Adoção animal

Boston Terrier: saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequena

Publicado - 16 Outubro 2020 - 17h43

Atualizado - 11 Abril 2024 - 14h35

Para quem sempre sonhou em ter um cachorro de raça pequeno, o Boston Terrier é a companhia certa! Embora ele ainda seja muito confundido com o Bulldog Francês, o cãozinho desta raça pertence ao grupo Terrier e tem qualidades únicas e excepcionais. Amigáveis, brincalhões e com muita energia, os cachorros da raça Boston Terrier são muito fáceis de lidar no dia a dia e amam agradar seus tutores. Além disso, eles são super adaptáveis e conseguem conviver bem em praticamente qualquer lugar. Por isso, separamos as principais informações sobre este cachorro pequeno para quem está à procura de um novo amigo de quatro patas. Veja só!

Boston Terrier: saiba mais sobre a origem deste cãozinho

É difícil definir exatamente como surgiu este cachorro pequeno, mas a principal teoria é de que o Boston Terrier teria sido a primeira raça a se desenvolver totalmente nos Estados Unidos, no estado de Boston, no século XIX. Para isso, foram utilizadas as raças Bulldog Inglês, Bull Terrier e outros cães - como o extinto Terrier Inglês - para fazer o cruzamento que deu origem ao animal como ele é hoje. Reconhecido oficialmente pelo American Kennel Club (AKC) em 1893, o cachorro Boston Terrier conquistou rapidamente o coração do povo estadunidense e, pouco tempo depois, se tornou popular por todo o mundo também. 

Boston Terrier x Bulldog Francês: qual é a diferença entre as duas raças?

A confusão é inevitável: o Bulldog Francês é, de fato, muito parecido com o cachorro Boston Terrier. Isso se deve ao fato de que ambas as raças possuem um ancestral em comum, que é o Bulldog Inglês. Mas quando colocados lado a lado, é possível perceber algumas diferenças principalmente no que diz respeito ao porte de cada cão. Enquanto o Bulldog Francês é mais musculoso e pode chegar até 15 kg, o Boston Terrier tem uma estrutura mais compacta e magrinha, com pernas longas, além de não possuir ruguinhas espalhadas pelo seu corpo. O animal não costuma passar dos 11 kg e tem as extremidades das orelhas mais pontiagudas e o focinho menos achatado do que o Bulldog Francês.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Características físicas do Boston Terrier vão além do porte

Com uma pelagem lisa e curta, esta raça de cachorro pequeno não solta muito pelo e tem até quatro combinações de cores diferentes. São elas: preto e branco, marrom e branco, tigrado e branco ou com tons avermelhados e branco. Sim, o branco sempre está presente, e ele é a cor que predomina na pelagem do Boston Terrier, podendo cobrir barriga, pescoço, patas e até algumas partes do rosto do animal. Além disso, outro fator que costuma chamar bastante a atenção são os grandes olhos da raça, que deixam o animal com um aspecto ainda mais fofinho! Já o peso deste pequeno cão varia entre 4,5 kg e 11 kg, e a altura do Boston pode chegar até 43 cm. Ou seja, ele é perfeito para absolutamente qualquer lugar, principalmente para apartamentos ou espaços reduzidos (como uma quitinete).

Como é a personalidade de um cão Boston Terrier?

Apesar da aparência de marrento, o Boston Terrier é só amor! Além de serem super carinhosos, um traço presente na personalidade desses cães é que eles sempre querem agradar a sua família e não medem esforços para isso. Logo, é praticamente impossível ficar triste com um cachorro Boston Terrier do seu lado! Esses cachorros estão sempre de bom humor e é preciso se esforçar muito para conseguir irritá-los. Ainda assim, eles dificilmente reagem quando isso acontece e preferem ficar no cantinho deles sem incomodar ninguém.

Sossegados, sem hábitos destrutivos e o melhor de tudo: eles dificilmente latem no dia a dia. Então para quem procura um cachorro mais silencioso, ele acaba sendo uma ótima opção. Além do mais, o Boston Terrier também é ótimo com crianças, idosos e basicamente qualquer tipo de gente! Na verdade, qualquer pessoa que lhe dê um pouco mais de atenção já consegue conquistar o coração dele. Mas como a raça tem o costume de se apegar facilmente, é importante que o tutor sempre separe um tempo do dia para se dedicar exclusivamente ao seu amigo de quatro patas. Eles adoram ter companhia e não são muito fãs de casa vazia. 

