close
Saúde

Conjuntivite felina: como identificar e tratar o problema que atinge os olhos do gato?

Atualizado · 03 de dezembro de 2021 · 16h56

Publicado · 03/12/2021 · 16h56

A conjuntivite felina é uma doença comum, mas que causa grande incômodo no olho do animal
A conjuntivite felina é uma doença comum, mas que causa grande incômodo no olho do animal

A conjuntivite em gatos é um problema que acontece com certa frequência entre os bichanos. Podendo ter causas diferentes, a conjuntivite felina possui sintomas bastante característicos que causam incômodo no animal. A conjuntivite de gato, apesar de ser considerada uma doença comum, requer tratamento rápido para evitar que evolua para quadros graves de cegueira. Felizmente, existem opções de remédio para conjuntivite felina capazes de curar o gatinho com facilidade. O Patas da Casa te explica como identificar e  tratar o problema. Além disso, damos dicas de como aplicar o colírio para conjuntivite felina e como evitar que o bichano contraia a doença novamente. Confira!

A conjuntivite felina é uma inflamação nos olhos com causas distintas

A conjuntivite em gatos nada mais é que uma inflamação da conjuntiva, membrana mucosa que cobre o olho do gato. Quando alguma coisa irrita a parede dessa membrana, a inflamação acontece. Se a causa da conjuntivite de gato for a presença de vírus, fungos ou bactérias nos olhos, chamamos de conjuntivite felina infecciosa. Ela normalmente acontece quando a imunidade do gato está baixa. Já quando a causa for poeira ou alergias, chamamos de conjuntivite felina não infecciosa. Além disso, a conjuntivite felina pode ser sintoma de outros problemas como, como o complexo respiratório felino

Conjuntivite felina passa para humanos?

A conjuntivite felina passa para humanos? Apesar de ser uma doença semelhante a que nos acomete, não é possível transmitir de uma espécie à outra. Os vírus que podem causar a conjuntivite em gatos são diferentes daqueles que causam a doença em pessoas. Apesar de tanto no bichano quanto no humano a conjuntivite ter sintomas parecidos, a verdade é que possuem agentes causadores diferentes. Por isso, não se pode afirmar que conjuntivite felina passa para humanos e nem vice-versa. Por outro lado, a conjuntivite de gato do tipo infecciosa pode passar para outros animais.

Vermelhidão e coceira nos olhos são os principais sintomas da conjuntivite em gatos

O primeiro sinal que ajudará a identificar a conjuntivite no gato é o olho vermelho. Por conta da irritação sofrida, seja por poeira, agentes infecciosos ou alergia, o olho apresenta essa coloração avermelhada. Além disso, a conjuntivite no gato causa bastante coceira nos olhos, então fique atento a esse detalhe. Muitas vezes, o gatinho até pisca em excesso como forma de aliviar o incômodo. A presença de secreção ocular, normalmente com coloração amarelada ou escura, é outro sinal característico da conjuntivite em gatos. Por conta disso, o gato com olho remelando pode ter dificuldade para abrir os olhos. Além disso, é possível ver gato lacrimejando bastante ou até mesmo com olho inchado. Identificando esses sintomas, existe grande possibilidade de seu bichano estar com a doença. Em alguns casos de conjuntivite felina causada por vírus ou bactérias, o pet pode ter outros sinais como febre ou espirro.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    O colírio para conjuntivite felina é uma das formas de tratamento da doença
    O colírio para conjuntivite felina é uma das formas de tratamento da doença

    Mais Lidas

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    Conjuntivite felina: tratamento é feito com remédio de uso tópico ou antibiótico

    Após diagnosticar a conjuntivite felina, tratamento tem início. Normalmente, o médico receita colírio para conjuntivite felina, pomadas e/ou antibióticos. Se a causa do problema for infecciosa e outros sintomas, como espirros e febres, aparecerem no bichano, o tratamento será voltado a esses problemas também. Para curar totalmente a conjuntivite felina, tratamento costuma durar até duas semanas. Muitos gatos se recuperam até mesmo antes disso. Porém, é importante que, na conjuntivite felina, tratamento não seja interrompido durante o período estipulado pelo doutor, mesmo que o peludo já aparente estar melhor. Vale lembrar que a conjuntivite de gato do tipo infecciosa pode passar para outros animais. Então, se você tiver mais de um pet em casa, mantenha o que está infectado afastado dos outros. 

    Antes de aplicar remédio para conjuntivite felina, é preciso limpar a secreção no local 

    O remédio para conjuntivite felina deve ser oferecido ao animal pelo período de tempo que o veterinário estipular. É importante nunca automedicar seu pet, então ofereça apenas o que o profissional recomendar. No caso do remédio para conjuntivite felina de uso tópico, é preciso ter atenção. Seja um colírio para conjuntivite felina ou uma pomada, é essencial limpar o olho do gato antes de aplicar o produto. Coloque um pouquinho de soro fisiológico em uma gaze ou pedaço de algodão e limpe, com cautela, as secreções ao redor do olho do animal. Apenas depois, aplique o colírio para conjuntivite felina ou a pomada na quantidade determinada pelo veterinário. 

    É possível prevenir a conjuntivite de gato com alimentação balanceada e higiene

    A conjuntivite em gatos pode ser prevenida principalmente com cuidados essenciais à saúde. Como o maior atrativo para agentes causadores da conjuntivite no gato é o sistema imunológico fraco, é importante aumentar a imunidade do gato. Para isso, ofereça sempre alimentação de qualidade e mantenha o calendário de vacinação em dia. Outro fator importante na prevenção da conjuntivite em gatos é a limpeza do ambiente. Mantenha o local sempre livre de poeiras e produtos específicos que causem alergia ao animal. 

