close
Raças

Filhote de Pitbull: saiba o que esperar sobre o comportamento da raça

Os filhotes de Pitbull são leais, amorosos e precisam de socialização como todos os outros
Os filhotes de Pitbull são leais, amorosos e precisam de socialização como todos os outros

O filhote de Pitbull é um cãozinho que, assim como qualquer outro, precisa ser tratado com afeto. Apesar dos estereótipos que acompanham o American Pitbull Terrier — ou só Pitbull mesmo, como é conhecido por aqui —, as coisas nem sempre são o que parecem e o comportamento do cachorro pode te surpreender. Além de fortes e super inteligentes, eles são carinhosos e apegados aos donos, principalmente às crianças. Isso mesmo: pode esquecer a história de que o Pitbull é bravo e agressivo, porque tudo depende da forma como ele é criado.

Para criar um animal dócil, é importante saber como cuidar de Pitbull desde os primeiros meses de vida do pet. Se você não sabe bem o que esperar do comportamento do Pitbull filhote e como lidar com a raça, não se preocupe: vamos te ajudar nessa missão. Veja abaixo tudo sobre o Pitbull filhotinho!

Filhote de cachorro Pitbull: como é a personalidade geral do cãozinho?

Já parou para se perguntar como é o Pitbull no dia a dia? Muitos nem imaginam que esse cãozinho é uma grande fofurinha e logo associam a raça com o estereótipo de “Pitbull bravo” - que, convenhamos, está longe de ser verdade. A criação e o tratamento dos donos é o que ajuda a moldar a personalidade dos filhotinhos de Pitbull, e existe uma razão para isso: desde filhote, Pitbull é completamente dependente e faz de tudo para agradar os seus tutores.

Entre as raças de cachorro mais populares, o American Pitbull Terrier (filhote e adulto) é, certamente, um dos mais fortes de todos. Mesmo nas brincadeiras, desde cedo, ele pode se exceder por não saber administrar a força que tem. Por isso, é necessário que o cão seja educado para ser dócil e carinhoso quando ainda for um cachorro filhote de Pitbull. Ou seja: é bom evitar brincadeiras mais violentas e brutas, que podem passar a mensagem errada do comportamento ideal.

O filho de Pitbull também é cheio de energia e deve ter essa necessidade direcionada para os lugares certos. Socialização, adestramento, enriquecimento ambiental: tudo isso deve ser incluído na rotina do doguinho. Mas lembre-se: quando se trata de um filhote de Pitbull misturado com outras raças - como o Pitbull com vira-lata -, personalidade pode ser diferente do que se espera. Isso acontece porque esse cruzamento com diferentes cães aumenta a variabilidade genética do animal e pode influenciar no seu comportamento. Isso vale tanto para um filhote de Pitbull com vira-lata, como também para o filhote de Pitbull com Shitzu (o chamado “Shitbull) e o filhote de Pitbull com Bull Terrier.

6 coisas que você precisa saber sobre o filhote Pitbull

1) Quando se trata de um Pitbull, cachorro filhote já mostra que é muito inteligente desde cedo e consegue aprender tudo rapidamente.

2) Pitbull cresce até quantos meses, afinal? A gente te conta: esse cãozinho de porte médio costuma ter um crescimento que dura cerca de 12 meses. É possível perceber que eles dão uma “espichada” logo no início. Um Pitbull com 2 meses, por exemplo, não tem o mesmo tamanho de um Pitbull com 5 meses de idade.

3) No caso de uma Pitbull fêmea, características mais marcantes são o temperamento calmo e tranquilo. Já o Pitbull macho tende a ser mais agitadinho e brincalhão.

4) Sabia que um filhote de Pitbull pode ter vários irmãozinhos da mesma ninhada? Para quem não sabe quantos filhotes um Pitbull pode ter, a estimativa é que cada gestação tenha de 4 a 10 irmãos.

