Comportamento animal

Cachorro que late muito em casa: o que fazer?

Publicado - 09 Outubro 2019 - 16h26

Atualizado - 18 Abril 2024 - 20h15

Lidar com o latido de cachorro no dia a dia é algo normal para quem escolhe ter a companhia de um peludo em casa. No fim das contas, essa é uma das únicas maneiras que o seu animal tem de se comunicar e demonstrar uma série de coisas — desde o medo de alguma coisa até uma dor, por exemplo. Ainda assim, quando o cachorro late muito em casa, o barulho pode começar a incomodar e gerar transtornos para você e os vizinhos. Por isso, o melhor a fazer nessa situação é tentar entender as razões por trás de tanto latido. Para te ajudar nesse momento, a gente conversou com o adestrador Max Pablo sobre os motivos que levam os cachorros a aumentarem a intensidade dos latidos em casa. Dá uma olhada! 

Afinal de contas, por que o cachorro late muito em casa?

A primeira coisa que você precisa saber na hora de começar a lidar com o seu cachorro latindo é que isso nunca acontece sem motivos. Algumas raças, sim, tem uma probabilidade maior de latir, mas até nesses casos o barulho de cachorro é justificado. "O cachorro pode latir muito em casa por causa de ansiedade por separação, tédio, estresse, acúmulo de energia ou para tentar avisar algo, não necessariamente nessa ordem", explicou Max.  

Em alguns desses casos, os latidos não são o único sinal que o cachorro dá de que alguma coisa está errada: "Normalmente, eles também roem os móveis, as paredes e as quinas de objetos, fazem xixi pela casa e podem apresentar comportamentos piores, como automutilação, queda de pelos e perda de apetite", contou o adestrador. Esses sinais variam de acordo com a situação em que o cachorro está vivendo e os mais sérios, certamente, têm a ver com níveis altos de estresse e incômodo. É importante ficar sempre atento ao comportamento do animal para identificar esses e outros problemas. 

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

 

Tutora brincando e educando seu cão em uma sala de estar

 

Você pode investir no adestramento de cães para ajudar na melhora do problema

 

Além de ser um processo cheio de benefícios para o comportamento do seu cachorro, o adestramento, quando feito de forma positiva, também pode ajudar no caso de animais que latem muito. Segundo Max, "a liderança e os exercícios diários de adestramento promovidos pelos tutores trazem benefícios que sempre visam o equilíbrio mental e físico do cão, a independência e a estabilidade energética. No geral, o cachorro será muito mais feliz e saudável, eliminando diversos problemas comportamentais e possíveis represálias de vizinhos".  

Três dicas do adestrador para ter um cão feliz e saudável em casa

"A melhor coisa que você pode fazer é treinar o cão antes que esse problema comece a se desenvolver, sempre com a ajuda de um profissional capacitado, mas caso o problema já tenha começado, existem as três regras básicas para um cão feliz e saudável. Elas são, nessa ordem: exercício, disciplina e afeto", explicou Max.

Boa parte dos problemas que causam o excesso de latidos nos cachorros da sua casa podem ser resolvidos com essas três regrinhas. A necessidade de exercícios costuma variar de acordo com a raça e o porte do animal. Por isso, vale a pena conversar com o veterinário sobre a melhor forma de fazer o seu cachorrinho se movimentar. A disciplina vem com o adestramento, sempre com a orientação de um profissional e estímulos positivos — nada de métodos que funcionam à base da ameaça, ok? O afeto é a parte fácil: proporcione para o seu cachorro um ambiente seguro e amoroso!

Redação: Ariel Cristina Borges

Cachorro

Nutrição ou ansiedade? O cachorro comendo cocô pode ter causas que passam despercebidas na rotina

Ver um cachorro comendo cocô é uma situação bem desagradável e que pode deixar muitos tutores confusos. Tem quem pense que isso acon...

Comportamento

Cachorro e gato deixam as desavenças de lado e se unem para missão que parecia impossível

Existe uma crença de que cachorro e gato são inimigos naturais. Ao longo dos anos, a relação entre as duas espécies foi retratada na...

Cachorro

Com quantos anos você descobriu que é possível descobrir a idade de cachorro pelos dentes?

Em casos de adoção animal, em que a maioria dos cães são resgatados da rua, é inevitável surgir a curiosidade de qual é a idade do p...

Adote um animal

As 7 raças de cachorro mais engraçadas que existem - o último da lista chama atenção por um detalhe curioso

Cada raça de cachorro tem características físicas únicas e muito particulares. São esses traços que muitas vezes nos ajudam a difere...

Cachorro

Nutrição ou ansiedade? O cachorro comendo cocô pode ter causas que passam despercebidas na rotina

Ver um cachorro comendo cocô é uma situação bem desagradável e que pode deixar muitos tutores confusos. Tem quem pense que isso acon...

Comportamento

Cachorro e gato deixam as desavenças de lado e se unem para missão que parecia impossível

Existe uma crença de que cachorro e gato são inimigos naturais. Ao longo dos anos, a relação entre as duas espécies foi retratada na...

Cachorro

Com quantos anos você descobriu que é possível descobrir a idade de cachorro pelos dentes?

Em casos de adoção animal, em que a maioria dos cães são resgatados da rua, é inevitável surgir a curiosidade de qual é a idade do p...

Adote um animal

As 7 raças de cachorro mais engraçadas que existem - o último da lista chama atenção por um detalhe curioso

Cada raça de cachorro tem características físicas únicas e muito particulares. São esses traços que muitas vezes nos ajudam a difere...

Ver todas