close
Saúde

Cinomose: sintomas da doença são perceptíveis em quais fases da doença?

Atualizado · 18 de maio de 2021 · 19h14

Publicado · 18/05/2021 · 19h14

Sintomas da cinomose afetam principalmente os sistemas digestivo, respiratório e nervoso
Sintomas da cinomose afetam principalmente os sistemas digestivo, respiratório e nervoso

Algumas doenças de cachorro acometem não só um, mas vários sistemas do corpo do bichinho. Esse é o caso da cinomose canina, que tem três fases distintas e pode atingir os sistemas digestivo, respiratório e nervoso do animal. Como são três regiões completamente diferentes, os sintomas da cinomose variam bastante conforme a doença progride. Para conseguir identificar o quadro, é importante saber quais sinais são percebidos em cada fase.

O que é a cinomose canina?

A doença de cachorro cinomose é infectocontagiosa e viral, causada por um vírus da família Paramyxovirus. É um quadro altamente contagioso e pode levar à morte ou causar sequelas no cachorro. O contágio acontece por meio do contato com objetos ou secreções de animais infectados, mas também pode ocorrer pelas vias aéreas, com a respiração do ar contaminado. Filhotes de cachorro, cães idosos ou animais que estejam com o imunológico enfraquecido são os mais afetados. O vírus se replica na corrente sanguínea do paciente e, em seguida, atravessa o corpo inteiro. Por isso, pode afetar vários sistemas do corpo do cãozinho, em especial o digestivo, o respiratório e o nervoso.

Cinomose canina: sintomas digestivos incluem vômitos e diarreia

A primeira fase costuma acontecer quando o vírus afeta o sistema digestório do cãozinho. Um dos principais e mais conhecidos sintomas de cinomose é o cachorro com diarreia, mas existem outras alterações que devem ser observadas. As principais são:

  • Diarreia
  • Vômito
  • Falta de apetite
  • Dor no abdômen

Cinomose: sintomas respiratórios podem causar febre e tosse

Na segunda fase da cinomose canina, sintomas costumam estar relacionados à respiração. Dessa forma, quando o sistema respiratório é afetado, quadros de pneumonia em cachorro podem aparecer, então é preciso tomar bastante cuidado. Dentre os sintomas estão:

  • Tosse
  • Pneumonia
  • Secreção no nariz e nos olhos
  • Dificuldade de respirar
  • Febre
  • Cansaço
Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    A cinomose canina tem três fases, cada uma com sintomas diferentes
    A cinomose canina tem três fases, cada uma com sintomas diferentes

    Mais Lidas

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    Sintomas: cinomose pode evoluir para convulsões e dificuldades motoras

    Na última fase da cinomose canina, o sistema nervoso é acometido. É o momento mais grave da doença e que requer muitos cuidados para evitar que  o cão chegue a óbito ou que tenha sequelas graves. Nesse cenário, os sintomas de cinomose que precisam de atenção são:

    • Tremores 
    • Contrações musculares involuntárias
    • Convulsões
    • Paralisia
    • Alteração no comportamento
    • Dificuldade motora

    Sintomas da cinomose também podem afetar a pele do cachorro

    Ao longo das fases da cinomose canina, sintomas cutâneos também podem ser observados. Por isso, vale ficar de olho nas seguintes alterações na pele do cachorro: 

    • Pústulas abdominais (bolinhas na pele com pus)
    • Focinho e patas mais ásperas, como uma espécie de crosta
    • Conjuntivite 
    • Erupções cutâneas

    Não hesite em correr para o veterinário se seu cachorro apresentar algum desses sintomas. A cinomose é uma doença grave e que precisa de tratamento adequado e rápido para evitar que o pior aconteça com seu bichinho.

    Redação: Maria Luísa Pimenta

    Coleira antipulgas também protege o cachorro da leishmaniose? Veja o comparativo!

    Próxima matéria

    Coleira antipulgas também protege o cachorro da leishmaniose? Veja o comparativo!

    Idade de cachorro: quais doenças são mais comuns em cada fase da vida?
    Saúde

    Idade de cachorro: quais doenças são mais comuns em cada fase da vida?

    A idade de cachorro é bem diferente da idade humana, o que causa bastante confusão em quem tenta descobrir quantos anos seu pet tem. Mesmo que a expectativa de vida de um cão e sua contagem de idade sejam diferentes da nossa, o cachorro também passa por todas as fases da vida: infância, fase adulta e velhice. Em cada uma delas, o pet passa por mudanças em seu corpo que podem favorecer o aparecimento de algumas doenças. Por isso, o cachorro filhote fica mais suscetível a alguns problemas, enquanto o cachorro adulto e o cachorro idoso costumam lidar com outras enfermidades.

    Idade dos gatos: quais as doenças mais comuns em cada fase?
    Saúde

    Idade dos gatos: quais as doenças mais comuns em cada fase?