5) O cruzamento de Pitbulls com outros cachorros que não pertencem a mesma raça é uma caixinha de surpresas, tanto na personalidade quanto na aparência. No caso de um vira-lata com Pitbull, características físicas não vão seguir o padrão da raça, por exemplo, e ele deixará de ser um cachorro “puro”. E isso não vale só para o filhote de vira-lata com Pitbull, viu? Até mesmo raças parecidas, como o Pitbull Bull Terrier filhote, tem características diferentes de um Pitbull normal.

6) O valor do filhote de Pitbull depende das características físicas e da linhagem de cada cão. As fêmeas, por exemplo, costumam ser mais caras do que os machos. As cores dos pelos são outro fator que podem influenciar no preço. O Pitbull branco filhote, por exemplo, tende a ser mais caro do que cães de outras cores.

Conheça as fases de crescimento do Pitbull

  • Filhote de Pitbull 1 mês:

É impossível resistir a um filhote de Pitbull com 1 mês de idade. Pequenos e fofos, esses cãezinhos passam a maior parte do dia dormindo ou mamando nas primeiras semanas. Aos poucos, vão abrindo os olhos e passam a observar mais as coisas ao redor. Também é nessa fase de Pitbull (1 mês) que o animal ganha mais força nas pernas e vai começar a dar os seus primeiros passos. Ah, e fica a dica: esse já é um bom momento para decidir os nomes para Pitbull.

  • Filhote de Pitbull 2 meses:

Com um Pitbull filhote, 2 meses passam voando! Quando você menos esperar, o cãozinho vai estar super esperto e doido para conhecer o mundo. Nessa fase, mais ou menos a partir dos 45 dias de vida, também é importante aplicar a vacina no cachorrinho. O filhote de Pitbull com 2 meses tende a ficar agitadinho em alguns momentos e rende muitos momentos divertidos, mas ainda passa uma boa parte do seu dia tirando uma soneca. Também é quando começa a socializar mais com seus irmãozinhos e as pessoas.

  • Filhote de Pitbull 3 meses:

Se chega rápido para o Pitbull 2 meses, quando ele completa 3 meses a gente até leva um susto. Geralmente esse período é marcado por mudanças, já que muitos criadores só liberam o filhote de Pitbull para seus novos lares após 3 meses por conta da amamentação materna e do desenvolvimento do animal perto dos seus irmãos. Por isso, se você adotar Pitbull filhote (3 meses), é importante saber fazer a adaptação do pet à sua nova casa do jeitinho certo.

  • Filhote de Pitbull 4 meses:

Com 4 meses, o Pitbull filhote já tem um crescimento considerável, e após tomar todas as vacinas, é o momento ideal para começar a socialização. Os passeios devem ser inseridos aos poucos na sua rotina, e é indicado começar o adestramento para que o filhote de Pitbull saiba se comportar na rua. Também é uma fase em que o cachorrinho começa a explorar mais a boca e pode morder muito, então os brinquedos mordedores são recomendados.

  • Filhote de Pitbull 5 meses:

O Pitbull de 5 meses já vai começar a ficar mais independente, mas sempre mantendo um forte vínculo com seus humanos. É nessa fase também que os instintos do animal começam a tomar conta, e é possível que o doguinho prefira seguir suas próprias vontades ao invés das ordens do tutor. É normal o Pitbull com 5 meses ficar um pouquinho teimoso e querer explorar o mundo por conta própria, mas como obediência é quase o sobrenome da raça, logo isso passa. Ainda assim, não deixe o adestramento de lado!

  • Filhote de Pitbull 6 meses:

Se você reparar bem, o Pitbull com 6 meses já é praticamente um cachorro adolescente! Isso quer dizer que o doguinho está atingindo a maturidade sexual e, em pouco tempo, estará pronto para cruzar. Por conta disso, o filhote de Pitbull pode começar a querer marcar território se não for castrado e ficará menos sociável com outros cães. Pode ser uma fase complicada, mas se você souber como cuidar de um Pitbull, vai dar tudo certo.

