close
Saúde

Dermatite atópica canina: tudo que você precisa saber sobre a doença de pele em cachorro

Atualizado · 09 de setembro de 2021 · 11h00

Publicado · 31/08/2021 · 16h31

A dermatite atópica canina é caracterizada por uma coceira intensa após o contato com substâncias alérgenas
A dermatite atópica canina é caracterizada por uma coceira intensa após o contato com substâncias alérgenas

A dermatite atópica canina é uma doença de pele em cachorro mais comum do que se imagina e pode afetar cães de diferentes raças. Uma das principais características desse quadro é a coceira intensa, que pode ou não vir acompanhada de vermelhidão no local. Ou seja, é basicamente como se fosse um tipo de alergia em cachorro. Apesar de não ser uma doença de pele muito grave, a dermatite atópica canina precisa de atenção porque pode interferir consideravelmente na qualidade de vida dos animais.

Mas quais são as principais causas do problema? Além da coceira, que outros sintomas podem ser observados? Quando um cachorro tem dermatite atópica canina, tratamento caseiro é uma boa opção? Para tirar todas as dúvidas sobre o assunto, o Patas da Casa reuniu as informações mais importantes sobre a doença de pele em cachorro. Confira!

O que é a dermatite atópica canina e como ela afeta os cachorros?

A dermatite atópica em cães é uma doença inflamatória crônica que torna os animais mais sensíveis a alguns alérgenos. Ela pode ser causada por diferentes motivos e provoca um quadro intenso de coceira nos pacientes. Essa reação alérgica normalmente ocorre após o contato do cachorro com determinadas substâncias consideradas nocivas para pets, como produtos químicos de limpeza, ou outros antígenos presentes no ambiente, como poeira, pólen e ácaros.

A dermatite atópica canina é uma doença hereditária. Isso quer dizer que ela é transmitida geneticamente dos pais para os filhos, então as chances de filhotes de cachorro desenvolverem a mesma condição dos seus pais são bem altas, caso algum deles tenha dermatite atópica. Por ser considerada uma doença de origem genética, não há risco de contágio por meio do contato de um pet doente com um cachorro saudável, por exemplo. O mesmo vale para os humanos, que não vão desenvolver o problema se o cachorro apresenta um quadro de dermatite atópica canina - embora a mesma doença exista na medicina humana.

O grande perigo da dermatite atópica em cães é que, caso não haja o devido tratamento e controle dos sintomas, a doença pode evoluir para outros tipos de infecções que podem comprometer ainda mais a qualidade de vida do cachorro. Por isso, não deixe de observar qualquer anormalidade no corpo do seu cãozinho e mantenha as consultas veterinárias em dia.

Dermatite atópica: cães de raça têm mais predisposição para o problema?

Por ser uma doença que é propagada geneticamente, algumas raças de cachorro apresentam maior predisposição para desenvolver a dermatite atópica canina. São elas:

  • Shih tzu
  • Maltês
  • Lhasa Apso
  • Bulldog Inglês
  • Labrador
  • Golden Retriever
  • Boxer
  • Dachshund
  • Pastor Alemão
  • Pastor Belga
  • Boston Terrier
  • Cocker Spaniel
  • Doberman

Caso seu doguinho faça parte dessa lista, é importante redobrar a atenção com os sintomas da doença de pele em cachorro, especialmente após o contato com determinadas substâncias. Se o seu cachorro for alérgico, precisará de tratamento adequado para o controle do problema. Vale destacar que é raro o quadro se manifestar em cachorros sem raça definida (SRD), mas não impossível.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Dermatite atópica canina: doença de pele em cachorro pode causar comportamentos compulsivos, como lamber ou morder a pata
    Dermatite atópica canina: doença de pele em cachorro pode causar comportamentos compulsivos, como lamber ou morder a pata

    Mais Lidas

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    10 sintomas da dermatite atópica canina para ficar atento

    1. Coceira intensa
    2. Vermelhidão
    3. Queda de pelos
    4. Lesões na pele
    5. Descamação
    6. Descoloração da pele e dos pelos
    7. Escurecimento do local
    8. Lacrimação
    9. Rinite alérgica
    10. Infecções no ouvido

    Vale lembrar que, em decorrência da coceira intensa, a dermatite atópica canina também pode desencadear situações como o cachorro lambendo ou mordendo excessivamente as patas e região afetada. Esse tipo de atitude compulsiva, inclusive, precisa de muita atenção, pois pode acabar causando várias feridas no corpo do pet. Também é importante ficar atento a outras alterações, como formação de edemas e caroços em regiões mais sensíveis, como o rosto e o interior das orelhas do cachorro.

