Raças

Filhote de Pitbull: saiba o que esperar sobre o comportamento da raça

 Os filhotes de Pitbull são leais, amorosos e precisam de socialização como todos os outros: descubra mais sobre eles aqui!
Os filhotes de Pitbull são leais, amorosos e precisam de socialização como todos os outros: descubra mais sobre eles aqui!

Uma das raças de cachorro grande que mais sofre com os estereótipos, o American Pit Bull Terrier — ou só Pitbull mesmo, como é conhecido por aqui — nem sempre é o que parece. Além de fortes e super inteligentes, eles são carinhosos e apegados aos donos, principalmente às crianças. Isso mesmo: pode esquecer a história de que o Pit Bull é sempre agressivo e violento, mas para criar um animal dócil, os cuidados devem começar nos primeiros meses de vida do pet. Descubra, aqui embaixo, o que esperar do comportamento do filhote de Pitbull e como lidar com a raça!

A relação do filhote de Pitbull com seu dono é de total dependência

A influência da criação e do tratamento dos donos na personalidade do Pitbull é incrivelmente alta por uma razão: desde filhotes, eles são completamente dependentes e querem agradar os seus tutores. Por instinto, ele é carinhoso e inteligente e vai ler os sinais do humano sobre o melhor comportamento a ter no dia a dia, ou seja: o animal vai fazer o que achar que você aprova. Por isso, educar e adestrar um filhote de Pitbull não costuma ser a coisa mais fácil do mundo, mas ele é obediente e com um tutor experiente o resultado é o melhor possível!

Mesmo que a socialização do filhote de Pitbull com pessoas aconteça com certa facilidade, a relação dele com outros animais pode ser um pouco mais complicada. Por isso é importante que seu cachorrinho tenha contato com outros bichinhos desde os primeiros meses de vida. Assim, ele vai crescer encarando essa relação de forma mais natural, sem grandes problemas.

Faça o quiz e descubra se você tem alergia a gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

question quiz stamp

Como você fica ao chegar na casa de um amigo que tem um gato?

Question Header Background
question quiz stamp

O que acontece quando se aproxima de gatinhos na rua ou em feiras de adoção?

Question Header Background
question quiz stamp

As crises alérgicas costumam acontecer:

Question Header Background
question quiz stamp

O que acontece quando você fica perto de alguém que está com a roupa cheia de pelos de gato?

Question Header Background
question quiz stamp

Como seu corpo reage ao entrar em contato com um filhotinho de gato na rua?

Question Header Background
question quiz stamp

Quais são os seus sintomas mais comuns durante uma crise alérgica?

Question Header Background
question quiz stamp

O que você faz para melhorar um quadro de alergia?

Question Header Background

É bem provável que você tenha alergia a gatos e precise consultar um especialista As crises alérgicas fazem parte da sua rotina, mas será que é por causa dos gatos? Passe livre para ter um gatinho: você não tem alergia aos bichanos!
     O filhote de Pitbull precisa ser ensinado a dosar a força desde cedo
    O filhote de Pitbull precisa ser ensinado a dosar a força desde cedo

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos
    Comportamento animal

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos

    Quem tem um gatinho já deve ter percebido que eles costumam afofar ou “amassar pãozinho” em algumas circunstâncias específicas. Os movimentos lembram uma massagem. Antes de deitar, quando estão no colo do dono ou quando encontram uma coberta fofinha e macia. Se mesmo sem saber porquê eles fazem isso a gente já acha a coisinha mais linda do mundo, imaginem depois de saber? Vem com a gente desvendar!

    O Pitbull é uma raça de cachorro extremamente forte e pode se tornar uma ameaça se não for criado da forma ideal

    Entre as raças de cachorro mais populares, o American Pit Bull Terrier é, certamente, um dos mais fortes de todos. Mesmo nas brincadeiras, desde cedo, ele pode se exceder por não saber administrar a força que tem. Por isso, é necessário que, desde pequeno, o cão seja educado para ser dócil e carinhoso, ou seja: é bom evitar brincadeiras mais violentas e brutas, que podem passar a mensagem errada do comportamento ideal. Inclusive, é daí que vem a fama de agressividade do Pitbull — a parte boa é que fazer o caminho contrário com o seu animalzinho é super simples e possível!

    O filhote de Pitbull é bem alegre e entusiasmado — prepare-se para bastante energia!

    Uma outra característica muito forte dos filhotes de Pitbull — e que dura até a fase adulta do animal — é a quantidade de energia que ele tem para gastar. A anatomia atlética comum a esses animais não é conquistada naturalmente: ele tem a necessidade de fazer exercícios regularmente e é um ótimo companheiro para corridas e longas caminhadas. Também é pela grande quantidade de energia para gastar que eles costumam se dar muito bem com crianças, principalmente se estiverem acostumados com elas desde o início da vida.