  • Filhote de Pitbull 7 meses em diante:

Não muda muita coisa do Pitbull de 6 meses para o Pitbull com 7 meses de idade. Daqui em diante, o cachorrinho só vai continuar crescendo até mais ou menos os 12 meses. É possível que ele ainda cresça um pouquinho depois disso, mas nada muito alarmante, a não ser que seja um cachorro Pitbull com vira-lata ou outro cão grande. Nesse caso, o animal pode crescer até completar 2 anos. Vale lembrar que a partir dos 7 meses, Pitbull já pode ser castrado.

Faça o teste e descubra qual a personalidade dominante do seu gato!

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Como seu gato reage com a chegada de visitas em casa?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você está pensando em adotar mais um gatinho. Qual seria a reação do seu felino?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você precisa levar seu gato ao veterinário e na fila ele encontra outro felino. Como ele reage?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Seu gato fica incomodado quando as portas de casa ficam fechadas?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seu gato se comporta com os outros animais da casa?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você acabou de chegar em casa depois de muito tempo fora. O seu gato:

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Seu gato deitou em cima da sua cama e dormiu. Qual a sua reação, humano?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seu gato se comporta na hora de se alimentar?

Question Header Background

Gato-humano! Seu gato não perde a oportunidade de estar ao seu lado Gato solitário! Seu gato tem uma personalidade mais quieta e reservada Gato-gato!  Seu gato gosta da companhia de outros felinos Gato curioso! Seu gato está sempre em busca de novas aventuras Gato caçador! Seu gato tem os instintos selvagens mais aflorados
     O filhote de Pitbull precisa ser ensinado a dosar a força desde cedo
    O filhote de Pitbull precisa ser ensinado a dosar a força desde cedo
      O filhote Pitbull branco é um dos mais requisitados
    O filhote Pitbull branco é um dos mais requisitados
    O cachorro filhote Pitbull dorme bastante nas primeiras semanas
    O cachorro filhote Pitbull dorme bastante nas primeiras semanas
    O filhote Pitbull precisa gastar muita energia
    O filhote Pitbull precisa gastar muita energia
    O Pitbull filhote se dá muito bem com crianças
    O Pitbull filhote se dá muito bem com crianças
    O filhote de Pitbull pode ter várias cores
    O filhote de Pitbull pode ter várias cores
    Pitbull filhote precisa ser adestrado e socializado
    Pitbull filhote precisa ser adestrado e socializado
      Pitbull com vira-lata filhote: é bom ter cuidado para não adquirir um exemplar que não seja puro
    Pitbull com vira-lata filhote: é bom ter cuidado para não adquirir um exemplar que não seja puro
    O   filhote de Pitbull com vira-lata preto   vai ter uma aparência diferente
    O filhote de Pitbull com vira-lata preto vai ter uma aparência diferente
    Filhote Pitbull: como resistir a essas fofurinhas?
    Filhote Pitbull: como resistir a essas fofurinhas?
     O filhote de Pitbull precisa ser ensinado a dosar a força desde cedo
      O filhote Pitbull branco é um dos mais requisitados
    O cachorro filhote Pitbull dorme bastante nas primeiras semanas
    O filhote Pitbull precisa gastar muita energia
    O Pitbull filhote se dá muito bem com crianças
    O filhote de Pitbull pode ter várias cores
    Pitbull filhote precisa ser adestrado e socializado
      Pitbull com vira-lata filhote: é bom ter cuidado para não adquirir um exemplar que não seja puro
    O   filhote de Pitbull com vira-lata preto   vai ter uma aparência diferente
    Filhote Pitbull: como resistir a essas fofurinhas?

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos
    Comportamento animal

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos

    Quem tem um gatinho já deve ter percebido que eles costumam afofar ou “amassar pãozinho” em algumas circunstâncias específicas. Os movimentos lembram uma massagem. Antes de deitar, quando estão no colo do dono ou quando encontram uma coberta fofinha e macia. Se mesmo sem saber porquê eles fazem isso a gente já acha a coisinha mais linda do mundo, imaginem depois de saber? Vem com a gente desvendar!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    Filhote de Pitbull Terrier: inteligência da raça é acima da média

    O filhote de American Terrier Pitbull (ou APBT filhote) é muito mais inteligente do que a gente pensa! Embora não esteja descrito no ranking de inteligência canina descrito por Stanley Corey, acredita-se que esse cachorrinho poderia facilmente ocupar a 34ª posição no ranking, pois ele compartilha muitas semelhanças com os cães desta posição, como o Staffordhire Terrier Americano, que é um dos tipos de Pitbull que existem.

