Cuidados

Como dar banho em gato? 7 dicas para fazer a higiene do felino

Banho em gato: veja 7 dicas para dar banho no seu felino
Banho em gato: veja 7 dicas para dar banho no seu felino

Dar banho em gato é um assunto que gera dúvidas e até polêmicas entre os donos do animal. Como muitos sabem, os felinos não gostam de tomar banho mas, em algumas situações, o famoso “banho de gato” pode ser necessário. O próprio gatinho é responsável por sua higiene, já que a sua língua tem filamentos capazes de retirar impurezas e sujeiras que ficam na pelagem. Esse hábito felino também ajuda a evitar a presença de carrapatos. Porém, o que fazer em casos de sujeira mais pesada como graxa ou tinta, por exemplo? Aí não tem jeito mesmo e o dono terá que apelar por um banho completo para garantir a limpeza do pet! Para te ajudar nessa aventura, montamos uma lista com as 7 dicas para dar banho no seu gato da forma correta.

1. Como dar banho em gato filhote?

Os felinos têm o hábito de se autolimpar desde os primeiros meses de vida Por esse motivo, os banhos são dispensáveis. Mas, como qualquer filhote, os gatinhos costumam ser bastante arteiros e podem acabar se sujando com coisas mais difíceis de limpar. Se a sujeira for mínima, uma toalha úmida é o suficiente! Caso a situação for mais crítica, dê banho em uma banheira de bebê, use água morna e um shampoo específico para o animal. E tosa e secagem? São necessários? Gatos não precisam ser tosados em condições normais, principalmente filhotes que ainda têm os pelos baixos. Quanto à secagem, o vento e o barulho intensos dos secadores de cabelo podem ser muito assustadores para os pequeninos. Por isso, prefira dar banho em dias mais quentes, para que eles possam secar ao sol.

2. Com quantos meses pode dar banho em gato?

O primeiro banho do gato pode ser dado quando o quadro de vacinas estiver completo, contando a antirrábica, que é a última. Isso acontece por volta dos 4 meses de idade.

Descubra se você é um cachorro ou um gato!

No fim de semana, você é o amigo que...?

As férias estão chegando! Vai viajar?

Chegou a hora de escolher a comida! Quem é você?

Que música você escolhe para arrasar no karaokê?

E sobre seus cuidados de beleza?

Vai ficar em casa com o mozão? Você prefere:

Ihhh, você recebeu uma crítica no trabalho… Como reage?

Você é um cachorro! Você é um gato! Você é um gatorro!
    Veja algumas dicas para dar banho em gato adulto
    Veja algumas dicas para dar banho em gato adulto

    Mais Lidas

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal
    Cuidados dos animais

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal

    O carrapato em cachorro, assim como as pulgas, é uma das principais causas de aborrecimento nos donos de pets. Mesmo usando coleiras ou remédio para carrapato, o animal não está livre de pegar esses parasitas tão incômodos e que podem causar problemas graves. Às vezes, um simples passeio ao ar livre já pode gerar dores de cabeça se o local estiver infestado. Para controle, é importante não só proteger o animal, mas também fazer uma limpeza do ambiente: estudos mostram que os carrapatos podem sobreviver até 200 dias em um lugar sem se alimentar. Pensando nisso, vamos te ensinar como acabar com carrapatos no quintal com ingredientes que você pode ter em casa.

    Caixa de areia de gato em apartamento: saiba qual o melhor lugar para colocar o sanitário felino
    Cuidados dos animais

    Caixa de areia de gato em apartamento: saiba qual o melhor lugar para colocar o sanitário felino

    A caixa de areia é só um objeto, mas para novos donos de gatos ela pode envolver uma série de dúvidas que ninguém sonhou em ter antes de ter um felino. Desde qual tipo de areia escolher até o tamanho e o formato do objeto, tudo isso influencia na forma como o gato vai usar a caixa. Como não poderia ser diferente, o lugar onde você coloca o sanitário do seu gatinho é primordial para que ele faça o xixi e cocô no lugar certo — principalmente se você mora em apartamentos e tem um espaço limitado. Hoje, o Patas da Casa vai te ajudar a resolver essa questão: dá uma olhada aqui embaixo!

    Quanto tempo vive um gato?
    Cuidados dos animais

    Quanto tempo vive um gato?

    Se dependesse de nós, nossos gatinhos viveriam para sempre, né? Há relatos de gatos que chegam a viver mais de 30 anos, mas estamos falando aqui de recordes mundiais. Na “vida real”,  a idade média de um gato é de 16 anos. Se formos pensar em termos de adoção ou compra de um gatinho para chamar de nosso, precisamos sempre ter em mente que durante toda a sua vida, seremos responsáveis pela saúde, bem estar e segurança deles. Então, nada de querer ter um gato no impulso e depois se arrepender, combinado? Eles sofrem muito com o abandono e podem até ficar traumatizados com humanos em geral.   