    Como é feito o diagnóstico da dermatite atópica em cães?

    Ao observar um ou mais sintomas da doença de pele em cachorro, não hesite em marcar uma consulta veterinária o quanto antes! O diagnóstico feito por um profissional é muito importante para tratar o seu bichinho de estimação da forma certa. Mas como os médicos veterinários identificam a alergia atópica? Cachorro precisa passar por exames específicos para isso? Diferente de outras enfermidades, diagnosticar a dermatite atópica em cães não é algo tão fácil - ainda mais porque várias substâncias alérgenas podem desencadear a doença de pele em cachorro e existem muitos outros quadros que têm a coceira como um de seus sintomas.

    O quadro geralmente é confirmado a partir da exclusão de outros tipos de dermatite, então a observação por parte do tutor é algo fundamental para que o diagnóstico seja feito. No entanto, alguns exames complementares também podem ser indicados por segurança para confirmar a presença da doença, como testes cutâneos intradérmicos, imunológicos ou sorológicos. Tudo vai depender da avaliação do veterinário.

    Dermatite atópica canina: o shampoo para dermatite pode ajudar no tratamento
    Dermatite atópica canina: o shampoo para dermatite pode ajudar no tratamento

    Dermatite atópica canina: tratamento consiste no controle dos sintomas

    Infelizmente, não existe cura para a dermatite atópica em cães, mas o tratamento contínuo e supervisionado pelo médico veterinário ajuda a amenizar os sintomas e melhorar a qualidade de vida do seu amigo de quatro patas. O tipo de tratamento para dermatite atópica canina vai depender do quadro de saúde do seu cãozinho. O uso de anti-histamínicos ou corticosteroides normalmente são as principais formas de tratar as reações alérgicas em momentos de crise, e devem ser prescritos exclusivamente pelo médico veterinário. Caso o paciente esteja com infecções secundárias, também é necessário tratá-las com medicamentos específicos.

    Além dos remédios para dermatite atópica em cães, alguns produtos podem ser indicados e podem ajudar no tratamento - como o shampoo para dermatite canina, que deve ser utilizado na hora do banho de cachorro. Rações hipoalergênicas e outros alimentos também são uma forma de controlar a doença de pele, dependendo do caso, pois alguns ingredientes podem desencadear reações alérgicas nos cães.

    Dermatite atópica canina: remédio caseiro funciona?

    O ideal é seguir à risca todas as recomendações passadas pelo médico veterinário sobre a dermatite atópica canina, dando prioridade a medicamentos específicos e outros cuidados com a rotina do seu cachorro. No entanto, existem, sim, algumas opções de tratamento caseiro que reduzem as reações inflamatórias no organismo canino e podem ajudar a melhorar a qualidade de vida e bem-estar do pet. Algumas opções são utilizar óleo de coco e outros óleos vegetais - como o de amêndoas - para dar banho no cachorro. O óleo de coco, por exemplo, atua como um antisséptico e é capaz de acalmar uma pele potencialmente irritada. Já o óleo de amêndoas é um anti-inflamatório e analgésico. Mas lembre-se: antes de optar por qualquer remédio caseiro ou receita natural, converse com um médico veterinário de confiança para tirar todas as suas dúvidas e saber a melhor forma de incluir as práticas no tratamento para dermatite atópica canina. 

    Redação: Juliana Melo

    Como aumentar a imunidade do cachorro e tudo sobre o sistema imunológico dos cães

    Próxima matéria

    Como aumentar a imunidade do cachorro e tudo sobre o sistema imunológico dos cães

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro
    Grandes

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro

    O Galgo Afegão, também chamado de Afghan Hound, é um cachorro originário do Oriente Médio com aparência exótica e charmosa, difícil de passar despercebido. O que poucas pessoas sabem é que, por trás da postura elegante e independente do cão Afegão, existe um ótimo companheiro de quatro patas, cheio de energia para gastar e amor para dar. Mas o que é necessário saber sobre essa raça de cachorro antes de comprar ou adotar um exemplar? Como é a personalidade do Afghan Hound e que cuidados são necessários com o cãozinho? 