    E acredite: o Pitbull novinho já dá indícios do tamanho da sua inteligência. Muito obediente e disposto a satisfazer as vontades da família, ele é ideal para o adestramento canino. Por instinto, a raça Pitbull filhote é carinhosa e inteligente e vai ler os sinais do humano sobre o melhor comportamento a ter no dia a dia, ou seja: o animal vai fazer o que achar que você aprova. Por isso, educar e adestrar um filhote de Pitbull não é um bicho de sete cabeças. Ele é obediente e com um tutor experiente o resultado é o melhor possível!

    O Pitbull Americano filhote precisa ser socializado logo nos primeiros meses

    Mesmo que a socialização do filhote de Pitbull com pessoas aconteça com certa facilidade, a relação dele com outros animais pode ser um pouco mais complicada. Por isso é importante que seu cachorrinho tenha contato com outros bichinhos desde os primeiros meses de vida. Assim, ele vai crescer encarando essa relação de forma mais natural, sem grandes problemas.

    Para quem não sabe, a socialização já é indicada a partir do Pitbull de 2 meses de idade com seus irmãozinhos, sendo sempre supervisionados pelo tutor. Já com outros cães que não sejam residentes da mesma casa, é bom esperar até que o cachorro filhote Pitbull esteja com as três doses de vacinas aplicadas e vermifugado para não correr o risco de adoecer.

    Como é a convivência das raças de Pitbull filhote com crianças, cachorros e outros pets?

    Por ter uma grande quantidade de energia para gastar, o cachorro Pitbull filhote costuma se dar muito bem com crianças, principalmente se estiverem acostumados com elas desde o início da vida. Sim, é isso mesmo: as crianças não se dão bem somente com cachorro pequeno. Pitbull é a prova viva disso. Se for devidamente socializado, eles serão grandes amigos dos menores.

    Já o Pitbull e outros cães podem ter relações conturbadas, especialmente quando se trata de um cachorro macho que não foi castrado. A melhor forma de evitar que isso aconteça é fazendo com que a raça conviva com outros cachorros desde novinho. O Pitbull Terrier filhote precisa estar acostumado com a presença de cães para não estranhar isso na vida adulta. Com outras espécies, porém, a convivência não é das melhores, e é importante estabelecer certos limites. Com um gato, Pitbull não costuma ser tão amigável, então o ideal é que cada pet tenha seu cantinho respeitado. 

    Cachorro Pitbull bebê: o enriquecimento ambiental ajuda o cãozinho a gastar energia

    Se você não sabe muito bem como cuidar de um Pitbull filhote, aqui vai uma dica: o enriquecimento ambiental é a melhor maneira de promover uma boa qualidade de vida para o cãozinho. Uma característica muito forte do filhote de Pitbull — e que dura até a fase adulta do animal — é a quantidade de energia que ele tem para gastar. A anatomia atlética comum a esses animais não é conquistada naturalmente: ele tem a necessidade de fazer exercícios regularmente e é um ótimo companheiro para corridas e longas caminhadas. 

    Dentro de casa, os cuidados com Pitbull também não devem parar. Brinquedos de cachorro, mordedores, comedouros interativos e outras atividades são mais do que bem-vindas na rotina do filhotinho. Por mais que os passeios ajudem a gastar a energia do pet, o filhotinho também precisa ser entretido no seu lar.

