o assunto, confira as frutas que gatos podem comer a seguir!

    Verduras e legumes para cachorro: opções saudáveis para incluir na dieta do seu cãozinho!
    Alimentação animal

    Verduras e legumes para cachorro: opções saudáveis para incluir na dieta do seu cãozinho!

    Quando o assunto é a alimentação de um pet, muitas dúvidas podem surgir: o que o cachorro não pode comer? cachorro pode comer couve? Pode dar brócolis para cachorro? Ou ainda se cachorro pode comer abobrinha? Muitos tutores questionam se podem oferecer verduras e legumes para cachorro. A resposta é sim! Além de serem muito saudáveis, esses tipos de alimentos ajudam a abrir e instigar o apetite dos caninos, podendo ser oferecidos como petiscos e até recompensas.

    O que gato pode comer? Veja alguns alimentos liberados para os felinos
    Alimentação animal

    O que gato pode comer? Veja alguns alimentos liberados para os felinos

    Mesmo que os gatinhos não tenham aquela gula característica dos cachorros, eles podem amar alguns alimentos. A dúvida, porém, sempre permanece nessa hora: além da ração, sachê e petiscos específicos, o que gato pode comer? A não ser que seu gatinho tenha um problema de saúde, você pode oferecer algumas frutas, legumes e proteínas de vez em quando. Mas atenção! Não são todos os alimentos que os gatos podem comer. O chocolate, por exemplo, está na lista dos itens proibidos pelo risco de intoxicar o seu pet.

    Meu cachorro não quer comer ração, o que eu faço? Entenda os motivos
    Alimentação animal

    Meu cachorro não quer comer ração, o que eu faço? Entenda os motivos

    Os cachorros têm fama de serem comilões e, na maioria dos casos, eles não abrem mão das refeições - seja a ração ou um snack. Todo dono de cachorro, provavelmente, já passou pela situação de estar comendo enquanto o amigo de quatro patas fica pedindo um pedaço do lanche. Mas, e quando o apetite do seu cachorro parece desaparecer, você sabe o que fazer?

    Frutas que cachorro pode comer: saiba quais alimentos podem ser oferecidos ao seu amigo

    - Banana para cachorro: uma das frutas que o cachorro pode comer é a banana, que é rica em vitaminas A, B e C, fibras e vários minerais, como o potássio e o cálcio. Enquanto o potássio é responsável por fortalecer a musculatura e os ossos do animal, as vitaminas e os minerais se encarregam de melhorar o sistema imunológico dos cães.

    - Pera para cachorro: rica em vitaminas (B1, B2, C, E) e em fibras, o cachorro pode comer pera sem grandes problemas. Na verdade, essa acaba, inclusive, sendo uma ótima opção de fruta para o seu amigo de quatro patas, já que o alimento é composto por quase 80% de água, o que também ajuda na hidratação do cãozinho. Mas atenção: não esqueça de descascá-la e remover as sementes.

    - Maçã para cachorro: uma das melhores frutas para cachorro é a maçã. Fonte de vitaminas (A, B, C, E, K) e minerais, o alimento pode ser consumido sem problemas. No entanto, assim como a pera, é importante sempre tirar as sementes da fruta, porque elas contém uma substância extremamente nociva para os pets, que é o ácido cianídrico.

    - Melancia para cachorro: fonte de vitaminas A e C, a melancia é outra ótima alternativa para mimar o seu doguinho, principalmente nos dias mais quentes. Por ter uma grande quantidade de água na sua composição, a melancia é uma fruta refrescante e que agrada bastante o paladar canino, desde que seja dada sem casca e sem semente.

    - Melão para cachorro: assim como a melancia e a pera, o melão também possui alta concentração de água e é uma das frutas para cachorro mais refrescantes que existem. Ela é rica em vitaminas B6 e C, fibras e potássio. Não se esqueça de remover a casca e as sementes.

    - Morango para cachorro: diferente da maioria das frutas para cachorro, o morango pode ser oferecido ao seu cãozinho com casca e sementes sem trazer quaisquer riscos para a saúde do animal. Essa é uma fruta rica em antioxidantes e que contém as vitaminas A, B e C, ajudando a fortalecer o sistema imunológico e atuando como anti-inflamatório. Contudo, não são todos os cães que se dão bem com o alimento e, nesses casos, é necessário evitá-lo na dieta do seu pet.

    - Manga para cachorro: fonte de fibras e vitamina C, o cachorro pode comer manga desde que a fruta esteja sem casca e sem caroço. Ainda assim, vale ter cuidado redobrado com a quantidade de manga oferecida, pois este é um alimento que possui alto teor de açúcar, o que pode acabar refletindo na saúde de cães que têm tendência à obesidade canina.

    - Kiwi para cachorro: uma ótima fonte de vitamina C, o kiwi melhora a digestão dos cães e pode ser dado sem problemas para o seu amigo de quatro patas. Além disso, o cachorro pode comer kiwi com as sementes, porque elas não fazem mal, mas é uma fruta que sempre deve ser descascada.

