Alimentação animal

Como armazenar ração para cachorro e conservar por mais tempo? Veja o infográfico com 7 dicas!

Publicado - 24 Novembro 2023 - 16h35

Atualizado - 11 Abril 2024 - 14h35

Laura Furtado / Redatora

Jornalista em formação pela Universidade Federal Fluminense (UFF), em Niterói. Desde pequena, sempre tive um amor e carinho especial por todos os animais. Quando completei 6 anos, meus pais me presentearam com um cãozinho da raça Bichon Frisé que chamamos de Billy. Foi o dia mais feliz da minha vida, fiquei horas chorando sem acreditar que ele era meu. Billy viveu 14 anos com a gente, mas virou uma estrelinha em 2019 depois de uma história linda ao nosso lado.

Em 2019, ganhei da minha sogra uma Dachshund, o famoso salsichinha, e desde então minha vida voltou a fazer sentido. Pode parecer clichê, mas nada explica o sentimento de amor e carinho que ter um pet proporciona. Nós decidimos chamar ela de Teteia, e não poderia existir nome melhor pra descrever ela. Teteia significa moça atraente, e a minha Teteia salsicha é realmente a coisa mais linda do mundo, além de ser extremamente carinhosa, companheira e engraçada.

Em 2023, participei de uma entrevista e entrei para o time do Patas da Casa. Fiquei muito feliz, porque sempre tive afinidade e carinho pelos animais, e não há nada melhor do que escrever sobre coisas que a gente ama, né. Me identifiquei de cara com os valores do Patas e sempre considerei o projeto de suma importância para tutores que, assim como eu, buscam se informar para garantir o melhor para os pets. Desde então, cada dia tem sido um aprendizado, e sou muito feliz por fazer parte de um projeto tão especial quanto o Patas.

• Filme com animal preferido: “Marley e Eu”
• Uma raça de cachorro: Vira-lata
• Uma raça de gato: Siamês
• A curiosidade favorita sobre cachorros: Os cães de suporte emocional podem agir como 'terapeutas', ajudando pacientes com ansiedade, depressão, autismo e estresse pós-traumático
• A curiosidade favorita sobre gatos: Os gatinhos tem efeitos positivos na sáude mental e física dos humanos
• Sobre o que mais gosta de escrever no universo pet: Comportamento animal
• Um aprendizado: Adotar cachorro ou gato pode mudar a vida das pessoas e dos animais para melhores, trazendo muito amor e felicidade
• Nome de pet favorito: Larica

A alimentação é um dos fatores mais importantes para a saúde e bem estar dos animais de estimação. Contudo, não adianta investir na melhor ração para cachorro se você não souber armazená-la corretamente. Além de ser um desperdício de dinheiro, também é um desperdício de comida. Por esse motivo, é fundamental saber como armazenar a ração para cachorro para preservar o alimento e manter  sua qualidade nutricional. Confira 7 dicas no infográfico a seguir para descobrir qual a melhor forma de guardar a ração de cachorro.

Infográfico de como armazenar ração para cachorro
Saiba como armazenar ração de cachorro da maneira correta

1) Mantenha a ração para cachorro na embalagem original

As embalagens de ração para cachorro são projetadas para proteger o alimento da exposição da luz, do contato com o ar e da umidade. Inclusive, muitos pacotes de ração hoje já possuem uma inovação super útil para o armazenamento, os zíperes, que impedem o contato do alimento com o ar. Quando a ração fica em contato constante com o ar, o processo de oxidação aumenta, proporcionando a perda de nutrientes presentes na composição do alimento e a proliferação de microorganismos. Mas e se o produto não tiver um zíper, como armazenar ração depois de aberta? Existem algumas opções de fecho para a embalagem de ração super baratinhos que podem ajudar a preservar o alimento. 

2) Lembre-se de armazenar ração longe de roedores e insetos

Para manter a qualidade nutricional do alimento, é fundamental seguir todas essas dicas. Afinal, não adianta fechar super bem a ração para cachorro e deixá-la exposta a roedores. Por isso, escolha um ambiente que seja fechado e seguro, para não correr o risco de deixar o produto visível para ratos, que podem transmitir doenças como a leptospirose canina por meio da urina. Lembre-se também que armazenar a ração para cachorro do jeito errado favorece a infestação de insetos, pois o cheiro do alimento pode atrair moscas e baratas.

Imagem Quiz:Como você escolhe a ração do seu cachorro? Faça o teste e descubra!

Como você escolhe a ração do seu cachorro? Faça o teste e descubra!

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

3) Coloque a ração para cachorro em um ambiente fresco e seco

É fundamental armazenar ração em um lugar que seja fresco, pois lugares quentes favorecem a proliferação de microorganismos, como fungos e bactérias, que podem provocar uma intoxicação alimentar em cachorro. Além disso, o calor compromete a  textura e o sabor da ração, tornando ela mais rançosa e menos apetitosa para o pet. Outra dica muito importante é manter a ração em um local seco, pois a umidade pode mofar a ração, causando problemas para a saúde, como vômitos e diarreia, alergias em cachorro e até doenças respiratórias. 