    Redação: Maria Luísa Pimenta

    Saiba tudo sobre o complexo gengivite estomatite felina

    Próxima matéria

    Saiba tudo sobre o complexo gengivite estomatite felina

    As 5 doenças de gato mais graves que podem atingir os felinos
    Saúde

    As 5 doenças de gato mais graves que podem atingir os felinos

    Ter um bichinho em casa vai muito além dos momentos de diversão e das trocas de carinho com o seu amigo de quatro patas. Por isso, cuidar de um gatinho também significa saber identificar quando há algo de errado com a saúde dos felinos. Dentre as doenças mais comuns - e graves - que podem afetar o bichano, estão a FIV, FeLV e a PIF felina. Além delas, a clamidiose e a insuficiência renal em gatos também precisam de atenção, já que podem trazer graves consequências se não forem tratadas ou devidamente controladas. Mas não precisa se desesperar: o Patas da Casa reuniu as principais informações sobre cada uma dessas doenças de gatos domésticos para que os tutores fiquem bem atentos. Chega mais!

    Pancreatite em gatos: entenda mais sobre a doença que atinge os felinos
    Saúde

    Pancreatite em gatos: entenda mais sobre a doença que atinge os felinos

    Uma das doenças gastrointestinais mais sérias e conhecidas entre os humanos também possui a sua versão no universo felino: a pancreatite em gatos tem uma ação bastante similar no corpo dos nossos bichanos e também precisa de tratamento imediato para não causar danos à saúde do gato. É claro que isso se torna motivo de preocupação para os gateiros, mas não se assuste! A pancreatite felina tem tratamento e é possível diminuir o avanço da doença com alguns cuidados simples. 

    Como identificar um gato de raça? Veja alguns padrões físicos que definem uma linhagem de felinos
    Raças

    Como identificar um gato de raça? Veja alguns padrões físicos que definem uma linhagem de felinos

    Antes de ter um bichinho, várias questões podem surgir na cabeça do futuro tutor. Será que é melhor comprar/adotar um gato filhote ou adulto? É necessário fazer a gatificação da casa para receber o animal? Como saber se o gato é de raça ou não? Bom, essa última pergunta pode ser facilmente respondida se o bichano for adquirido em um pet shop ou em um gatil de confiança. Mas quando o gato é adotado ao acaso, fica realmente mais difícil de saber a procedência do animal e, consequentemente, a sua raça. Entretanto, existem algumas técnicas de observação que ajudam a identificar se o gato é de raça ou vira-lata. Confira!

    Insuficiência renal em gatos: veterinária tira todas as dúvidas sobre essa doença grave que atinge os felinos!
    Saúde

    Insuficiência renal em gatos: veterinária tira todas as dúvidas sobre essa doença grave que atinge os felinos!

    A insuficiência renal em gatos é uma doença que pode ser muito comum quando falamos de felinos. Sem cura, o problema precisa de acompanhamento constante e cuidados especiais para evitar complicações. Apesar de ser uma doença grave, o gato com problema renal pode ter qualidade de vida. Para tirar as dúvidas sobre a insuficiência renal em gatos, o Patas da Casa conversou com a médica veterinária Izadora Souza, do Rio de Janeiro. Vem conferir!

    Ver Todas >

    Lama biliar em cães: o que é, como se desenvolve e qual o tratamento
    Saúde animal

    Lama biliar em cães: o que é, como se desenvolve e qual o tratamento

    A lama biliar em cães é uma doença que afeta o sistema digestivo do cachorro. Apesar de ser pouco conhecida, a condição está relacionada com a produção de bile, substância essencial no processo de digestão. Muitas vezes confundida com a colecistite em cães, a lama biliar não causa no cachorro tantos transtornos à saúde de início, mas pode levar a uma inflamação mais grave do órgão. Por ser uma doença mais desconhecida, muitas dúvidas surgem: o que causa a lama biliar? 

    PIF felina: como prevenir a grave doença que afeta os gatos?
    Saúde animal

    PIF felina: como prevenir a grave doença que afeta os gatos?

    Sem dúvidas, a PIF felina é um dos maiores medos de pais e mães de pet. Considerada uma das doenças mais graves em gato, a peritonite infecciosa felina é altamente infecciosa e causa diversos transtornos para a saúde. O gato com PIF sofre com falta de apetite, perda de peso, aumento do abdômen, dificuldade de respirar, problemas de coordenação… são tantas consequências que deixam o animal extremamente frágil. O pior de tudo é que a doença PIF não tem cura e nem vacina. 

    Se viu a terceira pálpebra do gato exposta, fique atento! Pode se tratar da Síndrome de Haw
    Saúde animal

    Se viu a terceira pálpebra do gato exposta, fique atento! Pode se tratar da Síndrome de Haw

    A Síndrome de Haw em gatos é um quadro que ocorre quando a terceira pálpebra (que deveria ficar escondida) se projeta para fora, cobrindo parte do olho do gato. Essa doença ocular felina é de fácil diagnóstico e tem um tratamento simples, mas é importante que o auxílio veterinário entre em ação logo no início. O tutor deve observar se existe algo diferente nos olhos do gato!

    Cachorro tem tireoide? Veja a resposta!
    Saúde animal

    Cachorro tem tireoide? Veja a resposta!

    Você sabia que cachorro com hipotireoidismo é uma condição mais comum do que se imagina? A anatomia canina ao mesmo tempo que é bem diferente da humana, tem muitas coisas bastante parecidas. Diversos órgãos presentes no nosso corpo também existem - em diferentes proporções, é claro - no corpo do animal. Um deles é a tireoide. Todo cachorro tem tireoide e essa glândula é tão importante para eles quanto é para nós. Inclusive, é bem comum que o animal sofra com disfunções relacionadas a ela. 

    Ver Todas >