    Valor de filhote de Pitbull pode chegar a R$ 5 mil

    Se você é um grande fã da raça, deve estar se perguntando quanto custa o filhote de Pitbull. No geral, o valor de um filhote de Pitbull depende muito das características físicas do animal (como a cor dos pelos), sexo e linhagem. As fêmeas costumam ser mais caras do que os machos, e se o cachorrinho for descendente de campeões, também pode ter um custo mais elevado. E qual é o preço? Filhote de Pitbull é vendido, em média, de R$ 2 mil a R$ 5 mil. É possível encontrar alguns exemplares um pouco mais baratos do que isso, mas nunca inferior a R$ 1 mil.

    Mas lembre-se: a venda de filhotes de cachorro deve ser feita de forma responsável. Portanto, na hora de adquirir um filhote de Pitbull, valor não deve ser a única coisa levada em consideração. A escolha do canil também é muito importante para não financiar empresas que maltratam os animais. Procure sempre por lugares com boas referências e, se possível, faça algumas visitas antes de adquirir o seu filhote Pitbull. Preço não deve ser muito abaixo da média; se for, desconfie! Muita gente pode tentar vender um cachorro vira-lata com Pitbull como se fosse de raça pura, então é bom verificar o pedigree nesses casos.

    Como cuidar de um filhote de Pitbull para que ele não cresça agressivo?

    Se você quer ter um cachorrinho da raça, mas está naquela dúvida de “Pitbull, como criar?”, pode ficar tranquilo que não tem muito mistério. Na verdade, o mais importante mesmo é garantir que o animal cresça em um ambiente harmonioso, com muito carinho e amor. Isso faz muita diferença na criação do Pitbull. Cinco meses de idade, por exemplo, já é uma fase em que o cachorrinho deve ser educado para não ter problemas comportamentais no futuro. Não quer dizer que ele será agressivo de propósito, mas o Pitbull é um cachorro forte e que não tem muita noção da sua própria força. Isso pode fazer com que ele machuque as pessoas durante uma brincadeira sem querer. Para não estimular esse tipo de atitude, evite ao máximo brincadeiras agressivas ou violentas com o American Pitbull filhote.

    Além disso, quando o Pitbull começa a ficar bravo por algum motivo, o ideal é distraí-lo e mudar o foco da sua atenção. Geralmente situações de estresse, como barulhos de fogos de artifício ou sons muito altos, podem irritar bastante o cachorrinho e ele, sem saber o que fazer, acaba reagindo de maneira desproporcional por puro medo. Afinal, o instinto de se defender também faz parte do Pitbull Terrier filhote. Por isso, uma forma de acalmá-lo é tentando acabar com a situação de estresse ou mudando a atenção dele para outras coisas, como brinquedos e petiscos. 

    Redação: Ariel Cristina Borges e Juliana Melo

    Publicada originalmente em: 01/07/2019

    Atualizada em: 30/09/2021

    Como treinar o Rottweiler para evitar comportamentos agressivos? Veja as dicas de um adestrador!

    Próxima matéria

    Como treinar o Rottweiler para evitar comportamentos agressivos? Veja as dicas de um adestrador!

    Setter Irlandês: filhote, preço, personalidade.. saiba tudo sobre a raça
    Raças

    Setter Irlandês: filhote, preço, personalidade.. saiba tudo sobre a raça

    O cão Setter Irlandês é, sem dúvidas, uma das raças mais bonitas e amigáveis que existem. Com uma pelagem ruiva, longa, brilhante e sedosa, este é um cachorro que chama a atenção de todos ao seu redor - não é à toa que ele comumente é encontrado em exposições e concursos de beleza. Mas não é só assim que o Setter Irlandês conquista admiradores: o jeitinho doce e meigo também são traços incríveis deste cãozinho. Quer conhecer esta raça de cachorro mais a fundo? 

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro
    Grandes

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro

    O Galgo Afegão, também chamado de Afghan Hound, é um cachorro originário do Oriente Médio com aparência exótica e charmosa, difícil de passar despercebido. O que poucas pessoas sabem é que, por trás da postura elegante e independente do cão Afegão, existe um ótimo companheiro de quatro patas, cheio de energia para gastar e amor para dar. Mas o que é necessário saber sobre essa raça de cachorro antes de comprar ou adotar um exemplar? Como é a personalidade do Afghan Hound e que cuidados são necessários com o cãozinho? 