Aliás, vale destacar que esta é uma raça que também consegue se dar bem outros cães. Só que é importante ficar de olho, porque como eles podem ficar muito agitados perto de outras pessoas e animais, isso pode gerar um “estranhamento” e conflitos. Não por parte dele, claro, mas vale a atenção porque outros cachorros podem não reagir muito bem com tanta animação. No geral, é até difícil procurar defeitos no Boston Terrier, porque ele realmente é um cãozinho incrível para todos os momentos!

Veja algumas fotos do cão Boston Terrier para se apaixonar!

 

 

Sempre de bom humor, o cachorro Boston Terrier muda a energia de qualquer ambiente!O Boston Terrier filhote é puro amor em forma de cãozinho. Haja fofura!Guloso, o Boston Terrier precisa de limites quando o assunto é alimentação, ou ele pode ficar obesoO cão Boston Terrier pode até parecer marrento, mas quem conhece sabe que essa é uma raça super carinhosaPor mais que o Boston Terrier não precise de exercícios físicos intensos, é sempre bom levá-lo para passearO cão Boston Terrier pode ter quatro combinações de coresDivertido e brincalhão, o Boston Terrier faz de tudo para agradar sua famíliaCão Boston Terrier: como resistir a tanta alegria em uma única foto?Apegado ao tutor, o cachorro Boston Terrier não gosta de passar muito tempo sozinhoAs orelhas, focinho e olhos do Boston Terrier precisam de alguns cuidados

 

Boston Terrier é um cachorro que exige alguns cuidados no dia a dia

 

• Banho e escovação: 

Os pelos do cachorro Boston Terrier não costumam dar muito trabalho, mas as escovações semanais são necessárias para remover a pelagem morta e conseguir manter a aparência do seu cãozinho saudável. Para isso, as luvas são o acessório mais recomendado. Já os banhos podem acontecer em intervalos maiores de tempo, já que esta é uma raça que não costuma apresentar aquele cheirinho ruim se ficar sem tomar banho por umas semanas. Ainda assim, pelo menos uma vez no mês vale dar aquele pulinho no pet shop ou fazer isso em casa. Fora isso, higienizar o cachorro com lenço umedecido pode fazer total diferença - principalmente para limpar patas e a região do focinho do animal.

• Unhas, dentes e ouvidos:

Cortar as unhas do cachorro Boston Terrier é importante para que o animal não se machuque, e deve acontecer pelo menos uma vez por mês. Além disso, o tutor também deve ter certa atenção com a saúde bucal do cachorro, escovando os dentes dele semanalmente para prevenir tártaro, mau hálito e doenças gengivais. As orelhas, inclusive, também precisam ser higienizadas com frequência. Como elas são grandes e compridas, a falta de cuidados com essa região pode desencadear problemas como a otite.

• Alimentação:

Todo tutor deve se preocupar com a alimentação do cachorro. O ideal é que a ração escolhida atenda às necessidades do animal conforme a idade e o porte físico dele, pois existem diferenças nutricionais em cada  tipo de ração. Além do mais, outro fator que também precisa de atenção é em relação a quantidade certa de ração para oferecer ao cãozinho, pois o cachorro Boston Terrier pode ser um pouco sedentário e se ele se alimentar mais do que deve, pode acabar ficando obeso. Caso haja qualquer dúvida quanto ao melhor tipo de ração para o seu bichinho, vale pedir indicações para o veterinário.

• Exercício físico: 

Embora tenha energia de sobra para brincadeiras, o Boston Terrier é um cachorro bem tranquilo e que não demanda atividades físicas muito intensas. Passeios são sempre bem-vindos e eles adoram, mas nada que uma leve caminhada não resolva. Em alguns casos, é até mesmo possível gastar a energia do cãozinho com brincadeiras dentro de casa, pois eles não sentem tanto a necessidade de estarem na rua quanto outras raças. Mas atenção: isso não quer dizer que você pode simplesmente deixar o Boston Terrier de lado e sem fazer nenhum tipo de exercício físico. Como este é um cão que tem tendência à obesidade, o ideal é que ele seja estimulado diariamente para não engordar. Uma boa opção são os brinquedos interativos para cachorro!