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana
    Grandes

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana

    Um dos cãezinhos mais surpreendentes é o Cane Corso. Embora ele não seja tão popular quanto outras raças de cachorro grande, como o Labrador e o Golden Retriever, o Cane Corso é dono de um enorme coração e tem uma personalidade incrível. Algumas pessoas podem até se intimidar com o tamanho e a postura imponente do doguinho, mas só quem convive com um Cane Corso sabe como estes cães são adoráveis e carinhosos.

    Pequinês: tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro pequeno
    Pequenos

    Pequinês: tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro pequeno

    Para quem procura por raças de cachorro pequeno, o Pequinês pode ser a companhia perfeita. Além de se adaptar muito bem a apartamentos e outros espaços reduzidos, esse pequeno cãozinho é dotado de uma personalidade carinhosa, amigável e extremamente leal aos seus humanos. Apesar da baixa estatura, o cachorro Pequinês também é super corajoso, e uma das maiores provas de que tamanho não é documento. 

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande
    Grandes

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande

    Você já ouviu falar no Dogo Argentino? Essa é uma raça de cachorro que teve origem em um país vizinho ao nosso, a Argentina. Embora pareçam sérios, os cães desta raça são uns amores e têm tudo para te conquistar, principalmente se o que você procura é um amigo de quatro patas bem leal e parceiro. Mas antes de comprar ou adotar um cachorro desta raça, que tal conhecê-lo um pouco mais a fundo? 

    Ver Todas >

    Como tirar tártaro de cachorro? Entenda como funciona o procedimento
    Saúde animal

    Como tirar tártaro de cachorro? Entenda como funciona o procedimento

    Demorar para tirar tártaro de cachorro pode causar problemas sérios à saúde. O tártaro nada mais é que o acúmulo de sujeira nos dentes que forma uma placa bacteriana. Com ela, o dente do cachorro passa a sofrer com dor, sensibilidade e inflamações na gengiva causadas pelas bactérias ali presentes. O problema é que o tártaro em cachorro se alastra rapidamente, podendo causar perda dos dentes, infecções graves e até mesmo atingir outros órgãos. Mas afinal, como tirar tártaro de cachorro? O Patas da Casa conversou com Mariana Lage-Marques, médica veterinária especialista em odontologia. 

    Gato obeso: saiba quais as consequências da obesidade na saúde felina
    Saúde animal

    Gato obeso: saiba quais as consequências da obesidade na saúde felina

    O gato obeso pode ser incrivelmente fofo e apertável, mas isso não quer dizer que ele não precisa de cuidados e atenção com a saúde. A verdade é que a obesidade felina - que muitas vezes não é perceptível para os tutores - acaba abrindo portas para uma série de problemas mais sérios. Por isso, saber identificar quando o animal está acima do peso é importante para buscar orientação profissional e ajudar o gato obeso a perder peso.

    Pneumonia em gatos: veterinário explica tudo sobre a doença
    Saúde animal

    Pneumonia em gatos: veterinário explica tudo sobre a doença

    A pneumonia em gatos - ou pneumonia felina - é uma doença respiratória que pode se desenvolver por vários motivos. Às vezes uma queda na imunidade é suficiente para o problema atingir os peludos, mas na maioria dos casos ele deriva de uma simples gripe que não foi tratada do jeito certo. Por isso, a atenção com o gato gripado deve ser enorme! Quanto antes for diagnosticado e tiver o tratamento adequado, menores são as chances de você ter um gato com pneumonia.

    Como é feito tratamento de câncer em cachorro?
    Saúde animal

    Como é feito tratamento de câncer em cachorro?

    Receber o diagnóstico de câncer em cachorro é um momento muito triste para qualquer tutor. A doença é agressiva e traz diversas complicações à saúde do animal. Além de os sintomas do câncer de cachorro serem bem intensos, o tratamento também é bastante delicado e requer atenção especial. A quimioterapia em cães é o tratamento mais conhecido, mas existem outras formas de tratar a doença. 

    Ver Todas >