    - Goiaba para cachorro: rica em ferro e fósforo, a goiaba também tem as vitaminas A, B e C em sua composição, o que melhora o funcionamento digestivo do cachorro. Inclusive, esta é uma boa opção de fruta para cães que sofrem com diarreia. Ela deve ser descascada e oferecida sem sementes - embora as sementes não sejam prejudiciais para a saúde dos cachorros.

    - Caju para cachorro: a fruta caju, sem a castanha, pode ser dada aos cães e ainda tem alguns benefícios, já que ela fortalece a imunidade dos cães porque possui um alto teor de vitamina C e ferro. 

    - Jabuticaba para cachorro: diferente de outras frutas, os cachorros podem comer a casca das jabuticabas que é onde tem alta concentração de antioxidantes e fibra, além de vitaminas B e C, cálcio e ferro;

     

    A melhor forma de oferecer frutas para cachorro é cortando-a em pedacinhos e retirando sementes e cascas
    A melhor forma de oferecer frutas para cachorro é cortando-a em pedacinhos e retirando sementes e cascas

    Frutas para cachorro que precisam de certa atenção e cautela

    - Mamão para cachorro: uma das frutas que cachorro pode comer e que agrada muito o paladar dos pets é o mamão. Composto pelas vitaminas A e C e muitas fibras, a textura desse alimento contribui bastante para que os cães gostem tanto dele. Contudo, é importante ter certa atenção, já que o mamão tem efeito laxante, e é por isso que ele só deve ser oferecido para cães saudáveis. Se o seu bichinho está com diarreia ou algum problema intestinal, o mamão pode não ser uma boa ideia. Vale lembrar que a casca e as sementes também devem ser retiradas, pois elas podem causar obstrução intestinal no cão.

    - Ameixa para cachorro: o cachorro pode comer ameixa, desde que o tutor remova o caroço da fruta, que pode prejudicar bastante a saúde do animal. Por ser bastante dura, essa parte da ameixa pode fazer o cachorro se engasgar e até mesmo quebrar os dentes. Além disso, o caroço da fruta contém cianeto, que é uma substância tóxica para os cães. Mas, de resto, a fruta pode ser oferecida sem problemas para o seu pet, pois é uma boa fonte de fibras vitaminas e minerais.

    - Coco para cachorro: rico em vitamina E, que é um antioxidante natural, o coco deve ser oferecido sempre em quantidades muito pequenas para os cães e de forma totalmente natural, sem adição de açúcar. O excesso, por outro lado, pode acabar desencadeando diarreias e problemas intestinais no doguinho. A água de coco também é uma ótima opção para refrescar seu pet!

    - Caqui para cachorro: o cachorro pode comer caqui de vez em quando, desde que ele esteja com a saúde em dia. Por ter uma grande quantidade de açúcar, o caqui pode ser um problema para cães diabéticos e obesos. Além disso, também não se recomenda a fruta para animais com problemas de cálculo na bexiga. Outro ponto importante é que o caroço sempre deve ser retirado do caqui antes de oferecê-lo aos cães.

    Veja a lista de frutas que cachorro não pode comer de jeito nenhum!

    - Abacate para cachorro: o abacate possui uma substância que é altamente tóxica para os cães, que é a persina, presente principalmente nas cascas, folhas e caroço da fruta. A polpa tem uma concentração menor dessa substância, mas ainda assim não vale a pena arriscar, né? Caso contrário, o cãozinho pode acabar tendo problemas como vômitos e diarreias.

    - Abacaxi, laranja e limão para cachorro: as frutas cítricas não são indicadas para os cachorros por causa da acidez que elas carregam. Embora tenham alguns componentes importantes como a vitamina C, o abacaxi, limão e até a laranja para cachorro fazem mais mal do que bem a esses animais. O excesso de acidez presente nessas frutas podem acabar desencadeando problemas gastrointestinais e outras complicações e, por isso, é melhor evitá-las.

    - Carambola para cachorro: essa é uma das frutas que cachorro não pode comer por um simples motivo: ela possui substâncias, chamadas de sais oxalatos, que são extremamente prejudiciais para os rins, podendo inclusive levar a uma falência desses órgãos. Sendo assim, embora pareça inofensiva, a carambola não deve ser dada para o seu cãozinho em nenhuma circunstância.

    - Uva para cachorro: tanto as uvas comuns quanto as uvas passas não devem fazer parte da dieta dos cães. Não se sabe ao certo qual é a parte da fruta que pode intoxicar os cães, mas o que é certo é que esses animais geralmente sofrem reações nada agradáveis depois de ingeri-las. Vômitos, diarreias, problemas renais e até mesmo morte estão associadas ao consumo de uva pelos cachorros. Por isso, essa fruta jamais deve ser oferecida ao seu cãozinho.

