Saúde

Anti-inflamatório para cachorro: em quais casos o medicamento é indicado?

Anti-inflamatório para cachorro: entenda quando o medicamento é recomendado por veterinários
Anti-inflamatório para cachorro: entenda quando o medicamento é recomendado por veterinários

O anti-inflamatório é um dos medicamentos mais comuns no dia a dia dos humanos. Mesmo sem prescrição médica, é a ele que a gente costuma recorrer para tratar dores e incômodos simples. Se essa prática não é recomendada nem para o nosso organismo, que dirá para o dos cachorros, que funciona de forma diferente. Já que o anti-inflamatório para cachorro não pode ser usado deliberadamente, vale a pena em quais casos e como ele deve ser administrado no seu amigo. Dá uma olhada aqui embaixo para descobrir! 

Para que serve o anti-inflamatório para cachorro? 

Assim como acontece no organismo humano, o anti-inflamatório para cães é um medicamento que serve para parar ou prevenir o avanço de inflamações diversas. Essas inflamações indicam lesão ou infecção grande ou pequena em alguma parte do corpo do animal. Elas costumam aparecer com dor localizada e febre, mas os sintomas podem variar de acordo com a causa do problema. Por isso, para garantir um tratamento eficiente, o ideal é não mascarar esses sinais sem saber qual é a causa deles: a ida ao veterinário é indispensável sempre que o seu amigo estiver apresentando algum sintoma fora do comum.

Faça o quiz e descubra se você tem alergia a gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Como você fica ao chegar na casa de um amigo que tem um gato?

O que acontece quando se aproxima de gatinhos na rua ou em feiras de adoção?

As crises alérgicas costumam acontecer:

O que acontece quando você fica perto de alguém que está com a roupa cheia de pelos de gato?

Como seu corpo reage ao entrar em contato com um filhotinho de gato na rua?

Quais são os seus sintomas mais comuns durante uma crise alérgica?

O que você faz para melhorar um quadro de alergia?

É bem provável que você tenha alergia a gatos e precise consultar um especialista As crises alérgicas fazem parte da sua rotina, mas será que é por causa dos gatos? Passe livre para ter um gatinho: você não tem alergia aos bichanos!
    O anti-inflamatório para cães deve ser utilizado com prescrição médica
    O anti-inflamatório para cães deve ser utilizado com prescrição médica

    Mais Lidas

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Cachorro

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    Uma das partes mais difíceis de ter um cachorro em casa é o momento em que eles adoecem — e isso piora quando a doença é das mais sérias, como a cinomose. Causada por um vírus, se não for tratada da forma correta, a cinomose em cães pode ser fatal não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele. Para entender um pouco mais sobre o que é cinomose canina, seus sintomas, causa e o tratamento, o Patas da Casa conversou com a veterinária Kelly Andrade, do Paraná. Dê uma olhada, aqui embaixo, nas instruções da profissional!

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal
    Cachorro

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal

    O carrapato em cachorro, assim como as pulgas, é uma das principais causas de aborrecimento nos donos de pets. Mesmo usando coleiras ou remédio para carrapato, o animal não está livre de pegar esses parasitas tão incômodos e que podem causar problemas graves. Às vezes, um simples passeio ao ar livre já pode gerar dores de cabeça se o local estiver infestado. Para controle, é importante não só proteger o animal, mas também fazer uma limpeza do ambiente: estudos mostram que os carrapatos podem sobreviver até 200 dias em um lugar sem se alimentar. Pensando nisso, vamos te ensinar como acabar com carrapatos no quintal com ingredientes que você pode ter em casa.

    Pinscher 0, 1, 2 ou miniatura: entenda os tamanhos desse cachorro de raça pequena
    Cachorro

    Pinscher 0, 1, 2 ou miniatura: entenda os tamanhos desse cachorro de raça pequena

    Se você está pensando em ter um pinscher na sua vida pode estranhar a numeração que normalmente acompanha o nome da raça. O cachorro pinscher é conhecido por ser bem pequeno, mas ainda assim há variações de tamanho: as classificações 0, 1, 2 ou miniatura são super importantes para saber a dimensão aproximada do cãozinho. Além disso, pode ajudar muito na hora de decidir pelo seu novo melhor amigo.

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Cachorro

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    O anti-inflamatório para cachorro deve ser usado apenas com prescrição do veterinário

    Além da possibilidade de disfarçar algo mais sério, o medicamento errado pode agravar o quadro do seu amigo — ainda mais se você der um anti-inflamatório humano para cachorro. O organismo do animal pode ter dificuldade de metabolizar todos os componentes que são digeridos com facilidade pelo nosso corpo. Por isso, o ideal é que eles tomem apenas os remédios que são liberados para uso canino ou os anti-inflamatórios específicos para pets. Nos dois casos, a prescrição médica é o que vai garantir a utilização segura e eficiente. Outro problema do uso não supervisionado dos anti-inflamatórios em cachorros é a dosagem: se você exagerar, o animal pode ter um quadro de intoxicação

    Os efeitos colaterais do anti-inflamatório para cachorro

    Assim como os antibióticos, os anti-inflamatórios são medicamentos fortes que, no percurso de ação, podem causar efeitos colaterais no corpo do animal. Eles variam de acordo com o tipo de medicamento que o seu animal estiver tomando. No caso dos tipos mais leves, os que não têm esteroides, o cachorro pode ficar com dor no estômago e em casos mais extremos, ter úlceras. Isso pode se evitado se o animal sempre tomar os medicamentos depois de se alimentar. Quando se trata de anti-inflamatórios com cortisona, que são ainda mais fortes, o seu amigo pode ter queda de imunidade, retenção de líquidos, aumento de peso e outros desdobramentos — mais uma razão para o acompanhamento com o veterinário!