Tudo que você precisa saber sobre a saúde do cachorro Boston Terrier

De uma maneira geral, o Boston Terrier é um cãozinho bastante saudável mas que, assim como outras raças, precisa de certa atenção. Por terem olhos muito grandes, os problemas oculares acabam sendo comuns nesta raça. Úlcera de córnea, catarata e glaucoma, por exemplo, são quadros que podem acontecer com certa frequência, e por isso é fundamental levar o cãozinho para consultas regulares com um veterinário oftalmologista. Além disso, a limitação do focinho das raças braquicefálicas também pode exigir alguns cuidados, principalmente em dias mais quentes. O Boston Terrier pode passar mal com as altas temperaturas, e o mais recomendado é que esses animais não façam exercícios físicos nos horários de calor intenso, que é entre 10h a 16h. Outros problemas de saúde que também podem surgir são a surdez e a luxação de patela.

Para prevenir, o ideal é que o tutor leve seu cãozinho regularmente para consultas com um veterinário. Esse acompanhamento é necessário para verificar como anda a saúde do animal e também para manter o calendário de vacinação do animal em dia. Não se esqueça: o Boston Terrier filhote já pode ser vacinado a partir dos 45 dias de vida, e essa é uma medida fundamental para cuidar do seu bichinho de estimação.

Boston Terrier: comprar cachorro desta raça exige certo planejamento financeiro

Se você está pensando em ter um novo companheiro de quatro patas da raça, é importante juntar um dinheirinho para isso. Quando se trata de um Boston Terrier, preço pode ser um pouco mais alto do que se espera, variando de R$ 5 a R$ 10 mil reais. Em alguns casos, é até possível encontrá-lo por um custo um pouco mais baixo do que isso, mas é importante ter muita atenção para não cair em cilada e nem financiar um espaço que maltrate os animais. Portanto, na hora de comprar um Boston Terrier, canil deve ser avaliado com cuidado e criteriosamente! Busque um lugar com boas referências, procure depoimentos de pessoas que já adquiriram pets no local e até faça algumas visitas antes de efetuar a compra só para se certificar de que o canil em questão realmente tem um comprometimento com os cães abrigados.

E lembre-se: por mais que o preço sofra algumas variações de acordo com cada local, um dos critérios mais relevantes para definir o valor de um Boston Terrier filhote é a sua linhagem. Se ele for descendente de cães  campeões, é normal que o preço seja mais caro do que um cão que venha de uma linhagem “comum”.

Redação: Juliana Melo

Cachorro

Com ajuda do ChatGPT, mulher cria site para mostrar como os cachorros enxergam de verdade: testamos por aqui!

Você já se perguntou como os cachorros enxergam? Essa é uma dúvida comum entre muitas pessoas, sejam elas tutoras de um pet ou não. ...

Histórias reais

Vira-lata caramelo invade festa junina e faz participação especial na hora quadrilha

Não tem jeito: o vira-lata caramelo sempre dá um jeito de abrilhantar qualquer enredo. Se há algum tempo viralizaram histórias de ca...

Cachorro

Esses são os 6 sinais que seu cachorro te ama mais visíveis - e provam que você é a "casca de bala" dele e vice-versa

Frases para cachorro de amor podem revelar muito sobre os sentimentos humanos sobre os fortes vínculos que são criados com os pets. ...

Cuidados

Direitos dos animais em condomínios: advogada lista o que os condomínios podem proibir ou não sobre a presença de cães e gatos

Já ouviu falar nos direitos dos animais? Pois saiba que, assim como nós, os nossos pets também são protegidos pela lei. Existe a lei...

Comportamento

Aprenda a interpretar cada miado de gato: foi com essas dicas que consegui me aproximar mais ainda do meu pet

Mesmo que os gatos não saibam falar, a linguagem felina é muito rica e expressiva. Além da postura corporal, o miado de gato tem uma...

Saúde

O que acontece no corpo da gata no cio? Dos miados estridentes aos picos hormonais, veja todas as mudanças que ela enfrenta

Não precisa ser expert no universo felino para conseguir identificar uma gata no cio. Dos miados estridentes aos picos hormonais, o ...

Cachorro

Com ajuda do ChatGPT, mulher cria site para mostrar como os cachorros enxergam de verdade: testamos por aqui!

Você já se perguntou como os cachorros enxergam? Essa é uma dúvida comum entre muitas pessoas, sejam elas tutoras de um pet ou não. ...

Comportamento

"Amor de gato": foi assim que aprendi a interpretar as emoções do meu gatinho e percebi que sou o amor da vida dele

O amor de gato é um sentimento especial e gratificante que os bichanos demonstram por seus donos. Mas ao contrário dos cães, eles ex...

Ver todas