    Redação: Juliana Melo

    Troca de ração de cachorro: passo a passo de como substituir sem traumas

    Próxima matéria

    Troca de ração de cachorro: passo a passo de como substituir sem traumas

    Weimaraner: veja um guia completo sobre a raça de cachorro
    Raças

    Weimaraner: veja um guia completo sobre a raça de cachorro

    O Weimaraner é um cão de grande porte que conquista a todos com sua simpatia e beleza inconfundível. Essa raça de cachorro possui uma obediência fora do comum e exibe todos os atributos para conquistar a todos da família humana. Criado para ser um cão de caça perfeito, o cachorro Weimaraner possui uma condição física energética que demanda uma rotina de exercícios físicos. Ficou curioso para saber mais sobre esse doguinho? Dá só uma olhada no guia que o Patas da Casa preparou!

    Quanto custa manter um cachorro? Um guia completo com a média de gastos mensais com um cão
    Adoção

    Quanto custa manter um cachorro? Um guia completo com a média de gastos mensais com um cão

    Ter um cachorro em casa é uma experiência incrível para mães e pais de pet, mas os momentos de alegria vêm acompanhados de muitas responsabilidades… e gastos (muitos gastos). Ração, vacina, brinquedos, remédios e veterinário são os principais custos que você precisa ter frequentemente com o animal. É justamente por isso que, antes de comprar ou adotar um pet, é preciso pensar nos gastos que isso vai demandar - e que devem entrar no orçamento da família. Para te ajudar a bater o martelo e decidir se consegue ou não arcar com um amigo de quatro patas, montamos um guia completo com uma média dos gastos que você provavelmente terá. Chega mais!

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro
    Grandes

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro

    O Galgo Afegão, também chamado de Afghan Hound, é um cachorro originário do Oriente Médio com aparência exótica e charmosa, difícil de passar despercebido. O que poucas pessoas sabem é que, por trás da postura elegante e independente do cão Afegão, existe um ótimo companheiro de quatro patas, cheio de energia para gastar e amor para dar. Mas o que é necessário saber sobre essa raça de cachorro antes de comprar ou adotar um exemplar? Como é a personalidade do Afghan Hound e que cuidados são necessários com o cãozinho? 

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana
    Grandes

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana

    Um dos cãezinhos mais surpreendentes é o Cane Corso. Embora ele não seja tão popular quanto outras raças de cachorro grande, como o Labrador e o Golden Retriever, o Cane Corso é dono de um enorme coração e tem uma personalidade incrível. Algumas pessoas podem até se intimidar com o tamanho e a postura imponente do doguinho, mas só quem convive com um Cane Corso sabe como estes cães são adoráveis e carinhosos.

    Ver Todas >

    Desmame de gato: passo a passo para introduzir ração de gato filhote
    Alimentação animal

    Desmame de gato: passo a passo para introduzir ração de gato filhote

    Trocar o leite pela ração de gato filhote é um processo que todo gatinho deve passar. O leite materno é fundamental para promover um desenvolvimento físico e até mesmo psicológico de forma saudável. Mas a amamentação felina só deve ocorrer por um certo período, e a alimentação do gato filhote precisa ser trocada pela ração, que tem os nutrientes fundamentais para completar o desenvolvimento do pet.

    Gato pode comer ovo? Descubra se o alimento é liberado ou não!
    Alimentação animal

    Gato pode comer ovo? Descubra se o alimento é liberado ou não!

    Quando o assunto é alimentação dos gatos, é comum que os tutores tenham dúvidas sobre o que pode ou não fazer parte da dieta do bichano. Afinal, é sempre bom diversificar servir petiscos naturais e diversificados para o pet. Já sabemos que cachorro pode comer ovo, mas e gato? Pode comer ovo também? Assim como os cães, existem alguns felinos que são simplesmente apaixonados pelo alimento, enquanto outros não dão a mínima.

    Ração urinária: como funciona o alimento para gatos?
    Alimentação animal

    Ração urinária: como funciona o alimento para gatos?

    Hoje em dia, existe uma ampla gama de opções de ração para gatos nos pet shops. Algumas delas, inclusive, são formuladas especialmente para tratar doenças, como a ração para trato urinário. Gatos que apresentam doença renal crônica, quando são alimentados adequadamente, ganham muito em qualidade de vida. Veja a seguir quais são os diferenciais da ração urinária e quando ela deve - ou não - ser servida.

    Gato pode comer frango?
    Alimentação animal

    Gato pode comer frango?

    Assim como existe a dúvida se pode dar carne para gatos, também há quem se pergunte se gato pode comer frango ou não. Esse é um questionamento importante, já que o organismo destes animais é bem diferente do nosso e muitos alimentos que são típicos da dieta dos humanos podem fazer mal para a saúde felina. Nesse sentido, é bom saber o que o gato pode comer e o que deve ser evitado para que não haja nenhum problema quando você quiser agradar seu amigo com uma guloseima diferente. 0,,

    Ver Todas >