4) Fique de olho na validade da ração para cachorro

A validade serve para informar o consumidor o prazo máximo que o fabricante garante a conservação nutricional de um produto. Ou seja, oferecer uma ração para cachorro fora da validade não garante uma nutrição adequada. Além disso, a ração fora da validade pode oferecer riscos para a saúde do cachorro, pois alguns ingredientes podem liberar toxinas que afetam órgãos como fígado e rins, além de provocar problemas de indigestão. Por isso lembre-se sempre de guardar a embalagem do alimento ou colocar uma etiqueta com a indicação da validade no pote de ração. 

5) Pote de ração hermético são aliados da conservação

Uma maneira ainda mais segura de proteger a ração para cachorro é investindo no pote de ração hermético para armazenar o alimento. Essa dica é super eficaz para manter o sabor e a textura dos grãos e também a qualidade nutricional da ração, pois esses recipientes impedem a entrada de ar e umidade. O ideal é transferir um pouco da ração da embalagem para o pote e oferecer para o animal ao longo da semana. Essa prática vai permitir que o saco de ração não seja aberto todos os dias, garantindo maior durabilidade do produto. 

Outra dica que muitos tutores utilizam para reforçar a proteção do alimento é colocar a embalagem original da ração bem fechadinha dentro de um pote de ração grande com tampa. Assim, não corre nenhum risco de roedores furarem a embalagem, além de ajudar a manter a textura dos grãos por mais tempo.

6) Atente-se a quantidade de ração para cachorro

Um hábito que muitos tutores têm para economizar na hora de comprar a ração do pet é investir nas embalagens de alimentos maiores, de 15 kg, 25 kg e até 50kg. Não há nenhum problema nesse costume, porém, é importante adaptar a quantidade de ração de acordo com o porte do animal. Não há necessidade de comprar uma embalagem de 50 kg para cachorros pequenos, como o Poodle, por exemplo, pois esses pets não ingerem grandes quantidades de ração diariamente. Ao investir nos sacos de ração maiores, corre o risco do produto passar da validade antes mesmo de finalizar o conteúdo. O mesmo vale quando nos referimos a ração para cachorro filhote, pois eles não ingerem grandes quantidades diariamente. Os sacos de ração de 50 kg são indicados para tutores de cachorro grande, como no caso de um Pastor Alemão, ou para aqueles que possuem mais de um pet em casa. 

7) Não misture diferentes rações para cachorro

Em hipótese alguma misture dois tipos de ração em um pote ou na embalagem. Além de comprometer a alimentação de cachorro, pois cada tipo possui um índice nutricional diferente, a mistura de rações pode afetar a durabilidade do produto, afinal, cada embalagem possui uma data de validade específica. Por isso, não é nada indicado misturar uma ração “velha” com uma ração que você acabou de comprar.

Dica extra: como armazenar ração úmida para cachorro?

Armazenar o sachê para cachorro requer mais cuidados do que a ração seca pois ela é bem mais perecível, devido principalmente ao teor de umidade do alimento que propicia ainda mais a proliferação de microorganismos. Antes de ser aberta, o sachê para cachorro deve ser armazenado em um local fresco, seco e longe do calor, assim como a ração seca.  Depois de aberto, pode guardar o sachê de cachorro na geladeira, mas deve ser consumido pelo animal em, no máximo, 72 horas. Após esse período, as chances da ração mofar ou ser contaminada são maiores. 

Adote um animal

Nomes para cachorro com a letra A: mais de 100 ideias para nomear o seu pet

Pesquisar e selecionar nomes para cachorro para o mais novo integrante da família é uma das partes mais divertidas do processo de ad...

Adote um animal

Maltês: 12 coisas que você precisa saber antes de ter um

Se você está em busca de um cachorro fofo e cheio de personalidade, o Maltês talvez seja a escolha perfeita. Esperto, dócil e brinca...

Adote um animal

Fiapo de manga: a nova "raça" de cachorro vira-lata que tem feito sucesso na internet

Há quem diga que vira-lata caramelo representa mais o Brasil do que samba e futebol - não à toa que existem propostas de lei para el...

Cachorro

Cruzamento de cachorro: tudo que você precisa saber sobre o assunto

O cruzamento de cachorro é um assunto que desperta a curiosidade da maioria dos tutores. Enquanto alguns se preocupam em evitar que ...

Gato

Os melhores gatos para famílias com crianças: veja a lista com as 10 raças mais indicadas

Quando se trata de escolher um bichano para as crianças, algumas raças de gato se destacam por serem os companheiros ideais. Com per...

Comportamento

Tem um gato arranhando o sofá? Cientistas identificaram as causas desse comportamento e mostram como fazer o pet parar

Conviver com um gato arranhando o sofá é um problema que vários tutores têm dificuldade de corrigir. Apesar de ser um instinto nato ...

Adote um animal

Nomes para cachorro com a letra A: mais de 100 ideias para nomear o seu pet

Pesquisar e selecionar nomes para cachorro para o mais novo integrante da família é uma das partes mais divertidas do processo de ad...

Adote um animal

Maltês: 12 coisas que você precisa saber antes de ter um

Se você está em busca de um cachorro fofo e cheio de personalidade, o Maltês talvez seja a escolha perfeita. Esperto, dócil e brinca...

Ver todas