    Redação: Ariel Cristina Borges

    Airedale Terrier: conheça algumas características do cãozinho de origem inglesa

    Próxima matéria

    Airedale Terrier: conheça algumas características do cãozinho de origem inglesa

    Creche para cachorro: entenda o serviço, quando é necessário e quais são os benefícios para o seu cão
    Cuidados

    Creche para cachorro: entenda o serviço, quando é necessário e quais são os benefícios para o seu cão

    Os cães são animais que, na maior parte do tempo, não gostam de ficar sozinhos - afinal, antes de serem domesticados, eles viviam livres em matilhas. Com a vida urbana, muitos cães acabam não recebendo os estímulos adequados para gastar energia e socializar com outros animais e pessoas. Para auxiliar a vida do tutor, que nem sempre consegue estar perto de seu pet durante o dia, existem muitas alternativas. Uma delas é a creche para cachorro: uma acomodação diária em que você pode deixar seu amigo em um lugar totalmente adaptado para cães.

    5 motivos pelos quais seu cachorro late em casa
    Adestramento

    5 motivos pelos quais seu cachorro late em casa

    O cachorro latindo pode significar várias coisas, já que os cães não usam os latidos apenas para se expressarem. É com essa comunicação que eles conseguem sinalizar para seus humanos o que querem e, até mesmo, se há algo incomodando ou alguém por perto que apresenta perigo. Cada cachorro tem uma personalidade e, por isso, alguns latem mais e outros menos. Há estudos também que apontam a diferença de latidos entre as raças. Agora, se você tem um cachorro que late muito a ponto de causar problemas com vizinhos, é necessário avaliar a melhor alternativa para ajudar o animal e conviver pacificamente com a vizinhança. 

    Pelo de cachorro pela casa? Veja quais raças soltam mais e como minimizar o problema
    Raças

    Pelo de cachorro pela casa? Veja quais raças soltam mais e como minimizar o problema

    Amor à primeira vista é um sentimento comum ao adotar ou comprar um cãozinho. Mas, também é normal deixar para segundo plano uma pesquisa completa sobre as características e comportamentos de determinadas raças. E é em casa, depois de alguns dias que se percebe um incômodo: a queda de pelo em cachorro. De repente, aparecem vários tufos pela casa e você sequer entende como é possível o bichinho soltar tanto pelo.

    Cachorro para apartamento: do pug ao yorkshire, saiba quais são as raças mais indicadas
    Pequenos

    Cachorro para apartamento: do pug ao yorkshire, saiba quais são as raças mais indicadas

    Ao contrário do que muita gente imagina, ter um cãozinho morando em espaços pequenos é completamente possível. Escolher um cachorro para apartamento é uma tarefa que deve levar em consideração os hábitos e costumes do animal mas, principalmente, seu tamanho — isso vai garantir que ele se sinta confortável em casa. Assim como acontece com os animais de porte grande, as raças de cachorro pequeno são inúmeras e você pode escolher a ideal para a sua rotina de acordo com a personalidade e as necessidades do pet. Para auxiliar nesse momento, o Patas da Casa escolheu as melhores raças para viver em apartamento: dá uma conferida!

    Ver Todas >

    Passear com cachorro: qual o tempo ideal para gastar a energia do cãozinho?
    Cachorro

    Passear com cachorro: qual o tempo ideal para gastar a energia do cãozinho?

    Passear com o cachorro é um dos momentos mais importantes da rotina de um pet. Além de ser uma atividade super propícia para estreitar os laços com o cãozinho com brincadeiras ao ar livre, também é uma forma de incentivá-lo a fazer novos aumigos e gastar toda a energia acumulada. Os passeios são excelentes aliados para manter a saúde física e mental do pet, mas será que você sabe qual é o tempo ideal para passear com cachorro?

    Como cuidar de um cachorro cego?
    Cachorro

    Como cuidar de um cachorro cego?

    Mesmo para os pais de pets mais experientes, cuidar dos animais de estimação pode ser muitas vezes um grande desafio. Quando alguma adversidade ocorre, essa sensação pode ser ainda maior. É o caso do cachorro cego. Podemos aprender muito com a situação, principalmente quando o cão não nasceu cego e adquiriu o problema ao longo da vida. A condição pode ser adquirida como resultado de doenças como o glaucoma. 

    Como limpar pata de cachorro do jeito correto?
    Cachorro

    Como limpar pata de cachorro do jeito correto?

    Se você limpa patas de cachorro sempre que ele chega da rua, está no caminho certo. Embora sejam bastante resistentes aos impactos do dia a dia, as patas do cachorro também são sensíveis a fatores externos e, por isso, precisam de alguns cuidados básicos, especialmente depois de andar pela rua. Por isso, uma das melhores formas de garantir que as almofadinhas estarão saudáveis e livres de problemas é sabendo exatamente como limpar pata de cachorro após passeio e que produtos utilizar.

    Brincadeiras para fazer com cachorro nos dias chuvosos
    Cachorro

    Brincadeiras para fazer com cachorro nos dias chuvosos

    Passear com cachorro é essencial na rotina de qualquer pet. Mas o que fazer nos dias de chuva para suprir essa necessidade? As brincadeiras para cachorro são uma alternativa. Além de gastar a energia e estreitar o relacionamento com o tutor, as brincadeiras servem também como distração para os cães que têm medo de chuva e trovão. É possível usar brinquedos, petiscos e até mesmo os móveis da casa: com um toque de criatividade, você vai conseguir cansar o seu doguinho sem precisar sair na rua nos dias de chuva. 

    Ver Todas >