    5 motivos pelos quais seu cachorro coça as orelhas
    Cuidados dos animais

    5 motivos pelos quais seu cachorro coça as orelhas

    Mesmo que muitas vezes sejam esquecidas na hora dos cuidados, as orelhas do seu cachorrinho são bem sensíveis e precisam de bastante atenção. De vez em quando, é comum que algum incômodo pontual faça o seu cachorro ficar coçando a orelha, mas quando isso se torna algo frequente e você percebe um incômodo maior no animal, vale a pena ficar atento.

    3. Como dar banho em gato adulto? 

    Dar banho em gatos adultos pode ser uma aventura e tanto! Caso o seu pet já seja acostumado com banho desde filhote, essa missão pode ser mais tranquila mas se seu felino não é muito chegado em água, existem algumas dicas que podem ajudar!

    • Alguns dias antes, apare as unhas do gato para diminuir as chances de ser arranhado. Se ele gostar de ser escovado, aproveite o momento para distraí-lo enquanto corta as unhas e, de quebra, tirar o excesso de pelos;

    • Aproveite um momento que o gato esteja mais cansado ou brinque um pouco antes para que ele fique mais amigável. Pode incluir brinquedos na banheira vazia e ir enchendo de água aos poucos para que ele associe a banheira e a água a coisas boas;

    • Use uma banheira e não dê banho no chuveiro ou na pia;

    • Prepare o ambiente e feche as portas para ficar mais fácil de pegá-lo novamente caso ele fuja da banheira; 

    • Se vista apropriadamente com luvas, mangas compridas e roupas velhas que possam ser acidentalmente rasgadas; 

    • Se possível, peça ajuda a alguém. Enquanto uma pessoa segura e controla o animal, a outra o lava; 

    • Comece o banho a partir do pescoço e siga em direção ao crescimento dos pelos. Tome cuidado com os olhos, ouvidos, boca e nariz. Coloque tampões de algodão nos ouvidos para evitar que caia água e cause desconforto (além de evitar otites). O rosto pode ser limpo com uma pano úmido;

    • Use uma toalha macia e seca para enxugar o gato. Gatos com pelos curtos podem ser secos apenas com toalhas, já os gatos com pelos longos precisam de cuidados para evitar que os fios embolem.  Escove o bichano durante a secagem e, se ele for tranquilo, pode usar o secador de cabelo.

    4. Pode usar shampoo para banho de gatos?


    Existem shampoos específicos para banhos em gatos, mas é importante perguntar ao veterinário se ele é adequado para o seu animal. Animais com alergias de pele ou outras condições podem precisar de produtos apropriados. Também é melhor evitar os produtos com aromas muito fortes, que podem incomodar o olfato apurado do seu pet.

    5. Qual a periodicidade dos banhos em gatos?

    Como gatos se limpam sozinhos, os banhos não precisam ser frequentes. A indicação é de 45 a 60 dias ou até mais caso o gatinho não esteja sujo.

    6. Precisa secar o gato com secador após o banho?

    Como falamos, o secador de cabelo após o banho pode ser usado em gatos com os pelos longos. O que deve ser observado é se o gato tem resistência ao barulho e ao vento do aparelho. Caso o animal demonstre pânico, respeite e vá de pouquinho em pouquinho. Outra opção é esperar o pet se acalmar e tentar novamente depois de algum tempo. Não se esqueça de escovar o gato conforme for secando para evitar os nós nos pelos.

    7. Gatos correm risco ao tomar banho?

    Para que o banho não seja prejudicial ao seu pet, é importante prestar atenção na temperatura da água. Os extremos - quente e frio - podem ser prejudiciais. A água muito quente, por exemplo, pode causar dermatites. Por isso, mantenha a água morna, como se fosse para bebês. Como o gato pode ficar arisco e estressado com o banho, ele corre risco de se machucar ao fugir. Por isso, mantenha objetos de vidro e/ou cortantes guardados e a tampa do vaso sanitário fechada, já que ao fugir podem acabar caindo lá dentro.

    Redação: Mariana Almeida

    Caixa de areia para gatos: o guia definitivo sobre o acessório que é fundamental na criação de felinos

    Próxima matéria

    Caixa de areia para gatos: o guia definitivo sobre o acessório que é fundamental na criação de felinos

    Como dar banho em cachorro: 10 dicas para manter a higiene do seu pet em casa
    Higiene

    Como dar banho em cachorro: 10 dicas para manter a higiene do seu pet em casa

    Manter o cachorro sempre limpo vai além da questão de deixar seu animal cheiroso, principalmente para quem dorme ou deixa o pet deitar na cama e no sofá. A higiene regular do seu cão impede o surgimento de parasitas e doenças de pele. Mas dar banho em cachorro em casa pode ser uma missão bastante trabalhosa! Com algumas dicas, você pode tirar de letra e ainda deixar seu bichinho limpo para colocar a pata onde quiser. Mesmo que tenha o hábito de levá-lo no pet shop, é bom saber o que fazer para situações de emergência ou até mesmo para economizar uma grana.