    A contagem da idade dos gatos é bem diferente do que a gente imagina: depois de completar um ano, o felino já atinge a fase adulta. O que poucas pessoas sabem é que algumas doenças de gato são mais comuns quando o animal é filhote, e outras são mais frequentes quando ele é adulto ou idoso. Por isso, depois de adotar um pet, é fundamental ficar atento a saúde do gato e saber quais patologias são mais comuns em cada fase de vida.

    Hiperadrenocorticismo em cães: o que é, quais os sintomas e como tratar? Saiba tudo sobre a doença endócrina
    Saúde

    Hiperadrenocorticismo em cães: o que é, quais os sintomas e como tratar? Saiba tudo sobre a doença endócrina

    Assim como os humanos, os cachorros também podem desenvolver um quadro de hiperadrenocorticismo. Também chamada de Síndrome de Cushing, a doença acontece quando a hipófise, glândula responsável por produzir hormônios que regulam o funcionamento da parte endócrina do organismo, passa a não funcionar corretamente. A hiperadrenocorticismo é popularmente conhecido por atingir cachorros idosos e, por isso, seus sintomas podem ser facilmente confundidos com o envelhecimento natural dos animais. Sendo assim, é importante ficar atento aos sinais do seu cãozinho e sempre investigá-los. Para entender melhor o assunto, o Patas da Casa conversou com a veterinária Gabriela Teixeira, que contou tudo sobre o hiperadrenocorticismo em cães. Confira!

    Creche para cachorro: entenda o serviço, quando é necessário e quais são os benefícios para o seu cão
    Cuidados

    Creche para cachorro: entenda o serviço, quando é necessário e quais são os benefícios para o seu cão

    Os cães são animais que, na maior parte do tempo, não gostam de ficar sozinhos - afinal, antes de serem domesticados, eles viviam livres em matilhas. Com a vida urbana, muitos cães acabam não recebendo os estímulos adequados para gastar energia e socializar com outros animais e pessoas. Para auxiliar a vida do tutor, que nem sempre consegue estar perto de seu pet durante o dia, existem muitas alternativas. Uma delas é a creche para cachorro: uma acomodação diária em que você pode deixar seu amigo em um lugar totalmente adaptado para cães.

    Ver Todas >

    Gato pega cinomose? Descubra a resposta!
    Saúde animal

    Gato pega cinomose? Descubra a resposta!

    Você já ouviu falar de cinomose em gatos? Muito se sabe sobre a cinomose em cães, doença altamente contagiosa e que traz diversas complicações à saúde do cachorro. Essa condição é temida por muitos tutores de cães, mas também tutores de gatinhos. Existe uma doença conhecida por “cinomose em gatos”, que parece ser exatamente igual à que atinge os cães. Porém, existem muitas dúvidas se esse termo é realmente o mais adequado para se referir a essa condição. Afinal, a cinomose pega em gato ou a doença acontece unicamente com cães? O Patas da Casa te explica tudo sobre a “cinomose em gatos”!

    Verme do coração: veterinário tira todas as dúvidas sobre a dirofilariose canina
    Saúde animal

    Verme do coração: veterinário tira todas as dúvidas sobre a dirofilariose canina

    Você já ouviu falar em doença do verme do coração? Se você é tutor de cachorro, é bom se preocupar com ela. A dirofilariose é uma doença muito perigosa, que pode afetar órgãos vitais dos cãezinhos e levá-los à morte. Diferente de outras doenças causadas por verminoses, o verme do coração é transmitido pela picada de mosquitos e, por isso, acaba sendo mais incidente no verão. Mas como identificar o verme no coração do cachorro? Dirofilariose tem cura? Como é feito o tratamento? E o mais importante: como manter o pet longe da doença? Descubra tudo sobre verme do coração em cães a seguir.

    Coleira antipulgas e carrapatos: tudo sobre o acessório de gato
    Saúde animal

    Coleira antipulgas e carrapatos: tudo sobre o acessório de gato

    Se você tem um bichinho de estimação, provavelmente já ouviu falar da coleira antipulgas para gatos. Essa é uma forma bem eficaz de proteger os pets contra pulgas, carrapatos e outros parasitas indesejados - e sim, é isso mesmo: quando se trata da coleira antipulgas, cachorro não é o único animal que pode se beneficiar. Embora a maioria dos felinos domésticos tenha menos chances de sofrer com infestações de parasitas, a coleira antipulga também pode ser usada pelos bichanos.

    Doença do carrapato é contagiosa?
    Saúde animal

    Doença do carrapato é contagiosa?

    A doença do carrapato é capaz de atacar todo o organismo do animal, o deixando frágil e debilitado. Por isso, é considerada uma das doenças mais graves que podem afetar um cão. Além da doença do carrapato em cachorro, existe a doença do carrapato em humanos, que causa sintomas parecidos e também é bastante grave. Entender a causa do problema é sempre a melhor maneira de evitar que ele apareça. Como o próprio nome sugere, a doença do carrapato é contagiosa por conta do aracnídeo. 

    Ver Todas >