    Redação: Ariel Cristina Borges

    6 sons que os cachorros odeiam

    Próxima matéria

    6 sons que os cachorros odeiam

    Setter Irlandês: filhote, preço, personalidade.. saiba tudo sobre a raça
    Raças

    Setter Irlandês: filhote, preço, personalidade.. saiba tudo sobre a raça

    O cão Setter Irlandês é, sem dúvidas, uma das raças mais bonitas e amigáveis que existem. Com uma pelagem ruiva, longa, brilhante e sedosa, este é um cachorro que chama a atenção de todos ao seu redor - não é à toa que ele comumente é encontrado em exposições e concursos de beleza. Mas não é só assim que o Setter Irlandês conquista admiradores: o jeitinho doce e meigo também são traços incríveis deste cãozinho. Quer conhecer esta raça de cachorro mais a fundo? 

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana
    Grandes

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana

    Um dos cãezinhos mais surpreendentes é o Cane Corso. Embora ele não seja tão popular quanto outras raças de cachorro grande, como o Labrador e o Golden Retriever, o Cane Corso é dono de um enorme coração e tem uma personalidade incrível. Algumas pessoas podem até se intimidar com o tamanho e a postura imponente do doguinho, mas só quem convive com um Cane Corso sabe como estes cães são adoráveis e carinhosos.

    Fox Terrier: características físicas, personalidade, cuidados e muito mais... saiba tudo sobre a raça
    Pequenos

    Fox Terrier: características físicas, personalidade, cuidados e muito mais... saiba tudo sobre a raça

    Os cães do grupo Terrier fazem sucesso por onde passam, e com o Fox Terrier não é diferente. Ele representa perfeitamente as raças de cachorro desse grupo: é animado, ativo, cheio de energia, habilidoso e, claro, incrivelmente fofo. Muitas pessoas chegam a confundi-lo com o Fox Paulistinha, uma raça de Terrier originária do Brasil que descende do cruzamento do Fox Terrier com outros cães. No entanto, esses dois doguinhos são bem diferentes entre si, especialmente no que diz respeito à pelagem e traços físicos.

    Kelpie Australiano: saiba tudo sobre a raça de cachorro
    Raças

    Kelpie Australiano: saiba tudo sobre a raça de cachorro

    O que não faltam são raças de cachorro para a gente se apaixonar, e o Kelpie Australiano é só mais um doguinho dessa lista! De origem australiana, esse é um dos poucos cães que foram desenvolvidos no país - mas isso não foi um impedimento para logo depois conquistarem muitos fãs ao redor do mundo. Com um jeitinho bem amigável, brincalhão e inteligente, o Kelpie Australiano - também chamado de Australian Kelpie - tem tudo para ser uma companhia incrível para o seu dia a dia. 

    Ver Todas >

    Adestramento de cães: como lidar com o cachorro latindo para outros cachorros no passeio?
    Comportamento animal

    Adestramento de cães: como lidar com o cachorro latindo para outros cachorros no passeio?

    “Meu cachorro faz escândalo quando sai” - se você está familiarizado com esse tipo de situação, deve estar se perguntando qual é a melhor forma de corrigir o comportamento do seu amigo de quatro patas, não é mesmo? Bom, a verdade é que quando o assunto é passear com o cachorro, cada bichinho reage de uma forma diferente. Alguns são mais tranquilos, enquanto outros são super agitados. Mas o que fazer quando o cachorro late muito no passeio?

    Anatomia externa canina: veja o infográfico e aprenda mais sobre as partes do corpo do cachorro
    Comportamento animal

    Anatomia externa canina: veja o infográfico e aprenda mais sobre as partes do corpo do cachorro

    A anatomia canina é tão fascinante que sempre aparece uma nova curiosidade para nos surpreender. Afinal, o universo dos cães é repleto de segredos! Todas as partes do corpo do cachorro possuem características, funções e estruturas completamente diferentes e igualmente interessantes. No caso da anatomia externa do cachorro, o foco fica em todas as partes que enxergamos só de olhar para o animal. 

    Coleira cabresto: entenda como funciona o acessório e em quais casos é recomendado
    Comportamento animal

    Coleira cabresto: entenda como funciona o acessório e em quais casos é recomendado

    A coleira com cabresto ajuda o tutor a lidar com cães que puxam muito no passeio. Sua posição ao redor do focinho pode trazer a impressão de que o animal está incomodado, mas na verdade, a coleira cabresto para cachorro é muito traz alguns benefícios. Ela faz parte do time de coleiras anti-puxão, ou seja, aquelas que são perfeitas para cachorro que é mais descontrolado e ansioso durante o passeio. 

    Viajar com gato: tutora compartilha a experiência de uma viagem de 18h com seu bichano
    Comportamento animal

    Viajar com gato: tutora compartilha a experiência de uma viagem de 18h com seu bichano

    Viajar com gato não é uma tarefa exatamente fácil, e muitos tutores acabam deixando esse tipo de passeio de lado para evitar possíveis estresses. No entanto, dependendo da personalidade e do comportamento do gato, é super possível levar o seu amigo em uma dessas aventuras. Viajar de ônibus com gato, de carro ou avião: não importa qual seja a sua escolha, o importante é conhecer os limites do seu gatinho e fazer de tudo para que ele fique o mais confortável possíve.

    Ver Todas >