    Como dar comprimido para gato? Confira 6 dicas que irão ajudar
    Cuidados

    Como dar comprimido para gato? Confira 6 dicas que irão ajudar

    Quem tem gato já deve ter percebido a guerra que é dar remédio, principalmente quando é comprimido. Isso porque, diferente dos cachorros que costumam aceitar o remédio disfarçado na comida, os gatos são muito seletivos e conseguem perceber qualquer coisa diferente no potinho. Caso o seu gato seja guloso, você até pode tentar amassar o comprimido até virar pó e misturar no sachê para gatos, mas se essa técnica não funcionar, você pode tentar outras que vamos ensinar!

    Meu gato não quer comer, o que devo fazer? Dicas para cuidar da alimentação do felino
    Ração

    Meu gato não quer comer, o que devo fazer? Dicas para cuidar da alimentação do felino

    Um dos sinais mais comuns que os gatos demonstram que alguma coisa não vai bem com a saúde é não querer comer ou comer bem pouco. Os motivos podem ser os mais diversos, desde uma leve indisposição a problemas mais graves. Por isso, conhecer bem o comportamento do seu felino e ficar atento aos demais sinais é essencial para agir corretamente e buscar ajuda veterinária a tempo. Para ajudar, vamos tirar algumas dúvidas e dar dicas de como fazer o seu gato voltar a comer.

    Adestrar gatos: como ensinar seu felino a dar a pata e sentar?
    Comportamento

    Adestrar gatos: como ensinar seu felino a dar a pata e sentar?

    Como adestrar gatos? A resposta é simples: tenha paciência e petiscos para gatos na mão. Muita gente pensa que adestrar gatos é uma missão impossível. Isso acontece porque há uma ideia equivocada de que os felinos são desobedientes e teimosos; quando, na verdade, gatos são animais extremamente inteligentes e treináveis. Quer aprender a ensinar truques  como dar a pata e sentar? Nós te ajudamos!

    Ver Todas >

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato
    Cuidados dos animais

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato

    Até mesmo os tutores mais experientes podem cometer alguns erros quando o assunto é cuidar de gato. Uma dúvida muito comum, por exemplo, é se a castração de gato é realmente necessária. Além disso, muitos humanos cometem o erro de tratar os felinos como se eles fossem cães, embora eles tenham comportamentos claramente distintos. No geral, os gatos são mais reservados, independentes e valorizam muito sua privacidade, diferente dos cachorros. P

    Por que cachorro gosta de ficar no sol?
    Cuidados dos animais

    Por que cachorro gosta de ficar no sol?

    Todo tutor já deve ter flagrado o seu cachorro no sol por algumas horas. Assim como os gatinhos amam ficar na janela tomando um solzinho, os cães também precisam de uma boa dose de vitamina D para manter o bom funcionamento do organismo. Mas não pense que ele faz isso por obrigação: os cães também sentem certo prazer em tomar um banho de sol. Justamente por isso, o hábito de buscar as frestas de sol pela manhã faz parte do instinto natural do seu cãozinho. 

    Como funciona a areia de gato sílica?
    Cuidados dos animais

    Como funciona a areia de gato sílica?

    Os felinos são animais extremamente higiênicos e justamente por isso é importante ter uma atenção especial quando se trata da caixa de areia para gatos e do tipo de areia utilizada. Existem vários opções disponíveis no mercado, como os granulados de madeira ou de argila. A areia de gato sílica também tem se tornado bastante popular, mas ela é a melhor escolha? Apesar de ser uma excelente opção, principalmente para quem passa o dia fora de casa, essa é uma areia de gato que requer certa atenção.

    Devo me preocupar com o cheiro de
    Cuidados dos animais

    Devo me preocupar com o cheiro de "salgadinho" na pata do cachorro?

    Já reparou que a pata do seu cachorro tem um cheirinho peculiar? Há quem diga que o odor é parecido com o cheiro de snacks e salgadinhos industrializados. A pata de cachorro é, certamente, uma das coisas mais fofas e tem muitas funções importantes na mobilidade e comportamento desses animais... mas pode ter um cheiro bem desagradável mesmo quando estão limpas. Afinal, cachorro tem chulé assim como os humanos?

    Ver Todas >