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana
    Grandes

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana

    Um dos cãezinhos mais surpreendentes é o Cane Corso. Embora ele não seja tão popular quanto outras raças de cachorro grande, como o Labrador e o Golden Retriever, o Cane Corso é dono de um enorme coração e tem uma personalidade incrível. Algumas pessoas podem até se intimidar com o tamanho e a postura imponente do doguinho, mas só quem convive com um Cane Corso sabe como estes cães são adoráveis e carinhosos.

    Fox Terrier: características físicas, personalidade, cuidados e muito mais... saiba tudo sobre a raça
    Pequenos

    Fox Terrier: características físicas, personalidade, cuidados e muito mais... saiba tudo sobre a raça

    Os cães do grupo Terrier fazem sucesso por onde passam, e com o Fox Terrier não é diferente. Ele representa perfeitamente as raças de cachorro desse grupo: é animado, ativo, cheio de energia, habilidoso e, claro, incrivelmente fofo. Muitas pessoas chegam a confundi-lo com o Fox Paulistinha, uma raça de Terrier originária do Brasil que descende do cruzamento do Fox Terrier com outros cães. No entanto, esses dois doguinhos são bem diferentes entre si, especialmente no que diz respeito à pelagem e traços físicos.

    Ver Todas >

    Border Collie merle: qual a explicação genética para o nascimento de cães com essa característica?
    Comportamento animal

    Border Collie merle: qual a explicação genética para o nascimento de cães com essa característica?

    O Border Collie merle tem uma variação de pelagem que encanta qualquer um, mas também traz muitas dúvidas. Qual a explicação para essa cor de cachorro? A pelagem merle deriva de algum problema genético? A saúde do pet é prejudicada por isso? São muitas perguntas, que nem sempre têm uma resposta fácil. O Border Collie merle tem um aspecto “marmorizado" na pelagem, que normalmente se apresenta nas versões blue merle (tons que variam do preto ao cinza misturado ao branco) e red merle (pelagem branca com tons avermelhados ou marrom). 

    Arranhador para gatos: benefícios, todos os tipos e modelos e como fazer
    Comportamento animal

    Arranhador para gatos: benefícios, todos os tipos e modelos e como fazer

    O arranhador para gatos é um acessório indispensável na casa de todo felino. Além de ser uma forma de estimular a interação do animal com o ambiente, o arranhador é um brinquedo divertido que ajuda a aliviar o incômodo das unhas crescendo e mantém os instintos primitivos dos pets. Existem vários tipos de arranhadores para gatos, feitos com diferentes materiais e que podem ser indicados de acordo com o padrão de comportamento do seu amiguinho. 

    Cachorro que come fezes: quais são as causas da coprofagia canina?
    Comportamento animal

    Cachorro que come fezes: quais são as causas da coprofagia canina?

    O cachorro que come fezes é uma situação que pode acontecer por diferentes motivos, mas sempre causa estranhamento entre os tutores. O hábito, também chamado de coprofagia canina, às vezes é encarado como algo engraçadinho, mas precisa de muita atenção. Isso porque a ingestão de fezes a longo prazo pode ser um verdadeiro problema para a saúde do seu amigo de quatro patas, que pode ser facilmente infectado por parasitas, bactérias e outros microrganismos presentes no dejeto.

    Gato Siamês e vira-lata: como identificar cada um?
    Comportamento animal

    Gato Siamês e vira-lata: como identificar cada um?

    O gato Siamês é uma das raças mais populares no Brasil. Já a raça de gato SRD (Sem Raça Definida), o famoso gato vira lata, também não fica para trás. Você com certeza já deve ter se esbarrado por aí com um filhote de gato vira-lata que tem as características do gato Siamês (olhos azuis, pelagem acinzentada e extremidades num tom mais escuro). Esse é um Siamês mestiço, conhecido como Sialata, uma mistura entre os dois. Mas como diferenciar os tipos de gatos siameses e vira-latas? 

    Ver Todas >